Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Uma japinha e dois negros

Categoria: Heterossexual
Data: 28/10/2007 00:38:17
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual

Baixinha, corpo bem feito, bumbum impinadinho e seios durinhos, cabelos pretos compridos até a cintura, ia andando pela rua indo a casa de uma amiga. Ela mora em um prédio no segundo andar, onde tem mais 3 apartamentos. Cheguei, toquei a campainha e ninguém atendeu, precisava pegar uns cadernos com ela e resolvi esperar, quando um de seus vizinhos, um negro alto, forte e bonito me viu ali na porta e disse pra eu ligar no celular dela do seu apartamento, eu ingenuamente fui toda agradecida. Entrei e tentei ligar mas estava fora de área. Quando já ia saindo o irmão dele entrou e começamos a conversar. De repente a conversa foi ficando picante e eu achei melhor ir embora, mas fui impedida, eles disseram que sempre quiseram comer uma japonesinha e eu caí ali de presente pra eles. Foram falando e já me agarrando, os dois eram grandes e fortes, não tinha defesa contra eles, que foram me passando a mão dizendo...Não adianta lutar gostosinha vamos te comer de qualquer jeito, se bancar a difícil ainda vai apanhar, vamos te mostrar como fazemos uma mulher gemer. Foram me despindo e logo eu estava nua, eles já de pinto duro também tiraram as roupas, quando os vi pelados fiquei ainda com mais medo, seus paus eram enormes, deviam ter mais de 20 cm, e eu que sempre fui rasinha e apertadinha fiquei aterrorizada, mas não tinha o que fazer, lutar seria bobeira. André, o mais velho, me agarrou por trás e me mordia a orelha, a nuca e roçava o pau na minha bundinha, sentia aquele mastro duro esfregando em mim, o mais novo não querendo ficar de fora me agarrou pela frente, chupava meus seios, apertava-os com as mãos e me beijava a boca, enfiando toda a língua dentro da minha boca e me fazendo chupá-la. Fiquei ali no meu dos dois por um bom tempo. Um deles me pegou no colo e me levou pro quarto e me deitou na cama, eu chorava mas não tinham dó, o outro entrou no quarto com uma corda nas mãos, amarraram minhas mãos na cabeceira da cama dizendo...Ei japonesinha vai se sentir uma putinha quando acabarmos com vc... Me lamberam toda e abriram minhas pernas, Sandro, o mais novo, se colocou entre elas e caiu de língua na minha rachinha, enfiava a língua lá dentro, mordia de leve meu clítoris, enquando André chupava meus seios. Andre enfiou o dedo na minha boca e me mandou chupar dizendo...vai treinando com meu dedo porque logo vou te dar algo maior e mais grosso pra chupar. Não queria, mas ele com um tapa no meu rosto me fez obedecer. Sandro agora enfiava o dedo na minha bucetinha dizendo...Sandro, essa mestiça é mesmo uma delícia, é muito apertadinha, parece uma vírgem, vamos arrombá-la com nossas varas GG. Sandro trocou de lugar com André que foi logo enfiando o dedo pra ver se era mesmo apertado, e André se agaixou perto da minha cara e me mandou mamar...Mama, neném, nessa mamadeira preta do papai aqui, mais uma vez obedeci depois de um tapa no rosto, ele enfiava aquele pinto monstruoso na minha boca...aperta minha pica com os lábios sua vagabunda, vc vem na casa da sua amiga com essas roupinhas curtas e fica provocando agente, hoje vai ver o que é bom. Enquando o Sandro fodia minha boquinha o André continuava fazendo sexo oral em mim e agora enfiava o dedinho no meu cuzinho vírgem, o que me deixava ainda mais desesperada.O pau do Sandro