Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Bomba é FODA!

Categoria: Grupal
Data: 28/04/2008 00:41:16
Última revisão: 28/04/2008 00:43:44
Nota 7.60
Ler comentários (4) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Logo que comecei a fazer uso de entorpecentes anabolizantes, achei que podiam me prejudicar, mas tive que conter o risco. Sempre tive um corpo bem bonito, escultural, forte. Mas, como havia chegado em meu limite, comecei a fazer uso dos tais entorpecentes. Na primeira semana, nossa...o tesão era de matar, qualquer buraco dava vontade de meter.

Em minha casa, morava: eu, meu pai, meu irmão e minha mãe. Toda tarde, eu e meu irmão ficávamos sozinhos, às vezes, ele saia pra alguma coisa. A empregada da casa, tinha o corpo até que bom, mas de rosto não era lá essas coisas. Certo dia, ela adoeceu e mandou sua cunhada, em seu lugar. Uma moça meio gordinha, morena, com seios e glúteos grandes.

Chegando da rua, no horário de sempre, me deparei com ela, a empregada substituta; como sempre fui educado, a cumprimentei. Nesse dia, eu cheguei suado, estava calor, fui logo tirando a camisa e fui para o quarto. Lá me despi, ficando apenas de cueca. Quando estava dando aquelas coçadinhas por dentro da cueca, ela entrou com umas camisas. Eu fiquei sem graça, e ela também, mas fingimos que nada aconteceu.

Meu tesão era grande, se eu não tocasse umas por dia, eu só faltava morrer. Eu de cueca e uma mulher que nunca vi na minha vida, em minha casa. Alguma coisa tinha que dar. Pensei logo em provocá-la: ajeitei meu pau (não é tão grande, mas é bem grosso, 14,5cm), deixei ele meio que duro, pra ficar estufado na cueca boxer (aquelas em forma de short). Fui na cozinha, neste estado; ela estava passando roupa (notava que ela não parava de me olhar), perguntei dos outros da casa, e ela não soube responder. Fui na sala e voltei na cozinha, com uma desculpa de pegar uma coisa na área de serviço. Ela se encontrava na entrada, o espaço era bem pequeno para passar, então fui passando bem devagar, com pau duro por trás dela. Logo notei que ela deu um respirada bem ofegante e baixinho.

Fui na área, e entrei no quarto de empregada, e chamei ela para ela me "ajudar" a tirar uma camisa. Pedi para ela limpar a camisa, e quando ela limpava, coloquei a camisa no meu colo, para ela limpar em cima do meu pau. Ela me olhou fundo, e ficou "limpando". Eu logo tirei a camisa e desci a cueca, ela ficou dando umas batidas, eu puxava a cabeça dela, para ela chupar. Aquele boquete bem gostoso, nossa...incrível. Ela estava de saia, com uma calcinha bem molhada (de suor). Nojo? Nada...Tirei a calcinha e comecei a foder ela apenas de saia, e com aqueles peitões para fora. Levei ela para a sala, em meu colo e a joguei ela no sofá. A danada gostava de violência, ficava pedindo para eu bater nela, cada vez mais forte, e me arranhava bastante. Ela fodia que era um coisa imensurável. Ao todo fodemos 3 vezes, só porque ela pediu para eu parar.

No dia seguinte, eu em meu curso de teatro, estava em uma aula teória chata, que a única alegria da aula, era meu flerte: a namorada de um colega meu, linda, uma loirinha, magra, alta, com cabelos lisos, os seios lindos, tinha lá pelos seus 17 anos, achava que era virgem, tinha uma carinha muito santa. Neste dia, eu me sentei ao lado dela e o namorado dela faltou.

