Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Desejos de uma adolescente

Autor: Pâmela
Categoria: Heterossexual
Data: 16/10/2006 09:55:04
Nota 9.00
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (9) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Meu nome é Pâmela, tenho 35 anos, sou casada e muito feliz com meu marido, Pedro, um gatíssimo de 55 anos.

O que vou narrar á vocês, é de que forma me tornei uma mulher, vencendo de vez a repressão dos adultos, que tentam ensinar a como devemos ser felizes, mas por sermos dona de nosso corpo e pensamentos, podemos e devemos explorar ao máximo nossas fantasias e chegarmos ao clímax do prazer.

Na época, com 12 anos, percebi que algo estava mudando em meu corpo, chegara minha menstruação e meu organismo começara a dar seu "ar" feminino e começar a modelar de forma escultural meus seios, que de jabuticabinhas, passaram a ser pêras, minha bundinha de criança estava aumentando de volume e arrebitando-se, na minha xaninha lizinha de criança começou a crescer aquela penujinha.

Aprendi a explorar meu corpo, reconhecendo suas áreas exógenas e comecei a me masturbar, devaneios e sonhos de uma garotinha estavam se tornando realidade de uma adolescente fogoza de desejos ardentes.

Os anos se passaram, agora com 15 anos, quando meus pais saiam e ficava a sós em casa, invadia seu quarto e assistia a fitas eróticas que guardavam ali, aqueles cacetes enormes invadindo aquela bucetinha, gritos e gemidos daquelas mulheres recebendo gigantescos pênis em seu pequenino orificio anal, as fortes ejaculações que recebiam em seus rostos e boca e em alguns casos até engolindo aquele leite branquinho e gosmento.

Aquilo tudo atiçava minha curiosidade, queria saber como era e em minhas masturbações enfiava um dedo na xaninha e o dedo mais fininho no cúzinho, na esperança de sentir o que aquelas mulheres revelavam naquelas cenas eróticas.

Gozava gostoso com meus dedos, mas não era a mesma coisa, queria sentir um cacete grosso e longo pulsar em meu interior e matar meus desejos.

Namorei alguns garotos de minha idade e tentei entregar-me, mas eles, por sua inexperiência eram muito afoitos e apressados, o que queria era algo carinhoso, alguém mais velho, que tivesse habilidade em fazer uma mulher chorar de prazer.Meus sonhos começaram a tornar reais, estava na piscina do edificio onde moro, quando reparei como era bonito o zelador do condominio, um rapaz dos seus 35 anos, alto, braços fortes, atraente, um jeito rústico de macho, justamente o que queria.

E numa manhã em que estava deserto a área das piscinas, criei coragem e puxei papo com ele, ele além de lindo e charmoso, era muito educado e descontraido, enquanto limpava a piscina, conversavamos animadamente, ele disse-me que era divorciado, tinha 2 filhos que havia ficado com a mãe no Nordeste.

Percebi que ele sentiu-se atraido por mim, ficava a reparar minhas coxas e a testinha de minha bucetinha protegida pelo meu minúsculo biquini.

Ele morava num quartinho pequeno que ficava ao lado da área das saunas e em seu dia de folga e que ele não estava por perto, fui até seu quartinho, estava curiosa para saber como era.

Tinha uma pequena cama de solteiro, fotos de mulheres na parede, um rádio de pilhas, uma pequena geladeira e uma televisão. Quando ia saindo, dei de cara com ele, perguntou o que fazia ali, meu coração disparou, e antes que me desculpa-se, ele agarrou-me e beijou minha boca, tentei escapar, mas era exatamente o que queria, passou a mão em minhas costas e desceu até minha bunda, beijou meu pescoço e ai me entreguei, ele tirou minha camiseta, deixando-me com meus pequenos seios para fora e com os biquinhos tesos, beijou e mamou cada um deles, deitou-me na cama, tirou minha bermuda deixando-me completamente nua em pelos, mordiscou minha barriguinha e desceu até minha raxinha, abriu minhas pernas e começou a chupar minha virilha, estava enxarcada, minha respiração ficou mais forte, queria ele logo a chupar minha bucetinha, e fui recompensada, passou a lingua em meu clítoris, desceu por meus pequenos e grandes lábios vaginais, encostou a lingua em meu hímem e terminou lambendo e beijando meu cúzinho virgem, subiu novamente e agora sim começou a chupar alucinadamente,enfiou a pontinha de seu dedo em meu ânus, ficou 2 minutos ali, não aguentando mais e gemendo alto, despejei meu liquido do amor em sua boca, ele foi subindo,mordendo-me e lambeu meu umbiguinho, sabendo que a chama que estava acesa em meu inteiro não havia se apagado, beijou minha boca apaixonadamente,

