Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Não mandei mexer com quem estava quieta,

Autor: Drica
Categoria: Grupal
Data: 18/06/2007 02:11:36
Nota 9.65
Assuntos: Grupal
Ler comentários (23) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Como já me descrevi antes meu nome é Drica sou ruiva hoje na casa dos +-36 anos, 57kl, +- 1,68, seios pequenos para médios (89 cm de busto), e uma bunda que chama muito a atenção dos homens (96 cm de quadril). Beijos a todos os amigos que fiz graças aos meus contos e aos e-mails que recebi ou aos que teclaram comigo no MSN. Eu fiz planos para o nosso final de ano, minha empresa daria férias coletivas entre o natal e o ano novo e meu marido tentaria uma dispensa pelo mesmo período, então ficou acertado que iríamos para praia somente nos três, eu ele e meu filho, mas que na véspera do natal seria pego pelo pai dele ficando eu e meu atual maridos sozinhos para comemorarmos mais um natal e ano novo, seria como uma mini lua de mel, arrumei uma casa no litoral eu e meu filho iríamos diae sábado dia 23/12 o pai dele passaria lá e o pegaria, meu marido chegaria na sexta dia 22 a noite ou sábado pela manhã conforme o cansaço e o movimento das estradas, só que ele retornaria para o trabalho e eu ficaria lá descansando e esperando por ele, já que a empresa dele não dispensou ele do serviço e a casa so poderia ser alugada pelo mínimo de 15 dias, dia 19 partirmos eu e meu filho para o litoral nos instalamos em uma casa alugada e fomos curtir a praia a qual visitávamos pela primeira vez, só não vou falar o nome dela por motivos óbvios, já pela tarde fomos tomar nosso primeiro banho de mar, lá meu filho já arrumou uns amiguinhos e eu fiquei curtindo o sol e o mar e olhando discretamente em volta para apreciar as paisagens no finalzinho da tarde me despedi do meu filho que ainda ficaria jogando bola e fui em direção a nossa casa já que a praia estava quase deserta, a maioria das pessoas só chegaria na sexta ou sábado, bom deixem que eu descreva como estava vestida um biquíni de cor preta bem pequeno já que adoro me exibir e provocar a libido masculina e uma saída de banho cor de rosa tipo mini saia bem levezinha, como não tinha tomado nenhum banho de sol ainda estou sem um bronzeado adequado, quando saio da praia e entro a rua em direção a minha casa, passa por mim um carro e os seus ocupantes ao me verem diminuem a velocidade e passam rente a mim me olhando de baixo a cima e pra felicidade de ambos os ocupantes quando eles estavam próximos um vento levanta a minha saída de praia mostrando para todos a minha bunda eu ainda não tinha reparado neles, mas com o ocorrido so ouso um haaaaaaaaaaaaa que lindaaaaaaaaaaaa, e olho e os dois ocupantes passam por mim me perguntando se não queria uma carona, dou um sorriso e continuo andando e os dois ao meu lado fazendo convites, digo que a minha casa esta próxima e agradeço, os dois parecem aceitar e desistem e param junto a um bar e descem do carro, nossa quando desceram do carro pude ver dois lindos homens na faixa dos 24 a 28 anos, meus coração já começou a bater mais acelerado e o nervosismo tomou conta de mim, ao chegar perto eles me convidam para tomar algo com eles dou um sorriso e passo por eles ja arrependida por não aproveitar esta situação e dar uma curtida na vida, vou descrever eles pra vocês ambos entre 1,80 e 1,90 fortes mas sem exageros, surfistas pelo jeito, bronzeados, ambos sem camisa e so de bermuda, ummmmmmmmmm uma delicia ambos, ao ponto de ficar excitada e na minha cabeça já imaginar um modo de aproveitar melhor o meu tempo ali sozinha, bom cheguei a minha casa e fui correndo tomar um banho, e me masturbar um pouco visto ter ficado muito excitada com aqueles dois autênticos deuses gregos, quase desfaleço no banho tamanho foi o meu gozo. Me enrolo nua toalha ja que a casa ao lado da minha estava vazia e o quintal dos fundos so dar visão para a casa ao lado e do outro ser fechada vou assim como estou estender o meu biquíni, ouso um barulho de carro entrando na casa ao lado e imaginem quem estava no carro, os meus deuses, ao me verem também ficam admirados e falam viu vizinha se tivesse aceitado nossa carona não teria dado um caminhada a toa, dou um sorriso e agradeço e digo que talvez não falte oportunidade, começamos a conversar e ate me esqueço que estava so de toalha, um começa a descarregar o carro e o outro fica me dando atenção foi quando