Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Política de boa vizinhança

Autor: Gabie Ruiva
Categoria: Grupal
Data: 28/11/2007 19:57:47
Nota 9.17
Assuntos: Grupal, Vizinha
Ler comentários (5) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Oi, meu nome é Gabrielli, tenho 22 anos, e moro com uma amiga chamada Fernanda de 21,atendemos por Gabie e Nanda. Moramos em um sobradinho geminado, muito comum em Curitiba. Era um sábado quente e ensolarado, Nanda acordou cedo e prepaporou um café leve e gostoso para nós duas, trouxe-me na cama para comermos enquanto assistíamos um filme, uns dez minutos depois, quando já tínhamos terminado de comer, começamos a escutar a agitação dos vizinhos, era um casal novo, recém casado, eles sempre faziam uma algazarra, mas naquele dia estava especialmente animada a festinha dos dois. No começo nós rimos e tentamos disfarçar, mas logo estávamos com os ouvidos grudados na parede prestando atenção a cada gemido, o som de um corpo batendo no outro nos atiçou.

Já tínhamos conversado com eles algumas poucas vezes, e tínhamos reparado bem em André. Ele é moreno, olhos castanhos esverdeados, pele cor de jambo, braços e mãos fortes e um corpo definido de chamar a atenção, Flávia é loira e esguia, tinha grandes olhos castanhos, mas nós havíamos reparado BEM mais em André.

Depois de eles terem terminado sua aventurazinha, Nanda resolveu tomar um banho de banheira enquanto eu tomava uma ducha ao mesmo tempo. Nanda já estava três meses sem dar, e eu tinha um caso com um cara, mas ele não me comia muito bem. Ali tomando banho juntas, percebemos que tínhamos corpos até bem bonitos, e poderíamos fazer mais do que estávamos acostumadas até então, sexualmente falando.

Nanda me chamou para tomarmos banho juntas na banheira, aceitei receosa, porque sabia que ela já tinha transado com algumas gurías. Logo depois que entrei ela tocou meus seios com suas mãos leves e suaves, me senti estremecer, mas não podia conceber aquela idéia, pulei rapidamente para fora da banheira e fui começar a fazer um almoço, alguma coisa assim.

Nanda chegou logo depois, e contei para ela que tinha tido a idéia de convidar o casal de vizinhos para almoçar conosco, ela adorou a idéia e prontamente foi chamar os vizinhos.

Voltou com um sorriso descomunal na cara dizendo que o irmão de André estava na casa com eles e viría almoçar conosco também, comentou que ele era lindo, seu nome era Rodrigo e ele era ainda mais atraente que o irmão mais velho.

Uma e meia eles apareceram, exatamente no horário combinado, comemos e bebemos bastante, resolvemos tomar um banho de piscina. Flávia foi para casa pegar um biquini, os piás ficaram aqui em casa pois já estavam de bermuda e poderiam entrar daquele jeito mesmo.

Flávia mal colocou seus pés para fora do portão, e nós duas começamos a atacar Rodrigo, Nanda se sentou no colo dele e puxando uma das suas mão foi passando lentamente por sua pele branca e quase nua pois já estávamos de biquini. Me ajoelhei no sofá ao seu lado e arranquei minha parte de cima do biquini, exibindo meus fartos seios brancos e um pequeno piercing no mamilo esquerdo, quando senti duas mão me pegando por trás, era André, que estava entrando na brincadeirinha sem ser convidado, fui para o outro sofá com André enquanto a Nanda se ajoelhou no chão abrindo a bermuda de Rodrigo, que nos presenteou com a visão de um pau enorme e bem duro, ela caiu de boca sem pensar duas vezes enquanto ele se agarrava no sofá tentando não gemer. É nessa hora que a Flávia chegou e apertou a campainha, eu saí para abrir o portão, e quando ela entrou eu ainda estava arrumando meu biquini, suspeitando da minha atitude ela correu para a sala procurando seu marido, chegando lá tem a visão do Rodrigo e a Nanda num 69 no tapete da sala, e seu marido, estirado no sofá, suado e com o velcro da bermuda estourando.

