Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

VIREI PUTA DO RAPAZ DA ACADEMIA

Categoria: Heterossexual
Data: 09/10/2007 21:45:02
Nota 8.75

Bom... Vou contar como aconteceu uma das maiores mudanças na minha vida, sou casada há 14 anos, hoje tenho 34 anos, tenho os cabelos loiros e compridos, olhos azuis, 1,67m de altura e peso 55kg, seios médios, tenho a cintura fina e uma bunda grande arrebitada e durinha por causa da academia, e tenho duas filhas adolescentes, meu marido não me come já tem mais de seis meses, ele trabalha em uma multinacional e viaja muito, vivo muito carente e confesso que nem pesava mais em sexo ate certo dia. Moro em Curitiba em um apartamento de alto padrão. No térreo tem uma academia de ginástica que eu uso com uma certa freqüência, na maioria das vezes, malho na parte da manhã quando geralmente não tem ninguém.

Um certo dia começo a notar a presença de um rapaz, filho de uma amiga do prédio, ele devia ter uns 20 anos, era muito bonito, tinha um corpo bem trabalhado, e de cara me chamou a atenção, seu nome era Raul e já tinha ouvido muitas historias sobre ele, que vivia trocando de namoradas, sua mãe me falou que não agüentava mais atender telefonemas de meninas com o coração partido, ficamos amigos e ele começou a me ajudar na ginástica, quando ia pra academia interfonava pra ele me encontrar lá.

Teve um dia que ficamos a sós quando e sem querer observei o pau dele pôr debaixo do short, e ele reparou, deu um sorriso malicioso e me perguntou se eu havia gostado do que vi, sem graça respondi que não estava entendendo a pergunta, foi então que ele enfiou a mão dentro do short e tirou o pau pra fora, levei um susto com a atitude e com o tamanho da rola dele tinha mais ou menos uns 25cm me levantei do aparelho com intenção de ir embora, foi quando ele me agarrou pelo braço, me encarou com aqueles olhos verdes, e perguntou de novo se eu tinha gostado, e eu meio sem jeito respondi que era bem maior que do meu marido, então ele simplesmente falou, então chupa!!!

Fique estática, tentei fugir mas ele então segurou na minha nuca fazendo forca pra baixo, ajoelhei na frente daquele cacete e inexplicavelmente engoli tudo, comecei a chupar como a muito tempo não fazia, casei virgem e apesar da minha carência sexual nunca tinha traído o meu marido, chupava aquela rola que mal cabia na minha boca chegando ao ponto de começar a babar, Raul segurou os meus cabelos e me puxou pra cima, foi quando me deu um delicioso beijo bem molhado, bem diferente daqueles beijos sem graça do meu marido, enquanto me beijava, ele ia deslizando as mãos pôr todo o meu corpo.

Foi quando ele enfiou dos dedos dentro da minha boceta pôr de baixo da minha roupa, quase desmaiei de tanto tesão, minhas pernas bambearam, e comecei a gemer baixinho, Raul me chamou pra ir pro banheiro, fui meio relutante, ele foi atrás apalpando a minha bunda, mal entramos e ele já foi me despindo, me chupando, enfiando os dedos na minha boceta, falando obscenidades, que ele ia me comer todinha, que eu ia babar colorido, que a partir daquele momento eu iria ser a putinha dele e que ia me enrabar.

Eu ouvindo tudo calada e morrendo de tesão, Raul abriu minhas pernas e começou a chupar a minha boceta, ele abria a minha bunda e tentava enfiar os dedos no meu rabinho virgem, afastei suas mãos do meu cuzinho, disse que não iria dar o cu pra ele. Pois nem pro meu marido nunca tinha feito isso. Raul me deu um tapa na cara e falou que não estava pedindo pra me enrabar mas sim me informando que ia me arregaçar o cu.

