Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Histórias de uma boneca

Autor: Anakal
Categoria: Homossexual
Data: 10/04/2008 16:06:09
Nota 9.80
Assuntos: Homossexual, Travesti
Ler comentários (3) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Essa e parte de minha historia, na verdade ela é o meu verdadeiro começo.

Hoje tenho 30 sou natural do rio de janeiro mas vivo em outro estado tenho uma pequena empresa que meu companheiro montou p/ mim desde que nos mudamos do rio p/ ka.

Desde de pequeno gostava de usar as roupas de minha mãe, ficava observando ela se arrumar com a maior atenção e inveja, minha mãe é “mãe solteira” meu pai nunca conheci.

Minha mãe tinha o habito de usar roupas extremamente provocantes, calcinhas minúsculas, calças coladissimas e blusas com decotes generosos, fora os vestidos quase transparentes com fendas enormes, isso só atiçava ainda mais minhas vontades, como ficava sozinho todos os afazeres domésticos ficava por minha conta desde a casa, a comida e todas as roupas era eu quem cuidava, assim como ela viajava muito a trabalho eu podia livremente pegar e usar suas roupas que ela não dava conta que alguém havia mexido ou usado suas roupas. Assim nas viagens que ela fazia podia usar suas calcinhas, shortinhos, blusas e vestidos o dia todo e a noite sempre dormia de baby doll e calcinha ou camisola e ela nunca se dava conta, pq se sujasse eu lavava como era eu quem arrumava ela não percebia que havia mexido na roupa dela.

Com o passar o tempo fui ficando cada vez mais ousado, mesmo com ela em casa suas calcinhas usava direto, mas por baixo de roupas masculinas e a noite me trancava no quarto e só dormia de baby doll mesmo com ela em casa.

Numa tarde de Domingo chegou em nossa casa um primo de Segunda grau, filho de uma prima dela que veio estudar em nossa cidade, um curso profissionalizante que a empresa que o pai dele proporcionou para filhos dos empregados da empresa com a intenção de contrata-los no futuro e ele havia sido selecionado p/ uma dessa vagas. Ele era lindo moreno 1,72 alt cabelos negros cortado baixo, braços fortes, coxas grossas e peludas, Tínhamos a mesma idade, apesar de ainda ser um menino fiquei atônito com ele. Com sua chegada imaginei de imediato que minha vida ia ter que mudar, afinal ele ia dormir no mesmo quarto que eu e ia dividir o espaço dos dias da casa comigo, isso me aterrorizou, não poderia mas dormir de baby doll nem mais usar minhas roupas de mulher durante o dia, se quisesse usar algo teria de ser escondido mesmo quando mamãe viajasse. Mas isso não aconteceu somente a noite tive de mudar algumas coisas. Ele só chegava tarde diariamente e a noite dormia direto acho que por cansaço, isso me deixou tranqüila, podia usar minhas roupa de dia e dormia a noite de calcinha por baixo de um short qualquer.

Mais ai começou tudo numa tarde muito quente de sol, eu estava na cozinha lavando a louça do almoço quando meu primo chegou de surpresa, eu não reparei sua chegada, estava distraída usando um maiô preto e um shortinho branco totalmente transparente que mostrava o maiô todinho enfiado em minha bunda, como eu já tinha cabelos compridos e os deixava sempre presos naquele dia eles estavam soltos ele chegou e não me reconheceu por causa do shortinho e dos cabelos mas aproveitou e ficou olhando para aquela delicia que lavava os pratos e ele não sabia que era. Quando me virei, eu e ele tomamos um susto ele por me reconhecer e eu por não te-lo visto. Fiquei cheia de vergonha na hora e ele começou a rir. Envergonhada corri pro quarto, depois de alguns minutos ele veio como estava trancado, foi me dizendo que queria conversar e abri a porta.

Me perguntou porque estava usando aquela roupa e de quem era, eu não havia tirado ainda já tinha sido visto mesmo me esconder mais pra que? Falei pra ele que gostava de usar e que aquelas roupas eram minhas.

