Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Meu marido maluquinho e nosso guarda!

Categoria: Zoofilia
Data: 31/03/2008 00:58:29
Nota 9.41
Assuntos: Zoofilia
Ler comentários (22) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Amigos leitores, depois que descobri tantas histórias interessantes neste site, resolvi dar minha contribuição descrevendo um fato que recentemente aconteceu comigo. Não estou aqui para receber ofensas ou números e números em votação, apenas decidi escrever.

Me chamo Mili, tenho 32 anos, catarinense, loirinha de olhos claros, muito bem casada há 12 anos. Felizmente tenho um bom marido que me deu três maravilhosos filhos. Moramos numa área nobre da cidade bem próxima ao centro. Uma região bem calma se comparada às outras. Porém, certa vêz, me deparei com um ladrão dentro de casa. Fiquei congelada, sem palavras. E o bandido, provavelmente assustado com a minha expressão fugiu pela madrugada sem levar nada. No dia seguinte fiquei sabendo que a polícia capturou o marginal com um cúmplice em outra casa.

Semanas se passaram... Estávamos dormindo quando, durante a madrugada, o mesmo bandido pulou um muro alto e entrou na garagem. Forçou as portas e entrou em um dos carros. Desta vêz deixando prejuízos nas portas e no painel porque levou o som e o que deu pra carregar.

Sem dormir sossegada nas noites seguintes, tivemos a idéia de comprar um filhote de qualquer raça de cão-de-guarda. Compramos um filhote de Pitt Bull Red Nouse. Aqueles de porte grande. Não é bem um cão-de-guarda, mas dá medo só de olhar. Foi amos à primeira vista. Ele tem olhar esperto. É cheio de energia, musculoso e incansável nas brincadeiras. Muito amigo de todos da família, ele se tornou o sossêgo das noites de sono. Seu nome é Grifo.

Sempre curti muito internet e o que ela pode oferecer. Tudo mesmo. E foi numa dessas que descobri este site. Daí em diante já devo ter lido mais da metade dos contos enviados. Escolho o tema do dia (Minha xaninha ajuda a escolher) e se for bem redigido, independente do conteúdo, leio até o final. Dá pra sacar quando é verdade.

E quanto ao meu primeiro e recente conto?

Faz dois meses apenas. E é com muito prazer que vou compartilhá-lo com vocês. entre mil e uma brincadeiras que eu e meu marido já realizamos, esta, com certeza, foi a mais maluca de todas. Comentei várias vezes, com certa ironia sobre o tamanho do négócio do Grifo, que agora é um lindo cão adulto. Pelo que pude ver em fotos e videos de outros casos, imaginei que deveria ser maior que o do meu marido, que não é nada pequeno. Sempre tive curiosidade em ver ele pra fora, pessoalmente. Só não sabia como fazer para que acontecesse. A melhor hora seria no banho dele. Confesso que fiquei um pouco excitada com a idéia e não via a hora de fazer sol no sábado. Finalmente chegou o dia. Inventei algo e fiz com que meu marido e as crianças saíssem para fazer umas compras. Fiquei sozinha em casa com Grifo. Temos um banheirinho na churrasqueira atrás de casa. Local perfeito! Entrei no chuveiro só de calcinha.Dei um banho nele com sabão e shampoo. Mais especial que das outras vezes. Sem perder mais tempo, enchi as mãos com sabonete e comecei a alisá-lo por baixo. Com uma mão segurava suavemente suas bolas enormes e a outra mão acariciava o pau do Grifo sem muito jeito. Com movimentos mais intensos para frente e para trás, pude sentir ele crescendo e ficando duro. Abaixei mais um pouco e finalmente pude ver ele saindo pra fora. Vermelhinho e grosso. Como ele estava de pé sobre as quatro patas, dava a impressão de ser pesado porque apontava para baixo quando eu soltava. Fazia uma carinha de quem estava gostando do carinho diferente. Não tem nada de mal nisso segundo as veterinárias. E após ter feito a primeira vêz, acabei concordando com elas. Em pouco tempo percebi ele gozando,. A porra se misturava com a água do chuveiro tornando-se quase imperceptível. Mas quem estava molhada mesmo era eu, agachada de pernas abertas. Estava molhada por dentro e por fora. Fique até meio embriagada de prazer em ter conseguido fazer ele gozar nas minha mãos.