Pedi pra ele parar com aquilo, que não queria mais, levei outro tapa, fui jogada de bruxos na pia, Raul abriu minha bunda e cuspiu no meu cuzinho, depois começou a enfiar os dedos, primeiro um, depois dois, três, chupava minha boceta e ai encostou o pinto na entrada do meu cu e começou a enfiar, doeu muito principalmente a cabeça do rola dele que era bem grande, mas depois que entrou tudo apesar da dor comecei a sentir um enorme prazer, comecei a gemer pedindo que metesse mais forte, ele disse que sabia que eu ia gostar de dar o rabo pra ele e que a coisa que ele tinha mais tesão era estourar o cabacinho das vagabundas da cidade.

Enquanto ele me enrabava, enfiava os dedos na minha boceta, tava doendo mas era uma dorzinha gostosa, agora entendia como existia tanto viado no mundo, descobri que dar o cu era bem gostoso, enquanto ele me fodia, ele me dava tapinhas na bunda e na cara, ele me xingava muito e comecei a curtir ser humilhada por aquele garoto, ele me chamou de putinha, vagabunda, piranha, cachorra e eu estava adorando, comecei a sentir uma tonteira, senti minhas pernas moles, comecei a gritar e foi quando senti!!! O orgasmo mais forte da minha vida, quase perdi os sentidos, fique mole nos braços do Raul, cheguei a ejacular pela boceta e nem sabia que aquilo era possível, minha cabeça parecia que estava rodando na hora não pensei em nada só no meu prazer, depois senti as contrações do cacete do Raul no meu rabo, comecei a ficar doida e logo depois ele gozou dentro do meu cuzinho, senti meu rabo cheio de porra quente.

Raul tirou o pau pra fora e mandou eu chupar ate ficar limpinho, eu meio zonza obedeci, chupei tudo enquanto levava tapinhas na cara, Raul me disse que tinha o maior tesão pôr vagabundas, que muitos dos seus namoros não davam certo porque as meninas ficavam regulando o rábico e ele logo perdia o interesse, falei pra ele que nunca tinha sentido aquela sensação e que eu preferia ser a putinha dele do que continuar sendo desprezada pelo meu marido, fomos embora e no elevador fui ate meu andar com os dedos dele atolados no meu rabo, seu andar era superior ao meu, nos despedimos, nos beijamos demoradamente, trocamos telefones e disse pra ele que queria repetir a experiência o mas rápido possível.

Naquela noite eu não conseguia dormir, estava com tanto tesão que minha bucetinha tava encharcada, e lá pela meia noite e meia, telefonei pra ele, falei que não estava conseguindo esquecer da rola dele e que estava ate tremendo de vontade de chupar seu pinto, Raul disse que naquela noite estava sozinho em casa, que seus pais tinham viajado pra passar o fim de semana na fazenda deles, fiquei super animada, Raul disse que se quisesse poderia passar a noite com ele, mas tinha uma condição, eu teria que ir ate o seu apartamento pelada.

Eu disse que não tinha jeito, que tinha medo de alguém do prédio me ver, então ele falou pra gente deixar pra próxima, se despediu e desligou o telefone. Fique frustrada, o tesão só aumentou, não agüentei tirei a roupa e morrendo de medo, subi pelas escadas ate o andar do Raul, toquei a campainha e ele abril a porta. Ele já estava pelado, agarrei sua rola e lhe dei um beijo na boca, ele puxou meu cabelo e me encarando perguntou quem é que mandava. E respondi que era ele, perguntou o que eu era, falei sua puta, depois ajoelhei e chupei sua rola demoradamente pôr dez minutos até ele gozar na minha boca, engoli tudinho. Depois começou a putaria.

Naquela noite ele fez tudo comigo, meteu na minha boceta, no meu rabo varias vazes, me bateu muito ate minha cara ficar inchada e minha bunda toda vermelha, me xingou, gozei umas cinco vezes, dormimos agarradinhos, foi muito gostoso, tomamos banho juntos, lavei a rola dele e ele lavou e comeu minha boceta e meu cuzinho, voltei pra casa super feliz, combinamos de sair pra dançar a noite, e o Raul mandou eu vestir um vestido bem provocante, pra parecer uma prostituta, como não tinha nenhum vestido assim, sai pra comprar, estava apaixonada pôr aquele garoto, ele já estava me dominando, marcamos de nos encontrar na garagem as onze e meia.

