Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Dei sem dó

Um conto erótico de Joana
Categoria: Heterossexual
Data: 10/12/2003 22:44:33
Nota 7.31
Assuntos: Heterossexual

Sempre me considerei uma mulher correta, íntegra, "mulher de um homem só" e acreditei que isso seguiria assim por toda minha vida... mas a vida nos apronta cada uma... Hoje tenho 35 anos e sou casada, mas quando jovem posso dizer que pouco namorei, pouco fiquei - dizia ser do tipo que não gosta de aventuras ou casos descompromissados. Cheguei mesmo a me achar feia e desengonçada, pois quando adolescente era bastante alta e magra e ultimamente por utilizar aparelho de correção dentária continuava a me achar desinteresante, até que... Não tive muita chance de testar minha habilidade de sedução, pois assim que começei a pô-la em prática casei-me e então me aquetei; também por trabalhar predominantemente com mulheres nunca me preocupei com o fato de ser sedutora ou não, mas a realidade é só uma: Sou uma mulher sedutora e traio meu marido sem dó. Tudo começou no trabalho quando um colega começou a massagear minhas costas. Haviam outras pessoas na sala e por ter um relacionamento legal com todos não me importei, afinal o colega também era casado e a massagem estava realmente dando uma jeito nas minhas costas que doíam! Estava tão gostoso que gemia baixinho brincando com meu colega. Ele se afastou e quando todos saíram da sala e voltou a me massagear, até aí tudo normal, quando de repente começou a acariciar meus braços dizendo que aquilo era muito gostoso, ele tinha \"material\" para pegar... _ E realmente tinha, sem modéstia alguma digo que sou um mulherão. Tenho cabelos louros compridos e ondulados, cintura fina e um bundão, além de coxas grossas roliças e macias. Gosto de me vestir com roupas jovens e rir de maneira provocante, aliás, acredito que meu jeito de rir seja um dos causadores de tanta cobiça masculina. Brinquei com meu colega - pois para mim tudo era brincadeira - dizendo que estava fora de forma, ao que ele replicou que estava perfeita. Disse então que muitos homens não dariam conta de mim pois não saberiam o que fazer e sem parar de fazer aquela deliciosa massagem disse que ele saberia direitinho por onde começar, só não saberia por onde iria terminar. Senti um calor percorrer minha espinha e logo em seguida me surpreendi quando meu colega abaixou e me falou baixinho: \"- Eu tou de pau duro!\" Ao invés de me sentir ofendida ou escandalizada eu gargalhei e joguei os cabelos pra trás espontaneamente, ele então sentou-se ao meu lado e falou que não aguentava de tesão em mim. Como estáva no computador nos pusemos a teclar loucuras e concluímos a conversa dizendo que nada faria pois aquilo não era certo. Fui para casa pensando naquilo, não esqueçia daquele olhar, daquela voz, da tesão, do pau duro, ficava molhada só de pensar, não conseguia encarar meu marido e decidi que assim que nos encontrássemos novamente eu iria terminar o que não havia iniciado... Uma vez juntos e sós ele novamente tocou nas minhas costas e dessa vez deixou que a ponta de seus dedos deslizassem passando toda a sensualidade que ele poderia passar, subiu as mãos e enroscou os dedos na minha nuca, nos meus cabelos e os puxou pra trás dizendo que queria montar em mim perguntando qual minha posição preferida. Gargalhei novamente e tivemos que nos compor. Alguns dias se passaram com encontros mais velados. Piscadinhas de olho, comentários sobre minha bunda, meus peitos ou meu decote e mais nada... Tivemos então de fazer um curso e na hora do intevalo ele voltou com comentários. Perguntou se eu estava satisfeita sexualmente e resolvi abrir o jogo pra ele, disse que estava cheia de tesão e de vontade de dar, disse que compreendia bem que era puro desejo e tesão o que sentiamos um pelo outro ele gostou do que ouviu, mas disse também que não saberia