Depois de muito rir ele virou p/ mim e disse que não contaria nada pra minha mãe mas com algumas condições... teria que chupa-lo, como durante varias noites ficava olhando e ficando com a boca cheia dagua aquele mastro enquanto ele dormia, topei no mesmo instante, afinal resolvia dois problemas silenciava ele com mamãe e matava o desejo ter na boca aquela delicia.

Como uma serviçal me ajoelhei de frente pra ele, meio atrapalhada pus pra fora, já estava duro feito rocha, era perfeito com uma glande enorme e rosada reto sem curvas com as veias salientes aquele mastro ficou a poucos centímetros de minha boca, comecei a bater uma punheta e aos poucos beijando levemente fui pondo na boca, quando ele estava todo dentro ele agarrou meus cabelos começou a me balançar de encontro as suas virilhas isso quase me sufocava, porque isso fazia que seu pau fosse la dentro de minha garganta, mas gostava, ainda chupando ele me mandou empinar a bunda, depois que fiz isso ele começou a dar tapas nela isso me deixou ainda com mais tesão, meu pintinho já tava me incomodando, parei um pouco e tirei ele de dentro do maiô pondo de lado pos já tava durinho também, nisso ele gritou comigo: ta gostando né vagabunda chupa seu macho sua puta, gente quase gozei ouvindo isso, chupava alucinadamente, foi quando comecei a sentir que o pau dele estava duro ainda mais e pronto pra gozar ele me gritou que ia fazer, agarrou meus cabelos e gozou com força dentro de minha boca, senti aquele liquido quente invadindo e enchendo minha boca saiu tanto que escapava por entre meus lábios, como não conseguia tirar a boca por que ele me segurava acabou gozando tudo dentro de minha boca, no inicio tive vontade de vomitar mas depois gostei do sabor, deixei um pouco no pau dele pra brincar e melar minhas mãos e deixei o resto na boca que balançava na boca de um lado pro outro pra sentir bem o sabor e engolindo logo em seguida, ele adorou me ver fazendo isso, aprendi num filme pornô disse a ele, depois que engoli fiquei alisando seu pau agora já mole e exausto brinquei um pouco com ele esfregando no rosto e me lambuzando ainda mais com sua sobra de esperma meu tesão era enorme pedi p/ sentar em seu colo e pondo minha bunda encostada em seu pau, comecei a bater uma punheta, ele agarrou na minha cintura e dava tapas por baixo na minha bunda mandando eu gozar e assim fiz sujei meu maiô e short todo, cai exausta do lado dele toda suja no rosto mãos e roupa, mas feliz da vida, Depois saímos e juntos fomos tomar um banho, essa historia não termina aqui tem muito mais, mas esta historia ta enorme deixa pra próxima.

