Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

orgia com os pedreiros

Categoria: Grupal
Data: 05/11/2004 23:51:12
Nota 10.00
Assuntos: Grupal
Ler comentários (1) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Orgia com os pedreiros

Este conto me foi enviado por uma pessoa que vim a conhecer nos chats de sexo, vou omitir o nome verdadeiro desta gatinha ( Vanessa )

Vanessa mora em um condomínio rural no estado de Rio de Janeiro, há muitas casas em termino de obras, uma se suas vizinhas ( Sandra ), estava com uns problemas no telhado causando goteiras, Sandra contratou alguns profissionais para que resolvessem o problema, chegaram 4 rapazes para executar os devidos consertos, era um entra e sai da casa sem fim, os dias foram se passando ate que boa parte do conserto estava pronto, ate aí tudo normal.

Numa manhã Vanessa estava precisando de um pequeno pedaço de madeira, assim ela saiu pelas casas não acabadas a procura do material, foi quando ao passar perto da casa de Sandra que ela ouviu uns gemidos, deu uma parada afim de aguçar o ouvido e melhor entender o que se passava, notou que os gemidos vinham da janela da casa de Sandra, curiosa ela se aproximou da janela procurando ver o que acontecia, aproveitou uma pequena escada e lentamente subiu alguns degraus, a cortina estava solta e pela pequena fresta pode ver o que acontecia, assim ela narrou o que viu.

Sandra é uma loira, corpinho sarado, olhos verdes quase da cor de esmeralda das mais puras, com seus 28 anos, cabelos longos chegando ate a altura dos ombros ou pouco mais, tem uns peitinhos que mais parecem pêssegos apontando para o céu, uma bundinha redondinha, a custo de muita caminhada e muitas horas de ginástica, e que ginástica !! rsss

Vanessa ficou assustada com o que viu pela janela, a cena que passou a ver deixou ela perplexa, e muito tesudinha, pois Sandra era uma mulher que não dava mole pra ninguém, chegando a ser taxada no condomínio de prepotente ao extremo.

