Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

chantageando a titia e sua filhinha

Categoria: Heterossexual
Data: 06/12/2007 12:33:33
Nota 5.00
Assuntos: Heterossexual, Tia
Ler comentários (9) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Bom gostaria de me apresentar sou o japadanet e tudo comecou a pouco tempo, quando eu e minha namorada comecamos a ir mais fundo em nossas fantasias (conto relatado em fantasia da minha putinha virou estupro) depois dessa aventura sexual onde eu presenciei minha namorada na rola de diversas pessoas que eu nem conhecia, nossa vida mudou pra melhor. Ela deve o que queria (um monte de macho pra fode-la ) e agora era minha vez o meu trofeu a priminha dela. Mas por obra do acaso tive a sorte de passar na frente de um motel onde estava parado o carro da tia da minha namorada que tem 35anos e é casada e tem uma filha de 18 anos que pra minha felicidade maior estava no carro, com um rapaz que eu nunca tinha visto na vida, parecia aquele cantor Latino. Bom lá estava eu na janela do carro acenando pra minha futura titia minha priminha e o Latino, elas estavam brancas, transparentes tentaram falar algo mais não entendi porque mal conseguiam pronunciar, eu por minha vez apenas sorri e falei como bom parente que não deseja o mal pra ninguem: divirtam se mais com moderação me virei e fui pra casa pensando mil coisas, naquela puta velha e sua filhinha rebolando no pau do Latino..... ai ai aquilo deveria estar acontecendo comigo não com aquele otario foi ai que pensei por que não. Então comecei a pensar como iria falar pra titia que ela iria Ter que me dar muito carinho se ela quizesse meu segredo, mas nem tive muito tempo pra isso mal seguei em casa o telefone tocou adivinha quem era.....??? isso mesmo a titia só descobri que era ela depois de uns 1 minuto ela estava muito nervosa e gaguejava muito, quando conseguiu se pronunciar foi direto ao assunto que queria meu segredo a qualquer custo que ela tinha feito uma coisa errada e que isso não aconteceria de novo e já sabe bla bla bla .... entao foi ai que eu comecei a conduzir a situacao a meu favor, falei pra ela que gostava muito dela que ela sempre foi muito simpatica comigo que eu já me considerava da familia e que isso era muito grave e ficaria só entre nos a familia, entao ela respirou aliviada e eu retruquei todos da familia. Ela comecou a chorar no telefone e aquilo me excitava mais, ela chorando me falava que amava o marido e toda a rotina de sua vida pra mim não destruir isso. E na verdade eu sei do que ela gostava era do dinheiro do veio de 56 anos chato que estava sempre viajando que merecia mesmo levar uns galhos na cabeca, mais ela trai o marido é uma coisa mais ir com a filha no motel e o amante acho que iria impressionar mais a familha dela. Bom ouvi um ela chorando e resmungando algumas coisas ate que ela comecou a me oferecer dinheiro pelo meu silencio (ate que foi tentador mais como sou parente não aceitei rs) disse a ela que o que eu queria não era nenhum bem material, mais fisico e moral e ela ficou sem entender e comecei a explicar que eu a desejava e agora iria te la e melhor ainda iria realizar uma fantasia que todo homem tem, transas com mais de uma mulher de uma só vez, ela ficou indignada como voce se atreve a me propor tal coisa falou toda ofendida e eu comecei a lhe dizer o que faria com ela que gozaria na boca dela que comeria o cuzinho dela e a foderia a buceta ate cansar, ela agora toda cheia de falsa moralidade uma postura de mulher puritana dizendo que nunca faria isso, entao eu a fiz cair na real que ela estava num motel com um cara traindo o marido e ainda por cima com a filha que tinha acabado de fazer 18 anos e que ela não tinha escolha, que ela tinha sido a putinha do cara e agora seria a minha, ela nervosa respondeu em tom mais baixo e obediente que eu tinha falado em transar com mais de uma mulher de uma só vez, que ela não queria que minha namorada soubesse do acontecido que ela faria o que eu quizesse, e iria me satisfazer que não era necessario envolver minha namorada entao eu ri e