Comentários

03/05/2009 19:04:56
muito bom gostava de ler a segunda parte
10/02/2009 15:06:12
sou vendedor de automoveis tenho 37 anos moro em sp. uam bela manha de quinta feira,atendi uma linda mulata que queria comprar um palio p trabalhar.atendi rapidamente pois avia muitos vendedores de olho nela,pois a mulata era grande e gostosa sabia chamar atençao de todos na loja. mostrei todos os carros que tinha de estoque mas ela indecisa e safada fazia coisas p chamar minha atençao.ela estava de saias justas e abria a porta do carro se setava com as penas abertas baixava aquele par de peito lindo na minha cara.ja de pau duro ela percebeu que estava me exitando,aproveitou p sentar no banco do carro e mandar eu baixar p mostrar onde era que levava o banco p traz que visao que tive que xana linda ela estava sem calcinha nao aguentei aquilo,levei ela p ver um carro no estoque do fundo do galpao da loja ela gostou do carro e pediu para entrar dentro do veiculo com ela,fiz o que minha cliente pediu sentando no banco ela ja veio me deu um bjo que fiquei ate sem graça,mas o melhor foi quando meteu a mao na minha rola e ja abril o ziper da minha calça que tesao ver aquela mulata abocanhar meus 21cm de pika dentro de um carro de venda da loja onde eu trabalho.gozei na boca dela ela nao deixou cair um pingo da minha porra p fora eu fiquei com muito tsao e nao me contentei com aquela maravilha de xupeta ela engole tudo imagine dando esse rabo grande. vendi um vectra p ela ela ficou muito contente com sua compra e sua xupeta. me deu seu telefone e pediu que eu ligasse p ela p pagar uma cerveja,avisei que iria sair cara sua cerveja. dia seguinte peguei ela com meu carro uma marea linda ela ficou encantada mas malentro dentro do carro e ja foi pegando meu 21cm e metendo na boca esfregando na cara batia minha pika no rosto todo,aquilo me deixou mais exitado ainda e nao consegui nem ir p um bar parei logo em um motel,nossa que mulata doida xupou meu pau bastente ate chegar no motel chagando la me contou que era casada e seu marido era muito corno e tinha ficado com sua filha p ela pode dar gostoso p mim aquilo me deixou mais ainda exitado.tirei sua roupa e xupei aquela xana que buceta rosada e cheirosa que tinha um greeloo lindo e grande cabia todo em minha boca que meia nove gostoso que fizemos na quele momento dava umas dedas no rabo dela e ela xugava meu pau com força ate gemer e olhava aquele greeloo soltando um cheiro de sexo gostoso e branquinho qundo metia a lingua ela se retorcia na cama nao contente ainda pediu p eu deixar ela fazer um desejo dela e disse p ela faz o que quiser mulata hoje a noite é sua? mas nao sabia o que era que ela queria fazer quando fui surpreendido com um dedo dela no meu rabo nossa nunca aconteceu aquilo comigo foi uma sensaçao diferente nao aguentei e esporrei na boca dela nunca havia gozado tantodaquele jeito,ela entao engoliu toda minha porra e levantou com uma cara de puta e me disse!bate na sua puta negra vem comer meu cu agora safado?nao aguentei aquilo apesar de ja ter gozado foi um desafio que me fez? dei um belo tapa na caraq dela pois ela de quatro e meti meus 21cm no rabo dela que cu maravilhoso gente ja mais me esqueço,dava tapas na bunda ela me chamva de puto e safado come mais meu cu gaza nela tsao seu cachorro aqueles palavroes me exitava e me dava mais força na pika e no braço p meter sem do no cu dela que delicia de mulher comi tanto seu rabo que ela diz nunca ter um macho que deixasse ela daquele geito cansadinhana cama. quando foi umas duas e meia da manha fui levar ela p casa mas antes dei outra metida em sua buceta nao acreditei que ela fez de tesao em cima de mim na banheira eu estava metendo ela começou a treemer fui surpreendidoo por um jato de mijoo que sensao gostosa que mulher fantastica nao aguentei aquilo levei ela p cama e meti com mais força ainda mas ja estava com a porra saindo quase na buceta dela todo melado meu pau ela veio xupou meu cacete e mandou eu infiar na buceta dela pois ela so queria sentir meu gosto com o dela junto e mandou eu enfiar e gozar dentro daquela buceta maravilhosa e asim gozei muitoo,que delicia de gozadaa,foi uma maravilha de trepada com a minha cliente.ao sair da cama fui tomar banho mas ela nao quiz tomar nao disse que ia levar porra quentinha p seu marido lamber pois ele estava esperando ela p trepar e ela sentiria mais tesao ao ver o macho dela lamber a porra de um outro macho que ja tinha inundado sua boca p beijar ele e ver ele sentir o cheiro de minha porra ate mesmo no cu dela. que mulata fantastica comi varias vezes ela no motel e no meu carro. vc mulheres que queira fazer bem gostoso em qualquer lugar de sp comigo é so me adicionar no msn ou deixar um recadinho bem safado adoro mulher puta casada safada que queira levar tapoes na bunda um bjos p vcs todas minha tezudas de todo mundo loira,morenas,brancas ruivas. bjos [email protected]
13/04/2008 00:10:01
Bom!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