estava duro como pedra na minha boca e ele se levantou, o irmão saiu do meio das minhas pernas dizendo...Vai maninho, enterra logo esse pau nessa mestiça, quero ver ela gritar. Sandro obedecendo o irmão mais velho, se posicionou entre minhas pernas e colocou o a cabeça do seu pinto todo babado na entrada da minha bucetinha. Mamou um pouco nos meus seios, e foi pincelando, pincelando, pincelando, até que começou a forçar a entrada, doía, eu gemia, mas ele continuava, quando passou a cabeça eu gritei e ele respondeu...Nunca lvou pica grande assim né, vc vai sofrer um pouco mas vai gostar. Ía entrando cada vez mais, e de uma vez enterrou forte, dei um grito que parecia um urro, minha xana estava toda ocupada com aquela pica enorme e grossa, ele ficou parado um pouco dizendo que era pra acostumar, enquanto isso ia chupando meus seios como um animal faminto, seu irmão só assistindo e batendo punheta. De repente começou a tirar, sentia alívio mas logo enfiou tudo de novo, entrava e saia, minha xana ardia indescritivelmente, eu gritava e ele...grita gostosa, grita que vc me excita ainda mais, sua chana está apertando tanto meu pau que estou estourando de tanto tesão. O ritmo foi aumentando, meus seios balançavam a cada estocada, cada vez ia mais funto, sentia seu pau esmagando meu útero, e ele não parava, entra-sai-entra-sai-entra-sai-entra-sai-e-s-e-s-e-s-e-s.....E ele uivando como um animal tirou o pau e correou colocar na minha boca onde gozou imensamente e me fez engolir toda a sua porra. Mal acabou e o irmão vei dizendo...agora é minha vez mas quero que seja minha cadelinha, me desamarrou e me amarrou de novo só que de 4, veio por trás de mim, apertando meus seios e enterrando seu pau na minha xana ardida, foi fudendo ainda mais fundo de 4, eu gritava e ele me dava tapas no bumbum dizendo....rebola minha cadela, rebola no pau do seu cachorrão, me segurava pelos cabelos e agora me chamava...Sente o cacete do seu garanhão minha eguinha brava, estocava fundo sem parar.De repente parou tirou o pinto da minha bucetinha e passou o dedo em alguma coisa oleosa e começou a passar no meu cuzinho, eu implorava pra não fazer isso, mas ele ria. De repente ele segurou na minha cintura, seu irmão do lado abriu minha bunda. Colocou a cabeça do pinto na porta do meu cuzinho, pulei pra frente, mas me seguraram e foi enterrando aquele pinto enorme na meu rabinho, eu gritava, gemia, chorava, mas ele implacável enfiava cada vez mais, até que enfiou tudo...A cadela tem o cú muito apertado mano, vc vai gostar. E começou a bombar, meu cuzinho sangrava e ele vendo seu pinto com um pouquinho de sangue ficou mais doido ainda, ia aumentando o ritmo me segurando pelos cabelos...Toma putinha, sente o que é bom, um caralho enorme arrombando seu cuzinho de menina fresca, rebola pra eu gozar senão não vai acabar nunca.Ai, ai, eu gritava, mas seu irmão deu um geito de me calar, colocando seu cacete na minha boca...Mama minha pica e rebola no pau do André sua vadia, com esses olhinhos puxadinhos e essa boquinha deliciosa. Fiquei nessa tortura até que André encheu meu cuzinho com seu selite, e Sandro sem perder tempo já ocupou o lugar do irmão fudendo ainda mais meu cuzinho que já parecia estar adormecido. Fudia com violência enquanto seu irmão dizia muita sacanagem...Ainda não acabei com vc japonesinha gostosa, vamos brincar muito com vc ainda, e Sandro tambem gozou no meu rabinho, me desamarraram e me mandaram descansarContinua