falei que não era minha namorada que seria a outra a levar rola, entao ela se fez de desentendida e perguntou qual seria a outra mulher, eu respondi a vagabunda da sua filha que vai me chupar antes de eu te comer o cú, entao ela desesperada me pediu que não envolvesse sua filha que já tinha sido muito ultrajante tudo isso que ela se arrependia muito e assumiria sozinha esse debíto comigo. Eu respondi mais uma vez em tom ameacador que ela não teria escolha e que naquele mesmo dia eu iria me divertir com sua filha e pedi pra falar com ela (nome ficticio da filha da titia Carol). Ela estava com a voz tremula e falou num tom baixo e rouco, o que voce quer de nos eu respondi só quero o que voces iam dar praquele cara ....entao ela ficou muda durante um instante e eu fui lhe explicando como eu queria que fosse naquela noite, lhe pedi que fosse com uma saia rodada meia curta e sem calcinha e uma blusinha marquei de pega-la as 23:00 ela tentou questionar sobre a roupa, a chantagem e o que eu faria com ela mais não dei resposta nenhuma apenas desliguei o telefone. E no horario marcado apareci lá, ela estava maravilhosa o tipo de mulher que passa e não tem um que não olha, ela faz o tipo lolita quando me aproximei ela foi pra tras e sempre me encarando toda nervozinha entao eu simplesmente parei e novamente expliquei a situacao pra elas disse que não haveria outro jeito de comprar meu silencio que se elas não colaborassem comigo só elas iriam perder e perguntei voces me entenderam e elas se olharam e eu falei que aquela cumplicidade elas poderiam Ter comigo tambem que agora eu tambem faria parte da vida sexual delas entao a Carol me xingou de cachorro mais não tinha tanta raiva no olhar e eu pedi que já que elas me entenderam que viessem me dar um beijo. Carol veio sem bestanejar com uma carinha de brava veio e me beijou um selinho ai eu a puxei e demos um beijo de lingua bem gostoso e falei só falta voce titia e essa veio com uma cara de serial killer mas me beijou e eu falei pra ela que na cama ela teria que ser melhor que aquilo e fui com minha priminha pra balada das baladas . Levei-a num barzinho movimentado sentamos numa mesa e conversei muito com ela disse que achava ela muito gostosa e que não tinha nenhuma vontade de prejudicar elas só queria curtir muito com elas que se elas colaborassem e relaxasse iriam ate curtir tambem e assim conversamos e se agarramos muito beijamos que nem uns lokos, foi muito facil convencer a putinha da Carol ela estava totalmente submissa ao que eu falava ate que eu comecei com a sacanagem. Como ela emuito gostosa e ainda mais com aquela roupa todos os homens olhavam pra ela, e entao eu lhe agarrava e passava a mao em sua perna subindo a saia e ela comecou a ficar envergonhada com aquilo e comecamos a chamar mais atencao no barzinho lhe falava no ouvido pra ela abrir um poko as pernas enquanto a gente se beijava pra dar uma visao melhor pra eles babarem e ela balancava a cabeca negativamente mais cada vez mais me beijava com mais vontade parecia que queria me engolir e aos poucos ela foi fazendo o que eu lhe pedi e logo uma par de gente nos observava, eu a beijava muito e em um momento lhe pedi pra meter a mao no meu pau e ela disse que já estavamos indo longe demais que não faria isso e entao eu concordei com ela e lhe pedi que desfila se fosse ate o banheiro e volta-se pro pessoal babar mais um poko pedi a conta e fomos embora. Proximo da rua augusta mandei ela sair e comecar a rodar bolsinha ela me olhou assustada e brava e retrucou voce ta louco ? eu não vou fazer isso nunca.... A peguei pelos cabelos e lhe empurrei pra fora do carro e tranquei as portas e falei pra ela que se fingisse de puta e cobrasse 200 reais queria que ela se oferesesse pros outros e que fosse bem vagabunda que ela teria que deixar os caras passar a mao nela mais que se alguem topasse fazer um programa que ela inventasse um impecilho e a deixei e fiquei vigiando do outro lado da rua e muitos carros pararam e conversaram com ela mais ela era muito seca com seus clientes que nem podiam tocala e entao eu desci e