Quando cheguei, ele já estava no carro me esperando, ele olhou o meu vestido, era um micro vestido preto com um generoso decote que deixava os seios quase a mostra, ele mandou eu mostrar a boceta, então levantei o vestido, estava sem nada pôr baixo, ele aprovou o visual, me beijou e enfiou os dedos na minha boceta, no caminho pra danceteria, ele ficou o tempo todo me, acariciando, já cheguei com a boceta toda molhada, fomos direto pra pista de lambada, dançamos muito a noite toda, aquela dança me deixava super excitada, ele me encoxava legal durante dança, quase gozei varias vezes, sentamos um pouco pra descansar e começamos o maior amasso, gozei gostoso nos dedos do Raul, não consegui abafar meus gemidos, percebi algumas pessoas me olhando, fiquei com mais tesão ainda, no fim da noite após ter gozado varias vezes, fomos pro estacionamento.

Raul me jogou de costa no carro do mesmo jeito que a policia faz em revistas a suspeitos, levantou meu vestido e começou a comer minha bucetinha ali mesmo, algumas pessoas passavam e olhavam discretamente, aquilo me dava medo mas também me excitava ainda mais, Raul metia forte, falava baixinho no meu ouvido que eu era sua putinha preferida, que minha bucetinha era a mais gostosa que já tinha comido, dava tapinhas no meu rosto.

Derrepente, um mendigo se aproximou, pra pedir dinheiro e viu o que estava acontecendo, ele ficou olhando e o Raul perguntou se ele estava gostando, ele respondeu que sim, Raul perguntou se ele queria pegar nos meus seios, nisso tirou um dos meus seios pra fora do vestido e o apertou oferecendo ao mendigo o bico da minha tetinha, ele prontamente o pegou e começou a torcer com se tivesse procurando um canal na TV, Raul começou a conversar com o mendigo mas não parou de me comer, disse que eu era a prostituta particular dele, e que aquela picona dele estava fazendo um estrago em mim, ele continuou falando que eu gostava de uma pica, que chupava que nem uma porca, que tinha um cuzinho apertadinho, o mendigo não agüentou, tirou o pau pra forra e começou a punhetar, eu gemia feito uma cabrita.

Raul perguntou se ele queria que eu fizesse um boquete pra ele, nisso falei que não faria, Raul então me deu um tapa na cara que ardeu, disse que se ele quisesse eu ia fazer tudo que ele mandasse, o mendigo e claro topou na hora, então Raul perguntou quanto dinheiro o mendigo tinha, primeiro ele falou que não tinha nada, Raul então o mandou embora, ai o mendigo disse que só tinha dez reais, Raul falou que não tinha negocio e continuou me fudendo, o mendigo tava babando de tesão, devia ter muito tempo que não dava uma, ele não agüentou, enfiou a mão no bolso e tirou um rolo de dinheiro amassado, Raul mandou ele contar, tinha quarenta e sete reais e umas moedas.

Raul então pegou o dinheiro e mandou eu chupar a rola do mendigo ate ele gozar, enfiei aquele cacete sujo na boca e chupei. O cheiro era horrível, o mendigo tinha um picão enorme mas o do Raul era maior, o mendigo segurava na minha cabeça e metia a rola bem fundo na minha boca com se tivesse fudendo uma boceta, enquanto isso, Raul me enrabava. Os dois riam e me humilhavam, o mendigo deu umas tremidas e gozou na minha boca, como ele segurava minha cabeça não tive escolha senão engolir toda porra daquele homem nojento, em seguida, Raul gozou na minha cara que ficou toda lambuzada de porra.