Para mim foi um prêmio. Eu estava feliz e sorridente. me sentia maravilhosa. Mas seria mais gostoso ainda se naquele momento ele pudesse gozar nas minhas pernas ou nos meus braços, sei lá! Estava começando a me empolgar com a situação. Estava com a boca seca e o coração a mil. Senti que ele estava louquinho para me lamber e decidi tirar a calcinha. Lembro de ter ficado trêmula. Grifo já reagiu de forma diferente. Nunca tinha visto ele com aquela expressão no olhar, desesperado pra lamber minha buceta. Virei de costas pra ele, já meio com receio. Me apoiei na parede e empinei a bunda. Abri um pouco as pernas e Grifo enfiou o focinho entre minhas pernas quase me tirando do chão. Queria ver se o taradinho estava de pau duro, mas nem dava oportunidade. Arrepios dos pés à cabeça. Me soltei mais e virei de frente. Abri a buceta e aí pude sentir que delícia de língua. Não sei como ele consegue pegar tudo ao mesmo tempo. Coisa que nehum homem consegue fazer. Via estrelinhas por todo lado, mas tinha que parar porque meu marido poderia chegar a qualquer momento. Já imaginaram que cena seria ele me pegar engatada com o Grifo? Fechei o chuveiro e percebi que o Grifo estava me agradecendo porque não parava de lamber minhas pernas e mãos. E eu? Adorei. Não via a hora de repetir com mais entusiamo aquilo tudo... e mais ainda. Engraçado que a gente imagina uma coisa e sempre quer mais. Por isso que o homem foi à lua. Só que descobriu que lá é sem graça, aqui não!

Na mesma noite trepei com meu marido a noite interia imaginando ser uma cadelinha. Só ficava de quatro dando tudo! Dizia para meu marido brincando:

-Escolhe!

No dia seguinte, ainda excitadíssima pelas lembranças do dia anterior, criei coragem e contei para meu marido porque sabia que não se importaria. Só ficou curioso, rindo e não acreditando. Tive que achar meios para provar. Estava até meio irritada comos os risos dele. Logo pude conferir que ficou de pau duro só de ouvir a história. Espero que vocês também estejam. Perguntou o que mais eu gostaria de ter feito. eu disse, bem sem graça: - Nada (Mentirinha, claro).

Passadas várias noites tive uma surpresa. As crianças foram para cama como normalmente fazem às dez da noite. Ficamos sozinhos na sala namorando e brincando. Aquelas brincadeiras maravilhosas que deixariam molhada qualquer mulher. Eu queria dar a todo custo. Não achava meios de pedir para meu marido trazer o Grifo, só pra ver o que poderia acontecer. E pra continuar a brincadeira, ele me sequestrou (de brincadeira) se fazendo passar por outra pessoa. Tive as mãos amarradas por uma pequena corda. Vendou meus olhos e eme levou até o corredor onde tem uns ganchos de rede de dormir fixados nas paredes. Fiquei paradinha imaginando o que iria acontecer comigo. Estava toda melada e impaciente sem ninguém para me foder. Meu papel de sequestrada era deixar tudo acontecer! Estava vestida com um pijaminha ridículo. Ainda bem que qualquer roupa cai bem em mim porque sou do tipo menininha, não mulherão. Pena, mas tudo bem!