notei discretamente o volume se formando na bermuda dele, e quando fui me tocar notei que ainda estava enrolada a minha toalha, fico vermelha e peço desculpas por esta assim os dois riem e falam sem problemas estamos na praia, digo a eles que vou me trocar e entro, me trocando começo a imaginar milhões de coisas, por exemplo se eles quisessem entrar ali em casa era so pular um pequeno murinho que separava ambas e pronto eu estaria a mercê de ambos, coloquei uma calcinha bem pequena e linda um shortinho de malha bem colado e uma blusinha de algodão e um tamanquinho, me penteei e passei um batom clarinho so pra não ficar sem maquiagem, e fui ao quintal mas infelizmente os dois estavam arrumando as coisas dentro de casa e não me viram, droga. Passado uns 20 minutos ouso me chamarem e vou ver o que é um deles na porta dos fundos me pede desculpa pela intromissão e me pergunta se não tenho um pouco de água gelada para eles, imaginem como fiquei ali parada olhando aquele homem lindo ali na minha frente todo suado, chegava a reluzir, o contraste da sua pele com a luz do sol, nossa, fiquei parada alguns segundos ate me recuperar e sai gaguejando, sim, sim, tenho e fui até a geladeira e para dar uma provocada pequei ajarra que estava mais no fundo da geladeira, so pra me curvar um pouco e ser admirada por ele, mas quando me viro estão os 2 ali parados na porta, quase deixo a garrafa cair da minha mão, meus seios ficam intumescidos e é visível os sinais de minha excitação, alcancei a água e copos, ficamos ali enquanto bebiam e começamos a falar, disseram seus nomes, Marcos e Vinicius, que um deles e filho do dono da casa e outro seu amigo, perguntam de mim se estou só ali, ai me dou conta que já estava quase na hora do meu filho chegar, digo a eles que estou com meu filho e que meu marido irá chegar so no final de semana, isso parece que deixou eles mais interessados ainda em mim, ficamos conversando mais um pouco e notei que eles não param de passar a mão nos seus membros que já pareciam estar incomodados de ficarem ali presos, e eu louca pra soltá-los mas me despeço deles dando um beijo no rosto de cada um, a desculpa que teria que preparar um lanche pra mim e meu filho, um tempo depois meu filho chega e quando vejo ele conversando com os 2, meu filhinho também gosta de surf, e ficam ali os 3, mas noto que era so desculpa, lanchamos e vou descansar um pouco, meu filho fica por ali, quando termino de lavar a louça ele não esta lá, chamo por ele e ele me responde de dentro da casa dos meus vizinho, imaginem os 3 ali jogando videogame, o Marcos saiu na porta e disse o que estavam fazendo, me chamando pra ir ali, fui até a porta mas não quis entrar, o Marcos insistia, mas com meu filho ali fiquei meio travada, e voltei pra casa para esperar a hora de dar uma volta pela avenida principal e ver o movimento, la pelas 22:00 h avisei meu filho que estava indo dar uma volta e convido ele, fui avisar ele com aquela roupinha que estava vestindo, os dois ficaram inquietos ao me verem, meu filho falou que dali a pouco também iria, disse a ele mais ou menos para onde iria caminhar caso quisesse ir, mas o alvo eram os outros, fiquei andando pela avenida até que adivinhem quem apareceu, meus dois vizinhos com a desculpa mais esfarrapada de darem uma relaxada, aceitei, e ficamos caminhando, e resolvemos parar em um barzinho e tomar uma cervejinha, ficamos conversando amenidades e ambos não tiram os olhos de mim, e sempre que possível esbarram as suas coxas nas minhas, pouco depois meu filho aparece por ali convido ele para se sentar conosco, mas ele so queria um pouco mais de dinheiro, pois ele e os amiguinhos iriam a uma lan-house jogar, falei para ele tomar cuidado, voltamos a conversar, já era passado da meia-noite, digo aos meus amigos que preciso ir, eles tentam me dissuadir a ficar mais um pouco, mas estava cansada, eles então se oferecem para me dar uma carona até em casa, o carro deles tem aquela película não deixando quem esta dentro seja visto do lado de fora, isto faz com que ambos fiquem mais saidinhos, Marcos que estava na direção aproveita toda troca de marcha pra passar a mão nas minhas coxas, me deixando cada vez mais excitada e o Vinicius vem falar comigo bem próximo ao meu rosto quase me beijando toda vez que ia falar algo, quando entramos uma parte mais deserta da avenida Vinicius me agarra meus braços e me da um beijo, resisto falo pra