Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Noite Deliciosa!!!

Autor: Hot Girl
Categoria: Heterossexual
Data: 17/11/2007 02:39:15
Nota 9.75
Assuntos: Heterossexual

Bom... Meu nome é Gabi e tenho 24 anos. Sou estudante universitária, branca, cabelos e olhos castanhos claros, 1,65m e 65kg.

O episódio que vou narrar aconteceu há duas

semanas atrás. Fui convidada por um amigo da

faculdade para festejar o aniversário dele em um

barzinho. Quando cheguei lá, juntamente com algumas amigas, percebi que nós éramos as únicas mulheres presentes. Quando chegamos no local, percebi que chamamos a atenção de todos os amigos dele presentes(+ ou - 15 rapazes). Era notória a empolgação estampada em seus rotos.

Meu amigo não nos apresentou, disse que gostaria que fossemos nos entrosando aos poucos, de maneira bem natural. E assim aconteceu.

Os rapazes eram bonitos, inteligentes e muito divertidos. Começamos a beber. E lá foi a primeira dose de caipirinha, depois a segunda, a terceira... E assim por diante.

Dentre os rapazes, um despertou mais minha atenção. Chamava-se Gabriel.

Gabriel e eu começamos a trocar olhares e sorrisinhos maliciosos. Ele se aproximou e sentou-se em frente a mim. Papo vai... Papo vem... Muitas risadas e muita bebida... Cada vez que olhava para o Gabriel sentia meu corpo arrepiar todinho, não conseguia parar os pensamentos "maldosos" que me vinham à cabeça... E algo no seu olhar me dizia que estava acontecendo algo parecido com ele.

Foi então que, de repente, senti sua perna encostar-se à minha por baixo da mesa. Em um impulso, puxei minha perna, até mesmo para ter certeza e que não teria sido um esbarrão acidental. Mas minha hipótese foi confirmada. Novamente seus pés procuravam minhas pernas e lentamente me acariciava. Fui ficando muito excitada com a situação... Todos os nossos amigos em volta, mas parecia que só estávamos nós dois ali... Era como se o mundo não existisse mais... A única coisa que conseguia sentir era a sensação maravilhosa causada pelo roçar de nossas pernas.

A coisa foi ficando mais quente. Seu pezinho subia cada vez mais. O senti procurando algo em meio as minhas pernas. Não resisti e abri. Enquanto todos conversavam à mesa, eu sentia seu pé acariciando minha xana. Ai!!!! Seus olhos não saiam dos meus. Minha calcinha começou a ficar encharcada. Ele sorria de um jeitinho bem sacana. Não estava mais agüentando de tanto tesão.

Foi então, que, por volta de 3h da madrugada, resolvi me despedir de todos e ir embora. E assim fiz.

Peguei meu carro e saí rumo a minha casa. Foi quando percebi um carro, preto, logo atrás do meu jogando luz. Fiquei com medo e acelerei. Mas ele acelerou também e conseguiu me alcançar. Percebi então que era Gabriel, pedindo que eu encostasse.

Encostei. Gabriel desceu do carro dele entrou no meu. Perguntou por que eu havia saído do bar tão cedo? Respondi que estava com sono e precisava ir pra casa.

Ele disse que era perigosos eu andar de carro sozinha àquela hora da madrugada. Então deu um sorrisinho e pediu que eu fosse com ele até seu apartamento, para que ele deixasse seu carro lá, pois fazia questão de me levar em casa em meu carro e depois voltaria de táxi. Gostei da idéia, estava realmente com medo de ir sozinha.

Quando chegamos ao apartamento dele, pediu que eu subisse para conhecer. No elevador, já imaginava o que poderia acontecer. Mas, cá entre nós, desde o início estava na cara o que ele queria, ou melhor, o que nós dois queríamos. Bom... "Quem tá na chuva é pra se molhar, né?"

Quando chegamos lá, mostrou-me seu apartamento, cômodo por cômodo. Passamos pelo quarto e ... Nada aconteceu. Quando já estávamos para ir embora, perguntei se poderia beber um copo d'água. Ele disse que era pra eu ficar a vontade e então fui me servir no bebedouro.

