Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Sexo Literal. Grávida bem fodida

Autor: Marli
Categoria: Heterossexual
Data: 12/11/2007 13:04:47
Nota 8.21
Assuntos: Heterossexual

Então, eu me chamo Marli. Bom...eu tinha engravidado de um namorado, mas o relacionamento não deu certo e eu estava sozinha com aquele baita barrigão de 6 meses, enfrentando tudo sozinha, mas podia contar com meu amigo Rui. Trabalhamos em um escritório de médio porte. Ele era separado e tinha duas filhas; uma de dez e outra de cinco. Conversávamos bastante e eu realmente nunca senti atração por ele. Não era um tipo bonito, nem atlético. Cabelo curto, alto, pele branca e sempre de roupa social. Acho que eu o considerava assexuado inconscientemente, de tanto que lhe contava minha vida, como se fosse uma amiga, na verdade.

Mas um dia o assunto “falta de sexo” mudou este conceito sobre ele. Estávamos sentados no sofá, tomando um café, apenas nós dois, nosso patrão estava viajando e não tinha muito o que se fazer naquele dia. Havia também uma outra contadora, Rosângela, na sala ao lado, que podia nos ver dali por causa da porta aberta. Mas parecia tão compenetrada no computador que aposto que estava vendo orkut, msn e matando o tempo como nós. Era raro esse marasmo, mas quando isso acontecia, tínhamos que aproveitar. Só nunca imaginei que Rui e eu aproveitaríamos daquele jeito...

Eu falei-lhe que estava sem tesão, me sentia feia de barrigão e peitos grandes.

_É só por falta de estímulo. _ respondeu com a cabeça para trás, apoiada no encosto do sofá. _ Duvido que se ouvisse falar sobre isso não ia ficar excitada.

_Não sei... _ deixei meu copo na mesa onde ficavam as revistas e recostei-me também, fixando o olhar em um ponto do teto. _ Que tipo de coisas?

_Uma língua.

_Ãnh? _ franzi a testa, mas não o olhei.

_Uma língua quente, descendo pelo seu pescoço e lambendo sua pele até sentir o gosto salgado.

Ele não estava falando aquelas coisas para mim, estava? Olhei para a nossa colega na outra sala, mas estava tudo seguro, ela mantinha-se entretida.

_E a língua sobe de novo e encontra sua boca aberta e úmida. Te beija com muita vontade e você sente que começa a pulsar entre as pernas.

_Sinto... _ fechei os olhos e entrei naquela brincadeira de sexo literal.

_Mãos... Gosta de mãos?

_Ãnh... gosto... _ lambi meus lábios, estava ficando de boca seca.

_Elas estão deslisando pelas suas costas até apertar a sua bunda e abri as suas pernas.

_Abre, eu deixo, vem com a língua...

_Afasta a calcinha então, deixa a língua lamber seu grelo.

_Aiii, lambe assim bem gostoso.

_Arreganha mais para eu enfiar a língua no fundo.

_Aiiii, que delícia, gosta da minha... _ parei de falar e abri os olhos, aquilo era irreal, não estava acontecendo. Mas Rosângela nos ignorava. Não havia nada de errado de longe, nós dois lado a lado falando baixinho.

_Da sua boceta carnuda... ela é uma delícia, deixa eu comê-la?

Eu virei o rosto para o lado e o encarei pela primeira vez. Não dava mais, aquilo tinha passado dos limites! Não era possível que estivesse só montando um conto oral... Seu pau estava duro sobre o tecido da calça.

_Precisamos voltar a trabalhar. _ apoiei-me com as duas mãos no sofá e me ergui. Ou a gente voltava a ter uma atitude de respeito, ou não conseguiria olhar mais para Rui.

_Concordo, temos que fazer alguma coisa. _ levantou-se também, mas fechou a porta.

Meu coração pulou no peito e ele caminhou sério em minha direção.

_Quer? Ou não quer? _ beijou-me o pescoço e passou a língua, antes que eu respondesse.

_Eu... Ãnh... _ suspirei e apertei sua bunda. _ Eu quero tudo.

Rui abriu os botões da blusa e a puxou para fora da calça eu fiz o mesmo e entreguei meus seios para ele chupar. A boca quente engoliu tudo e minhas pernas bambearam.

