Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Mamãe na vara

Autor: curioso12
Categoria: Heterossexual
Data: 31/05/2005 14:31:36
Nota 8.00
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (5) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Já fazia quase um mês, que eu e minha mãe renunciaramos a condição de mãe e filho e assumíramos de amantes fogosos, conforme já contei anteriormente; neste período rolou entre nós uma relação apaixonada e bastante audaciosa, eram: esporradas mútuas em qualquer situação ou lugar, na cama,no banho, na cozinha, etc.; tambem, não havia entre nós qualquer tipo de pudor que impedissee nosso prazer, eram masturbações, chupadas, mamadas e tudo mais, ou seja a buceta e todo seu corpo estavam sempre à minha disposição bem como o meu cacete, minha boca e tudo mais estavam à sua disposição. Entretanto, havia uma coisa que me pertubava e eu não sabia explicar: ainda não tínhamos praticado o sexo anal, ou seja não tinha fudido aquele bundão, que sempre me deslumbrou, embora eu o usasse de outras formas como: acariciando-o, lambendo, chupando, enfiando dedos etc., mas penetrar naquele cuzinho com minha pica, ainda, não tinha conseguido, não sei se por respeito ou vergonha, não tivera coragem de pedir a mamãe e ela por sua vez, não sei se por receio de sentir dor ou por outra coisa qualquer não havia me oferecido. Mas um belo dia resolvi tomar coragem e tentar conquistar aquele cuzão: fui a um vídeo clube e aluguei uma fita pornô, com bastante sexo anal e passei numa farmácia e comprei um pote de vaselina. De noite depois do jantar sentamos no sofá da saleta e ficamos nos nossos amassos costumeiros, enquanto rolava uma novela chata na TV; aproveitei, então e disse: - Não é preferível a gente ver uma fita que eu aluguei? - Que fita, meu querido? É um pornô, você não gosta? - Como é o nome? - "Anus dourados". - Tá bem, pode colocar, seu pai nunca me mostrou uma fita dessas, vamos ver se eu gosto. Acionei, então, o vídeo que já estava estrategicamente por mim preparado e começamos a ver as maiores sacanagens, com mulheres lindas sendo enrabadas de todas as formas por homens com picões enormes, que arregassavam os cús daquelas mulheres; disfarçadamente olhei para o rosto de minha mãe e notei, que embora, apresentasse uma expressão de estupefação, tambem começava a transparecer sinais de tesão; peguei, então, uma de suas mãos e a coloquei sobre minha pica, que a essa altura já estava mais dura que um ferro e ela, então, a colocou para fora do meu short e começou a punheta-la, para logo abaixar sua cabeça e encher sua boca com aquele monte de carne: ela chupava avidamente o meu pirú, mas antes que eu pudesse gozar, afastei sua boca e falei: - Espera um pouco senão acaba logo. Ela se endireitou no sofá e voltou a olhar o filme, no momento que uma linda loura gritava ao ser penetrada por trás por um cacete enorme: aí mamãe falou: - Não sei como essas mulheres aguentam isso, são profissionais, mas deve doer um bocado, têm que ter muita coragem. Com esta frase achei que minhas intenções se tornavam mais difíceis e, então, procurei agir: coloquei minha mão por dentro do seu shortinho e comecei a masturbar aquela xoxota cabeluda, que para minha surpresa já se encontrava bastante molhada : juntamos, então, nossas bocas num longo chupão, sem contudo parar de masturba-la, quando entre gemidos e gritinhos minha mãe gaguejou: - Não pare, meu filho que eu vou gozar, mexe mais forte; mas eu premeditadamente parei a masturbação, pois era agora ou nunca e disse olhando para o filme, que continuava a mostrar a mulher enrabada: - Mamãe que tal a gente experimentar isso que você está vendo? - Ah! seu malandrinho, agora estou percebendo a sua manobra para comer o meu cuzinho, não é? - Por favor mamãe, eu adoraria, vamos tentar? - Não sei não meu filinho, tenho muito receio da dor que eu possa sentir, principalmente porque seu "pintinho' é muito grande e grosso e eu nunca dei a bunda pra ninguem, mas como eu prometi, para você ser meu amante, tudo que é meu é seu, inclusive o meu bundão: vou tentar te satisfazer, mas prometa-me que você será delicado e vai enfiar esse pirocão bem devagarinho e se doer muito, vai tira-lo logo do meu cú, tá bem?. Eu estava pretes a desfalecer de tanta tesão e o meu cacete pronto para esporrar. - Tá bem mamãe eu prometo. Minha mãe, então, levantou-se do sofá e na minha frente tirou o resto da pouca roupa que vestia; pegou, então, na minha mão e disse : - Vamos para o quarto que é mais confortável e brincando: melhor para comer o cú de sua mãe. Dizendo isso me encaminhou para o quarto e eu doidão, vendo aquele bundão na minha frente pensava : não posso acreditar, finalmente vou comer o cú de minha mãe! Chegando no quarto a minha mãe se jogou de costas na cama e abriu as pernas mostrando todo o esplendor de sua xoxota e disse: - Me chupa mais um pouco, que eu quero sentir de novo aquele prazer de pré gozo, para eu gostar de ser enrabada. Caí de boca naquela monte de pentelhos e a coloquei novamente no ponto de êxtase, quando ela disse: - Agora chega, eu vou me virar para darmos início ao defloramento do meu cú. Assim o fez, virou-se de bunda para cima e eu aproveitei para apanhar o pote de vaselina, que propositalmente deixara a mão, debaixo da cama e fui para cima daquele bundão e comecei a espalhar vaselina por todo aquele buraquinho, aproveitando para enfiar um, dois dedos, preparando-o para a penetraçao da minha piroca, que a essa altura já não se aguentava mais: peguei, então, com as duas mãos a sua bunda e a levantei, colocando-a em posição adequada à penetração; aproveitei o resto de vaselina que estava em minhas mãos e lubrifiquei o meu pirú, que só nesse contato quase esporrou; Não podendo mais alongar o tempo, pedi a minha mãe que com a duas mãos abrisse bem sua bunda, para facilitar a entrada; pude, então olhar bem de perto aquele buraquinho maravilhoso, que mesmo com a ajuda das mãos de minha mãe,se mostava pequeninho e bem fechadinho, prevendo a dificuldade que ia ter para vasa-lo; posicionei-me por trás daquele bundão e coloquei a cabeça do caralho na entrada do cuzinho e comecei a forçar suavemente para dentro; senti minha mãe tremer toda: - Por favor meu filho, vai doer muito tira-o daí; mas eu estava cego de tesão e forcei mais o cacete no seu cú e senti que a ponta de sua cabeça começava penetrar nele, quando minha mãe deu um grito e simplesmente disse: Não!. O pouquinho que a cabeça entrou, estava tão apertado, que eu não aguentei mais a sensação e soltei toda a porra que há muito estava contida na minha piroca e lambuzei todo o rego de minha mãe. A minha decepção foi tão grande, que eu me prostei ao lado de minha mãe, com meu cacete murcho e todo lambusado e não disse uma palavra siquer

