Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Fodendo, apanhando e amando...

Autor: Cirle
Categoria: Heterossexual
Data: 09/10/2007 20:28:21
Nota 9.00
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (2) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Adoro detalhes. Creio que o que falta nos relatos dos leitores são os detalhes. O que fulano e fulana conversaram? Ainda que fantasioso, dá mais clima um diálogo ou outro.

Aproveito para narrar a minha história a minha maneira. Verdade ou não, julguem vocês.

Conheci um carinha pela Internet e começamos a foder virtualmente. Em menos de um mês, estávamos fodendo ao telefone e, finalmente, ele me convidou para ir até sua casa, no Rio de Janeiro. E eu que nunca tinha tomado atitudes drásticas na vida, topei a parada. Com tudo devidamente pago, lancei-me à aventura. No aeroporto do Rio, peguei um táxi indicado por ele e me dirigi ao seu endereço. Em frente ao prédio, quase me caguei. Queria voltar, estava arrependida, mas já era tarde. Um baita de um condomínio fechado no Recreio dos Bandeirantes, me convidava a descer. E foi o que eu fiz. Seguindo as coordenadas, fui dar (literalmente) em seu apartamento. A porta se abriu antes que eu batesse. Talvez ele estivesse avisado, talvez ele tivesse como me ver chegando. Talvez ele adivinhasse, vai saber...

Um arrepio percorreu-me a espinha. Um rubor chegou a minha face quando os olhares se cruzaram. Era ele ali, na minha frente, devorando cada centímetro do meu corpo com os olhos brilhando de desejo.

- Entre! - Sua voz firme ordenou e entrei. Era mais bonito pessoalmente, tinha um perfume que me embriagava.

- Como foi a viagem?

- Bem... - Respondi tímida.

- Aguardei ansioso a sua chegada. Não está cansada, está?

- Não. Nem um pouco...

Foi a deixa para que aquele homem misterioso e enigmático me abraçasse e me beijasse com uma fúria sem fim... Parecia que ia me engolir, me devorar...

- Delícia... Quero comer você agora... Vai ter que fazer tudo que eu quiser...

- Sim, vou sim...- Meu corpo latejava de desejo, queria muito aquele homem, queria demais, esperei demais por ele.

Senti seus dedos fortes afastando minha calcinha sob o vestido fino que eu usava. Quando tocou e percebeu que eu estava completamente encharcada, endoideceu de vez. Começou a enfiar o dedo na minha boceta quente de tesão... Mordeu-me o pescoço e me arrastou pra uma mesa de jantar que havia na sala. Fiquei com o corpo bem colado na mesa e com a bunda pra cima, totalmente à mostra, vulnerável ao pau dele. Mas o que senti primeiro foi um forte tapa. Um tapa extremamente dolorido.

- Vadia! Veio de longe só pra dar pra mim, né?

- Foi... Vim sim...

- Mas não vou comer você ainda! - E me deu mais um tapa e outro e outro...

- Grita mais alto, puta! Grita!

Aquela dor estava me dando mais tesão, a cada tapa sentia meu corpo agonizar de desejo. Ele, então, começou a roçar a cabeça do pau no meu grelo inchado, molhado... Perguntava-me se eu estava gostando e eu afirmava, quase gozando de olhos fechados.

Puxava meus cabelos com tanta força que doía... Esbofeteou-me e eu gritei assustada. Pra me calar, tirou da minha vagina e enfiou o cacetão na minha boca.Tava louca de vontade de chupar aquele homem.

E fui cumprindo ordens, com a maior boa vontade. Chupando, até sentir seu pau pulsar... Sinalizando a chegada do gozo... À beira do esporro, afastou minha cabeça e me ordenou que ficasse de quatro. Ia comer meu rabo. Porra, meu cu era virgem, eu ia sofrer... Mas já que tava lá, né?

Na primeira estocada meus olhos se encheram d'água... Doía e eu gemia alto, queria fugir, mas suas mãos seguravam meu quadril contra ele... Ele não tentava me acalmar. Quando o "tronco" chegou na metade do caminho, meio que aliviou um pouco, mas incomodava, eu sentia um frenesi, aquilo entrando e meu esfíncter involuntariamente querendo expulsar...

- Hum... Putinha, que cuzinho apertado. Tá até sufocando meu pau... Rebola vai, delícia, rebola nele...

Rebolei... Foi subindo um calor, minha boceta estava escorrendo... Sentia pelas pernas o desejo, comecei então a esfregar nela, molhando toda minha mão com meu tesão... E o gozo veio, forte como as estocadas dele. Gritávamos feito dois loucos, como animais... Esse foi o gozo mais longo de minha vida, me faltava o ar, o corpo tremia, eu via as coisas de forma trêmula e minha boca secou como areia ao sol. O cu queimava, mas eu estava adorando... Assim que gozou, ele me bateu uma vez mais e me mandou para o chuveiro. Disse que estava com nojo de mim e que detestava mulheres que dão o eu logo no primeiro encontro. Quanto mais ele me agredia e humilhava, mais eu me excitava. No chuveiro, aonde cheguei sem caminhar direito, lavei nossas porras e meu sangue. Fiquei com medo de ter hemorróidas e, mesmo apavorada, voltei até ele e sentei limpinha em seu caralho sujo de mim. Ele me chamava de porca, suja, imunda e metia a pica bem fundo na minha buceta. Gozamos e apanhei de novo. À noite, ele não me deixou ir embora e dormimos juntos, abraçadinhos. Eu morrendo de dor no corpo, mas feliz pelo macho gostoso e mau que encontrei.