Meu marido finalmente me abraçou forte por trás, agarrou firme meus peitões enquanto beijava, lambia, mordia meu pescoço. Isto sempre me deixa muito excitada. Os biquinhos estavam quase doendo de tão arrepiados. As pernas também. E lá embaixo principalmente! Então ele tirou minha blusa e a acalça do pijama. Fiqui só de calcinha com os peitos apontados para cima. Com as mãos atadas e sem ver nada, deixei rolar. Senti o pau dele bem no meio da bunda. querendo rasgar a calcinha para poder entrar. Cheguei a imaginar que ele tinha trazido um amigo para me comer. Aí comecei a me preocupar. Será que ele seria tão maluco assim? Aquele pau estava pegando fogo de tão quente por isso me pareceu diferente. Mais parecia um cabo de vassoura. Percebi que iria me comer em pé mesmo. Claro que ia deixar, quem quer que fosse lá atrás. Meu marido saiu por um breve instante e sem pedir licença arrancou minha calcinha e foi entrando com a língua. Aí pude ter certeza que era realmente ele. Reconheci pela violência dela entrando em mim. Para melhorar a posição apoiei a perna numa cadeira que estava ali ao lado. Queria que sua língua tivesse uns 20 centimetros. Passados uns deliciosos poucos minutos, ele foi lá atrás. Como que por reflexo, empinei a bunda e edeixei ele meter o pau em mim. Escorregou gostoso. Pela ansiedade até me faltou ar. Cheguei a esquecer o cansaço daquela posição. Ele me fodeu gostoso de frente também. De repente meu marido saiu de dentro de mim, me largando ali toda amarrada, melada e querendo um pau no rabo. Foi abrir a porta dos fundos. Ouvi por causa do barulhinho da dobradiça da porta. Na hora nem me dei conta de quem entrou. Só quando dei um pulinho pra frente de susto, senti a língua do Grifo me lambendo a bunda. Fechei as pernas e falei para meu marido: - Que idéia a sua! Ele ainda respondeu: - Cala a boca senão seu marido vai acordar! (Claro que era ele brincando comigo - meu sequestrador tarado). Na hora fiquei sem graça sem saber o que fazer. Foi muito inesperado. Tentei me soltar das cordas e tirar a venda dos olhos. Só que o Grifo veio pela frente e resolvi encarar. Apoiei novamente a perna na cadeira e abri as pernas. Senti aquela língua canina me pegando toda desde lá embaixo. Estava entrando em desepero tamanha a vontade de pedir pra eles me foderem. E por trás veio meu marido me penetrando a buceta enquanto Grifo me lambia. Nem sabia se empinava a bunda ou ia pra frente.

E não tinha outro jeito. Estava me segurando pra não gozar rápido. Foi tentar relaxar e gozei como louca. Aquele que vem lá do fundo da alma feminina. Meu marido teve que tapar minha boca pra não gritar e acordar as crinças. Aquela gozada parecia não parar mais. Dava a impressão que iria desmaiar e apoiei meu peso na corda machucando um pouco os pulsos. Afinal um pau delicioso na buceta e uma língua desesperada e bem safadinha no meio das pernas é loucura!

Me entreguei à eles mas estava morrendo de vontade de cair de quatro ali mesmo no chão, empinar a bunda e abrir caminho para os dois. Só que na hora, eu, burra, fui vacilando e acabei não fazendo. Em seguida veio o arrependimento. Mas tudo bem, tudo ótimo!

E assim terminou nossa maior noite de loucuras. Colocamos o Grifo na casinha e fomos tomar banho. Meu marido teve que me levar no colo.

Hoje fico enxarcada só de imaginar que em breve meu marido vai deixar eu trepar e ficar engatada com o Grifo. Só não vou fazer nada sozinha. Quero fechar os olhos e curtir cada momento porque sei o que me aguarda. Meio preocupante é o tamanho dele que vai preencher cada espaço dentro de mim e me inundar de porra. Mas depois é só tomar um banho.

Impossível imaginar quantas vezes vou gozar com eles.