lhe falei que quanto mais demora-se mais ela seria prejudicada vai que um amigo seu passa ai ? como voce vai fazer? Vai dar desconto....rs?? e ela comecou a chorar e falar o que voce quer de mim?????? Entao eu falei mostra essa buceta rebola pros caras mostra como voce é uma vaca que nem no barzinho e la foi ela atender o cliente abriu a porta do carro sentou no colo do cara levandou a saia tomou varias dedadas de varios carros que pararam ela estava ate curtindo agora ela quando via que eram caras bonitos ela corria na janela e levantava a saia e rebolava pros caras e eu só via as maos saindo rapido do carro para apalpar aquela bundinha perfeita, esperei uns 10minuto e fui busca-la ela entrou no carro e quando ela deve a coragem de me olhar nos olhos ela sorriu e me chamou de filho da puta, eu a beijei e enfiei o dedo em sua buceta que estava pra la de encharcada disse que iria matar sua fome de rola e ela apenas riu a levei num motel ela me beijava enquando eu dirigia quando chegamos no motel disse pra ela tirar a roupa e deitar na cama de brucos com um travesseiro na barriga pra sua bunda ficar mais arrebitada e ela me perguntou o que eu iria fazer com ela, entao dei um tapa na cara dela e a mandei obedecer e la foi ela fazer o que lhe pedi, fui atras dela me deitando por cima dela com o pau pra fora e posicionei meu pau em seu cu e ela me pediu que comesse sua buceta e eu comecei a forca no cuzinho dela e ela com cara de dor tentou sair debaixo de mim eu a segurei e fui metendo aos poucos ela comecou a gritar e implorar pra mim tirar e quando entrou um pouco mais da cabeca eu parei de enfiar ela parou de se mexer, e com a carinha de anjo chorando me pediu por favor não faz isso comigo ta doendo muito, entao eu lhe falei que tiraria mais ela teria que me dar um beijo gostoso e ela falou que de ladinho como nos estavamos e eu engadado nela não iria dar entao meti mais um poko e falei agora da ... ela com os olhos lacrimejando comecou a me beijar alucinadamente e chorar entao eu disse que já estava bom tirei ate a cabeca dei lhe um beijo bem molhado a coloquei-a de brucos segurei seus bracos e enfiei tudo de uma só vez ela deu um grito de dor o que me excitou mais e continuei dando estocadas fortes, tirando meu pau todo só deixando a cabecinha e enfiando tudo com forca, vi ela gritar e choramingar era como se fosse um estupro gozei em seu cu e meu pau continuou duro e eu metendo em seu cú ate que me deu vontade de gozar de novo retirei meu pau e vi seu cuzinho todo arrombado sangrando e todo branco de porra, nossa que visao quase não consegui segurar a vontade de gozar de novo, virei ela que ainda choramingava dei-lhe um tapa na cara e coloquei meu pau em sua boca, ela deve algumas ancias de vomitos enquanto eu metia em sua boca, deve ser pelo gosto de seu proprio cú eu metia meu pau em sua garganta e me divertia em ve- la quase vomitando, quando me deu uma vontade louca de gozar enfiei em sua garganta a segurei comecei a esporrar e ela engasgou e mal conseguiu respirar soltei ela que comecou a chorar forte abri suas pernas e a chupei como nunca tinha feito antes eu queria engolir aquela buceta eu estava louco de tesao, lambia do buraco da buceta ao clitoris tava chupoes nos labios vaginais me acabei e logo o choro parou e comecou um timido rebolado, dei mais enfase em seu clitoris e ela comecou a rebolar mais forte, parei de chupa-la e mandei ela pedir se quizesse mais entao ela falou baixinho vai faz de mim sua putinha seu filho da puta me chupa, me come me fode de viado filho da puta e ai eu voltei a chupa ate ela gozar em minha boca a beijei ficamos assim durante um tempo só nos beijando ate que ela me perguntou por que eu tinha judiado tanto dela, que o cuzinho dela estava todo dolorido e que nem conseguiria nem sentar entao eu falei pra ela deixar eu ver o estado dele ela balancou a cabeca negativamente me olhando com cara de safada e fazendo biquinho eu a virei ela embinou a bunda e lá estava aquele cuzinho vermelho e totalmente arrombado eu tentei enfiar um dedo ela tentou fugir e me pediu desesperadamente