ele o que estava pensando alguém poderia me ver, ele ri e fala não tem ninguém pra nos ver ainda mais dentro do carro com as janelas fechas, quando vou falar novamente ele me da um novo beijo so que agora ainda mais ardente, e Marcos se aproveita e agarra uma de minhas coxas eu me desmancho com este ataque, Vinicius se aproveita da sua posição e passa a alisar meus seios, Marcos mexe no banco do carro fazendo ele ir para trás e vai baixando ele fico como se no colo do Vinicius tivesse e ai ele passa a mão pelo meio das minhas coxas chegando a minha buceta a qual pressiona me fazendo gemer enquanto sou beijada pelo Vini, o Marcos pega a minha mão e leva até seu sexo que esta duro e preço na bermuda, um ultimo raio de sanidade me lembro do meu filho, e me solto de ambos não assim não, não vou dar que nem uma puta dentro do carro, meu filho pode aparecer ou chegar em casa e não me encontrar, semana que vem vou estar sozinha a semana toda ai podemos continuar, eles começaram a reclamar, digo se não quiserem que vão procurar outra, eles me dizem que o único problema é que não estariam ali semana que vem, ai que ruim, falo pra eles tudo bem mas vamos planejar melhor isto então, mas hoje não, podemos fazer alguma coisa pra distrair meu filho enquanto nos divertimos, eles topam, e me dão cada um beijo muito mais muito gostoso que quase me entrego ali mesmo, me levam para casa, so que todos nos estávamos sem sono e muito excitados, tomo um banho frio pra me acalmar e me sento na varanda da casa pra curtir um pouco da brisa da praia, os dois aparecem com uma cervejinha gelada, os dois não param de alisar seus membros so pra me provocar ainda mais, vocês estão loucos eu quero me acalmar e vocês aqui me provocando, querem o que em, ouso deles, nos também estamos e não conseguimos dormir e nem parar de pensar em você, e me mostram como estão excitados, me vem um lampejo de insanidade, já que ninguém estava nos vendo a rua deserta, digo pra eles que eu posso ajudar mas vão ter que me obedecer sem reclamar, os dois se olham e dizem um sonoro sim, fiquem aqui então vou até a cozinha preparar uma tabua de frios, volto a varanda e digo meu plano um de vocês vai ficar aqui cuidando se meu filho não vai vir e o outro entra comigo, se meu filho aparecer o que esta na rua da o aviso, o que esta comigo sai pelos fundos e volta pela frente trazendo outra cerveja, pra fazer de conta que eu estava sozinha dentro de casa e que so estávamos tomando uma cervejinha enquanto eu espero meu filho, se vocês concordarem posso ajudar vocês com esses problemas que estão dentro das suas bermudas, mas que eu comandarei tudo e não poderão reclamar de nada, eles aceitam sem nem mesmo pensar, o Marcos vem primeiro e o Vini fica cuidando, entro e chamo o Marcos até meu quarto, agarro ele e digo você não poderá me tocar so eu a você, concorda, claro que sim, dou um beijo gostoso nele e me ajoelho, fico olhando pra ele e vou subindo minhas mãos até o botão que prende a sua bermuda, solto ele e mais nada, por cima do tecido da bermuda começo a morder seu pau, a apertar ele e as suas coxas, nossa que coxas, sempre olhando nos seus olhos, volto com as mãos e solto a bermuda e puxo ela deixando ele so de cuecas, que ficaram igualzinha a tenda de circo, bem armada, olho para as suas pernas, nossa que coxas lindas, morenas, musculosas, não resisto e aranho elas, mordo, levo as minhas mãos até seu circo, e desarmo ele, e é ai que surge um lindo caralho, duro, cheio de veias, grosso, de mais ou menos uns vinte centímetros, ali na minha frente, bem ao alcance das minhas mãos e boca, seguro ele com as duas mãos e dou um beijo bem na pontinha dele, fazendo o Marcos gemer e tentar agarrar a minha cabeça, lembrei ele de que não poderia me tocar e se fizesse de novo eu pararia o que estava fazendo e chamaria o Vini, ele mais que depressa tirou as suas mãos, agora posso voltar ao meu trabalho, dou outro beijo so que agora coloco metade da sua cabeça vermelha, cheirosa na minha boca, salivo ela e vou começando a engolir pedacinho por pedacinho daquela maravilha, engulo e tiro, volto a engolir, so que cada vez que engulo coloco um pouco mais dele dentro da minha boca, pedacinho por pedacinho vou provando seu sabor, quero dar a eles o melhor boquete que já tiveram nesta vida ou em outra qualquer, quando engulo mais da metade olho pra ele e solto fazendo barulho, chupppppppppppppppp, chuppppppppppppppppp, ele