_Toma tudo, chupa... isso, lambe bem..._ apertei seus cabelos com a mão.

Eu sentei-me no sofá e ele abriu o cinto com pressa, sufocado de tanto tesão, a cabeça do pau já para fora da cueca assim que o zíper se abriu. Puxei a cueca até seus joelhos e peguei o pau rígido com a mão já salivando. Que saudade de ver um cacete tão rígido como uma barra de ferro, lambusado pelo caldo transparente e salgado que eu estava prestes a sulgar todindo. As veias grossas e túrgidas iam ser sentidas pela minha língua que já estava doida para percorrê-las.

_Enfia tudo na boca, vai, come ele bem gostoso..._ puxou meus cabelos para trás e eu não pude mais resistir, abocanhei e sulguei com muita vontade. _ Ãnhhhh. Aiiii, que maravilha... Hummm. _ mordeu a boca e guiou minha cabeça para frente e para trás, bombou como quis, me provocando ânsia de vômito. _ Você adora, não é, que chupadora... Não sabia que era...ãaaanhhhh tão boa nisso...

Ele realmente não conhecia o quanto de puta morava dentro de mim. Mas quando coloquei suas bolas na boca começou a perceber em que eu era mestre.

Meu vestido tomara que caia que já tinha os meus seios para fora foi levantado por ele. Ajudou-me a tirar a calcinha e fez muito melhor do que falara. Lambeu minha xana com mais vontade que qualquer homem já tinha feito.

_Aiiii chupa, chupa minha boceta.... AAAiiiiii.... _ gemi e nem quis mais saber se a Rosângela estava ouvindo, provavelmente já tinha percebido o que nós dois aprontávamos ali dentro trancados. _ Ai, Rui, me fode logo, porque eu não agüento mais, mete teu cacete todo em mim, mete, mete, mete...._ implorei já sofrendo de tanto tesão, minha buceta ardia.

Ele sentou-se na sua cadeira que ficava perto do sofá e bateu com a mão na coxa.

_Então vem aqui e senta no colo, vem?

Eu me levantei e fui até ele, que chegou a cadeira um pouco mais para trás para dar espaço.

_Eu sempre quis te fuder assim de costas, sabia? _ ele revelou-me, enquanto eu guiava sua pica feito um pedaço de bambu para minha xota molhadinha. _ Hum... Deixa ele te invadir.

Eu hesitei, estava apertado, mas ele me puxou pela cintura para baixo e entrou tudo.

_Ãnhhhh.... Que pauuuu, ai que delícia de pica.

_Gosta putinha... _ falou arfante no meu ouvido e desceu com a mão pro meu grelo. Naquela altura podia me chamar do que quisesse. _ Rebola na minha pica, rebola, safada.

Apoiei meus antebraços na mesa, de frente para a planilha do Excel cheia de números no computador e ergui um pouco o meu corpo para sentir sua vara sair da minha buceta molhada, depois abaixei mais e aquele volume todo invadiu com a cabeça grande e gorda penetrando e batendo no fundo. Aumentei o ritmo e meus peitos começaram a pular.

_Soca, soca tudo... _ mandei enfinado e tirando. _ Bomba, Rui, mete essa pica toda na minha buceta.

_Aiii, que tesão, aiii, eu vou gozar dentro de você... aiiii, aiiii, ãnhhhhh, humm. _ gemeu alucinado de tanto tesão, forçando-me para frente e para trás, balançando a mesa.

Ele socou muito gostoso e seu dedo enfiado na minha vagina me fez gemer, as pernas ficaram trêmulas e dormentes, abri a boca, olhei para o alto, um calor muito forte, fiquei inconsciente, apertei com toda força sua rola comas paredes da minha xana.

_Ãnhhhhh... _ meu orgasmo foi longooo e delicioso.

Ele terminou me inundando com seu líquido quente e viscoso.

Eu levantei-me e acordei para a realidade que trepada mais maravilhosa! Nos ajeitamos em silêncio. Eu ainda dei um riso muito nervoso. Não queria falar nada para não estragar o momento. Quando ele abriu a porta para sair, vi que Rosângela tinha as mãos de baixo da mesa, por dentro da saia. Tiro-a rapidamente e me olhou preocupada se eu tinha percebido. Fingi que não, como ela também fingiria que não tinha ouvido nossa foda.

