Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

ORGIA A SEIS

Autor: cavalonocio
Categoria: Grupal
Data: 18/06/2006 22:48:39
Nota 10.00
Assuntos: Grupal
Ler comentários (0) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

bom vou relatar uma historia que aconteceu comigo e mais cinco amigos meus;um dia fomos acampar em um rio próximo da saída da cidade, é um lugar chamado por todos de prainha, é muito conhecido pois muita gente vai lá para acampar e transar pois tem uma bela praia, é muito bonito o lugar...nos reunimos e fomos comprar tudo de que necessitaríamos, como bebidas e carnes para o churrasco. Depois de tudo organizado fomos em direção à prainha...chegando próximo ao local deixamos o carro e seguimos a pé...ao avistarmos a praia vimos que tinha uma mulher deitada na areia se bronzeando, a principio imaginamos que havia mais alguem com ela mas depois de ficar um bom tempo observando, chegamos a conclusão de que ela estava sozinha,,nisso eu ja havia analizado tambem todo o corpo dela, era uma mulher branca, cabelos cor de mel, tinha uns seios fartos, uma bunda bem arrebitada e o biquini que ela usava era muito pequeno e quase não se podia ve-lo pois estava totalmente enfiado no seu rabinho...notei que todos nós estavamos de pau duro com aquela situação...o jeguinho um dos meus amigos deu a idéia da gente atacar aquela gostosa e fazer uma suruba com ela, eu disse que faríamos isso mas que seríamos gentis com ela de inicio para ganhar a confiança dela....fomos chegando perto e como ela estava de olhos fechado não viu nossa aproximação, chamei a sua atenção e quando ela nos viu abriu uma cara de espanto e medo, mas eu disse a ela que se acalmasse que nós éramos da paz e que só estávamos ali para acampar. Ela foi ficando mais tranquila, me apresentei a ela e depois apresentei cada um dos meus amigos, (jeguinho, motumbo, dj, negão e manivela), ela se apresentou a nós, disse que se chamava luci e que era nova na cidade, ela disse que estava ali sozinha pois umas amigas dela falaram que esta praia era deserta no meio da semana e só a noite aparecia alguem lá... ficamos conversando por um bom tempo, começamos a tomar a bebida qua havíamos levado (Uísque, presidente, conhaque etc...) e depois de alguns goles de bebida forte começamos a por nosso plano em ação, luci já estava meio grogue e jeguinho como sempre foi o mais atirado, sentou-se perto dela e colocou a mão em suas coxas, ela a principio deu um tapinha nele dizendo: deixa de ser safado.... ele disse: safado? safado vc vai ver agora, tirou a sunga e foi nadar pelado, ela ficou de boca aberta pois havia caido a ficha do porque seu apelido era jeguinho, o cara tinha um pinto de jegue mesmo.... o motumbo vendo que ela havia gostado do que viu tambem tirou a sunga na sua frente e se jogou na agua, ele não ficava nem um pouco atrás do jeguinho com seu pauzão... vi que ela deu uma respirada funda... e ficou disfarçando mas toda hora dava uma olhada para os dois....logo todos nós entramos na brincadeira e ficamos pelados...ela tentou se levantar para ir embora mas caiu de quatro no chão, o jeguinho correu e deu uma encoxada nela por tráz, ela tentou sair mas estava tão bebada que não conseguiu...o jeguinho puxou o biquini dela para o lado e ficou esfregando o pau na sua xaninha que por sinal era linda, meio raspadinha e bem rosadinha...logo todos nós já estávamos em cima dela, eu meti logo a minha tora na boca dela enquanto o jeguinho já tinha começado a enfiar o pau na cona dela, a principio ela tentou se livrar de nós mas viu que era inutil tentar resistir e foi se entregando a nós. Os outro iam sugando os peitos de luci com uma voracidade enorme, logo ela já estava com duas rolas na boca, alternando entre o meu cacete e o do motumbo, o dj tirou o jeguinho e disse que tambem queria foder ela e de uma vez meteu sua rola na xanhinha dela, luci dava altos gritos de prazer e ficava pedindo mais rola, era uma verdadeira putinha, logo o manivela se deitou na toalha dela e mandou que ela sentasse em cima do seu cacete que era todo torto, dai o apelido manivela, ela veio e sentou-se em cima até todo o cacete sumir dentro dela, o negão veio pela frente e atolou sua rola preta na boca dela até que suas bolas encostaram nos labios dela,,, ela chupava tudo como uma profissional e as vezes engasgava e quase vomitava....mas luci estava adorando aquela fodelança. De repente ela disse que queria que comessemos seu cuzinho mas que deveriamos ir com calma pois nunca tinha dado, na hora começamos a brigar para ver quem iria descabaçar aquele anelzinho rosado, mas luci acabou com a briga dizendo que quem tinha o maior cacete é que iria comer, logo o desgraçado do jeguinho ganhou e nem esperou o negão tirar o pau da xaninha dela e foi logo introduzindo seu membro naquele rabinho apertado, ela dava gemidos como se não fosse aguentar, mas ficou firme como uma piranha safada e ia pedinho que metesse tudo, o que prontalmente ele fez e de uma vez enfiou tudo, logo ela estava com um cacete na xana, outro no cú e dois na boca. Ficamos nessa posição por uma meia hora sempre nos revezando. Luci saiu dali e veio se sentar no pau do negão bombando freneticamente, acho que ela descobriu o prazer em dar o cú.... logo após iniciamos uma seção de sexo oral cada um ia socando o pau na boquinha dela cada um mais voraz que o outro....ela dava uns arrotos como se fosse vomitar....mas adorava aquilo... luci já tinha gozado varias vezes