Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Do "mano"...

Autor: Valentine
Categoria: Heterossexual
Data: 04/12/2007 00:28:33
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual

È claro que posso estar correndo o risco de ser pega aqui e ser jogada para fora de casa...Só faria meu irmão repetir o que sempre dizia... “uma puta mesmo”...puta cresci ouvindo isso...entre os amigos do meu irmão mais velho...Puta era meu apelido.

Não dava.Só roçava.Chupava.chupava bem...molhava a língua...enfiava ate a garganta...e sempre ouvia alguma voz conhecida dizendo...puta isso ou minha putinha aquilo...nem sei bem se gostava...eu mais fazia pra ver eles gostando...e era assim quando se revezavam...as vezes uma noite toda brincando com a bonequinha deles...seis ou sete não mais que isso.E tudo ia bem.

Agora aqui...Parada na porta do quarto dele...Sempre o mais forte,o mais alto,o mais inteligente e o mais dissimulado.Uma vez vi batendo em uma de suas namoradas...vi bater ate sangrar a boca.Chamou de vaca de galinha de nojenta.Não de puta...Puta era só eu....A maninha...a putinha do cabelo cacheado e rabinho empinado que divertia a turminha...a maninha que deitava de bruços pro primo lamber o rego.Sempre dizia depois ‘gosta mais da língua dele que da minha né puta?”...Ria baixinho...Gostava nada...Sabia que não...Sabia que o primo uma vez tentara enfiar o pau e eu chorei desesperada até o mano chegar...O primo apanhou e perdeu o direito de ficar sozinho com a putinha do mano...Também não queria mais...Sozinha eu só podia ficar com o mano...que depois desse dia não deixava mais ninguém...

Nem o Dé,o melhor amigo,ficar sozinho comigo...ficava olhando...olhava com mais raiva do que com vontade...passava a mão no pau.,o pau do mano que eu gostava de beijar.Me deixava ali deitada entre três ou quatro dos seus amigos ...me olhando enquanto um deles deitava entre minhas pernas e pegava a sua vez...machucava o mano batia...só podia lamber de mansinho...se eu olhava e dizia “ai mano’ ele mandava sair...saia e não voltava mais.O ultimo foi o Dé...melhor amigo...Dé meteu o dedo em mim...achava que eu fosse gostar,pensava que eu ia namorar com ele...o Dé não sabia que eu queria o mano.Saiu tropeçando nos pés...o mano mandava. E nos próximos dias era o mano sozinho...achei que ele gostou mais assim...tirava pra fora,fazia pegar...eu chupava como o mano tinha ensinado uma vez atrás do carro na garagem...agora era diferente.Ficava sozinho comigo.Me deixava sem roupa...sentava na minha frente,mandava abrir mais a perna...eu olhava sonhadora pro mano.Tão novo tanta paciência...as vezes demorava uma hora ou mais pra me enfiar o dedo.A primeira vez doeu.Chorei.Ele não parou.Agradeci.Não queria que parasse.depois lambia e enfiava o dedo.buraquinho de trás piscava quando levava o dedo lá...eu também queria lá.O mano podia...o mano sabia colocar o dedinho...

“Deita de bruços”...A cabeça mais perto da minha que sempre...Deitei.

A mão abriu um pouco mais minha perna que tratei de arregaçar... ‘assim mano”.Fechou os olhos em sinal de cala a boca.

”Putinha”...baixinho...baixinho que eu nem ouvia...queria que eu ouvisse ou seria para convencer a si mesmo de que eu era, sempre fora sua putinha e que já havia passado da hora.