Sandra se encontrava com seus pedreiros numa suruba que dava gosto de ver, seus pedreiros estavam em volta da cama, todos com suas picas de fora, tesas, tinha pica para tudo que era gosto, Sandra se encontrava sobre a cama, nuazinha em pelo de 4 e fazendo uma gulosa nas gebas que apontava em sua direção, ela abocavanhava as gebas se babando toda, perecia que o mundo ia se acabar pra ela, se deleitava, Sandra dava maior atenção a um rapaz que se encontrava de costas para janela, assim Vanessa não tinha uma visão total do rapaz, os outros rapazes começaram a dedar Sandra, um chupava seus seios, outro se ocupava de lamber sua bocetinha deitado por baixo de Sandra, o outro abria sua bundinha e se punha a lamber seu buraquinho que não parava de piscar, Sandra gemia feito uma profissional do sexo, uma verdadeira putinha. Arrastaram ela ate a beirada da enorme cama e deram inicio a uma foda que parecia ser a última de suas vidas, ela ainda de 4 começaram a foder sua bocetinha apertadinha, de seus olhos vertiam lágrimas de puro tesão. A esta altura Vanessa se masturbava olhando a cena. Nesta manobra o rapaz que se encontrava de costa para a janela agora estava de lado, foi aí que Vanessa pode ver o tamanho da verga do rapaz, era impressionante o tamanho e grossura, deveria ter uns 23 CM cheio de veias, um cabeçote que mais parecia uma pêra, a cada pouco ele falava “ninguém encosta nesse cuzinho, é meu, podem se divertir nesta boceta de puta”, Sandra arreganhava a boceta deixando que cada um metesse fundo dentro dela, ela só gozava, parecia que ia desmaiar, seu corpo já se encontrava um tanto rubro de tanto sangue que bombeava, foi aí que o mais dotado exclamou “vou comer esta boceta, só pra você sentir o que vai invadir seu cuzinho”. O rapaz foi chegando por traz de Sandra e foi acomodando sua enorme geba na boceta, ao encostar a pica na entradinha da boceta Sandra olhou pra traz e exclamou “vem meu macho, come esta boceta, deixa eu sentir sua pica dentro de mim, mete tudo arregaça minha boceta, deixa ela toda estourada, quero gozar feito puta que sou”, sem dó nem piedade o rapaz foi metendo sem parar, os olhos de Sandra estava semi abertos, dava um gemido sem fim, outro rapaz veio a sua frente e foi fundo em sua boca, afim de abafar seus gritos de prazer, Sandra já tinha perdido a noção do que fazia ela gozava e gozava sem parar, o rapaz sacou a cobra da ex bocetinha apertada e deu uma gozada deixando seu semem espalhado pela bunda e costas da putinha, deixaram Sandra prostada sobre a cama para que ela se recuparesse da foda, uns foram ate a cozinha comer algo, outro foi tomar banho, aos poucos Sandra se recuperou e foi tomar uma merecida ducha, pouco tempo depois voltaram e deram início a outra foda, deixaram Sandra a ponto de bala, ela só queria pica dentro dela. O rapaz dotado deitou-se ao chão e foi exclamando “agora é vez do seu rabinho minha puta, vem aqui e senta seu cuzinho na geba do seu macho”, os outros rapazes foram ajudar Sandra, segurando ela pelos braços foram arriando ela sobre o poste, já bem lubrificado, ela ajeitou a pica no olho do cú e foi baixando seu corpo lentamente, foi dando umas reboladinhas e forçando o sacrifício do cú, a pêra foi abrindo caminho rabinho à dentro, Sandra suspirava e parecia ñ agüentar, já tinha engulido metade da pica, ela começou a chupar um pau e punhetar outros dois, rebolando seu corpo de fada, foi descendo ate sentir o rapaz todo dentro dela, aos poucos foi aumentando os movimentos de sobe e desce, agora seu rabinho já acostumado com o volume descomunal subia e descia o corpo com vontade, o rapaz que estava recebendo a gulosa levantou as pernas de Sandra e foi acomodando seu pau na boceta, agora estava sendo duplamente fodida, Sandra não sabia o que fazer com tanto prazer, seus olhos reviravam denunciando seu orgasmo, algo que vinha de dentro, Sandra já não tinha mais controle dos seus atos, começou a chorar tamanho o prazer que sentia naquele momento, os dois rapazes que estavam sendo punhetados começaram a gozar sobre Sandra, enchendo a boquinha de leite quente e farto, os outros dois gemiam ao mesmo tempo, deixando os buraquinhos de Sandra carregados de grosso leite, Sandra já não agüentava mais de tanto gozar.

Os pedreiros se retiraram do quarto deixando Sandra sobre o pequeno tapete, rapidamente Vanessa saiu do seu ponto de observação, correndo pra casa para terminar sua solitária basturbação.

Depois deste episódio Vanessa conseguiu falar com Sandra e dela teve toda atenção, tornaram-se amigas inseparáveis, agora uma era cúmplice da outra onde travaram muitas surubas, com os pedreiros e com seus respectivos maridos. Vanessa ficou de me mandar os fatos da suruba delas com seus maridos e os pedreiros, num acerto de contas que deu muita sacanagem entre eles. [email protected]

