Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Putinha disfarçada de babá

Categoria: Heterossexual
Data: 23/01/2008 17:55:12
Nota 9.71
Assuntos: Heterossexual

Para visualizar outros contos de Nina Von Teese acesse o blog:

http://contosninavonteese.blogsopot.com

Hoje eu me recordo com nostalgia da época em que não se tinha muito dinheiro, as dificuldades nos fazem ver o mundo de uma forma diferente, mas nem por isso triste. Na nossa família éramos apenas eu, minha mãe e minha irmã. Nosso pai havia falecido quando ainda éramos bem pequenas, e nossa mãe se sacrificou muito para nos sustentar e nos educar sozinhas.

Ainda adolescente, eu via necessidade de me arrumar, queria sair para as baladas e não podia. Eu queria ter o meu dinheiro e faria oque fosse preciso, então resolvi trabalhar.

Mas como não havia nem terminado a escola, não conseguia arrumar emprego... Eu fazia o que fosse preciso, até prostituta virava, eu já era bem safadinha e conhecida dos meninos aqui na rua, era para mim um dinheiro fácil, afinal, dava para todo mundo de graça mesmo... Mas isto seria uma grande decepção para minha mãe.

Então busquei emprego de secretária, de vendedora, balconista, caixa de supermercado... E nada! E o tempo passava... Peguei então os anúncios dos jornais e ví que havia muita gente procurando babá, eu para falar a verdade, não tinha nenhum jeito com crianças, mas se era o que tinha... E resolvi ir atrás.

Passei por várias entrevistas, mas ninguém parecia gostar de mim, o cara da agência de empregos chegou a me dizer que era pelo fato de eu ser muito bonita, que as esposas não queriam concorrência dentro de casa, de fato ainda naquela idade eu ostentava um belo corpo, era loirinha, dos olhos azuis, cabelo na cintura, coxas grossas e seios fartos... Mas por mim não havia problemas, pois eu tinha namorado e só queria trabalhar mesmo, deus me livre de querer patrão! Só se fosse muito lindo mesmo...

Bom, semanas se passaram e eu ainda em busca de um emprego. Mas certo dia pela tarde eu estava saindo do banho, estava ainda passando hidratante no corpo quando o telefone toca, era o cara da agência.

Ele disse que ligaram para ele e pediram com urgência uma babá na casa de uma velha senhora. Fiquei meio intrigada, afinal o que uma velha fazia com uma criança, deveria morar com a avó pensei. Afinal, o que importava, era só por dois dias e pagariam muito bem!

Ainda naquele dia, coloquei minha roupa, comportada. Fiz um coque no cabelo para não chamar muito a atenção e fui. Chegando na agência o dono me explicou que se tratava de uma criança de 8 meses cujo a avó havia tido um problema de saúde e a sua filha, a mãe do bebê foi acompanhá-la no hospital. Moravam juntas e a responsabilidade caía sobre a pobre mulher...

Sim, sem problemas, estou indo para lá agora!

Chegando lá a dona da casa mau me explicou a que horas o bebê mamava, ela me garantiu que a criança não incomodava, mas que era para mim ficar de olho nela, era uma menina. Me deixou seu telefone e saiu apressada.

A menininha era realmente um amor, ficou só nós duas e eu estava deslumbrada com a casa que era imensa! Muitos cômodos e no quarto dela havia ainda uma banheira de hidromassagem... Era fantástica, como nos filmes.

Eu andava pela casa, piso de mármore, brilhava... tinha piscina e salão de festas, mas o que eu mais gostei, nem foi da casa, foi das roupas dela. Curiosa abri o closet e via cada roupa mais linda, de grifes, caras... Eu estava lá, colocando os perfumes dela e colocava um roupão de banho, me sentia uma madame! Era um conto de fadas.

Eu estava louca para testar aquela banheira, então resolvi ligar para ela para saber se estava tudo bem e quando ela voltaria... Ciente de que ninguém chegaria eu tiro a minha roupa, vestia uma calcinha bem sexy, meu namorado havia me dado de presente, era um fio dental preto, que de tão pequena enterrava até na minha xaninha.

Estava quase entrando na banheira quando ouço um barulho, coloco o roupão novamente e dou uma olhada na menina, que permanecia dormindo. Mas passando por um dos corredores vejo um homem, tirando seus sapatos na sala levei um susto! Mas ouvi ele falando ao telefone e comentava que já havia chegado e ia dormir, deduzi que fosse o marido da minha patroa, pois ele disse que ia dar o recado para a babá... Ele já esperava que alguém estivesse ali, mas não como eu.