E tirou para fora...o mano não tirava se não era pra eu chupar...mas daquele jeito ...tão embaixo parecia ter outra intenção...não sabia ao certo se me encolhia pra abocanhar ou se me esticava esparramada esperando a ação.Na duvida estiquei.Imóvel...o mano parecia um sofrimento só.Apertava os olhos ajeitando as calças deitado em cima de mim...baixou até o joelho.Eu senti...nunca tinha sentido.Só o do primo mas não lembrava que fosse assim...seco.O do primo era menor.Juro...o do mano dava o dobro.Quis ver por baixo do peito dele mas apertou o corpo tapando tudo...fechou os olhos...mão por dentro da cocha...abrindo só ali perto da minha buceta...molhada...nervosa...sempre ficava molhada quando o mano fazia carinho...e mesmo assim...o mano quieto cabeça virada pra parede...só respirando fundo,ela piscava e eu abria mais e mais as pernas...O mano botou o pau no meu rego.Mais pra baixo...ajeitou e forçou a entrada...afastava as nádegas...eu gritava...mas era o mano.O mano podia.Diabo de bom...o mano não mexia...só o pau...mexia sozinho...palpitava...latejante.Quieta.Sentia molhado...sentia dor...sentia cheiro de porra... “o mano já...???”pensei...e nem deu tempo de pensar mais nada...enfiava...parava lá dentro...só jogando o corpo...eu sufocando com o peso dele...apertava minha bunda me abria...queria me rasgar o desgraçado...não conseguia nem chorar...mas chorar pra quem???O mano ta me comendo...o mano pode.

E já nem sei mais quanto tempo demorou...sei que depois doeu...que sangrei...que me disfarçava pra sentar na frente da mãe ...fazia cara de dor...E o mano...o mano nada...nada de me levar pra lá de novo...me olhava só de canto...fazia pouco caso.O mano estranho...em poucos dias o motivo...tinha engravidado a filha da vizinha...mais velha que eu...será que chama de putinha também???Chorei...Chorei que a mãe desesperou...mandou benzer...me fez viajar...Dois meses na casa da tia no norte do estado.Não esqueci...voltei...nada do mano aparecer...só de domingo.Ficava na sala...todo mundo olhando...passava e roçava o cabelo nele...o pau duro...canalha...passava a mão no pau.arrependido.De ter me comido ou de ter engravidado ela???Sei lá...Os dois.

A putinha não namorou mais.Dois ou três pra lembrar o mano as vezes...só botava eu mandava ficar parado segurando minhas nádegas...igual o mano.Eu fechava o olho...sentia o mano.Não era o cheiro dele...nem era ele...lembrava mais...é só pra gozar...me abria inteira...nenhum deles a mesma paciência do mano...nenhum deles tão quieto quanto o mano...Mandava embora.

Um dia o mano chegou...De mala...Olhou pra mãe...a mãe sorriu .Sorri Também...O mano de volta...Um “homão” a mãe dizia...sempre o mais forte, o mais inteligente...o mais canalha.

Agora parada na porta do quarto...olhando pra ele dormindo. “Putinha”...o coração vai pular pra longe...repete.. “Putinha”.Passo para dentro da portapassos...beirada da cama .Calcinha pro lado me come com a língua...O mano me puxa...me bota de quatro... “ai mano...dói mano”... “fica quietinha”...e mesmo doendo...O mano pode.

Comentários

04/12/2007 05:28:15
Se mano pode, eu tb posso....rsrsrs...E sem violência.....Porém com força regulada.....