enlouquece, volto a chupar ele e levo as minhas mãos a sua bunda, nossa durinha, gostosa, e cravo minhas unhas nela fazendo com que ele venha para frente e engulo todo o seu cara pau, sem deixar nenhum pedacinho de fora, ele não acredita e começa a falar que boca, que língua, que puta, ele começa a se movimentar na minha boca como se a estivesse fudendo, deixo ele fazer isso um pouco, depois tiro seguro seu caralho e vou até as suas bolas, chupo uma por uma, depois coloco ambas na minha boca e começo a brincar com elas com a minha língua, e bater uma punheta pra ele, que enlouquece, nisso levo novamente seu caralho a boca e começo a dar suaves mordidas na cabeça dele, mordo e olho para seus olhos, beijo sensualmente a ponta da cabeça como se outros lábios estivesse beijando, ele enlouquece, e começa a me xingar de vários palavrões, que puta, vadia, cadela, gostossssssssssssssssssaaaaaaaaaaaaaaaaa fico nestas brincadeiras por uns 10 min. E até que deixo ele finalmente gozar na minha boca, e como goza urandooooooooooooo aiiiiiiiiiiiiiiiiii que gostozoooooooooooooo, que bocaaaaaaaaaaa, que chupadaaaaaaaaaaaaaaa, aaaaaaaaaaaaaaaaaahhhhhhhhhhhhhhhhhh, são jatos fortes e grossos, mostro minha boca pra ele cheia da sua porraaaaaaaaaaaaaaaa, ele olha e logo engulo tudinhoooooooooooo, volto a chupar ele até ficar limpinho, puxo suas roupas e fico de pé na sua frente, ele me agarra e me da o maior beijo, suas mãos passeiam por todo meu corpo, agarra minha bunda, meus seios, passa a mão da mina xaninha, entro em delírio, empurro ele agora é a vez do seu amigo, vamos ou não vai dar tempo dele se deliciar também. Vou na frente dele rebolando muito como se uma verdadeira puta, chamo o Vini esta impaciente e me pergunta vamos, so pra provocar ele limpo o cantinho da boca com um dedo e o chupo depois, calma gatinho, quero descansar um pouco, pra você ter o mesmo tratamento, o Marcos vêem logo em seguida com uma cara de satisfeito que so vendo, o Vini pergunta pra ele como foi e ele so diz uaaaaaaaaaaaauuuuuuuuuuuuuu. E rimos os dois ele fica com cara de bobo, passado uns 5 minutos levo o Vini e faço tudo isso de novo, detalhe por detalhe, so vou dizer a você que o caralho dele é tao gostoso como o do Marcos. Depois dessas preliminares e como meu filho não havia chegado ainda me despeço deles e vou dormir, com o gosto de ambos na boca e a minha bucetinha encharcada de tanto tesão. Acordo um pouco tarde, vou ver meu filho ainda dormindo, prepara um café e vou dar uma volta na praia para relaxar e tomar um solzinho, volto pra casa preparo um almocinho para nos acordo ele, almoçamos e vou descansar um pouco, meu marido liga dizendo que tinha uma noticia um pouco desagradável para me dar, fico nervosa acho que alguma coisa aconteceu, vamos fala logo já to ficando nervosa, ele me diz que uma prima sua viria passar o final de semana conosco, uma que detesto, disse que não teve como recusar o pedido dela, fiquei muito brava com ele e acabamos por brigar, se eu já estava afim de aprontar agora muito mais, essa sua prima é muito chata, mandona, esnobe, metida, não nos topamos muito, ela sempre que me ve fica me olhando de cima a baixo, reparando sempre no que eu faço, falei pra ele que quando ele chegasse iríamos acabar aquela conversa, que era pra sermos so nos dois aquele final de semana, e ele estragou tudo, ai pensei vai ser hoje que vou aproveitar pra provar os meus vizinhos e botar mais um par de chifres no maridinho so pra ele aprender a não mexer com quem estava quieta, passei o resto da tarde brava e pensando o que eu poderia fazer para ter os meus dois gatos sem comprometer o meu filhote ou ele desconfiar de algo, a noite preparei a janta pro meu filho e perguntei se ele iria sair com seus amiguinhos aquela noite, ele disse que sim, a então seria hoje mesmo que iria dar muito para os meus vizinhos, muito mesmo, disse pra ele que estava com um pouco de dor de cabeça e que quando chegasse fosse dormir sem me incomodar, iria com ele para o centro comprar um remédio e voltaria pra casa e deixaria a porta dos fundos aberta, ao sair meus vizinhos vieram falar conosco e disse a eles que iria com meu filho até a avenida e já voltaria so pra ter certeza que eles não sairiam dali, fui com meu filho, deixei ele na avenida dei mais algumas recomendações, que não bebesse e se comportasse, passei na farmácia comprei uns remédios pra dor de cabeça