Flávia começou a surtar, e estapiar André que não esboçou reação, a Nanda saiu de cima de Rodrigo antes que a Flávia saísse pela porta novamente e a puxou, dando-lhe um beijo e passando a mão por dentro do biquini da Flávia, que sorriu sem jeito mas se deixou possuir.

Voltei para o sofá onde o André estava ainda estirado, e ainda com seu maravilhoso pau duro, e perguntei:

"- Ainda quer me comer gatinho?"

Ele deu uma risada safada e me puxou empurrando minha cabeça em direção ao seu cacete delicioso, chupei com muita vontade me lambuzando inteira como uma criança com um pirulito grande demais pra sua boca, chupei ele até que quase gozasse, parando bruscamente fui buscar as outras duas gurías pra brincar junto, André puxou Flávia, mas Nanda interrompeu e disse

"- Pode esquecer que essa bocetinha agora é minha."

Flávia fica de quatro e Nanda começa a chupá-la, passeando com sua língua quente e úmida por todos os buraquinhos de Flávia, André vendo duas mulheres gostosas de quatro na sua frente e uma chupando a outra, não aguentou e começou a meter em Nanda com força e vigor, arregaçando a bocetinha saudosa da minha amiga que já não sentia um caralho fazia tempo, Nanda dá um gemido alto e sofrido como se estivesse sendo desvirginada sem dó nem piedade, ficaram os três naquele trenzinho enquanto eu já de quatro abria minha bunda implorando pra que Rodrigo me fodesse com vontade, ele começa a passar uns dedos na minha xaninha e vai lubrificando meu cuzinho, eu já não aguentava mais esperar, e gritei:

"- Vai seu cabaço, mete em mim, mete vai!"

André percebeu que o irmão mais novo não tava dando conta, veio logo empurrando o irmão e meteu forte em mim, quase rasgando meu cuzinho, Nanda veio se sentou ao nosso lado e começou a enfiar um dedo na minha boceta, eu fiquei louca e retribui sem receio desta vez, enquanto Rodrigo fodia Flávia e me parecia que não era a primeira vez...

Gozamos todos, loucamente, e continuamos pela tarde e noite a dentro no que foi o primeiro de muitos longos e divertidos sábados.

Comentários

Ale
30/11/2007 15:32:49
Uma merda só este conto!!!!!
29/11/2007 18:15:13
Pró Baiano Safadinho! gostava tanto que ele me fosse ao cu!!! cada palavra que ele escreve, faz com que eu me esporre!!! a minha mulher já me disse para eu não ler o que ele escreve, porque estou a esgotar-me. Por favor deixa-me lamber o teu pau meu tzudo!!!
29/11/2007 14:09:49
Ótimo seu conto! Algo semelhante já aconteceu comigo e é muito bom o sexo grupal. Parabéns. P.S.: Será que o provedor ou dono deste Site não tem como excluir estes dois (baiano e coghi ou sei lé que) daqui. São uns veados mal resolvidos. Bjao Gabi, me da teu MSN, please
29/11/2007 12:40:33
Com certeza vocês devem ser duas garotas de programa, além de ser lésbicas é claro. Descomunal é como tudo acontece de forma tão fácil no mundo “Rati-bunda” dessa turma de mentirosos. Essa “aventura” teria um final feliz se o lugar pegasse fogo e todos vocês morressem queimados, ou melhor, só você que é uma mentirosa. LEVA ZERO.
28/11/2007 20:26:11
amei a aventura... parabéns...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