Ele era muito bonito, era magro e tinha uma barba rala no rosto, quando tirou a camisa eu percebia que também tinha braços fortes e no seu pênis ele tocava com frequência... Ele pegou o telefone novamente e vejo ele conversar, desta vez ele parecia falar com outra mulher, contou que estava sozinho em casa e que estava afim de sexo, disse inclusive para ela ir até lá...

Safadinho, queria aprontar para a mulher... Eu queria ver até onde ele ia, resolvi provocar.

Resolvi subir e deitar na banheira já cheia de espuma e esperei. Ele parecia ter escutado algum barulho e veio investigar, notei que entrou no quarto mas ficou espiando. Quando vi que ele estava me olhando eu levantei da banheira coberta de espuma, coloquei uma perna sobre a guarda da banheira e sem exitar peguei uma lâmina que estava ali por perto e passei sob os pentelhinhos ensaboados da minha xoxotinha. Eu me depilava na frente dele e no espelho eu via o reflexo dele mexendo no pau.

Ele gostava daquilo! Eu me exibia, passava a mão pelo meu corpo, e tirava o pouco de espuma que restava sobre meus seios, os biquinhos eram clarinhos e já estavam duros. Eu saí da banheira e me sequei numa toalha, e para provocar, me agachei para secar a minha bucetinha, esfregava ela e fazia cara de safada... ele parecia estar louco, inquieto! Mas não se aproximava.

Atrevida... Na frente do espelho, ainda nua eu pego um batom, solto meus cabelo, lindos, loiros e cheirosos... E ainda para completar coloco uma calcinha vermelha da mulher dele, minúscula! Bem descarada, ligo uma música no som, me deito na cama e alí, deitada começo a me tocar... eu esfrego os dedos no meu grelinho e aperto meus seios. Já toda melada eu coloco um dedo na minha vagina e me masturbo... Ele delira!

Sem receio nenhum eu falo:

Vem....

E sem exitar ele adentra o quarto. Já percebo naquele momento que a pica dele está quase rasgando as calças e resolvo deixar ele mais a vontade... Abro o zíper bem devagar, pego naquele mastro e de coloco na minha boca. Bem devagar eu chupo, ele geme....

Depois de deixar ele bem louco, ele tenta me tocar de qualquer maneira, mas eu recuo eu digo:

Calma! Eu sou a babá e não estou recebendo por este serviço.... Você não pode me tocar..

Eu pago! Você me deixou louco de tesão, pago o quanto você quiser... ele fala.

Eu me sentia a mais gostosa, e permiti então que ele se aproximasse. Ele veio chupando os meus seios, e com uma língua quente e molhada ele descia até a minha xoxotinha. Eu estava muito excitada e já estava toda molhadinha. Ele lambia que dava gosto, chupava e sugava meu grelinho, que maravilha!

Ele me coloca de quatro e continua a lamber, passa a língua no meu cuzinho e tenta colocá-la lá dentro... Com os dedos ele penetra minha vagina, numa masturbação muito gostosa. Começa a passar a cabecinha do pau dele no meu rabo... Pincelava para baixo e para cima num movimento enlouquecedor, aquela rola escorregava bem gostoso procurando um buraco para entrar.

Ele enfia na minha xoxotinha e ela, louca de tesão, lateja se contraindo e apertando o pau dele. Bucetinha pelada, de menininha sapeca! Ele se contorcia de prazer... Aposto que a mulher dele não fazia assim!

E como franguinho assado ele continua a foder a minha xaninha, seu pau é grosso e cada vez que entra faz minha xoxota se alargar... ele preenchia tudo, enfiando até o fundo naquele poço de mel quente...

Delícia! Ele fodia muito bem, era bem dotado, cacete duro como rocha! Me fez gozar duas vezes e ainda não satisfeito quis me penetrar o cuzinho... Mas este é só do namorado. Então permiti apenas que ele enfiasse a língua e chupasse.

Ainda louco de desejo ele me coloca de joelhos sobre a cama e se masturba com força, com desejo de quem quer gozar como nunca, e sobre os meus seios ele jorra... Porra quentinha, cremosa! Se deita sobre mim e lambe, ele quer saber como é o gosto daquele leitinho...

Depois disso, caímos na banheira, ele me ensaboou e lavou bem direitinho a minha xoxotinha. Mas ele já de pau duro novamente, se aproveita de todo aquele sabão e me penetra o ânus, duas, três vezes, eu então deixo rolar... De quatro e com a bundinha empinada ele mete com espuma e tudo...

Transamos a noite toda, e dormimos abraçados... A menina como uma anjinho dormiu serena...

Quando sua esposa chegou logo procurou pela filha, que eu estava dando um bainho bem gostoso e quentinho, para dar-lhe mamá. Ela ficou encantada com meus cuidados e pagou muito bem pelo serviço. Como a grana foi boa mesmo aproveitei e cuidei bem direitinho do seu marido também...