so pra disfarçar e algumas camisinhas, voltei pra casa troquei de roupa coloquei uma calcinha bem pequena e sensual vermelha combinando com o sutian, um shortinho de malha branco quase transparente e uma blusinha branca que deixava minha barriguinha de fora e realçava os meus seios dando uma levantada neles me fazendo ficar com um colo lindo e provocante e cheio de pintas, sardas, um tamanco pra dar mais uma empinadinha na minha bunda e ficar mais provocante ainda e parecer o mais puta possível pra eles, passei um batom vermelho bem provocante, pra ficar mais sexy, tranquei a porta do meu quarto caso meu filho tentasse abrir para me ver, fiquei desfilando pela minha casa até ser notada por algum deles, que quando me viu chamou logo o outro, um deles veio até a minha casa me convidando pra ir até a casa deles que estavam preparando uma caipirinha, falei pra eles que já iria para la, demorei mais um pouco pra deixar eles ansiosos, fechei a minha casa e também deixei a janela do meu quarto encostada, por precaução casa tivesse que entrar escondida do meu filho, deixando porta dos fundos aberta e com a chave, pequei a chave reserva, caso meu filho trancasse a porta, olhei para a frente da casa pra ver se não tinha nenhum vizinho bisbilhoteiro e passei pra casa deles entrando pela porta dos fundos, encontrando os dois na sala da casa pedi pra fecharem as cortinas e a porta da frente coisa que fui prontamente atendida, logo em seguida vieram me atacar como lobos famintos e sedentos por sua caça, para devorá-la por completo, empurrei os dois e disse calma meninos temos muito tempo e muito o que aproveitar, vai ser hoje que vamos fazer uma festinha, vocês topam, claro sim, mas quero primeiro tomar um pouco daquela caipirinha que vocês falaram que tinham feito so pra relaxar um pouco, olho em volta na sala e vejo uma casa bem decorada pergunto a eles se o resto da casa é assim tão bonita, um deles vai me mostrar, peça por peça, eu saio caminhando pela casa, rebolando, muito pra provocar ainda mais eles, andei pela casa toda e os dois a me seguir com seus olhos famintos, voltamos para sala, tomei um pouco mais de caipirinha e comecei a me soltar e a ficar mais desinibida ainda, pedi que colocassem uma musica para que eu dançasse um pouco pra eles, colocaram pra me provocar um cd de funk, eles olharam pra mim e disseram queremos ver você dançar isto, olhei pra eles e comecei a rebolar muito a baixar, a dar tapinhas na minha bunda, sou fã da Fabiana Andrada e copio os seus passos de funk mas sempre danço so pra mim, já que meu marido detesta esse ritmo, agora tinha platéia e que estavam adorando a minha performance, como eles estavam sentados me olhando virei de costas pra eles e ia baixando e subindo, estava mais atrevida do que de costume, acabei por puxar ambos pra dançarem comigo, ficava me esfregando hora em um hora no outro, não agüentaram muito e começaram a passar as mãos pelo meu corpo e a tirar o pouco de roupa que eu tinha, acabei ficando so de calcinha, pois o resto já haviam arrancado, passavam as mãos pelos meus seios, bunda, xaninha, e tendo eles a se esfregarem em mim, aqueles peitos lizos e musculosos, nossa estava ficando alucinada com aquilo até que eu não resisti mais e peguei ambos pelas bermudas e me dirigi a uma suíte da casa, la os dois me prensaram me beijaram arrancaram a ultima peça de roupa que eu tinha e ficaram me olhando de cima a baixo, me chamando de gostosa, linda, safada, sem vergonha, falei so eu que vou ficar pelada aqui é, mais que depressa ambos tiraram as poucas roupas que estavam usando o Vini foi o mais rápido, me deu seu caralho pra chupar de pé mesmo o Marcos aproveitou e foi passando a mão pela minha buceta que a essa altura já estava completamente encharcada e enfiou um dedos depois dois e foi me bolinando e eu chupando o Vini, que já me fodia a boca, quando o Marcos resolveu me chupar a buceta, quando ele enfiou a língua dentro dela uma onda percorreu meu corpo e tive o primeiro gozo da noite, comecei a gemer e a me descontrolar o Vini para abafar meus gemidos me deu um beijo, Marcos se aproveitou dos líquidos que saiam de mim e foi enfiando seu pau na minha xaninha, primeiro devagar pra me acostumar com ele dentro de mim e depois foi aumentando o ritmo aproveitando da minha extrema lubrificação e o Vini me segurava pelos cabelos me dando seu pau pra chupar eu me agarrava a sua cintura enquanto o