Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

O moleque era bobinho

Autor: Profa
Categoria: Heterossexual
Data: 15/10/2007 12:20:24
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (3) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Moro sozinha, numa casa típica do interior, quintal com gramado, piscina, jardim ... tenho uma empregada q/ vem 3 x por semana, mas não cuida da área externa da casa. Então sempre tenho q/ contratar um sr p/ esses serviços e outro dia ofereci à um aluno bolsista da escola q trabalho, ele estuda numa escola particular, mas não tem condições de acompanhar a moda dos jovens e o coitado é recriminado por isso. Expliquei a ele q/ teria q/ cortar a grama, tirar as folhas da piscina, regar as flores e eu pagaria o dia p/ ele. Depois da aula ele ia p/ minha casa trabalhar, eu deixava um lanche na mesa de fora já q/ raramente fico em casa.

Um dia desses estava na varanda e lá de cima observava o garoto tirando folhas da piscina e pintou a curiosidade: O q/ um garoto mirrado, feinho tinha no meio das pernas, um pintinho, um pinto ou um pintão? Entrei no quarto coloquei um biquíni, desci as escadas e fui p/ piscina, pedi q/ colocasse a espreguiçadeira perto da água, tirei a toalha e deitei de frente, ele deu uma olhadinha, disfarçou, continuou tirando as folhas, então passei protetor no corpo, soltei a parte de cima do biquíni, enchi as mãos de creme e esfreguei nos seios volumosos, ele dava olhadinhas rápidas e continuava seu trabalho. Deitei de barriga p/ baixo e pedi: -Leandro, vem passar protetor nas minhas costas. Ele veio meio sem jeito, começou a passar leve/e. – Esfrega com força p/ o creme desaparecer e fazer efeito, ele me massageava. –Passa na minha bunda tbem, nas coxas. Eu virava o rosto e tentava ver algum volume no seu short e nada, então pensei se estiver molhado vai aparecer, sem querer querendo deixei os óculos caírem na água. –Ai Leandro, meu óculos caiu, pega p/ mim. Ele tentava pescar meu óculos. –Entra na água e pega p/ mim. Ele disse não saber nadar. Bingo. Pulei na água e o convidei: -Vem, eu te ensino a nadar. Ele relutou um pouco, mas com minha insistência ele desceu as escadas com medo. Segurei suas mãos e meus seios ficaram praticamente na sua cara. Leandro ficou sem jeito e eu o puxava p/ q/ tocassem neles, sem querer. Coloquei os braços sob seu corpo p/ q/ se equilibrasse, mas ele afundava, numa das tentativas passei a mão no seu pau, o safadinho estava duro. Logo cansei da brincadeira, e disse: - Você não aprende a nadar. Vou te ensinar outra coisa. Tirei a calcinha sob o olhar fixo do garoto. – Tira o short! –Não!!! –Tira sim vc vai gostar do q/ quero te ensinar, puxei o velcro do short e abaixei junto com a cueca, enfim pude ver seu pau, era um “pinto”, meio fino, mas de bom tamanho. Peguei ele pelas mãos e encostei no seu corpo, os seios na sua cara, conduzi p/ parte rasa, peguei suas mãos coloquei nos meus seios, ele ficou imóvel.

Vc gosta de seios? Ele balançou a cabeça afirmativa/e. – Então acaricia, beija, ele assim o fez, ficou apertando, puxei seu rosto e coloquei o biquinho duro na sua boca, q/ sugou parecendo querer arrancar o bico, gostou e não sabia se chupava ou amassava. Peguei seu pau e comecei acaricia-lo, encostava na minha xota, punhetava devagar. Sentei na borda da piscina com as pernas abertas, a xota diante de seus olhos e perguntei: -O q/ vc quer fazer? E ele: - Meter. –Calma, não quer dar uns beijinhos nela? Passa a língua dentro. Ele assim fez, beijou e lambeu timidamente.

-Hummm que delicia, lambe mais, lambe bem gostoso, põe o dedo, chupa aqui em cima, no grelo, isso chupa com vontade, enfia os dedos, ai gatinho que gostoso. Leandro agora chupava forte, metendo os dedos e eu logo gozei na boca daquele moleque mirrado.