Naquele dia a gente continuou o nosso trabalho. Como se nada tivesse ocorrido e esperamos Rosângela se despedir para fechar o escritório e entregar as chaves para o porteiro do prédio.

_Rui... Foi bom, mas... Eu acho quer era melhor a gente manter só no nível profissional... Porque eu não quero me envolver.

_Eu também não. Está certíssima. _ ele ficou olhando para as chaves na mão. _ Ah! Eu esqueci uma coisa. _ lembrou-se.

Pensei que ele fosse caminhar para pegar algo atrás de mim em sua mesa, mas me surpreendeu com um beijo longo e intenso. A chave caiu da sua mão, bateu na mesa e foi para o chão.

Meu coração disparou de novo.

_Não... O que nós falamos... _ eu gemi, quando ele me virou de costas. _ Rui...

_Já que é para esquecer, então, vai ter que esquecer completo. _ ele abaixou minha calcinha.

_Não, o cu não, por favor, não...

Virei-me para ele e já vi seu pau de novo cheios de veias e com o saco cheio e volumoso, pronto para me enrabar.

_Eu não quero dar o cu...

_Mas eu quero comer... _ beijou-me mais e me virou sem muito cuidado.

Apoiei as duas mãos na mesa.

_Pede, pede para eu te meter, pede, putinha... _ falou no meu ouvido e roçou com a rola entre as minhas nádegas para eu sentir o volume da tora me arrepiar.

_Ai... Rui, não judia de mim assim... _ ainda pedi, já de olhos fechados.

_Diz que quer que eu te foda.

_Fode... _ aceitei. _ Fode tudo Rui, mete na minha bundinha, mete que eu quero mesmo você me enfiando por trás, me come, Rui...

Ele encostou a cabeça na entrada e meu anel envolveu toda a glande.

_Ãnhhhhh, de vagar... _ fiz uma careta.

_Abre mais, abre esse cu para mim, abre que vou entrar todinho em você, puta.

_É seu, come, come todo, mete a pica com vontade. _ gemi. _Hummm...

Rui empurrou mais para dentro.

_Aiii, tira, tira....

Ele lambuzou o cacete na minha buceta já melada e começou a empurrar de novo.

_Isso, que tesão, que delícia, come ele...Aiiii anhhhh, hummmm, meu deus, que cu apertado lindo... _ Rui enfiou tudo e meteu a cabeça da pica até no fundo.

Eu estava tremendo todinha de tesão.

_Rui, meu cu é seu, faz o que quiser, mete no meu rabo, mete no meu rabo, Rui.

_Toma, piranha, come como quiser, engole meu cacete, sua puta, vadia mesmo... _ bombou para frente e para trás e para judiar tirava.

_Nãoooo, mete, mete, Rui, mete de novo que eu to já gozando.

_Então fica de quatro, fica de quatro para eu te comer cadela. _pediu.

Eu me abaixei no chão e ele montou em mim, enfiando cu a dentro, abrindo o meu anel tudo que pode.

_Rui, seu pau é lindo, seu pau é muito muito anhhh é muito foda, eu quero ele todo dia, eu quero te chupar todo dia, eu quero te dar o cu assim todo fim de tarde, come, come fode para dentro anhhhhhhhhhhh

_Ohhhh anhhh hummm... _ ele deu um tapa na minha bunda. _ É assim que eu queria você, putinha, arreganhada de quatro, dando para mim esse rambo grande.

_Rui, me enche de porra toda, me lambuza com sua espuma.

Ele passou o dedo no meu grelo e eu não agüentei, esqueci que ele estava me rasgando a bunda com sua pica e começou a vir o orgasmo, impulsionei o corpo para frente e para trás.

_Anhhhhh, anhhhh

_Hummmm, toma, piranha...

Eu tive um orgasmo quase alucinógeno, em êxtase. Ele não pareceu por menos, deixou toda a pica dentro de mim e na última socada dura e forte expulsou sua espuma branca que me encheu todinha o rabo e tirou de vagar.

Nos olhamos e entendemos que nunca mais seríamos amigos, mas ótimos fodedores.