Estava tomando água quando senti o calor do seu corpo se aproximando do meu...

Gabriel me agarrou por trás, e falou baixinho no meu ouvido: "- Não vai embora, não! Vou fazer você perder o sono rapidinho. Vamos continuar o que começamos no bar...". E eu sentia seu pau endurecer encostando-se à minha bundinha. Foi então que começamos a nos beijar deliciosamente. Suas mãos começaram a acariciar meus seios...

Ele me virou de frente e ainda nos beijando, acariciou minha bunda enquanto eu passava as mãos nas suas costas.

O clima foi esquentando cada vez mais. Gabriel tirou minha blusa e começou a beijar meus seios. Tirou meu sutiãn e começou a passar a língua no biquinho levemente... depois colocou a boca toda e começou a chupar muito gostoso... Mordia, chupava, beijava, lambia... E eu delirando...

Depois foi minha vez de tirar sua camisa e acariciar seu tórax peludo, que me excitava mais e mais... Ele tirou minha calça e afastando minha calcinha para o lado, começou a cariciar a minha xana, que já estava molhadinha. Passou o dedo bem no meu grelinho enquanto nos beijávamos loucamente... Delícia...

Ele me carregou e me colocou sentada sobre a mesa. Eu olhei e vi que havia uma lata de leite condensado e alguns morangos que ele havia me oferecido quando chegamos. Pedi para se afastar de mim e ficar apenas me olhando... Ele me obedeceu.

Sentada na mesa, abri bem minhas pernas, sempre olhando bem nos olhos dele, e derramei leite condensado em toda a minha buceta. Ele parecia não acreditar... Depois enfiei o dedo e lambi todinho... Em seguida, peguei um morando, melei no leite condensado que se misturava com o meu da minha xana, e depois de bem melado, ofereci a ele que veio rapidamente e em uma só mordida engoliu todo o morando, passando a chupar meus dedos...

Ele me beijou e foi descendo a língua até chegar à minha xoxota. Começou a pelos lados o leite que escorria... Depois passou a língua até consegui saborear boa parte do leite condensado. Beijou minha xana, depois foi lambendo cada centímetro dela, fazendo diversos movimentos com a língua. Começou a fazer movimentos circulares ao redor do clitóris, e depois começou a chupá-lo. Não resisti, gozei freneticamente. Gemia, gritava feito louca... Quanto tesão aquela língua me dava... Foi então que ele chupou todo o meu caldinho e começou a me fuder com a língua... Fudeu... Fudeu... Fudeu... Enfiou um dedo e depois mais outros enquanto sua língua continuava a me lamber toda... Que delícia... Gozei mais uma vez.

Desci então da mesa, coloquei seu pau pra vc, peguei o leite condensado e o lambuzei todo. Primeiro passei a língua só na cabecinha, fazendo sempre movimentos circulares. Depois lambi suas bolas e passei a língua em toda a extensão da sua pica. Finalmente caí de boca. Ele estava enlouquecido. Chupei primeiro devagar e comecei a aumentar o ritmo. Aquele caralho era delicioso. Ele começou a se empolgar e a puxar cada vez a minha cabeça, começando a fuder a minha boca. Sentia seu pau encostar-se à minha garganta... Foi quando, entre muitos gemidos, senti um jato poderoso de porra dentro da minha boca. Levantei e dei um beijo nele ainda com parte de sua porra na minha boca... Loucura....!!!

Ele me pegou em seus braços e fomos para o quarto. Lá, ele me deitou na cama, abriu bem as minhas pernas e senti seu pau enorme e grosso procurando meu buraquinho. Ele achou, e meteu... Senti a cabeça entrando e depois todo o resto... Ele começou devagar e foi estocando cada vez mais forte... Eu pedia pra ele me fuder todinha... Queria senti-lo todo dentro de mim.

Ele dizia: "- Você quer pica, meu amor? Eu te dou. Toma sua gostosa. Pica na tua buceta, minha vadia!" E eu delirava com suas palavras.