-Vem gatinho, senta aqui, pulei na água, agora era minha vez de chupar aquele pintinho inocente. Peguei seu pau e o levei a boca, chupei bem forte arrancando gemidos tímidos do garoto, fiquei abaixando e levantando a cabeça sem parar, com as mãos nas suas pernas fazia seu pau ir até minha garganta, de repente o garoto parecia ter convulsões, tirei a boca do seu pau e o coloquei entre meus seios, masturbei um pouquinho e logo recebi sua porra, farta, talvez a 1ª da sua vida.

Deitamos no chão e eu fiquei acariciando seu corpinho magro, peguei seu pau murcho, fiquei massageando e sem muito trabalho o deixei duro.

-Quer meter comigo?

-Quero, quero sim.

-Então chupa minha buceta mais um pouquinho. Agora ele já sabia como fazer, beijar, lamber, Oscar os dedos bem no fundo, qdo senti q/ estava bem molhadinha perguntei: - Como vc quer me comer, na água, na cadeira, por cima...

- De quatro. Resposta obvia, claro, parece q/ todo moleque só sabe essa posição. Fiquei de quatro e ele segurou meus ombros, encaixou seu pau e começou a meter, parecia um cachorro em cima duma cadela no cio, metendo rápido, grudou meus seios e socou com força, sem parar, cada vez mais rápido e eu o incentivava. –Vai gostosinho, mete na sua professorinha, todos te desprezam e vc mete nessa putinha q´todos querem, mas só vc tem, isso não para, mete gostoso, põe no fundo. Leandro se atracou mais ao meu corpo e gozou. Então eu expliquei: N uma transa. Os dois tem que gozar, vc gozou gostoso, mas eu ainda não, vc pode fazer mais um pouco? Ele olhou p/ o pau quase murcho. Pedi que o lavasse e comecei a punhetá-lo com calma, qdo estava meia bomba, coloquei na boca e suguei a cabeça com força, fazendo-o contorcer de dor e prazer, chupei seu pau até ficar total/e duro, mas qdo disse que queria no cuzinho, aí ficou estourando. O moleque real/e tinha aprendido, fiquei nova/e de quatro e Leandro chupou meu cuzinho, p/ depois enfiar o dedo, enchi a mão de creme e esparramei no seu pau dizendo q/ era p/ deslizar melhor. Leandro posicionou e foi fincando a rola, devagar, qdo entrou tudo começou a meter com força, bem rápido e eu gemia escandalosa/e. –Isso come meu cuzinho, mete o pau que eu gosto, mete mais, soca fundo, ahhhhhhhhhhhhhh, come essa putinha, eqto isso estava com os dedos na xota numa siririca deliciosa, me fodendo sem parar. Leandro me fodeu sem parar, socando com toda força q tinha, numa velocidade incrível que eu mal me equilibrava e em pouco tempo gozei.

- Ah, não para, vou gozar, vai mete fundo, vai gatinho, hummmmm gostoso, estou gozando. Caí no chão, Leandro que não havia gozado ficou com o pau na mão, pedi que punhetasse e gozasse nos meus seios, dessa vez a porra vei fraca, mas o moleque gemeu forte, peguei seu pau e fiquei esfregando nos meus seios.

- Leandro, vc já beijou alguém?

- Não, então segurei seu rosto e o beijei, colocando minha língua na sua boca, chupei gostoso sua boquinha jovem.

- Gostou da aula?

- Ahã .

- Então já sabe hem, é nosso segredinho. Chaqualhou a cabeça afirmativa/e e saiu correndo feliz da vida.

Beijos molhados à todos.

[email protected]

Comentários

j.a
14/03/2015 05:28:54
10
17/10/2007 17:19:21
Show de bola......
17/10/2007 13:09:33
Adorei seu conto, gostaria de saber c vc nao gosta tbm de rapazes mais velhos, tipo 26 anos, c gosta me mande um email pra gente trocar fotos, e quem sabe c envontra, bjos, [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