e chegava a hora de nós gozarmos, colocamos ela de joelhos e fizemos um circulo ao seu redor e começamos a nos masturbar, o primeiro a gozar foi o jeguinho que mirou bem nos centro dos olhos dela e gozou rios de porra, depois foi o negão que gozou nos seios dela, daí veio o manivela e gozou na cara dela, depois o dj gozou dentro da buceta dela, ai o motumbo enfiou mais uma vez seu membro descomunal no cuzinho de luci e meteu com extrema rapidez até gozar lá dentro, então chegou a minha vez, coloquei ela deitada sobre a toalha e me posicionei de forma que pudesse fuder sua boca como se fosse uma boceta e fui metendo violentamente minha vara tão profundamente que sentia a cabeça da minha rola tocar sua garganta por dentro, fiquei nestes movimentos até que segurei meu pau todo dentro e gozei selvagemente, onde luci não aguentando vomitou meu esperma.....daí fomos todos tomar banho de rio e nos lavar para depois de uma hora começar tudo de novo. Luci adorou tanto dar para tantos caras ao mesmo tempo que pouco depois marcou de nos encontrarmos novamente na praia onde ela levaria umas amigas dela para poder experimentar o que ela tão descaradamente havia provado e adorado.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos gay iniciadores de boys inocentes fotos gratiscontos eroticos cheguei casa escorrendo porra cornosvideos pornos de mulheres de cor amarradas e amordaçadasvídeos caseiro noiada no anal dói não dosoca no meu rabo na buceta e goza na minha boca video pornônovinha mostrando a buceta gozada com 10 picadinhos rabada bucetaporno serena ali doeutexto lindo pro namorado que patessa que foi eu que fizConto herotico incerto completo mae i filhoconto erótico gay fui comido no internatojornalista77 contos eroticocontos eroticos namorado de mamãe tem piça ggcontos eroticos, isso chupa meu peito esfrega meu grelinho faz sua putinha gozaratacada em estrada deserta pornodoidocontos eróticos amiga novinhasupersexomamãecantor erótico fui abusodo ate eu da gostosoincesto com meu vô contosConto erotico gay traficante funknariz de policial dando o priquito a outros policialesposa crente e muito timida foi ajudar o marido no aluguel contos eroticoscontos reais de sexo de ninfetoscontos eróticos/afeminado no ônibusfilhinha puta fazendo gang gang com os vizinhos taradopornor média vai examinar uma grávida e estrupadaconto minha esposa no onibusporno em familiaFilme potnou com muljetesnovinha dando para o garagistapinto muito mais muito grosso mulher nao aguenta epede aregodavs contos eróticosperdendo a virgindade com o meu namorado e elearromba minha bucetaContos eroticos maniaco por seiosgta faz sexed putaria sessaoso fotos da namorada do traficanti nem de chortinho discasado tem tesão em mamar cine porno spgostosa chifrando corno com seguranças na festa contos eroticoscontos eroticos a amiga da minha irma rabudacontos eroticos/dois gorotos negros picudos fuderam minha namorada a forcadescabaça. abuceta com udedo. ou naonovinhas lindas brincadeira incestoa de ciriricapadastro come a enteada loirinha e faz ela gosar varias vesesnovinha moreninhafazendo sexo nachácara com tioFotos de marcelinho carioca nu pirocudovideo eróticospapai me ensinando tudoquero ver filme pornô com mulher nunca troco fio jogo da Live Jaraguá colocar achei até chorarconto crente com fogo na bucetavideos porno caseiro a garotinha dormi e o padrasto gozou no seu cuzinho nxvideo pageJairinho baiano pornô gaycontos eroticos vividos por mulheresxvidios outros puraicontos eeroticos gay meu amigo se declarou pra mincontos de pau preto e grossotezãozinho fodendobucetinha super apertada sendo destruída por negao super roludo até arregalou o olhoquero ver fotos de buceta de saquinho de geladinhoSobrinho pauzudo,tia feliz. Com foto.sexo em familìa safadao ver novinha de roupas curta e fica b punheta pensando nela e ela nao gostouacabei liberando cu pro primo masnaogayO dia em que fodi a detenta carente e tesudaCumeno madura no quintau porno filho Engravidar mae dormidovidiopono mulher bica tecorno que gosta de ouvir da sua esposa como ela aguenta uma rola de25 cm no cucontos eróticos curtosde gay dando o cu pro cachorrãomeche gostozo estou gozado dentrocontos gay luiz virando mulherzinha na cadeiaconto erotico meu primo me enganou e comeu meu cutransas em araruamasexres grates com filhas e mae trepando o paeporno brasilero ela queria fujir de tanta fodanao cnseguiocontos porno de incesto, interior da bahia com o irmao acidentado de moto, contos pornoBoquete gay com marginal agressivocomi a pmpornofamilhasacanaliteralmente engatada com dogchantageei e comi minha avo contomeu aluno cacetudo contosnó do cachorro incha zoofilia dicaslambendo bunda baile carnavalpadrasto e intendenda gostosocontos me enrabou com straponapaixonado por um hetero cap 19dogs adestrado para zoofiliaespertinha tentou fugir sem pagar o taxi e teve q fuder - completocontos gay viadinho aproveitando do molequeminha.irma.uza.shortinho.por.baicho.da.saiaxvıdeo anal com novınhasdeixou a irma com a buceta pingandoccontos eróticos incesto fudendo novinha virgem inocente faveladamulher casada d vicosa mg d calca apertada na bucetaporno nao no cu nao e groso e conmprido aaaiii de vagapassivo inocente e baixinho levando rola enormeboquete da irmazinha casadoscontosencontramos nossos vizinhos na praia do nudismo conto erotContos eróticos tarados na madrugadabaixar vídeos de irmao comendo a buceta linda e gostosa da irma depois que os paissaem