e desceu até meus seios, começou a mama-los, abriu minhas pernas novamente e com sua mão começou a esfregar minha bucetinha, era a primeira vez que um homem me masturbava, seu grosso, duro e áspero dedo massageava meu cítoris e quando senti um pedaço de seu dedo invadir minha xaninha, fiquei ofegante, estava pegando fogo e gozei em seu dedo, ele levantou-se dali, desceu sua calça, meus olhos brilharam, não poderia ser melhor, seu pau era descomunal e grosso, uma delicia, sem cerimônia implorei-lhe que me penetrasse, queria senti-lo dentro de mim, ele disse que era perigoso, alguém poderia chegar e que talvez outro dia, abocanhei aquele mastro enorme e mamei gostoso e em pouco ele puxou minha cabeça retirando ele de minha boca, punhetou um pouco com e pude ver sairem jatos de esperma quente da ponta de seu pau lavando meus peitinho escorrendo por minha barriga.

Limpei-me, vesti-me e sai, todos os dias a noite sonhava com aquele macho gostoso me penetrando fundo, e numa sexta feira, a noite estava nublada e chuvosa, todos estavam em seus APs., disse a meus pais que iria até o apartamento de uma coleguinha ali no prédio, desci e fui até seu quartinho, ele estava deitado em sua cama de cuecas e assistia televisão, deitei-me com ele beijando-o e logo estavamos nús roçando nossos corpos, ele explorou cada cm. de meu corpo com sua lingua quente e úmida, fizemos um 69 e logo em seguida ele percebendo minha excitação, colocou uma camisinha em seu pau enorme e duro, abriu minhas pernas, encostou seu cacetão em minha bucetinha, deitou seu corpo sobre o meu e beijou-me, comecei a riscar com minhas unhas suas costas.

Muito carinhosamente ele foi soltando seu corpo sobre o meu e comecei a sentir aos poucos pedaço por pedaço aquela carne enorme invadir minha xaninha e quando sua cabeca entrou arrebentando meu himem, senti uma dorzinha incômoda, mas com seus carinhos logo passou, sussurrei em seu ouvido que queria ele todo em mim e aos poucos senti-o invadir alargando as paredes de minha raxinha e chegando ao fundo, começou um entra e sai frenético, comecei a rebolar em seu pau, estava sentindo-me completa com aquele tesão, seus movimentos aceleraram e gozei em seu pau e senti seu corpo estremecer e gozou enchendo seu preservativo.

Relaxamos e em pouco estavamos nos beijando, nos chupando e disse-lhe que queria me entregar por completa para ele, virei minha bundinha para ele e deixei claro minhas intenções de dar-lhe meu cúzinho.

Ele lambeu minha fendinha anal, deixando-me louca de tesão, passou um creme em meu cúzinho enfiando seu dedo inteiro, colocou outra camisinha, pincelou meu cúzinho e aos poucos foi dilatando meu buraquinho, invadia-me aos poucos, massageava minhas costas e minha bunda, arreganhando-as, penetrou a cabeça e arrebentou minhas preguinhas invadindo meu cúzinho, meu esfíncter dilatou-se e engoliu aquele pau que deslizou gostoso e inteiro dentro de mim, começou a entrar e sair de meu orificio, estiquei minha mão e comecei a masturbar minha bucetinha, agora ele socava seu pau alucinadamente em mim e rapidamente, com um dedo enfiado em minha bucetinha, senti meu cúzinho ferver, com seu pau raspando nas paredes internas esfolando-me, senti arrepios em meus órgãos genitais e gozei pelos 2 buraquinhos, algo enlouquecedor, implorei-lhe para não gozar, queria seu leitinho, sentindo que iria gozar, tirou seu pau rapidamente de meu cúzinho, arranquei a camisinha e abocanhei forte aquela carne dura, pulsante e comprida, senti um primeiro jato que espocou em minha garganta e logo em seguida mais 3 despejadas de leite quente e grosso em minha boca, abri minha garganta e deixei escorrer, o gosto não era muito bom, ácido e azedo, pois não estava acostumada e beber leite de touro reprodutor, meu touro reprodutor.

Apaixonei-me por aquele homem e depois de muitas brigas com meus pais, consegui convencê-los de que queria aquele homem para mim como marido, começamos a namorar e adivinhem com quem sou casada, meu gatissimo de 55 anos, meu reprodutor.