como meu tio roludo e comedor comeu minha esposa novinha 1 contosporno doido so chupança de buceta. com muita fomexvideo damçano de saimha sem calsinhademorou mas minha esposa aceitou e aproveitouhistoria de genro homem hetero transando com sogro homem heterogranfina brasileira sequestrada e fode e gozafilha faz as pazes com o pai xxxbelo sexo dormindo de conchinha com a tia so de calsinhacomi a minha tia pela primeira vezmelhore estrupa amiga chupandoa a forsa porno fasil asesopornô doido chupando os mamilos da Dalvinhazdorovsreda.rucontos erotico coroacasado comendo onovinhofraquei minha mae peituda dando no quarto para meu primo roludoRelatoa erodico de geyse arruda contando como.perdeu a vingidade do.buceta e do.cuzinhovideos de porno doido com coisas indessemtecontos cuzinho da Robertawww.x10 porno incesto mãe e filha obrigando ao filho para transar com elasContos porno bucetinha da bisnetinhaMeu voyer filhomenina+bem+novinha+nua+dadi+seu+cu+vigi+para+padtastotirei a virgindade da minha empregadacaseiro homem sai e o jardineiro come cu da mulhercontos/vendi meu cu virgemouvir barulho do pinto entrando na buceta pornôafricano comeu meu cucontos/perdi o cabaco muito tardeclarinhasafadinhaconto erótico assim nasce uma travestibuceta de pombagirapornodoido meu pai me consola depois deu chorarcontos eróticos peguei minha esposa com um travestimarido tranza com espoza no acampamento chega mais e tranza com ela contosxvideo montadord moveisquero ver filme pornô de mulher com a buceta da Bruna dirigindo porrano swing marido nao permite que metam na esposarevista em qadrinho mae mulata de calsinha de rendinha atolada no rabo pede pro filho come sua busetacontos erotico chantagiei e depilei minha sograe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoravanessinha dias/casadoscontoseu quero ver vídeo mulher tomando banho com aquelas calcinha largaconto porno gay. bullyingcontos anal c cavalos e tourosboa foda mastubando com coisasdiferenteO Riquinho e o Favelado conto gayConto porno virgem deflorada por traficante pauzudo da favelagosando vom o cachorrogemendo e gozando gostosas espirrar esperma longe. porno atitudiMeu primo caralhudo fodeu os meus cabacinhosvidios porno d braziliras no concuso quem cosegi beber mais pora porno doidocomtos eroticos incesto dei minha busetinha ainda sem pelinhos para um velhos muito pausudo e meu irmao descobrio e quis fuder meu cusinhocontos eróticos filhinha novinha gostosa delirando no colo do papaiconto erotico machucou o cu da casadinhacontos esfolei o anus da mamae bebadacasada sequestrada e estuprada na lua de mel pornoxvideos. com as gostsona no rnentregei uma pizza e mepagou com boqueteContos meninas dez perde cabaço pro papaiConto na fazenda maninha viu meu pau molexvidios travestis na punhetas novingaslucie fodedeovideos de mulheres ficando toda impinadinha ao perceber a encoxadamulata safada gosto da vara do roludo e traiudoce nanda parte IV contos eroticosxxvideo porno brasileiro novinha chora ao ter q fd cm varios depois q perd apostasó branquinhas gostosas tesudas encitantes transando com seu cachorro até gozarnovinho vendo o roludo pela janela e ficando loucover videos de marido tanpano os olhos da esposa e levando outro homem para fodelachantagiei minha comadre contospadastro come a enteada loirinha e faz ela gosar varias vesesconto erotico briococonto erotico caseirocontofudi minha cunhadayeezus ana casa de contos eróticosSaia Desse Barney comendo Vilma na camacunhada e cunhado beberan e acabaran fasexo sexovídeo pornô da cachorro satisfazê-lo cachorro satisfazendo sua donaporno mirou na buceta e acentou o cuQuerido lavei a conaso vidio maquinasexisurfistas de rola duranovinhohs gostososvamos ver se vc aguenta minha pica toinha ate no talo na sua buceta virgem sexocontos eróticos meu maridoviado corno na zoofiliafazendeira metendo com piao pretomulher chupa gostoso com o dente encavalado pornoPorno contos incesto maes ensinam suas meninas como chuopar bucetas paus dos pais dar os cuzinhiosanythingespertinha tentou fugir sem pagar o taxi e teve q fuder - completocontos eroticos da secretaria crente e timidafoda incesta mae dormindo bem profundo tipo estupro putaria brasileira cenas fortes de estrupo mae sexomeninas que gota de gozada na boca pornoxvideo chapeuzinho Vermelha no bosquevideo de sexo com novinha com varios moleque no igarapéXxvideosVizinha gostosa de shortinhoadoro ser enrabada conto eroticoentrei no quarto errado e me fudi contos de incestoXxvideo so a cabeci.ha nela dormindo