Comentários

10/01/2010 09:35:12
Qq contoq eu leva 10 do Baiano Safadinho merece nota kkkkkkkkkkk
19/06/2009 03:31:11
Muito bom este conto. Estou louco pra mostrá-lo pra minha princesa.
04/01/2009 19:28:30
Ai se a puta da muié que tá grávida de um filho meu fizece isso eu seria o rei da sélva, mas depois que ela engrávidou não rola mais, vou te contar kkkkkkkkk [email protected]
22/12/2008 21:54:15
Acabei me excitando com sua história,parabéns vc merece nota 10.Se alguem quiser se comunicar comigo me add:[email protected],abraços.
29/06/2008 07:28:20
29/11/2007 16:39:47
Porra!!! QUe tesão!!!!
29/11/2007 12:32:47
adorei esse conto fiquei até com tesão...e fui transa com meu namorado
JR
28/11/2007 15:42:13
Gostei do seu conto até porque tenho um tesão enorme por mulheres grávidas. Quando vejo uma grávida toda rolissinha, já fico imaginando ela com aquele barrigão cavalgando em cima de mim. Se tem alguma grávida carente que queira me contactar, meu email e msn é [email protected]
26/11/2007 03:17:28
aves é de + meu ta durinho gata add eu ai quero sabe mais XD MANDA SEU MSN PRA NOIS AI THAU BJO NA BOCETA !
25/11/2007 01:23:57
belo conto mamae parabens...
23/11/2007 17:10:28
nossa esse conto foi d+++!! ola laine26 sou de gyn tenho uma tara em mulher gravida me add [email protected]
20/11/2007 13:31:50
Gostei, bem escrito, com começo meio e fim. Fiquei excitado, precisei bater uma punheta imaginando-me fodendo uma grávida. Se foi verdade ou fantasia do autor, não importa. Parabéns.
19/11/2007 13:19:05
valeu fiquei de pau duro, quase bati uma punheta, [email protected]
15/11/2007 14:57:23
Nossa queria ser vc,estou grávida passo pela mesma situação,e estou louca de tesão mais não aconsigo achar uma cacete grande e grosso aqui na minha cidade (goiânia) afim de fuder uma grávida de 6 meses tarada!
14/11/2007 18:08:11
Olá... O conto até que é interessante e passa um tesão gostoso. Muita gente tem a fantasia de comer uma grávida e fazer mil e uma com ele... Agora, o que já está enchendo o saco e esta porra dess Pastor do caralho que se acha sabidão e fica só falando e escrevendo merda neste site! Se toca o nojento que você não está agradando e suma daqui! Ou então tente me exorcizar para que eu escreva aqui neste site que vo~cê é um grandecissímo corno e uma bichona enrustida! Vem "Pastor", me exorciza já que meu apelido é Demoníaca! Estou esperando, tá? [email protected]
14/11/2007 14:53:11
Que bom (para quem gostou...) e para quem ficou preocupado em prestar atenção no travessão, tá faltando imaginação hen, pessoal... tsi tsi tanta gente impotente nesse mundo, que pena :P
13/11/2007 17:24:15
Pastor Julio seu viado, o nome não é underscore, é underline seu corno!
13/11/2007 17:24:07
Pastor Julio seu viado, o nome não é underscore, é underline seu corno!
12/11/2007 18:08:50
Aleluia!! Até que enfim um conto para salvar o dia, um pouco fantasioso, mas bem legal. Fiquei com muita excitação, pois sou louco para transar com uma grávida e você realizou meu sonho nesse conto, vai levar um dez.
12/11/2007 14:04:05
Gostei. Minha xana melou