Comentários

12/12/2010 15:44:04
bom
06/12/2010 19:45:17
Menina nunca havia imaginado eu ser comida por um cão, mas seu conto me deu muita vontade. Acho que irei arrumar um amante canino pra mim, rsss Fiquei melada em ler seu conto! E aí já rolou a penetração? Conte-me por favor, rssss [email protected]
05/03/2009 00:10:32
Mili...que mundo novo vc me apresentou...atordoado ainda...confess0 que muito também ali quis estar com vcs. Parabéns por nos premiar com tão detalhada e molhada história. Em outra história, nos leve aos prazeres de tuas amigas veterinárias... Distribua a nós, convites para apresentar sua excelência e essência... Adorei. Danyel Loiro 38a 1,85 [email protected] .
16/02/2009 14:10:08
ótimo 10
07/02/2009 20:20:15
Gostei do seu conto, muito bom. Sou de SC. e to afim de conhecer outras pessoas que curtam zoo com femeas... [email protected]
03/12/2008 21:47:58
Se for verdade seu conto parabéns, foi ótimo, leia os meus são todos verídicos, nota 10
03/12/2008 21:46:22
Se for verdade seu conto parabéns, foi ótimo, leia os meus são todos verídicos, nota 10
26/11/2008 15:26:56
Ótimo.Me deixou super excitado.Adorei ver a sua satisfação em realizar esse sonho e espero poder ler quando isso acontecer.Vá em frente e não se arrependerá.
22/11/2008 01:12:42
pena o dog nao ter te comido,eu adoro zoo e pratico sempre q posso, o meu email é [email protected],com e o msn [email protected]
15/11/2008 06:28:01
delicia de conto...
23/10/2008 12:11:28
Adorei o conto muito excitante passa a realidade e me deixou toda molhadinha.
16/09/2008 11:27:05
muito bom, fiquei excitado, minha mulher gosta da lambida do nosso cao tb
20/07/2008 13:11:23
Putz!... Viajei no tesão, mas aquilo que eu esperava... meeessmo, não aconteceu. Gostei mais das tramas desse primeiro conto. Tomara que no próximo, o maridão saia com as crianças de novo e o Grifo ganhe uma coisa, que vai deixar ele maluco, de vez.
31/05/2008 23:01:10
Passei por aqui para agradecer os elogios. Vcs são maravilhosos em não me condenar. Obrigada!
29/05/2008 18:54:07
Muito bom uma loucura de vez em quando! Boa história.
08/05/2008 19:56:12
muito bom o conto, da proxima vez conta se o grifo te enrabou ok!!!!!!!!!!!
16/04/2008 19:10:33
Outra cachorrada sem-vergonha! Mas o conto não é ruim.
12/04/2008 14:37:47
gostei...vá em frente, merece...
08/04/2008 23:16:48
ADOREI SEU CONTO...CURTO ZOO...TBEM SOU DE SANTA [email protected]
06/04/2008 23:11:45
Mila! Mila! Li primeiro o seu segundo conto. Adorei demais. Mas este conto também é excelente. Digno de figurar na galeria dos melhores contos, pelo estilo e pelo erotismo que transmite. Parabén ao maridão, por ter uma esposa tão prendade, seja para escrever e se o conto for verdadeiro, então ele pode se considerar um afortunado, pois na vida, é raro encontrar alguiém que sabe proporcionar prazer, seja na cama, seja escrevendo. Nota mil também Um abração, pequenina e pbrigado pelo raro prazer que me proporcionou com seus contos. Se tiver outros contos, gostaria muito recebê-los e até de corresponder com o casal: [email protected]
01/04/2008 17:10:29
Adorei o seu conto e va em frente vc não vai se arrepender. Contatos [email protected]
31/03/2008 11:20:17
Muito bom o conto... Acho que você devia ter deixado o cão te comer. Mas foi bem excitante...