Comentários

26/01/2006 03:52:47
repetido, mentira

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos eroticos urei de tanto gozar minha buceta inchadacache:cB0rtZ1uQCMJ:https://zdorovsreda.ru/texto/2015051133sangue suor lagrimas tortura pornojantar em familia mulher senta no colo do marido e começa a transar sem a familia desconfiar pornonovinha desmaia de tanto gosa conto eroticocontos eroticos pastor comedor de mulher casadacoletania de pinto torto pra baixo gozandosó mulher pelada a chegada com a b******* bem grandona daquelas BH b******* grande pinguelo grande cheio de galapau grande e grosso porno so com novinhas sendo cruelmente aregacadacontos eróticos de mulheres que foram f***** por bem dotados na grossura de caramba sua b***** arrombadadoidinha pra meter com velhoGostosas de. Shortinho super detalhando a s partes intimas fotospirnobuceta freirasVIDIOPOMO PETECAvideos porno cuzao levando pauzao da cabeca enorme chapéu cogumelovizinha lactante contosmithlee pron vidofaminta engole a piroca do padrastocontos erotico cm irmacomtos exitantesbuceta de carla visgando xvideosmulhe de saia curta esfregano ante fude emcoxano na cozia no xvidioporno de lingua dençendo a guelajuliana de bonanca fudendo pornoconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretoContos eroticos gay emgrachante onfaler contos eróticos primo com prima gordinha gostosa d********* para o primo bem dotado história realfodie cusao do meu entido bundao pornocontos gay Meupadrasto cavalo me fudeu part4chantagiei minha comadre contosotodiz pornofestas na casa de amigos e depois de tanta bebidas um porno com muita violênciapadrasto pirocudo droga a enteada e transatrazei com minha vizinha d camizola na cozinha dela ponoloirinha tentou correr do negao pra ele num te comer mais num deumeu primo e eu na resistiu e comeu o bucetao da minha tia contoistoria da netinha qui o banhava lavando su cuporno contos casal de inquilioXVídeos novinhas brasileiras pegando pomada no xirifilme de sexo com a minha sogra de remédio por meu sogro dormirContos sobre beijos e podolatriacontossou safado como minha maemeu conto erótico da Fiat Fiat toro vai comer elaContos na pescaria com tios e amigos me fazen d bixinha delesmarido pintinho e cu gulosocontos de sexo com minha tia vaiiii tiaaabunda branca mole cavalgando na minha rrola no 1.xxxvídeo porno com uma negona de bunda grande recebendo três puconas no raboconto erotico traicaochantagemimagens de mulheres chupando o peito uma da outra com muito prazerlesbicasmarido fica bebado em churrasco e esposa fode com outroentrei no quarto errado e me fudi contos de incestoxvidio homem velhoe mulher bem velha tranzandogta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetaporno abordado da égua rapazfiho nervozo desconta na mae putariabrasileirabuceta nua com pintei moicanocasada aquenta a pica do negao que parece um jumento e corno asisteRelatos de zoofilia cao estrupaContos eroticos sou obrigada a fazer nojerastia dando uma licao no subrinho por ir mau na escola xvideos videosmolhes pela porno vida de meninas de 19 anos shot apertado rola grossa se destacaesposas pedem para estranhos tirar camizinha pra gozar bucetao delasIniciando uma bixinhanorinha ve o pau do sogro duro e faz sexo com elechupando o grelo de uma loira mulher chupando beijo tchaucontos erotico chantagiei e depilei minha sogranovinfa da buceta grande carnudascontos de scatxvidio menina vigem perdi avigidadi gosano nasiririca escondidapoi no meu cu tiosexo oral e vavinal com a quelas danadinhasContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhopinto muito mais muito grosso mulher nao aguenta epede aregomeu padrasto me comeu e minha mãe participouso as piriguetonas gostosa xhamstercorno eu confessover videos de marido tanpano os olhos da esposa e levando outro homem para fodela100 foto de mulher em fiado a mao na bucetaadvogada bem casada rabuda em viagem de trabalho é seduzida e fode gostosoevangelicas na zoofilia com cachorrovideos porno e sensuais de mãe de Santos que dizem que as pomba giras gostosas mais gostosascontos eroticos picantes camioneiros estuprando putas na estradanovinha louca pra mamar um cacete do coroa bebadocontos corno manso inedito