Depois ele deitou, eu sobre comecei a esfregar a minha buceta na cara dele, e ele lambia... Resolvi então cavalgar um pouco. Ele ficava enlouquecido e eu idem. Subia e descia naquele caralho delicioso. "- Vai vadia, pula mais. Quero ver esses teus peitos se mexerem."

Ele, sem sair de dentro de mim, se sentou e começou a chupar meus seios de novo... Puxava meu cabelo de vagar... Eu disse pra ele que adorava isso. Então ele puxava e perguntava se estava gostando...

Depois pediu que eu ficasse de quatro... Fiquei. Ele foi pra trás e começou a bombar na minha xoxota. Puxava meu cabelo e me dava leves tapinhas na bunda... "- Sua cadela, foi te rasgar toda. Tu vais sair toda assada. rebola sua Puta!!! Vadia!!! Tu quer rola? Vou te dar, como tu nunca teves. Aguenta! Vou te fuder toda!"...E eu dizia: "- Vai meu macho, fode essa buceta que é toda tua. Quero teu pau me rasgando. Mais rápido...mais rápido". O prazer era enorme... Não agüentei mais e gozei... Que gozo delicioso!!! Ele gozou logo em seguido, tirou o pau e gozou na minha bunda... Eu caí de tão cansada. Ele logo se levantou e saiu do quarto. Quando voltou, trouxe a lata de leite condensado. Então disse: "- Você acha mesmo que acabou? Tá muito enganada. Te disse que vou te fuder toda. Vira essa tua bundinha pra cá que agora eu quero o teu cuzinho, amorzinho!"

Eu, a princípio fiquei com medo, pois nunca tinha dado o cú. Ele disse que iria fazer com carinho, com cuidado, que pararia quando eu pedisse. Então e concordei. Fiquei de joelhos na cama, ele foi por trás de mim, me beijou, beijou minha orelha, nuca... E foi me colocando de quatro. Ele me deu um beijo grego e comecei então a senti o leito condensado sendo derramado sobre minha bunda. Ele lambia vorazmente. Depois, começou e enfiar o dedo no meu cú e a massageá-lo. Foi então que lambuzou todo o seu pau e colocou a cabecinha na entradinha. Eu tentei me levantar, Ele me segurou com força e disse: "- Amor, não vai doer muito. É só você relaxar. Vamos gozar juntos, você vai ver."

Eu então senti seu mastro entrando devagar... Doeu muito. Ele perguntou se eu queria que parasse. Eu disse que não. Já tinha começado, queria terminar. Ele então começou a me fuder. Enquanto isso, enfiava o dedo na minha buceta e massageava meu clitóris. Logo a dor deu lugar a um prazer enorme. Ele me fudeu muito. Eu gritava, gemia, e ele tb... Cada vez dava estocadas mais fortes. Sentia suas bolas baterem na minha bunda. Até que gozamos juntos, como ele havia previsto. Ele caiu sobre mim e ficamos um tempo deitados nessa posição.

Adormecemos. O sol já havia nascido, quando acordei toda melada ainda de leite condensando e gala... Decidi então levantar e ir ao banheiro tomar banho para ir pra casa. Quando já estava quase terminando o banho, ele entrou no banheiro e começamos tudo de novo... Até que depois, de mais duas gozadas, consegui sair do banho, me vestir e ir pra casa.

Nunca vou esquecer daquela noite... Gabriel... !!!

Comentários

22/11/2007 23:27:05
bom..
22/11/2007 15:53:44
Quanta fantasia acumulada, saia da lata garota, dê vazão a sua vontade de foder, pare de inventar, crie.
18/11/2007 17:36:39
Foi bom esse conto...Parabéns...
18/11/2007 17:36:36
Foi bom esse conto...Parabéns...
17/11/2007 23:23:55
Colega.. gostei do seu conto.. mto bom msm! Soube escreve-lo maravilhosamente, uma estória e tanto... Parabéns!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