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos eroticos Robertacache:v4Hbz9COzM8J:zdorovsreda.ru/texto/2016021014 a tia zoofilia pegada no caocontos de putaria sou puta do marido negro da minha cumadrese masturbando com sexechop ate gosarsenas com carinho massagem beijos abraço pegadas palavras romanticas casal apaixonado e sexopeituda das tetas rosadas amamentandoContos erotico cdzinha cinemacontos eroticos me entreguei p meu genro k me fez d putaContos eroticos flaguei minha mae dando pro caseiro e tambem quizconto eu meu marido roludo nossos filhos na sacanagemCrossdress de vestidinho tubinhoeu quero GTA Marginal trabalhando na ambulância disfarçadocuzao areganhado p cavaloestufando o cu da madrasta e da filhaContos reais de sodomiacontos eroticos dei a bundinha por balasesposa bunda ggg conto com negaopono vinha.neguinhavedios sexo na cozinha novos conhadas pau grandes novoscontos eróticos representadosfodendo o putynho gayporno sem casaminhasflaguei meu irmao comendo minha mae e entrei na festacache:PjjgrxSVmoYJ:zdorovsreda.ru/texto/2013011214 minha esposa lavano abucetinhapau mostro q gata nao aguenta e pede pra da um tempo pq sua buceta ta doendominhas condiçoes imposta para o corno contos eroticoPorno contos incesto familia prazer total qualquer idadevídeo de mulher pelada nua vídeo mulher pelada mostrando o pinto também amor quer vir aqui também é muito periquita Minha louca vida de mulher pelada nuacontos erotigos desenhos comendo a fazedeira do bumdaocontos a.freira viu meu pauxexoleitinhoXvideo.meninas.nemor.violada.dormido.figidocontos eróticos mulher dividindo o marido com gayso bucetinhas novinhas espetadas no pau duromotorista madura gostosa de van escolar adora dar a buceta e o cuzinho para alunos contos eroticossexo gay contos valentãocontoseroticos de prima e seus primosmamilos da minha mae contos eroticosvideos pornoinsetos filho fodendo mae prensadaporno na fazenda porno doido homem chupanto a buceta ate gozartafeminização forçada contospadrasto sodomitahttp://zdorovsreda.ru/texto/201103701conto porno gay. bullyingencoxou a mae na camaminha vizinha puta contoencoxada no metro xvdmulher se afogando com o pao na garganta ponodoidove videos porno de garotos de pau grandes tirando sangue do cu de molequesporque o quando nomoramos os homens ficam pegando na bunda da mulhercontos eróticos representadosContos d rapando a bucetaContos eróticos da minha noragta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetacontos sogro e noraBUCETINHA QUENTINHA, protegendo com sua BUNDA MARAVILHOSAquero ver video da a mulher memesia a buceta o cuMACIEIRA SEXO PORNOnovinha safada humilhando o padrasto é estrupada a forca no conto eroctico do quadradinhofiz uma foda bisexual com meu filho minha filha minha esposa meu caseiro sua esposa e sua filha contosnora safadas descobri que sogro tem a pica enormegostosa chifrando corno com seguranças na festa contos eroticosnegão caralhudo fudendo loira cinquentona de todo jeitopornocaseirogosandodentronovinha sentada ensima do cassete abrindo a bucetinha com os dedosestrupei minha irma na cama do nossos paisvídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhocontos/vi minha tia no puteirofotos de mulher com pinto e buceta crudandoscontos de sexo as novinhas e os padrinhos picudos com jumentosvideo de mulher tirando a o sutian ea calsinha ficando subinuavideo de padrasto tentando resistir a enteada sentando no colo deleapaixonado por um hetero cap 19urologista conto gaytravesri pau 40centrimo fode amigocontos eu e meu marido fomos no jogo de futebol no onibus dei pro negao eninguem viuconto herotico minha namorada e meu paieu quero GTA Marginal trabalhando na ambulância disfarçadolesbicas se vingando da rivalIniciando uma bixinhacontos eróticos encesto mae de 35 anos fodendo com seu jovem filho e gozando muitoxvidios mulheres fundeno na ginástica mulher que encolheu todinho com ponta do rabo XVídeos brasileirosogra gg chama cheiro para sexo anal pedro da filhahigor safado xvidioessa coroa coloco varias calcinhas p metercontos eróticos escritos de lactofiliavidioporno de meninas que noa guento pau no cu e nerroporn caiosereu. quero. ve. video. porno. com. menina. de. quize. ano. pegarno. carona. de. caminhaogarotinha na siririca no bicamamigo do meu maridinho tinha uma rolonacontos ela falo chicao nunca dei o cu pra pau grosso