E-mail= [email protected]

Comentários

10/01/2010 11:53:13
sensacional
Rafter
10/06/2005 16:26:56
TO ACHANDO QUE A TUA MÃE TA PRECISANDO DE OUTRO AMANTE SEUS BOSTA ORA SE ACABA TÃO RAPIDO BUNDÃO SO PODE SER VIADO E GOSTAR DE DAR O CU
Rafter
10/06/2005 16:26:49
TO ACHANDO QUE A TUA MÃE TA PRECISANDO DE OUTRO AMANTE SEUS BOSTA ORA SE ACABA TÃO RAPIDO BUNDÃO SO PODE SER VIADO E GOSTAR DE DAR O CU
10/06/2005 15:16:47
NEM LÍ ESTA MERDA
adasfjk
03/06/2005 12:38:47
tow abismada...seu tarado, como eh sua vida com tua mãezinha agora, hein?Tow nossa...impressionada!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


www.xvedeo so gozadaia mais gotosaporno gay pai malhado e i filhoTravesti inceto desde pequenamagrinha na dupla penetração vaginal com dois ficam pretosneguei sexo ao meu marido e ele me pegou a força sexominha esposa saiu comigo sem calcinha so pra me provocar meus amigosContos: Mulher casada adora da o cu para o marido, mais antes faz lavagem no intestino.Contos.encesto.mae.silmentavibrando paz e do negão no sexo anal f*** sobreJaponesinha dandu u cusinhu pru negam bem dotadu 4deu duas mexidinha e gozando em cima da buceta pornômeus amigos me comiamesposa crente e muito timida foi ajudar o marido no aluguel contos eroticosincesto com meu vô contosnovinha fazendo exame toxicológico xvideos.comfudendo morena fofinha na mata caseiros coletâneaxvideo afilhado fala quevai fazer massagem na madrinha e acaba comendo o cu delacontos eróticos gosei no pal do sogro taradocontoerotico chantageado por pfestas na casa de amigos e depois de tanta bebidas um porno com muita violênciacontos eróticos iniciada por minha tiadei a buceta no rio contos eroticosAssistir filme porno pelowhat saapfui me depilar no salão e ganhei uma chupadaContos eróticos gay iniciação sexual na infânciasexo com minha esposa e mais outro homem quais as dicas para convencê-la?fotos de vestidos colados que acentue a bundaContos novinha cuzinho depósitoContoeroticonovinhosafadopai e filho pelado conto erotico exercitomamae nao suporta rola do amante na bucetapornô doido chupando os mamilos da Dalvinhatrês machos rasgando o c* da n***** pedindo mais v**** dupla 300 e relaxada aberta chupando sem parar na boca v****provequei o papai e ele fodeumeChico não posta foto dela desce em pornô com As Panteras filme pornô com As Panteras 10estourando com o cu da amadora e ela cagando no pausangue suor lagrimas tortura pornoxvideos cazero.chuponas. coroa. sebosavídeo pornô intrigada e padrastopai fas.fihinha goza primeira ves putariabrasileiraguei dando cu p avestraz s zoofiliaContos eróticos flaguei o pastor arrombando minha linda noiva santinhacontoprimeirafodaporno brasileira pequei miha irma toma banho e tirei a virgindade delaencoxadamulhercrentecontos de namorada no churrascoContosveridicos contados por novinhassadomasoquismo c arrombadas e peitos esmagadosnovinha aser estuprada com padrasto aser disvirginado encuanto dormeconto de encesto filho 32 de pau quadrinhoesposa prostituta bunda flaçida e mole cuzao contoscalçinhas dentro dos reguinhos da buceta e do cugostosa chifrando corno com seguranças na festa contos eroticosmulher tenta fugi pica mostruosa brutal no cuquero ver filme pornô com mulher morena de 20 anos dando o cu de bruço fechaContos animados papai tio e padrinho me foderam muito quando novinhaContos eroti cpacarisiei a boceta da minha filhaContos um caderante estrupou minha bucetafiume porno minha cunhada e crenti eqe traza comigosexo conto meninas novas com cunhado safado me comendo brutamente.[email protected]contos eroticos traindo o corno cdp ele assistindocontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramfudida por um tio pirocudo contofiume porno garoto senti tezao pela crentinhameu padrasto me arretava gostosoV contos de mulheres sendo fodidas por cãoquando seu.comamigo nao te.comrespondocasada coroa video fotocorno secretotomando piricada no rio