pra não mexer mais nele hoje que outro dia ela deixaria eu come-lo mais hoje estava muito machucado eu fiz que entendi disse que comeria sua bucetinha e quando ela relaxou mais o corpo e virou eu enfiei um dedo em seu cu e mexia bem forte pra doer mesmo ela gritava e eu enfiei outro e saiu um pouco de sangue, aquilo me deu uma certa do e excitacao, tirei a mao do cu dela e enfiei meu pau em sua buceta, que não era muito menos abertada que seu cu pra mim era uma quase virgem ela reclamou um pouco da dor, mais como me excitava ve-la sofrendo com meu pau atolado em seu buraquinho, meti forte e ela mesmo tendo a bucetinha abertada não se fez de rogada rebolou gemeu e depois fez questao de cavalgar em meu pau, gozou muito em cima do meu pau ate ficar com o corpo mole ai fizemos um papai e mamae, e ela me falou no ouvido que se eu fosse mais gentil com ela, ela iria adorar que eu gozasse em sua boca . Meti mais uns 30 minutos e ela gozou muito, tirei meu pau e agora sim ela chupava com maestria da cabeca as bolas ate eu encher sua boca de porra, ficamos nessa por muito tempo conversamos pegamos amizade ela me falou como aconteceu tudo aquilo da sua mae, ela e o cara, que era a Segunda vez que ela ia fazer isso. Que aquele cara era amante de sua mae mas ela já o conhecia a algum tempo e já tinha ficado com ele, e quando ela descobriu ficou muito chateada com sua mae, que tinha pegado eles dois transando em sua casa varias vezes ate que um dia que ela estava se masturbando vendo sua mae com ele e acabou sendo descoberta e aicomecou a fazer parte de tudo isso. Me falou que sua mae era muito fogosa e com o tempo iria se entregar totalmente pra mim se eu soubesse cativa-la, entao eu disse que iria humilhar muito a mae dela por que ela era muito pompóza e metida a rica entao disse que iria meter muito em seu cu, ai a Carol riu e disse voce pensa que minha mae é que nem eu, voce foi mó filha da puta comigo mó cachorro não teve nenhuma dó de mim mais se voce fizer isso com minha mae de meter em seu cu a seco ela vai rir e rebolar com cara de safada não sei o que voce tem planejado pra ela mais com certeza se voce fizer tudo isso que voce fez comigo ela vai adorar. Eu retruquei : meus planos pra sua mae são outros tao gostosos quando esse. E depois que ela gozar em meu pau vou comer as duas juntas. voltamos a nos beijar transamos mais um pouco e dormimos quando amanheceu fomos embora e no caminho de casa Carol me falou ao ouvido se eu não daria o leitinho matinal dela, tirei meu pau pra fora e ela foi chupando e eu dirigindo quando chegamos em sua casa buzinei ate sua mae sair, disse pra ela que iria gozar em sua boca mais era pra ela dividir com sua mae ela sorriu e acelerou no boquete gozei e lá foi ela correndo ate sua mae, e a beijou forte jogando porra em sua boca ela por sua vez empurrou a filha preocupada com os vizinhos mais naodeixou de passar a lingua ao redor da boca onde tinha um pouco de porraEsse conto ainda não acabou, mais como ele é muito longo vou parar por aqui espero que tenha uma boa aceitacao, votem bastante nele que eu continuo e me mandem emails que na medida do possivel eu responderei [email protected]

E-mail= [email protected]

Comentários

29/07/2010 04:30:57
seu conto e uma merda muito longo e muito fantasioso
09/01/2010 22:07:56
sensacional
26/05/2009 11:50:17
o conto foi bem excutante so que esagerado em alguns pontos
12/01/2008 00:37:14
Moçada...comentários desnecessários. Clica no nome do autor e voces vão encontrar PATINHO FEIO com uns "trocentos" contos publicados aqui (alguns ateh legais, diga-se de passagem). Fantasias, são fantasias...
12/12/2007 13:19:06
EI JAPA CD O MSN DE SUA TIA E SUA PRIMA ME PASSA AI VAI MEU EMAIL É [email protected]
09/12/2007 15:50:06
êta sobrinho desnaturado. japa, seja sincero, já deu esse rabo?
07/12/2007 01:59:07
Ridiculo...
06/12/2007 19:43:14
Você é chato prá cacete. Pena o marido da mulher não te dar umas porradas
06/12/2007 15:29:32
Esse viado é louco só pode, uma mulher por mais safada que seja nunca se trata desse jeito, tem que ter muito carinho....