x videos. Voyer . Sexo. poe so a cabecinha senao eu gozocontos eroticos amiga apostando o cuconto erótico de mendingopornodoido pesso para dormir por que tenho medo de trovõesxvideos com pomba gira brasileiros encorporadasnovinha moreninhafazendo sexo nachácara com tioFamilia Sacana pornoconto incesto minha irmãzinha adolecente andando encasa com essa roupinha nao da para resistiminha mãe irmã vovó conto eróticotaradao fode esposa na frente da amiga que quer tanbem.comgarotinhas bem novinhas descubrino otezaonovinhas grupalweb cam xvideoscontos eroticos urei de tanto gozar minha buceta inchadagosto muito de praticar zoofiliaExibicionismo em praia de nudismo lotafatia camisola sem sutiavedeo de dois homem mostro fazendo sexo com mulher que judia bate fodedocontos dei p meu chefecontos eroticos vi meu irmão pelado pela brecha da porta e fiquei esxitada e passei a provoca elecontos velho cacetudo corno fotoschicao corno submisso ao negao 4 conto cornocontos erot os y icminhavo rebolo gistoso xvideostexto de mulher quatro mulheres e quatro mulheres se for do mundo assim podendo em uma chupando o pau da ou julgamos o xiri da outracasa dos contos meu marido contratou mestre de obra negro comminha irma deixou um bigodinho na xana so pra fuder comigoconto viadinhoHomempauzao analarregasado a buceta com muita velocidadecontos lésbicas brigando reconciliaçãopilates sacana com minha esposa contovelhopintudocontosminha esposa e seus negoes comedores contosporno mãe possuir segredo fudendo escondido do maridoconto. andando de moto taxi. comi o cu de uma menina rabudanovinha dormindo de Baby Doll padrasto canaquero dois paus me fodendo corninhovideos de zoofilia mulher tarada por um jumento desmarcadogostosas com traseiro largo de biquines"felipe e guilherme - amor em londres"zoofilando puta gostosa fudendo com cavalo ater sair sangue com porra da bucetaconto porno lesbico praticando scatfazendo a filha chorar de dor sexo anal tv insentoquiz da a bucetinha com 10 aninhos pra mim com 51 anos meti com vontade contosbaixar videos porno em portugues idioma em portugues mae dando pro filho na frente dos parentes que chegaram de viajem e foram pra casa deles mae dando a buceta pra elea vida de um mauricinho apaixonadoConto gay viagem Onibus leitoestourando com o cu da amadora e ela cagando no pauanythingcontos sexo anal concunhada concunhadovizitou a. amiga levou foi rola x videossou encanador sexocontos de sexo depilando a sograchateou a amiga até ela dar o cu vídeo amador mobile paguei para tranzar com a noivinha evangelica contoscomebuceta irma outra irma prexacontos eroticos gratis transformei minha esposa em uma putaVer foto de homem enfiando a mao dentro drento da vagina da mulhermeu padrasto me vigiava tomar banho um dia ele comeu meu cufilha minha femea contocontos erotico gay brincando de verdade ou desafioContos lambendo chulevideo de padrasto tentando resistir a enteada sentando no colo delecontos exitantes nora tarada passeando com sogro tesudonovinga da favela fazendo menagem depois da aulacontos eroticos Robertaa cadela aguenta meu pau todinho zoofiliacontos de sexo depilada na praialoirinhas da minha região, estou doidinho para acabar com seu sufrimento sexualCacetes gossosevangelicas na zoofilia com cachorroseduzida por um estranho contos pornoaa cabasso fodedoraesposinha depravada seduz velhomulher caga incontrolavelmente no sexonegao da rola gigante com menina burguesinhacontos eroticos casadas arrombadas por pauzudos super grossos e 25 cmVideos de sexo brasileiro nem naceu cabelo na bucetinha virgem e ja ta metendo com pauzaocasa dos contos eroticos meu marido trabalha eu meu filho rodulo me fodeincesto com meu vô contos