o que fazer pois ambos éramos casados e eu não deixava de amar meu marido - ele disse que isso não era um problema. Voltamos para o curso e na hora de ir para casa ele me ofereceu uma carona, insisti que não precisava, que ele sairia do caminho dele mas ele falou que estava tudo bem - aceitei, afinal somos adultos, responsáveis e maduros. Boa parte da viagem transcorreu tranquila, falávamos de tudo, de nosso trabalho, de nossos parceiros, de política e voltamos a falar de sexo... Ele colocou um cd do Djavan e parecia tranquilo, até que passou a mão sem querer em minha perna ao trocar de marcha. Adverti-o de brincadeira, ao que ele se pôs a alisar minha coxa e a falar do quanto ela era gostosa -curti aquela mão quente mas pedi que ele a tirasse e ele tirou para voltar com ela logo em seguida... Aquilo era delicioso, sentia minha calçinha completamente melada e os bicos do meu peito endureçendo. Estavamos quase chegando quando convido-o para passar a qualquer ocasião no meu apartamento, fiz isso educadamente como faria com qualquer um e ele disse que iria, bastava meu marido não estar ali - disse então que a data era aquela, pois meu marido se encontrava em uma viagem de negócios. Ele me olhou e a velocidade que já diminuia aumentou, ele não iria me deixar mais em casa. Ele disse que precisávamos no mínimo nos beijarmos para que aquele fogo todo abaixasse, acabei concordando e fomos imediatamente para o estacionamento de um grande shopping center próximo - assim que ele estacionou o carro não tive tempo de me livrar do cinto, já estava com a aquela língua dentro de minha boca, furiosa, deliciosa... Os lábios dele eram delicados e suaves e ele tinha o beijo quente, firme e ao mesmo tempo adoçicado, gostoso, envolvente. Ele me beijava o pescoço, me lambia e mordiscava o pescoço e as orelhas, como a muito tempo não sentia, era delicioso, quando percebi estava com a blusa aberta e ele acariciava meus seios enquanto eu sentia seu pau latejante dentro daquelas calças... Eu queria muito chupá-lo! Ele percebeu que aquele estacionamento não comportaria nosso tesão e saiu de lá direto para um motel - confesso que não sei se suava de medo ou de desejo, mas só sabia que queria que ele enfiasse muito em mim tudo, a mão, a língua, a pica, tudo! Entramos e ele foi logo abaixando as calças e me deixando com água na boca só de olhar para aquele cacete gostoso... Mesmo querendo ser fodida tirei rápido a calçinha e ordenei a ele que me chupasse, estava louca para rebolar minha boceta na cara dele vê-lo me olhando com aquela cara de safado... Ele lambia com tanta maestria meu grelinho que gozei muito rápido. Decidi então convidá-lo para \"cavalgar \" em mim, virando meu rabo pra cima e ofereçendo minha boceta escancarada para ele, ela piscava - ele na mesma hora socou aquela vara estupenda dentro de mim... estávamos locos, gemendo, urrando dentro um do outro, queríamos que aquilo durasse horas de tão magnífico que era e assim ele gozou deliciosamente na minha xana que queria mais, muito mais... Assim que ele tirou a jeba de mim disse-lhe que queria chupá-la até que ela estivesse imponente de noovo e passamos o resto do dia assim, fodendo, fodendo, fodendo... Hj em dia, qualquer chance que pinta corremos para o banheiro - lá ele mama meus peitinhos com ninguém! e me presenteia com uma siririca rápida e eu invariavelmente fico com seu pau em minha boca traçando com a ponta da língua cada veia daquele mastro e engolindo tudo o que puder jorrar dele... Que pena que não estou no trabalho pq se ele lesse isso, já estaríamos correndo no banheiro para que juntos, ou sozinhos, atingíssemos os píncaros do prazer!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
30/12/2010 15:15:04
Quem me derá ter uma gostosa como você como companheira de trabalho e fazer uns "serviços extras" quando possível iria ser muito bom.