E depois, sempre quando ela precisava, eu ia lá... E aproveitava para ganhar um extra do maridão também... Realmente aí está aprova que, para se subir na vida, tem que dar duro!E talvez venha daí a famosa expressão:

A gente se fode mas se diverte!!!!

Se você gostou deste conto, deixe seu comentário e vote na coluna ao lado.

Para ver outros contos picantes de Nina von teese acesse o blog:

http://contosninavonteese.blogspot.com

E para quis quer dúvidas, mande um email para:

[email protected]

Muitos beijinhos,

Nina Von Teese.

Comentários

07/02/2008 20:34:54
Arruma um patrão desse pra mim, vai fico melada com seus contos... queria estar no seu lugar... que inveja!
31/01/2008 07:47:14
Nina,simplesmente amo seus contos...adoro...minha imaginação vai longe. beijos

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


gay sexo no meio do mato novinho transando com 5 homens no Mato levando pica no c* no mato na favela e Leo apartamento pela primeira vez na beira do mardotado se a mão no cu da vagabunda tá depositei o pintopassando a mao no decote e chupando os peitosConto.erotico sogra tatoadanovinha gritano e gosanovedeo de dois homem mostro fazendo sexo com mulher que judia bate fodedoNovos contos de incesto gang bang forcadopedreiros caminhoneiros e peões de obras c********* comendo v******* contos eróticos gaysporno xoxota loucas surpresapratico anal com meu cachorroconto gemo muito ai ai dando cu para outro na frente do meu corno ele fica com tesaõcontos eroticos comi minha irmazinha tati.compai mamou minha rola sexocontogozou na bunda da irma lavano loucasexo novos banho conhadas nuasdei a buceta no rio contos eroticosWww.vidioerotico.deminas.geraís.com.conto erótico meu pai abuso de mim quando eu tinha cincoanostortura porno linguada no clitorisincesto/imaginaçoes com a maeex cunhado cacetudoquero ver o vídeo da mulher da enxadinha perdendo a virgindade dela mulher beijandocontos eróticos surpenatural incestocomo fazer um sexo anal sem dor e sem sujar e a posição idealContos novinha cuzinho depósitove porno co ome cumeno amante e a filha da amanteAbusada de calça leguetransando com cachorro e vizinhocontoxvideo.ana desfarsado no quarto da novinhamulher adora ver o marido ser fudidonora safadas descobri que sogro tem a pica enormexvideos putas fazendo sexo com cavalos rasgando avagina sangrarxvideos lavei.de porra a boca fs novinhabaixando GTA tomando banho no banheiro tocando siririca eu não aguentei e ajudei ela comendo elacontos eu e meu irmao fudemos a mamãemeu amigo me punehtoubebi demais minha esposa deu pra . outro contos eroticoso garotinho do semáforo contos eróticos reaisnovos relatos eróticos de corno minha esposa com o plug analrelatos de chuva douradacorno que gosta de ouvir da sua esposa como ela aguenta uma rola de25 cm no cuTravesti inceto desde pequenamulheres bostas scatminha esposa saiu comigo sem calcinha so pra me provocar meus amigoscontos eroticos adoro quando minha esposa si ezibi pra outro quase peladacontos esfolei o anus da mamae bebadaCONTO EROTICO FILHO CARALHUDO ARROMBA MAE TODA NÕITEcontos eroticos fui seduzido pela vizinhafilme de sexo da Gretchen filme de sexo da Gretchen mostrando o peito dela a bunda cheirinho na bocafotos cazeira bucetas escapando pelo vestidomamaezinha como vc é taradagozada acidental buceta assustada bravavideo porno amigo do meu marido me comeu e fingi que n percebiabusada no cinemacontos lukinhas22cmpassivo inocente e baixinho levando rola enormeBusca por contos de marido traindocontos eroticos estupro de novinho gays com os colegas da escolacontos eróticos a aposta da esposaver instoria de susane .. casadas dando a buceta pra outros homensmulher cagando enquanto dava a bucetaseja perguntei a vida de sexo de travesti pornô com a nossa prima de vozbaixar video Enteada safadinha bem cadela transando com seu padrasto sem vergonha. Bem putinha ela foi ate o quarto do padrasto e la pegou ele dormindo, tirando a cueca delepai cospe no cuzinho da putinha depois mete o pauzaoapalpando o roludo no rodeio sexocurrada pelos negões no carnavalcontos eroticos ganhei um boquete no pokervideo porno novinhas sendo lanbusada pelos velinhos que o pau nao sobe maisCONTOS GAYS ACABEI DANDO O CU PRO MEU INIMIGOrabuda de calça apertada limpando estanteContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhoconto erotico briocoPorno mulher gritando muito na pica do jumento e o. Jumento encaxou até o talo.