Comentários

21/08/2017 16:46:48
Show
21/08/2017 16:45:15
Show
18/04/2017 21:41:33
Show
07/07/2014 14:44:54
Acredito na sua dilatação anal, pois já tive uma amante jovem onde isso aconteceu.
08/02/2011 01:15:00
Excelente, muito bom, conte outras aventuras com ele...
07/04/2007 03:25:23
parabens adorei seu conto,so quero saber uma coisa,vc ja traiu o seu marido???
18/10/2006 20:36:52
a puta q pariu vcs dois a pica é dela e o conto tmb portando ele descre da forma q achar melhor. e o conto ta muito bom alias ótimo.
18/10/2006 09:04:56
Foi bom ... tá bem escrito... tirando fora os exageros tipo "mastro enorme" "carne dura,pulsante e comprida" ... valeu !
16/10/2006 14:13:15
Se o velho cuzinho virgem que entra na rola descomunal não tivesse aparecido na história, o seu conto teria ficado mais interessante e real.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


africano comeu meu cuvizinho safado do 205Contos lambendo chulegostosas minisaia enos debaixodelascontos de mulheres cagando e peidando em seus parceirosmohamed elatar punhetandodei minha bubuta contoseu já perguntei onde tu tava ontem Live sexo vídeo pornô deixa que eu adoro vai bater igual a Shakiracontos eroticos dei o cu pro aluno cadeirantx videos casada safada dando para padrinhode casamentoconto eróticos comendoa mulher doamigo a forçaConto erotico gay traficante funkvideo curtinhonovinha gozando pelo cuzinhovideos de novinhas perdendo o selinho e chorando na hora que o pau entra na bucetinha viagem delascontos de travesti depiladoraevolução anal negao e vadiapeguei meu irmao gay e minha irma virgem fudendo nao aguemtei cumi os doisrelato meu prazer analContos eroticos pai liberal.comevolução anal negao e vadianovinha desmaia de tanto gosa conto eroticovelinhos tentando meter com netinhas novinhas e n aguenta xvidiosFamosos cafuçu no braco todo nu peladoconto erótico Dulce safadacontos eronticos buraco na paredeeu perdi a minha virgindade com ca ca pica de 40cmcontos eroticos gays bombeiro sarado hetero me fudeu sem dovidii lesbica cozando turmidonovinhas delicia purasexocontos eroticos, isso chupa meu peito esfrega meu grelinho faz sua putinha gozarEnteada fica sem calcinha e vai deitar mais o padrastozoofilia cachorro engatado com mulher g************* de dias corridoseu quero GTA Marginal trabalhando na ambulância disfarçadopasando a mào na buçta da gostosaxevideo mulher dormido e rola entrandomulher passa muita margarina no proprio cua egua me excitou e eu esporrei nela/contoporno ladrão forçando dona de casa a fazer anal forçadovideos porno meu vizinho é louco por minha bundaesgichada de gala da bucetalesbica fode a outra com dildo entroduzido na buceta e sentada na cadeirasxx pornô quero ver minha vizinha casada bençãoxxvideo porno brasileiro novinha chora ao ter q fd cm varios depois q perd apostaassistir o filme de novinha metendo fazendo seu peito e trícepsDesabafo real de uma mae contos ero cap,IXConto comi minha irmãcontos eroticos de mulheres de manausuma mulher transando com cavalo a outra olhando e focou com votade de entra debaixo e ela ficou com medo da peroca do cavalomulher estava fazendo hidrataçao de pele na cara nao percebeu o homem sexo pornocombinamos chupando os peitos da mulher fazendo sexo ela gritar onlineO Certinho e o Desleixado (Capítulo 3) casa dos contosconto eroticos lésbico putinha vadia vagabunda piranha fuder tapa na cara buceta xoxotaVer contos eroticos de pai comendo a buceta virger da filhabaiano chupando clitori e falando besteiraspai e filho pelado conto erotico exercitocutucou a menininha sem penetrarconto nora chupando bucetad sograpornocontoincestomae obriha filha virje perde o cabasdo com o padrastobiba boqueteras pornoContos encesto mae cu sangranoxvideos caseiro emfermera mindando banho eaixvideo do cunhado pecado a cunhadinha a fosa e pede pra nao goza dretrobuceta gozano nepicacontos arronbaram meu cuzinho de menininha virgemmulher flaga sua amiga do rabao uma morena dando o cu para seu marido negao dotado com o penis de 030cm e da tambenatrevida gozando com o cunhadocontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docescontos de machos dominando cornos submissosnovinha engole pau do paulaovidio de ponodoido tarado rasgando o cuzinho da maedei pro técnico pornovídeo de sexo com matuto. na piscina de sucaanythingxvideos cliente dotado fica com pau duro durante exame e a depiladora acaba não resistndoconto esposa do pastor tranzou com molekimcesto com meu papai que pica enormepapaisó bucetinha novinha na ommmmmconto erotico gay meu dono dei meu cu de presente de aniversarioperdeno as prega saino bosta caseirofiume porno antigo do tasaõpornodoido sogra da cugrade a genro e filha na salacontos eroricos minha filhae enlouquececontos eroticos de incesto no coloporno caseiro no vestiario da loja de.roupas da loja uma estranha olha muito pra o.meu.pauwww.xvideo vanda virtusDespertando O Amor em um Brutamontesparte 2: casa dos Contospornor doido homem batendo poleta na varandacontoseroticos-estuprada por 2 cachorros roludo