Os dois então me levantaram, Raul rasgou o meu vestido me deixando peladina no estacionamento, ele e o mendigo começaram a passar as mãos em min, eles eram brutos, enfiavam os dedos em todos os meus buracos, beliscavam os meus seios, me batiam na cara e na bunda, revezavam as rolas na minha boca, me xingavam de piranha, vadia e tudo mais, era muita humilhação mas eu gozava que nem uma vaca, os dois gozaram de novo meu rosto, Raul limpou minha cara e me deu um beijo bem quente, bem demorado e me levou pra casa.

Que noite doida, nunca vou esquecer, recuperei a minha auto estima, me senti mulher novamente, descobri minha vocação pra putaria e continuei saindo com o Raul.

Comentários

10/07/2012 17:46:11
Uma história realmente ecxitante eu queria uma cachorra dessa para [email protected]
27/05/2011 09:15:36
UMA PICA NOVA PARA ELA NO DIA OS NAMORADOS ESTOU SELECIONANDO MACHOS PARA COMER MINHA NOIVA. INTERESSADOS DEVE ESCREVER PARA [email protected] ELA TEM 43 ANOS, BOAZUDA E ADORA DAR E FAZER DE TUDO NA CAMA, E MORRE DE VONTADE DE FAZER DUPLA PENETRAÇÃO. SE VC É MACHO, BONITO, PAUZUDO, VEM FALAR COM COMIGO. MANDE E-MAIL COM FOTO E TELS. EU FAREI UMA SELEÇÃO PARA DAR A ELA UMA PICA DE PRESENTE NO DIA DOS NAMORADOS JACK
29/03/2010 19:01:46
nossaaaaaaaaaaa que putinhaaaaaa safada adorei voce sua vadia gostosa,tesuda quero voce mamando meu cacete aqui sua cachorra tesuda me add ai [email protected]
24/09/2009 21:34:04
Muito bom, excelente! Nota 10
24/08/2009 18:27:56
QUE SAFADA GOSTOSA!!!!NOTA 10 E PRONTO!!!!
20/01/2009 12:59:48
Tbm sou de Curitiba safada Estou ao seu dispor, quero te dar muito leite no boca e lamber esse cu
26/12/2008 22:29:45
vagabundinha, safada... Quero meter nesse cuzinho
27/10/2008 13:06:04
FIQUEI DE KCT DURO SO DE IMAGINAR....VC DEVE SER UMA DELICIA
20/04/2008 21:41:57
olá! nossa esse conto realmente me excitou... gozei só de imaginar comigo... muito bom!
16/10/2007 10:50:52
nossa muito tesante seu conto gostei mesmo! casa queira fazer contato e participar de umas sacanagens é so me add no msn [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