Contos eroticos gay emgrachante onfafotos da bucetas da sadinaXVídeos gay com truculênciaouvir barulho do pinto entrando na buceta pornôdois homens a baterem punheta fantaziando ate gozarcontos eroticos minha primeira siriricapornor doido homem batendo poleta na varandaas navia perdebi cabacomeu primo me pegou cagando e comeu meu cuzinho me chamo vanessaempresários do pau grande transando com homens mais lindo do mundo e musculosos e gostosos na pisina mete o pau grande que sai sangue misturado com gala gostosascontos casada chantageada pelo porteirovideos pono muha vumitano no paurickcafajeste30.posicao frango assado putaria brasileira pra salvar no celularsexo real conhadas nuas banho pau bizarro tesaoxxvideo enviando abraço na buceta hetero passivo conto realcunhada louca pra sentir rola grande pega cunhado de pau duro e nao resistemarido .que gosta de ser corno xpirncasa dos contos eroticos a maninha cabaço ai maninho tira ai aiComi o rabo sujo de bosta do Lukinha contos eróticos gayscontos paimete so no cuZinho da filha de quatro anos a menina gritou muito de dorcontos eróticos com esposa pedindo pra apanhar e mijar nelaincesto com meu vô contosconto erótico Fui obrigado a violentar minha filhacontos eroticos sem querer maeflagrei minha irma traindo seu namorado e chantagiei elaPrefeito Sandy crentinha s***** metendodando com dorbuceta pro pai irmaoporno levantado a saiao pauzao preto fortemenina novinha reclamando do pau grande caiu no zzaapcasa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetatarado alisando e pasando a mao e metendo o dedo na xoxota da filhota novinha timida depois empurra o pau devagar ate gozar dentrocontos tia dando o cu pro sobrinhoCasa dos contos eroticos paguei pra deflorara filha do caseiro autor eduardocontos de filho encoxando mae no onibusxvidio patroa provoca so toalha rola nelamano nao me tente incesto contoscontos eróticos minhas amiguinhas de infanciaxvideo professora lecionando de shortinho atolado no cuveterina fode cachorraocontosvideo de homens que ficaram garrados depois que homen enfiou o pinto e seu saco dentra do cu de homen porno e ficaram grudadosporno vai casa com porra de.outrocasada foi pra oficina dar pros mecanicos2 parte de eu minha amiga e o pai dela conto herotico helena e renatahttp://gtavicity.ru/texto/2016101161tentando encaixar a pica no uteroContos d casada com cu arrombad por negroes traficantresolvi pornô da Ludmilaxxxxxxxvideos com professoras de educacao fisicacontos reais de sexo de ninfetoscomendo o primo a foçaxvideosconto erótico com irmão cavaloMeu primo playbou carioca conto gay cap 3fragei milha mulhe comegaowww.relato mulher cazada tramza com outro macho.com.brmulher de corno trepando com peaozada no alojamentowww.pornodoido meninas no beijo na boucacontos de sexo raspei minha bucetaContos eróticos esposa e SograFotos de sexos de bubuta e bixovelho rasgador de bucetauma jovem de dizoite anos pode perde o cabaço da buceta so colocando a cabecinho de um penis por duas tentativa contocomendo minha cunhada que veio morar com agente aspanteraspinto muito mais muito grosso mulher nao aguenta epede aregovideo da minha jeba arrombando o padrecoSexo real moca falando olha isso seu pau muinto grosso aiai contos pornôs vingança órfã gangbangRelato erótico feijoada da titia raimundavidio porno tio me cumeu na varanda do quintauvirando a buceta do averso com pauzao monstrocontos.eroticos avo.peludo idoso bigodeConto erotico magnatahomem fudendo oltro homem enprensando na parede fudendo pornodoce nanda parte IV contos eroticosMenina adora a porra do irmozinho contoseroticosContos eroticos de mae da banho filho com braço e perna quebradahome filma mulhe no oinibocristina loirinha sem juizocoroa novinha transando da put e da das tigresa da preguiça do pornô filme do Rio São Paulogozando.na.loirinha francyporno conhada nao aquenta atentacao e trai o marido Contos eroticos maniaco por seiosamoxoxota gtaminha esposa aninha novinha e meu tio roludo setima parte contos eoticos eu quero GTA Marginal trabalhando na ambulância disfarçadohtts:you.comtube ponodoidosadina pelada motado a busetaminha esposasuruba relatobucetaazedinhaContos erótico a calsinha da cunhada noviha cheirava mixoninfomaníaca viciada em zoofiliacomentários350 anal de meninaspraticantes de scat videoContos de incesto mãe e filhovídeos sexo gays estrupo vampiro principes dandoContos eroticos flaguei minha mae dando pro caseiro e tambem quiz