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


casa dos contos eroticos/julianaporno gay com vendedor de pote e portaver relatos verdadeiro cheirava as calcinhas da minha primanegão socando a rola no c* da neguinha fazendo ela arregala o olhoxsvideo de porno itiada fudeno com padrastoxvideos minotauro tarado chupando tetasporno mulher chamando o marido de corno chifrudo pinto mole falado palavrao nuacorno introduzindo siringa cheia de porra na vagina da esposa xvidioboa foda nos adoramos nos amarcontos esfolei o anus da mamae bebadaXxxxxxVidio porno o negrao virado em mangavó que confessa que adora chupar o pau do seu netovelhas coroas gostosas sentadinhas no colo sendo enrabadasvideo fazendo dp pra sartisfaze o maridosinhazinha estrupada por escravos pornocontos de mulheres cagando e peidando em seus parceirosContos de incestos mamae brinca de lutar com filho ele fica com tesaoviduda.mulhe.Wwwcasa dos contos enquilina pagando alugelconto erotico gay na saida do bar de madrugada um travesti me estuproumulher gorda e velha com as pregas do cu frouxa peidando porrasexo com minha esposa e mais outro homem quais as dicas para convencê-la?irma gemeas ciumes por isso se chupam pornoo tio tarado estrupando a sobrinha clitado de dorcontos eroticos filha e pai caminhoneirominha irma vive mim provonca encostano seu cuzinho no meu pau. acabei comendoFredzoo pornoconto gay tio e promo safaosquero ver vídeo de menina virgem dando para homem dotado que arranca vida dela com força como se fosse um estrupo mas esse tipo como se fosse de vídeo vídeo de pornô vídeo de sexo e suas coisas Eu quero ver vídeo da simtrês machos rasgando o c* da n***** pedindo mais v**** dupla 300 e relaxada aberta chupando sem parar na boca v****Rihanna novinha tentando dar o c* virgem para o padrasto mas não aguenta de dois choramoça bonita lisinha dando em São Paulo sozinha correndo nuXVídeos pornô mobile peitões colchones com doiscontos eróticos mamãe deixa novinha com padrastoencoxada bem arroxadagibi troca troca com família pornocontos gay babydool maevideo porno pega secretaria bricando ca xoxota na livrariaaluno fodendo professor de educacao fisica gay animadocontos eróticos sou gostosa e acabei seduzindo meu irmao gostoso e acabamos no sexozoofilia os mais pegadoresmulher levanta profunda fazendo corda no pirocaopornô brasileiro mulheres comendo outra com pipador falando putariafudi ela e o namorado delanegao levantou e trepou com gostosa no colocontos eroticos minha mae com aminesiamorena com os pentelhos enroladinhos trepando gostosoContos eroticos de mamae e filhas gulosas mamando nos pauzao grandao grossao dos cinco filhos numa suruba em casamolestando filhinha young pornovideos de sexo filhas gemiase paivideo viuva custou a dar a bucetaPorno.doidsexoinara puta dando pro sogrovideos porno cuzao levando pauzao da cabeca enorme chapéu cogumelocontos de marido bem dotado querendo ver a mulher com duas picas no cu e bucetaMulher andando de fildental arredor do homem ai depois o homem aranca no dente e gosa na buceta delaxvideo so tesuda zaradaminha mãe me surpreendeu contos de incestocontos eroticos corno deixa o proprio filho foder a mulherminha esposa dormindo toda gostosa todaolhadinhaSUPERDOTADO ARROMBANDO FALSA MAGRA NEGRA DO BUNDAO DORMIDO DE SHORTINHOver videos de travestis dotadas acariciando o penis dentro da roupaContos crossdress a apostaContinuasao do video porno do pia esfregando na mae video chinesVer garotos com 16 cm de picabelo sexo dormindo de conchinha com a titiacontos eróticos menina dando o cuzinho vídeo safado mortalidadecontos velho cacetudo corno fotosconto erotico gay meu dono dei meu cu de presente de aniversarioporno as novinhas cem peito de 8 a 10 perdedo a virgindade pro paiflagrei esposa socando vibrador no cu do vizinho novinho contos