27/04/2009 08:41:48
tirando os erros de portugues ta otimo
10/03/2009 05:48:53
começou muito bem, mas no final, na hora do "vamuvê" sai atropelado. mas gostei do seu jeitinho de quenga.
12/11/2008 09:51:07
adorei fale comigo meu anjo e faça mas uma aventura..
12/11/2008 09:49:38
adorei!! fale comigo meu anjo
11/11/2008 07:58:32
bom conto
06/11/2008 14:03:40
PUTA SE ARROMBE VC NAO SABE ESCREVER É LEDA NOTA 2
30/10/2008 11:53:37
bom conto, os erros ficam gramaticais não vem ao caso. continue escrevendo e..... praticando sexo bem gostoso. me adicione. beijossssss.
geh
10/10/2008 12:56:22
ah.. nem eh mtu interessante !!!
06/10/2008 16:35:12
É lamentável, quem que não erra. Criticar a menina por causa de simples erroas de português é falta de cultura.
23/09/2008 03:37:03
Bom !!! 8.0
22/09/2008 01:47:24
Extenso mas picante. Acesse me orkut ou meu e-mail, OBS: Nada contra as opções mas só mulheres tá. Bjs.
Ale
18/09/2008 12:23:38
P u t a!!!!!!!!!!!111
12/09/2008 00:52:39
Se ela é loira e é kenga, pra q saber gramática e ortografia? já tem tdo q precisa...
11/09/2008 11:30:42
me adicione grato ( )
02/09/2008 17:50:34
Adoro mulheres que dão sem dó.....
EVELYN
26/02/2006 08:34:36
XIII! CAGARAM NO PAU! O MEU SEGUNDO TEXTO SAIU TODO EMBOLADO! QUE PORRA É ESSA, CARAY? BJOS, EVELYN
EVELYN
26/02/2006 08:32:47
REVISEI O MEU TEXTO. O CONTO É BOM, MAS VC ESCREVE MAL PRA CARAY. SERIA BOM VC PEDIR A ALGUÉM, BOM NO VERNÁCULO, PRA REVISAR OS SEUS TEXTOS ANTES DE ENVIÁ-LOS. NO MAIS, FALTA ALGO DE SEXO ANAL, FODA DEMORADA/CURTIDA E SUAS SIRIRICAS SOZINHAS. É BOM PRA ESQUENTAR. POR FALAR NISSO, VOU BATER UMAS 3 AGORA MESMO...RSS...BJOS, EVELYN Comente este texto! Seu nome Seu e-mail ComentárioCasa dos ContosA página principal da Casa dos Contos Eróticos. Últimos contosOs últimos contos eróticos enviados pelos leitores no mês Top MelhoresContos com melhores notas Envio de contosEnvie também você a sua experiência ou produção literária! E-mailEntre em contato conosco! Teremos o maior prazer em tirar sua dúvida ou responder qualquer pergunta!