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


pornô zueira homem safadinho para botar a cabecinha empurrou tudo no rabo da donavidio gay dando cu gostoso dormir estrupo hugoapertatinhas lidascasadinha se esfregando nos homens no elevadorgozada de mule napica pornodi dicavalocontos de putaria sou puta do negao meu vizinho fez um buraco na paredelugar onde o rio nasce xvidiolargandoo cu com um pepino grosso pornodoidoconto alisando a sobrinha pequenapornografia.manzorrasa bucetinha depilada da minha mãe contoscontos eroticos feminizaçao do garotinho maecarolzinha santos trepano no churrascoxvideo professora lecionando de shortinho atolado no cuVer contos de ciume do diario de um guei (sobre alam e biel).contos eroticos casadas arrombadas por pauzudos super grossos e 25 cmas coroas do rodeio no xividioforsei minha madrasta a fuder panterasmeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticosxvidio empesacasada traindo e falando ai era isso que eu queria outra pica fudendo minha bucetadotado enfia baita pirocona inteirinha dentro, magrinha gemendo sem parar com o pauzão lhe rasgando todavidio de puta lavano abuceta e tirano bora pra fora pornodoido travesti do brasil dano leite fartovideo mloira das coxa grossa e da bunda enorme chupando uma boceta d outra loiravídeo de Kid Bengala transando com mulher brigona XVídeosàs panteras só às madrastas safadas 2017pranalvinha fudendo com homem mas velhortirei a virgindade da minha empregadabuceta nua com pintei moicanoContos de meninas ki deu abuceta pra uns velhos tarado pau enormeshttp://migre.me/w4IgEporno contos casal de inquiliooi sou casada bati o carro do meu marido pra ele nao sabe levei na oficina mais nao tinha dinheiro contos eroticoscombinamos chupando os peitos da mulher fazendo sexo ela gritar onlinecontos velho bruto poe no cu sem avisarclarinhasafadinhaos melhores minetes com o caralhinho no cu pornoorgia com minha irma contoContos lambendo chulea mulher se arreba negao em fim todinho na buceta sua bola entra na bucetacontos gay uma viagem inesquecível para o novinhover video de porno na facudade gosando fortevídeo pornô mulher que faz a outra gozar e da Paz e líquido saindonovinhos na academia recebendo massagem fudendo chupando levando gozada na boca e no cu pra porra ficar escorrendopesquisar por mega dotado irma e chantageadas por irmo e ele chupar aforsa seu pauminha mãe irmã vovó conto eróticopornocontoincestosvidio porno das dimenores fasendo sexo da buceta apertadinhacontos eroticos dei minha buceta pro meu padrasto vingançalindas foto d moreninha gostosa nua peitinhno bucetinhaporno tirei o pau veio bosta bizarrocontos eróticos de homens que gostam que suas esposas transem com outrosmagrinhas soquem pauzao. de 30 cm autorizei minha mulher fuder com outroxx videos menina pedro agilidade notado abertagretchen mua chopano 2007velhos pintudos andando na praia nudistas videossexo anal hAaaaaprimeira. vez dei meu cuzinho pro vigia. xa. obra. guey contos. eroticosvi um negao tonhao rasgamdo a xota da minha esposafudeno bucetas e gozando nas entradinhaseu fico axanando que sou uma pessoa invejoso mais nao sou meus atos nao se dizem isso mais na minha cabeça eu pensso assim yahoocoroas. de shortinho mostrando os. beicinhos. da chanaksalswing2011sobrinha me provocando só de pijaminha porno brasilbundas enormes aberdaaxvidio patroa provoca so toalha rola nelaexvidio comi á mińha pastora da igrejaqero assistir video de porno de baiana rebolando na pica.pai mamou minha rola sexocontocontos eróticos publicados por testemunhas de Jeováalargada e assada e arrombada contoswing video mulher beija depois de levar gozada na boca de outroas encoxada só coroâs videoscarioca dando buceta peluda pros dois marmanjos e gemendo alto pornodoidonegao enchendo cu do velhote de porrapai a morosa w filha adorada porno doidocomo q estourar as bolinhas sexchop sexuais na relacao sexosou casada e fui bolinada gosteitia ensinando osobrinho acome bocesta seso videu reau azeiroporno casada nao agreto oprimo domaridozoofila como faze teu. cachorro te lambe sem t machucarconto porno eu tava so de cueca e minha filha sento no meu colovideos pornos gratis mae pede pra filho traser a toalha e filho nao perdoadescabacei a buceta da crentizinha magrela a fora - contos eroticosvideos pornos de mulheres de cor amarradas e amordaçadaso vizinho safado do 205 conto gayneto com ttezao comendo a avo no quartotathy ellen contosporno de joelvemmeu padastro ne colocava para xupar a sua rola ele fala engole sua putinha todo este leitinho q eu gardei para vc sua putinha em portuguespatricia vizinha casada safada gemendoquando voltei entrei no quarto da minha irmazinha e vi ela se mastubando dei uma bronca nela contos de incestogossno nu cu fa mulecagranfina brasileira sequestrada e fode e goza