video pornotio acomda sobrinha co rola detro da bucetinhaanais bruto elas tenta corre io pau entra masFotos d padrasto comendo imtiadosmaldiçao da clareira da cadelapornocaseirogosandodentrovideu di pornor comendo de clatoporno a coroa gostosa gemendo e usando fantasia bem radiantesadomasoquismo porquinha choqueTravesti fica olhando sua amiga recebe crempe analblogger comedorcasada gozando veja fotofilha a reda causilha e pai empura rolacontos eróticos publicadosvideos porno vai passar o'fds na casa da tia e fode elaao entrar no quarto me deparo ela gozando muito sexo porno brasil spMulher cagando na calsinhavideo pornoporno mae e filha oubrigada pagar agiotacontos heroticos cao doidao para chupar a donanovinha apois uza droga trazanodogs adestrado para zoofiliacdzinha gostosa para programa sp capitalvideo de sexo de mulher fazendo sexo afussa com outra mulhermeu tio me  contos meu patrao invocou com minha mulher contos eroticosPorno contos incesto familia prazer total qualquer idademulheres chorando muito pedindocpra parar de botar no cucontos eroticos , isso geme putinhamulher passa margarina no cu da amigaContos.minha.sobrinha.não.tem.cabelo.na.buceta.mas.ja.quer.fuder.Xsvideos mulher torturando escravo nuSoquei fundo o consolo na mamae gostosadebbrasil pornohomens metalirgico cacetudpsbaixar vídeo pornô coroas esfregando na caixacenasexocom visinhax video garotas flazinhasContos terror na tailandiamulher com mulher pode uza bolinha vaginasVer garotos com 16 cm de picacontis eroticos incesto faxina em familiaconto chupei meu avô cadeirantecontos eroticos com viuvas ricas e sedutorasconto erótico homem castradoAssuntos:lesbica contos eroticos patroa com sua cinta de consolo tirou a virgindade da buceta e do cu da sua empregadasou puta do meu tiogozando na entrada da bucetinha minúsculas de frango assado bem devagarconhado se aproveitando da conhada porreporno homem pega sua mulher com seu amigo e ao inves de briga fica só olhando e se masturbando escondidoEdgar um velho casado com uma gordinha de 24 anos metendo gostososexo suor e gemidosContos casal achou um comedor topa tudovideo de sexo narido xifrado com a comlhadairma durmindo e irmao enfia pinto na boca delamenina fudedo de xortiu de dormiZoofilia franco e belinhaXsvideos bem dotado masturbando no carrocontos casal pau inchandosogra fagar gero de pau durovidios sexos incerto nas beiradinhas das bucetinhas novinhasmulher de corno lavano carroconto namorada putavideos de sexo filhas gemiase paimeu cu fico largo contos gayporno gay morros dotados desvirginandopostei vídeo da minha namorada pelada montado numa jumenta O bicho é gostosa e boaXVídeos hétero bundudo obrigadinho chupar sua bundafudendo a auiliar da dentista no banheiro pornodoidovir minha sogra toda sex e acabei pequerando e fiz sexo com sogracasadas sirrricascontos eroticos nupcias blogspotcdzinhas contos reaisefaç de pornmeu primo e eu na resistiu e comeu o bucetao da minha tia contoQuero assistir filme pornô brasileiro das Panteras a mãe com shortinho bem curtinho e para o banheiro mijar e o filme vai ficar beijando a testa da porta de homem com calcinha fio dentalhttp://linkshrink.net/7coxzDcontos gays pique esconde no orfanatocontos.gozei como louca na pica do meu filhopassa manteiga no corpo e na busetavídeo pornô máximo eletrizante que arrombaacabei liberando cu pro primo masnaogaya Ponta Grossa entrou todinha na tabaquinha delabucetinhas teste pra insistomulher flaga sua amiga do rabao uma morena dando o cu para seu marido negao dotado com o penis de 030cm e da tambentiara do cu ta doendo pornocontos eróticos d alguém q adorava ser molestaCerto ou errado?meu irmao amado contos gays cap.9tufos familia favela #8Contos eroticos gay emgrachante onfayeezus ana casa de contos eróticosBrincando com as primas novinhas, tirei o cabacinho delasbatando o joelhinho na mesa xvideossou puto e quero comedor em esteio rsDesabafo de uma mae cap VContos Eróticos De. Comi Minha Vizinha Do Ladocontos sogro e noracdzinha gostosa para programa sp capitalconto erotico mulherzinha