Marcos bombava muito na minha xaninha, nosso tesão estava a flor da pele e rapidamente entramos em êxtase total e gozamos os três praticamente juntos, o Vini foi o primeiro a gozar mais uma vez enchendo a minha boca com a sua porra logo seguido por mim e pelo Marcos que gozamos juntos, exaustos nos deitamos na cama e descansamos um pouquinho o Vini foi buscar a caipirinha e assim que tomamos alguns goles nosso vigor começou a voltar e recomeçamos as caricias eu pra não perder tempo comecei a massagear os seus membros que ja davam sinais de vida, e eles passando as suas mãos pelo meu corpo, o Vini me puxou pelos cabelos e foi me beijando e o Marcos passando a mão na minha bunda e coxas, buceta, seios, me deixou com vontade de fazer uma DP com esses dois, so que nenhum deles tomava a iniciativa de me provocar la, o Vini já veio ajudar ele chupando um de meus seios aproveitei e fui puxando o Marcos que tinha me fudido a buceta para novamente me fuder so que agora eu estava por cima dele e cavalgava ele olhei para o Vini e pedi pra ele vir comer o meu rabinho, quando ambos ouviram isso ficaram mudos e se olhando, olhando pro Vini pedi novamente com cara e voz de puta, vem-vem fode o meu rabo fode, quero ser a puta de vocês essa noite, por favor vem, empinei minha bunda pra ele, e fiz com que o Marcos abrisse minha bunda para o seu amigo, o Vini começou enfiando um dedo depois dois, me deixando louca, rebolando no pau do Marcos, eu dizendo vem fode logo meu rabo, quero sentir meus dois garanhões me fudendo toda, o Vini apontou pra entrada do meu rabo e foi enfiando lentamente seu pau, que era um pouco menor do que o do Marcos e me ajudaria a me preparar para o Caralho do Marcos, mas aqueles dois corpos másculos e jovens estavam me deixando enlouquecida de tanto tesão, que quando ele terminou de me invadir, ficar ali sentindo aquelas duas torras so minhas fiquei alucinada, pedi para o Vini bater em mim, me dar tapas na bunda, o Vini começou a me fuder o rabo e a dar tapas, primeiramente tímidos e fracos para em seguida aumentou a força das palmadas e até a gostar do que estava fazendo, o Marcos aproveitava pra chupar meus seios e me beijar, puxar meus cabelos e me ver me contorcer se prazer, o Vini não demorou muito e gozou no meu rabo, o Marcos aproveitando que o amigo havia gozado me colocou de 4 e foi me fuder o rabo so que pau dele era maior e mais groso que o do Vini, e teve que ir devagar me fazendo gemer e pedir calma pra ele se não me machucaria, foi fudendo devagar, e firme, puxou meus cabelos me fazendo curvar as costas e empinar mais a bunda facilitando o seu trabalho, começou a dar tapas na minha bunda e a aumentar o ritmo da penetração me levando a loucura, fui pedindo mais, mais me fode mais, arromba meu rabo, quero ser sua puta, sua piranha, vadia, agora ele fodia de verdade meu rabo, e eu gemia, urrava de prazer, isssssssssssssoooooooo issssssssssssssoooooooooooooo, fodeeeeeeeeee, fodeeeeeeeeeeeeeeee gostoooooooooooosoooooooooooooooo, ahhhhhhhhhhhhhhhhhhh, aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, asssssssssssimmmmmmmmm, mmmmmmmmmmmaiiiiiiiiiiiiiiiissssssss, noooossssssssssaaaaaaaaa, que gostosooooooooo, o Vini ficou so assistindo o amigo me fuder, não demorou muito e gozamos, com ele gozando na minha bunda, caímos desfalecidos na cama, suados, gozados, satisfeitos, estava mole, cansada acho que já trepávamos já fazia uma hora e meia ou mais, estava precisando de um banho, para recuperar as forças, fui tomar um banho, gostoso, recuperador, depois de 10 minutos o Vini veio ao meu encontro, entrando para tomar banho fui sair e ele me puxou para junto dele, começamos a nos acariciar e a beijar, ele já ficou com seu cacete duro, a essa juventude, ensaboei todo o seu corpo e ajudei a tirar a espuma, estava secando ele quando o Marcos entrou no banheiro e foi tomar um banho, eu secando o Vini, fiquei olhando ele tomando banho, quando dei por mim estava batendo uma punheta para o Vini, o Marcos nos olhando comecei a chupar o caralho do Vini, suguei com muita vontade, hhhhhhhhhhhaaaaaaa queeeeeeeee bocaaaaaaaaaaaaaaaaaa, gostossssssssaaaaa, vai chupa sua putaaaaaaaaaaa, issssssssssoooooo, começou a fuder minha bocaaaaaaaaa, o Marcos sai do banho me vendo ali chupando o Vini veio para trás de mim e começou a me chupar a buceta, enfiava a língua la dentro e passava ela da minha buceta até meu cu, mordia minha bunda, dava