EVELYN
26/02/2006 08:30:23
O CONTO É BOM, MAS VC ESCREVE MALPRA CARAY. SERIA BOM VC PEDIR A ALGUÉM BOM NO VERNÁCULO REVISAR OS SEUS TEXTOS ANTES DE ENVIÁ-LOS. NO MAIS, FALTA ALGO DE SEXO ANAL, FODA DEMORADA E CURTIDA E SUAS SIRIRICAS SOZINHAS. É BOM PRA ESQUENTAR. POR FALAR NISSO, VOU BATER UMAS 3 AGORA MESMO...RSS...BJOS, EVELYN
22/12/2003 12:41:06
Um conto vivido por Hugo: http://portugalgay.pt/prosa/tipos.asp




Online porn video at mobile phone


prima separada com tesaoO Riquinho e o Favelado conto gayPorno contos incesto mamaes iniciam chupando as bucetinhas de suas filhinhas muito carinhoaproveitando que o seu irmao nao ta em casa e dando assistencia pra cunhada video pornoxvideos. com as gostsona no rnconto erótico Fui obrigado a violentar minha filhaxv novinha querendfo centin um piru na bucetab de cachrroxvedeos dejado busetao rochoxvideos Botando rola Pra Fora E sarrando bem gtzfasse%20x%20pornochupar e engolir esperma comentariosarrobadapoumponehomens de braços grandes e pau duroporno virge mentiu ter ido pra escola pra mae acabou comendo sua irmaamigo gay bundudo liso vestido de mulher na festa conto gayo bucetaoda minha noracontos de sexo depilando a sograver mulher gritando de tesão saindo gosminha do grilo da sua buceta grandecasada carente muito seria mais foi ceduzida pelo cadeirante contosas coxas da minha mâe contos eroticosO Ativão do Morro 2 - Casa dos Contosmeu sogro isasiavel comtosexo anal hAaaaaporno doido faxineira obediente50 tons de gizisso viadinho filho da puta tem um cacetao bem pra vc tomar no cu gostososhot apertado rola grossa se destacacontoserotecos minha mulher com bunda cheia de porracontos eroticos nunca pencei disperta tesao en outro homem com minha bundaContos Eróticos De. Comi Minha Vizinha Do Ladoconto casada novinha e comida pelo traficante pausudo a forcadepositando esperma na buceta a forçavídeo pornô feito no lixinho para Guarulhosgostoso chupar meu amigo na chuvaporno eu e minha cunhada ficamos sozinho em casa não resistir elatia de leg balacado as pernas abertas xv.estourando com o cu da amadora e ela cagando no pauvideo macjo goza na teta da mulher e corno lambemorador. de rua sendo bulinado ate gozarvideo porno mulher dando primeira vez na frente do marido casa de cuingue curitibacontos eroticos minha esposa no forronegão barbarizou a novinha de bruçosmama no caralho quando conduzo video pornodespedida de solteiras com/mulheres casadas q se entregarao a putariapassa manteiga no corpo e na busetaapaixonado por um hetero cap 15pornografia.manzorrasfotosde travesti peitudo ecusaomae. gosa pau fillho sentadasem calcinha contosgozanu gostozo na bucita da irma dominu xvidesvidii lesbica cozando turmidobrotheragem capitulo 5empurando o gatilho no prikito delaler conto erotico de deficientePornor sobrinho passando ferias na fazenda da tia viuvaforçando a enteada dar o priquito e o cu pro padrastocontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anoschupando a rola do primo devagarindoconto erotico de incesto estorei as praga do cuzinho da minha maehomem, gozando, dentro, da, biceta,, dwmulher, gravida, no, carrocontos de cunhado que comeu a cunhada e ela nem percebeucontos eroticos dei a bundinha por balasporno levei um amigo pra minha casa ele ficava elacontos eroticos pegando minha tia gravidaMinha jovem esposa bunduda dando na marra pra outro homem contos corno umilhadoconto sou rabuda e fui encoxadanovela tieta do agreste transando com sobrinhohttp://www.bookess.com/read/15804-coletanea-ele-ele-primeiras-vezes/ Comentáriosvideos e tags de coroas sentindo tesao vemdo filme de fodafoto porno de babalu montada no cavalosogra en siste para o geiro comele em vidio pronoContos incesto dei pro meu pai eu era novinha convencicontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docescarolzinha baixinha gostoza trepanovelho roludo come filha familia tdair tira o pau do cu dela , ela vai caga pornofilmes porno no calor do buraco estreitob******** cabeluda gemendo e chorandovideos mais ecitantes de todos os tempos homens peludos de sunga comen e tiram a virgindade de menina e gozam dentro de sua vagina video brasileirodivididu u casete nu boketenora safadas descobri que sogro tem a pica enormeContos edoticos da.dk nbanho no meu filho