Comentários

20/04/2009 15:37:01
Interessante!
27/01/2009 19:52:47
Vc e louca ou esta treinando e se ele te mata ou te passa ADIS pensa a vida vale mais que ideia de girico

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


a Ponta Grossa entrou todinha na tabaquinha delacontos eroticos nupcias blogspotmulequinhos olhando a surubaContos eróticos titia chupa minha xaninhafinha cendo bulinada por pai enquanto dorme no sono profundo xtubcontos eroticos de traição no escurinhoviven cabaço foi brica de tranza com cachorro e levou uma rola bem grnde que ficou engatado na bucetarelatos eroticos dei minha bundinha e contei tudo a meu maridoos filhos gemeos da minha mulher evangelica contos eroticoso loiro da cicatriz q eu amo parte 11contos da minha sogra deixando a calcinha pra mim cheirapeituda das tetas rosadas amamentandocumadre magra de bermudinha sexovídeo pornô novinha chupando p***** grande peituda gostosa patriciane nome delagostosinha abrir a bundinha para o negão para o rapCarinha de Anjo de GTA e mamãe filha da está outro colégio bem longe daquiprovequei o papai e ele fodeumexvideos ruansafado e a coroa chupanobuceta da novinha tufadinha bucetao deitado de ladoDesabafo de uma mae cap Vputaria brasileira posicao papai e mamae pra salvar no celularcontos eroticos minha irma novinha peidou quando tirei o cabaco delavideu di pornor comendo de clatocontos minha mae gravida do pedreironovinha arregaca buceta doendo muitocontos eroticos gay inicio fui surpreendido por um adulto dando minha bundinha e fui xantageadopegou fogo no travesseiro da atriscontos lactofilia com fotos ou videoelacareca contos eroticos de mullheres carecasa dona vai ser com seu cachorrosexcontos eróticos eu e meu sobrinhovideo de velho tarado depois de tomar unas azulzinhastransa sexual sogente negras eu gosto porno gratisimagem de prima novinha e pequena mostrando o priquitinho para o seu primo novinhocalça legue mostrando abuçetaempregadas dona de casa de calcinha cuidando de tudo mas provocando o patrao com o seu rabu gigante xnxvidiocontos pequenina e punheteiraxvidios outros purai favoritosvirgem relatos de zoofiliafotos de bufetas pibgando de tewaopeso d porrta gatinhavelho pauzudo machuca a casada a forcacontos eróticos chantagiei o papai pra ele mim enrraba todinhabunda branca mole cavalgando na minha rrola no 1.xxxxxx acordou com o irmao botando o pau na sua bucetaso eu minha enteada metendofudendo morena fofinha na mata caseiros coletâneacavalo viou pau ate no urtero da novinhaMinha namorada seduzida pelo papo do pagodeiro contos de mulheresxvıdeo novınha gozando muıtominha esposa dis q ta gosano filme pornocoloquei um fil dental e dei meu filho video pornovideo sexo de perveção com minha mãecontos quentes de padrasto tarsdoporno. tor. muita careitiMais carentes enrabadas por filhoantonio negro comedor abriu a porta dotado conto corno mansoConto erotico arrombei minhA tia 25cm grosso no acampamentocasadoscontos eroticos meu professor me comeu.a v meninas 14aos 17 anus perdeno avirgindadeXvidiocomendo a novinha sem.ao menos tirar o chorte dela Contos de primeira transa virgem detalhadamenteconto erotico tirei o cabaco da patricinha na marrapalavroespornobrasileirasconto erotico nora carenti fudendo cm sogra pirocudocontos eroricos lesbicos de lactofiliacorno que nao da mais no couro humilhado pela esposa vadia contos eroticosconto erotico gay na saida do bar de madrugada um travesti me estuprou hq pornode a gangue dos monstroscontos eroticos gays bem ocorridos em 2017facebok de rio das pedras jpa rjmegao pega mulheres casda a forsa econe abusetachupando buseta labefo pasda mso bocsmulher esfregano boca da buceta na cabeça da picaquero ver um filme pornô a mãe transando com filho e a mãe forçando para transar com ele pedindo para o fiscal na b***** dela que ela tá lindaconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretoenteada acanhada masturba o padrastotitias abusada de vestido e calcinha fio dentalcontos eróticos eu em casa a sós com tio do meu maridocuiada fudedo com xortiu de dormisoraia carioca soca com negao picudoxvideo decks ja jantar filho come a mãe e pai come a filiazoofilias pai estuprando filha enquanto ela dorme profundamentecontos eroticos nunca pencei disperta tesao en outro homem com minha bundagostosa infia bolinha explovisa na buceta e vai treparfilme pornô gratis bucetinha bem limpinha sem cabelo ganhando enfiadinha de leve do pau grossoo negao fode o cu do moreno porque ele tava cantando na piscinaporno tirei o pau veio bosta bizarrovídeo de sexo de Osasco heloisa dando o cu para doisincesto servindo cafe da manha com camisolinha transparentejovens de calcoes subidos mostram as nagedas porno videos