madrasta traza com estrando até de se casacomendo sogra encuanto dorme porno loiraincesto sendo encoxada e rebolando gostoso contos pornoconto erótico de mendingoXVídeos coletânea de mulher sendo agarrada no serviçoEu e minha prima no motel eu disse que eu nao ia meter meu pau na sua buceta virgem mais eu meti meu pau na sua buceta virgem eu disse pra ela agora sua buceta nao e mais virgem conto eroticocontos eróticos gay o tratador de cavaloContos eroticos chotei na puca do meu padrasto parte1sexo conto erotico semem embuchadaprofessora para niguei botar defeito tao gostoza pelada linda buceta greludavideo porno botei meu pau ate as bolas na boca da tiaEu e minha prima no motel eu disse que eu nao ia meter meu pau na sua buceta virgem mais eu meti meu pau na sua buceta virgem eu disse pra ela agora sua buceta nao e mais virgem conto eroticoler relatos d velhos d pau gigantes q arrombaram asmulheresx video mobili com mulher gostoza colocando chifre no marido com o amanteContos eriticos .como virei escrava do vizinhonegaocomi o cuzinho do valentao a forca contoschicao corno submisso ao negao 4 conto cornopilha de vestido deu bobera com papai e a pica gozou na pomba porno inosentecarne conto heteronovinha com pouco pentelho contoscumeno a safada do bundaocasal praticante de zoofiliacontos irmazinha nossa punheteiracontos eroticos A Dama e o Bruto munita gozadaver contos eroticos em que maes sao flagradas pelas avos fudeno com os filhos pauzudosde Emoções d********* pornô gay pelado com o c* arreganhadovidio de homem fosando a mulher a bebe a gosma dele pornodoidovovo gostosa seduzindo o neto contos eróticosdormi com meus tios e levei dedada na bucetaXVídeos pornô brasileiro sogra ameaçando genro para transar com ele filha escuta todos os diasxvideo.ana desfarsado no quarto da novinhaVideo porno safada sendo fudida homem rolaque so jeguefunk pancada novinha loirinha fudendo muito e meninas também cheirando muitopauzudo fode bucetamenorsites porno contos eroticos de incesto mae ver o pau duro do filho fica com tesao com a buceta toda meladavideo porno denovinha enfrento pau grandeconto titiocomeu meu cu no natalmae gostosona chora na pica grossa cabecuda do filhonovinha sendo agarrado com outra garrafa com cachorro na xícara XVídeosvídeo pornô feito no lixinho para Guarulhospaguei para tranzar com a noivinha evangelica contosCorno humilhado na lua de melnovos xvideos metendo com forçaaaaaaezibi vizinhas goistozacontos meu cunhado tinha um pau gigante e eu quis experimentarcasada santinho e seu corninhogozando dentro da buceta das lindonas nas baladasContos eroticos das mamae que ensina seu filhinho a namorarconto gay "todas as formas de amor"Meti minha pica no xiri da minha sogra de 49 anosvideo cooelho mamano no homemm zoofiliavirgens+perdendo+o+cabacao+da+buceta+e+do+cu++virgensarregasado a buceta com muita velocidadecorno leva 2negoes pra tranzar com sua mulher e fica apavoradocomtos eroticos incesto dei minha busetinha ainda sem pelinhos para um velhos muito pausudo e meu irmao descobrio e quis fuder meu cusinhominha tia Gleice Albuquerque pornôvídeos sexo gays estrupo vampiro principes dandoanal violentto e profundo com gozo dentContos de incesto mãe e filhodoce nanda parte cinco contos eroticosvi um negao tonhao rasgamdo a xota da minha esposagarota misterio cdzinhanão sei Teixeirinha gostosa arrombadavídeo caseiro de sexo com a namoradinha pedindo para namorado com meu com filho dela devagarzinho ela muito escandalosacontos eroticos papai me comeu e eu gosteieu. quero. ve. video. porno. com. menina. de. quize. ano. pegarno. carona. de. caminhaomulheres chorando muito pedindocpra parar de botar no cueuconfessosograver instoria de susane .. casadas dando a buceta pra outros homensminha mae me iniciou na zoofiliafatima encarando um caralhaoSacaniha reboado nos pauzaopornô vai consertar geladeira e ela transa com Letíciacontofudi minha cunhadaxvideo negao no branquinho esfoloTio arroba o cu da sobrinha conto eróticosolhando a vizinha gostosa de shortinho depois pula o muro e mete a piroca na vizinhaconto viadinhocazal maduros mamado jutos uma picamolestando a filhinha inocente....passando a mao na bucetinha de calcibha..esfregando a rola ate gozarbigbundagayincesto/imaginaçoes com a maebrincando escanchada contos pornocontos de incesto mãe pede a filho que depois a Cona e o grelovidio de sexo com compadre sedusindo comadre ate foderpai pausudo fudeno o cusinho da filhacontoerotico.com.br/contos/amamentando-o-gostosao/ijapones enchendo cu da japinha dr liquido xvideoconto viadinhocontos eroticos diaristaClaudia souta nua mostrando a bucetafilme porno "ligados pelo desejo"encoxada bem arroxadacontos eróticos de mulheres que foram f***** por bem dotados na grossura de caramba sua b***** arrombada