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


vídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhogenro e sogra contotexto de mulher quatro mulheres e quatro mulheres se for do mundo assim podendo em uma chupando o pau da ou julgamos o xiri da outraVideos de sexo bucetinha das crentinhas nen naceu pelo se lascando na rola do negaopassando a mao no peitoral beijando o ouvido beijando o pescoco porncontos pornos cuidei de mamaecontos eróticos mae peituda e filho magrelogostoso chupar meu amigo na chuvaencubado flagrado dando o cuMinha jovem esposa bunduda dando na marra pra outro homem contos corno umilhadocontos coroa implorando por uma picafui comer e fui comidoentrou gosada chanaNegao esculachando com moleque gostosoMe chamo Carlos e sou casado com Márcia uma loirinha linda pequenina apenas 1,52m magrinha apenas 49kg contos eroticoscontos eróticos fodendo o cu de Julinho ContoeroticonovinhosafadoContos gays vestido de mulher para o negro dotadovideo porno vovô descobre que a netinha tem o clitoris grandevidio page novinha tomando banho gostoso na fasendaver videos d incestos baianinha gozano dentro da bucetainsesto de filho beijando aboca da mae e fode elacontos eróticos minhas amiguinhas de infanciamulher de shortinho jeans desfiadinho socado na ruanivinha com o pacote em chadinhoHOMEM FUDENOCADELA em artof zooXvideos melequerarelatos minha esposa chegou toda chupadaem casacontos eroticos gays bem ocorridos em 2017nó do cachorro incha zoofilia dicasvídeo de homem sendo estuprado no quartel brechando a b*****boyzinho encoxando no hetero no onibustravesri pau 40centrimo fode amigosexo porno meu pai foi ate meu quarto me chama pra conversa e me chupou ate eu gozachupando buseta labefo pasda mso bocsconto erotico tirei o cabaco da patricinha na marraesposa do meu amigo me deu bola e eu comi ate seu cuzinhocontos,eroticos,de,gays novinhos sendo estuprado por jovens craquesconto erotico nora carenti fudendo cm sogra pirocudocoloquei um fil dental e dei meu filho video pornovideo porno de mulher dano a sua buceta desfarçada para o primo familia sacanaporno safada batendo punheta pro ricardão na cama com o corno dormindo pornobaixar v caseiro so de morenas da b grandes queimadinhas com marca de biquines de quatro gozando e escorendo p bt com pica toda no cuwattpad enteado gay adora chupar a rola do padrasto bonitopeguei meu sobrinho mas tenho uma chapuletada rola muito grandebaxinha cochuda casada vingando xvideoscontos de sexo as novinhas e os padrinhos picudos com jumentostorando a gordinha escandalalosadesejo o pai sair e comeu a madrastamarido fazendo covardia com a buceta da esposamenininhae gueyzinho xvideojumento racudo comendo xota da mulher zoofiliavir minha sogra toda sex e acabei pequerando e fiz sexo com sograxvideo decks ja jantar filho come a mãe e pai come a filiaminha mãe irmã vovó conto eróticodona cely eo caseiro tom contos eróticosContos eróticos flaguei o pastor arrombando minha linda noiva santinhapornodoido meu pai me consola depois deu chorarde sirgir blog comda sikis indirCrossdress de vestidinho tubinhodescobrindo o amor 74 dr romântico cdzinha quer ser empregadinhagarota muinto novinha com cona muinto apertadinhacontoseroticos-estuprada por 2 cachorros roludocontos eroticos chorando com o pau enterrado no cu e o macho arrancando bostaporno com novinha goszando na buceta na boca da outraxvideos rolas chapuletadastitias abusada de vestido e calcinha fio dentalpau grosso devasando bucetazoofilia cachorro fica engatado na nistaconto papai nao rejeita sua filha tesudaFelipe e Guilherme- Amor em londressex. video amarcaiaquero ver pênis de homem buceta de mulher vídeo de safadeza unha sendo mortocuzinho mulher no comando rebola analnegao arebentou as pregas do meu cu contosmae icestuosa desabafo de maeprovoquei meu pai calcinhacontos eróticos meu maridoviado corno na zoofiliaporno casada adorando ao senti um estranho te alizando e esfre o pau nela no onibos na frente de seu maridofui brincar com meu cao e fui enrrabada contofunk pancada novinha loirinha fudendo muito e meninas também cheirando muitohomem que fode muitohttps://www.yahoo.com/sou evagelica e nao tive em casa e procurei fora contos eroticocontos eróticos cantada na rua não resisti e traíCasa dos contos eroticos paguei pra deflorara filha do caseiro comendo traveco na casa abandonadaconto erotico gay o policial e o garoto marrento #14bolonhesa fodendo porno doidoporno sem casaminhasgosada no trem lotadocastiel de supernatural fazendo sexo porno doidofamilia favela pinto de borrachaconto prazer de receber uma punhetinhaporno doido ze buscape transagang gang varios machos da familia italiana fodendo minha filha putaContos erticos irmas gulosas mamando na pirocona dos seus irmaos em uma orgia na piscina de casaxvideo iseto papaicuiada provoca cuiado d xortiu de dormi