E-mail= [email protected]

Comentários

22/05/2008 13:18:19
Legal e bem contado. Gostei mesmo...Pena que é somente uma fantasia né ????
04/01/2008 19:11:59
adorei seu conto espero ler mais uns, amei
30/12/2007 16:19:18
Adorei seu conto, tenho um tesão enorme por orientais
29/10/2007 15:28:35
>>> Amei <<<

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


gatinha. trepanfo. pau. 50. citimetruassitir vidio de porno os mecanicos me arrobaramcoletane de cobtos eroticos de travesti bem dotado ativopornodoido sogra da cugrade a genro e filha na salaum homem totlmente nuxxvideo enviando abraço na buceta doce nanda parte cinco contos eroticosconto em casa neste frio minha boceta pede pica paifoto porno de babalu montada no cavaloxvideos sentando no pau gostasentetarado estorando boi no mato xvidio.comCasa dos contos eróticos perfil pluto69passa manteiga no corpo e na busetaporno loiras xiri gigante anal picas trinta centímetrosver e baixar video porno duas morenas tomando no cuzinho cheio de porra ela ate mija aos poucos e a porra sai de vagar com seu cu arombado e piscando muitopriminhos na ferias do colejo fazem muita putariacomentários350 anal de meninascoroas. de shortinho mostrando os. beicinhos. da chanametendo de lado e goasano na portinha da bucetacasadindo novo dando o cu e esposa vendo xvideoEu quero pornô com tio t***** comendo a novinha apertadinha do patinho doidovideos de homem pecando na puçeta de a coroabem quietinho cornitudecontos-esfregando na bundinha da netinhamae japonesa leva servisal para as conpras negao pega no cassete dele e fodeContos eróticos de incesto mãe tarada descabacando filho dotada com fotoshttp://conto me pagou pra me fuderbucetaque tenham o monte pubiano volumosominha colega foi estuprada por tres piçudos e gozaram dentro delasiririca em horas inoportunasler conto erotio descabaçando irma peludasogras com genrosbucetasentregei uma pizza e mepagou com boquetexvídeo a novinha tomar esperma do joelhinhochupando buseta labefo pasda mso bocshistoria de genro homem hetero transando com sogro homem heterobranquinha de cabelo preto baby doll da buceta inchadavídeo porno mulher faz sumi dentro dela penes de quarenta centímetro dentro delasexos de negues arregaçando xoxotascomo q estourar as bolinhas sexchop sexuais na relacao sexotia gemendo peituda vizinhacontos eroticos ele esfolou meu rabinhogozou na bunda da irma lavano loucaminha irma chorou quando tirei seu cabacinhoirma fabiana de carinha de anjo coçando a xoxotacontos eroticos mulher casada bi sonia e suas amigasContos swing minha comadre e eu desfilando de calcinha para nossos maridosVectra no pau de borracha bem grande na buceta no pau de borracha na bucetaContos gays vestido de mulher para o negro dotadoEu Queria arranjar uma queria que passasse um filme para mim né e mulher pelada para mim entendeuchorou na dupla penetracao com amantes mega cacetudosFamosos cafuçu no braco todo nu peladover mulhe chutando bocetareginacasa do contos eróticos publicadosseja perguntei a vida de sexo de travesti pornô com a nossa prima de vozmae icestuosa desabafo de maecantos com eroticas tio pirocudo com sobrinhas virgemCovidei meu amigo pra toma uma cerveja em casa depois comemos minha esposa casa dos contosmeu patrão desejou comer a minha namorada vídeo pornô cornos Aracajueuconfessosograporno conto erótico apaixonada pelo filho da minha madrastaMiller tair marido com ladrão em casa phornomalandro gay passivo dando o cu contoPeço assistir video pornografico quente ao vivo, de meter o pau fundo e brincar dentro da vagina, eu chupando outro pau bem gostoso, gemendo de prazer incansável,novinhas so gost de negraopornofime porno marido infindo garrafa no cu da esposa amigos fodem o casal bi que arranham na rua pornocontos eroticos strip poker com minha namorada e cunhadamulher falando juramento de gemido vídeos pornôvelho rasgador de bucetaxvideos lavei.de porra a boca fs novinhamulher centa na bengalabuceta d penuarContos sou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempocurrado na borracharia de beira de estrada conto erótico gayirmãzinha viu papai comendo titia e quis tambémhtts:you.comtube ponodoidoporno caseiro dupla penetraçao ela fica brava porque doeu o cuconto mamae dormia de calcinha atolada no cuConto tirei o biquine no quarto do meu paicontos eroticos safados de professoras madurasContos eroticos tia tirou afinidade do sobrinho estrupicio .pornoconto zoofilia novinha e os cachorros Minas Geraiscontos a Loba tarada no analmulher novinha transando com jumento jumento emocionada com cocoboa foda nos adoramos nos amarme deliciei vendo minha mãe tomar banhoxvideos desleal branquinha dando pro negaoa cordei com meu irmão inchendo minha buceta de porracontos eroticos feminizaçao do garotinho maedei para um pauzudo e quase morrifihota coxuda mete 4 tipoDesabafo de uma mae cap XIvídeo de moleque pequenininho trancadinho batendo p****** sexoxvideos vermebrancofranco e belinha zoofiliavideos porno fodendo mae emprensadaxivideo homem cumendo vea