tapas, aiiiiiiiiiiiiiiiiiiii isoooooooooooooo, chupaaaaaaaaaaa, chupaaaaaaaaa a minhaaaaaaaaaaaaaa bucetaaaaaaaaaaaaa vaiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, comecei a delirar e a chupar mais o Vini enfiava ele todo dentro da boca, sugava ele com toda a vontade, o Marcos me puxou pelos cabelos e me fez chupar seu caralho o Vini aproveitou e começou a fuder a minha bucetinha e enfiar um dedo no meu rabo, me deixando louca de tanto tesão, madei o Vini sentar no vazo do banheiro e sentei no colo dele empinando minha bunda chamando o marcos pra me fuder o rabo que veio rápido enterrando aquele caralhao no meu rabo o Vini me beijava, chupava meus seios, enlouquecemos e gozamos ali mesmo no banheiro, acabamos os três tomando um novo banho, bebemos mais um pouco e fui embora cansada mas muito satisfeita pela aventura, pedi ajuda a um deles e entrei pela janela do meu quarto, troquei de roupa e fui ver se meu filho já estava em casa, dormia calmamente, eu também fui dormir, pois merecia e muito, acordei tarde ainda cansada aprontei um cafezinho para nos 2, tomei e voltei pra cama, meu filho acordou e veio ver como eu estava, disse que estava bem mas queria descansar, passei a sexta assim descansando esperando o corninho ligar pra avisar quando chegaria, os meus vizinhos foram embora domingo após o almoço e meu marido chegou sábado pela manha, sexta de noite ainda fiz dois boquetes maravilhosos nos meus vizinhos e ficou por isso meu final de ano. Bjos a todos espero que tenham gostado e se eu conseguir termino o resto desta historia que teve um desfecho maravilhoso pra mim é claro. Bjos e não estação de me escrever comentando algo. [email protected] .

Comentários

10/03/2018 00:18:27
Delicia Ruiva r!!! nota 10! entre em contato!!! [email protected]
17/08/2015 04:57:08
Demais seu conto, Adorei.
28/07/2014 14:24:34
Otimo seu conto, mt provocante adoraria ser um dos meninos
16/03/2013 16:23:05
otimo conto adorei linda. me add no msn [email protected]
14/01/2013 13:54:34
adorei, quero te conhecer, sou mega fa de ruiva, me add [email protected]
31/10/2011 22:35:08
nossa muito bom seu conto se puder da uma olhada nos meus e da minha gorda bunda gostosa de fuder julia fiquei de pau duro com seu conto minha julia tambem gostou
14/03/2011 01:01:32
MUITO BOM, PARABÉNS! FANTASTICO...
23/08/2010 18:02:42
Adorei amiga bjinhosss
14/08/2010 13:28:02
Deliciosamente safada! Me deixou cheio de tesão....fiquei tão excitado que gozei duas vezes lendo seu relato...
04/10/2007 08:29:10
O mais gostoso do seu relato vem do fato dele ter tudo para ser real mesmo. ADORAMOS...mesmo longo faz muito sentido e nos deixou excitados...NOTA 10 (veja o que acha dos nossos, clique no nosso nome e leia)
22/06/2007 01:06:53
Obrigada a todos por terem gostado e me adicionado, fiquei muito envaidesida por todos os elogius, sou muito detalhista por isso acaba sendo longo, peço desculpas. Bjos a todos e uma chupadinha igual a do conto pra todos.
19/06/2007 06:38:09
Olá gostosa! Adorei seu conto ele ficou um pouco grande mas não perdeu o sentido nem a emoção. Quero manter contato por msn com vc para que possamos trocar nossas experiências e fantasias. Beijo nesta xoxota gostosa e safada. [email protected]
19/06/2007 00:35:52
Continuando os salamalekes acima achei teu conto muito sensual e exitante; só achei ele um pouco longo e sem paragrafos, tornando a leitura um pouco cansativa.É so um conselho de leitor.
18/06/2007 16:37:42
Simplesmente fantástico... vc pelo visto gosta de manter as rédias na mão... no controle... foi de fat uma bela aventura, fico me perguntando se farias novamente!!!??? acredito que sim... vc é de fato um tesão só!!! belo conto. (já te add ao meu msn!!)
18/06/2007 16:02:46
Adorei seu conto e gozei sem parar, [email protected]
18/06/2007 15:45:22
Ola minha ruíva, gostei muito do seu texto mas como ja aconteceu uma vez comigo. será possível um dia acontecer, gostaria de um encontro real sou pouco magro, moreno, alto 27 anos emprésário moro em BH.se caso intenda esse é um convite especial. [email protected] ou [email protected]
18/06/2007 15:32:41
Drica... voce sabe mesmo com mexer com a libido dos homens, heim? Caramba... não é muito comum, mas bati uma maravilhosa punheta lendo este seu conto! Se houver alguma chance de nos conhecermos... pra repetir essa aventura, é so me contactar, tá bom? Meu msn é: [email protected] Te aguardo, TESUDA!!!
18/06/2007 12:42:32
Parabéns seu conto foi muito bem "arquitetado", e que os momomentos têm que serem muito bem aproveitados, sucesso nos próximos contros, te dou um 10 pela experiência.
18/06/2007 11:30:05
Adorei seu conto. Extremamente sensual e provocante. me add no msn pra gente conversar um pouco. Te mando um email tb.
18/06/2007 11:20:12
Ola InexperientezinhaBobinha me da seu e-mail q eu entro em contato com vc, e i vc perde o cabaço rapidinho gata.
18/06/2007 11:06:18
Muito bom seu conto! Dá pra sentir seu tesão nele...
18/06/2007 11:00:32
Legal! Eu queria ser assim também... Preciso dar um jeito de perder esse cabaço urgente. Merda!
18/06/2007 10:30:29
oi gostei muito do seu conto,me deixou com muita tesão vc é 10, vou te mandar um e-mail. bjsss. Mario.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


quero ver madrasta chupa sua em teada dormindobucetagosotosaSexo on-line aclimação menageconto eu so tinha dez aninhos e meu tio ja chupava minha xoxota que era carnudinha eu ia a loucuracontossou safado como minha maepatrao do pao gigante fode estagiario mundobichapriminha de shortinho roxo deitada na camacasadas fudendo dentro de Casa com parentesboa foda mastubando com coisasdiferenteenfioo seu pirocao no cu do viado no chuveirocomo encostar o penis no clitorispeguei meu irmao gay e minha irma virgem fudendo nao aguemtei cumi os doisXVídeos gay com truculênciaCONTOS ERÓTICOS DE MOTORISTA FANTÁSTICOSsexo novos banho conhadas nuaschupando buseta labefo pasda mso bocsassistir filme completo de chupada de bucetas bem fortes adoroooosexres grates com filhas e mae trepando o paecoroa pelada toda melada de margarinaMinha comadre disse para minha afilhada minha filha voce que mesmo dar sua buceta virgem pro seu padrinho minha afilhada disse eu quero mae minha comadre disse filha chupa o pau do seu padrinho conto eroticocontos e xitantes a mulher do meu chefe me seduziusexo homens gozando e.falandopalavroesaquilo foi rasgando meu cuzinho contos eroticosxvidios betinhos lindoContos encontrei minha filha no puteirocontos eroticos vania minha meia irma 2tiara do cu ta doendo pornoa aula terminou iih eu fiquei na sala na siririca no xvideomoreno sarado de sunga de bombeirobuceta tao grande ce edtufo a calcinha coroamae. gosa pau fillho sentadasem calcinha contoscontos eroticos climax daputinha dando pros amigosvideo estrupo brasileiro caseiro fala palavrao gorda peitao patroavideos porno negao so os tapas estralandocontos eroticos padre nao e homem o substitutocontos erotico minha sobrinha veio em casame empreste magrinha abrindo a b***** com pau enorme do negãocondominio traicao videos cuckoldela gozou mas eu nao parei de chupar a buceta delaWww.vidioerotico.deminas.geraís.com.vídeos sexo gays estrupo vampiro principes dandosexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaozofila cavalo enche cu da mulher de porra ate escorrer -youtube.comcomo encostar o penis no clitorisquitandeiro tarado pornovideos de negao com tres negras bundudas rebolando de xotinhos curtinhos bem gotosascontos eroticoscu virgemnotando pica no cu arrombado gay de japonesCalcinha cheirosa da filhinhafilha fica brava ao levar gosada dentropica dura do peão de rodeiodoce nanda parte cinco contos eroticosgozando na entrada da bucetinha minúsculas de frango assado bem devagarbuceta vigui na netconto + de conchinha com meu filhovídeo pornô caseiro rapariga tira camisinha do r$ 500porno incesto pai finge de bebe para comer a filhacontos eroticos Robertasubornei meu primo gay pra comer elegosada dentro da buceta de surpresa.sexo em famíliadoidoporno vrlho fudendo filha gozando dentrogta v a minha secretaria ta dando mole fizemos sexo no escritoriovideo porn foi arrombada com negao ate cagou e vomitoubelo sexo dormindo de conchinha com a tia so de calsinhanovinho lendo no park louco de tezao por um homem forte gostoso e peludocontos eróticos com minha irmanzinhaincesto mamãe cuidado do filho que ta debilitado com buceta molhadacontos gay iniciadores de boys inocentes fotos gratispesquisar por mega dotado