As aulas eram em uma sala ampla, com aqueles mesões, e todos sentados ao lado um dos outros. Eu, não aguentando mais aquilo, ainda mais com aquela pérola ao meu lado. Comecei a mexer com ela: fingi fazer cócegas nos joelhos, na barriguinha (aquela barriga magra, com um piercing, nossa...De deixar louco!), sempre demorando mais na "cosquinha". E ela gostando...Quando vi, estava com a mão na boceta dela. Fiquei dedando e logo ela começou a me acariciar nas coxas, e mexer no meu pau. Eu estava com um receio, uma vergonha dos outros na sala, mas liguei um "FODA-SE" e continuei. Ela ficava me masturbando.

Nós, naquele clima, estávamos com um fogo enorme. Então, eu fui e pedi para ela parar. E escrevi no caderno, para ela se levantar e ir ao banheiro, que eu iria depois. Ela fez isso, e logo depois eu fui atrás. Dei uma checada no local, uma garota estava saindo, então eu entrei e lá estava ela. Entramos em uma cabine e começamos: despi ela toda, chupava aquele cuzinho, sem nenhum pelinho, bem gostoso e apertadinho. Dedava ao mesmo tempo aquela bocetinha com lábios gordos, bem desenhada, com aquele moicano lindo de pentelhos. Ela tentava conter o gemido, mas sempre deixava escapar.

Ficamos nisso até que uma imbecil entra no banheiro, em um desespero broxante. Eu (estava de joelhos no chão, de cara nos países baixos dela) fui e subi no vaso sanitário, apoiado com as costas na porta, todo contorcido. A garota ficou lá no banheiro, e ela sentada no vaso com as calças abaixadas.

Então, eu botei meu pau pra fora, e coloquei ela mamando. A vadia adorava, dava umas mordidinhas que eram uma delícia. A garota saiu do banheiro, e eu tirei ela do vaso, e sentei e coloquei ela para dar um cavalgada. Queria segurar o máximo possível, aquela boceta, bem apertada (tão apertada que chegou a tirar a camisinha do meu pau), quente, molhada, nossa...queria aproveitar todos os momentos possíveis. Gozei, mas gozei muito.

Depois disso, fomos embora, voltar para a aula, 20-30min depois, seria FODA, todos iriam desconfiar. Chamei ela para conhecer meu quarto, e ela aceitou. Quando cheguei em casa, estava minha empregada substituta, dei um "oi" e fui para o quarto. Lá, fizemos de tudo, só que com um detalhe: eu, ela e minha empregada, que logo veio quando minha "amiga" disse que tinha fantasias com mulheres.

Nesse dia, gozei 12 vezes, comi minha amiga 4, e minha empregada 5. Foi uma delícia, e a noite ainda toquei uma punheta.

Comentários

18/10/2009 14:41:46
uai curuiz, sensacinal
14/04/2009 23:25:34
bom, capricha como no relato anterior.
28/04/2008 09:27:34
Nós viemos aqui pra ler sacanagem ou aprender tabuada? Gostei do relato. Além da imaginação, o autor ainda tem uma verve humorística que tem lá o seu valor. Pode mentir bastante! Este SITE, como todos do gênero, não são palácios da verdade. Todos nós sabemos que nem no CONGRESSO NACIONAL se fala a verdade...
28/04/2008 08:57:15
Alem de mentiroso nào sabe fazer conta. Se foram 4 com a amiga, 5 com a empregada e 1 punheta, são 10. A não ser que escondeu as duas vezes que gozou dando o cu para o vizinho. Nota zero com louvor.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos esfolei o anus da mamae bebadarelatos minha esposa chegou toda chupadaem casaPorno contos incesto mamaes iniciam chupando as bucetinhas de suas filhinhas muito carinholactofilia porno em sao carlos spnovinha loirinha de onzeanos bucetinha enxadinha transando com papaiVisinhas taradas ousadas rekatos eriticos recentesimagens e videos de coroas tesudas metidas no sexo kente ate esporrar fora e mostrando a cona inchada com labios longospadrasto enteada falei de sexo brasileirocontos eroticos traindo o corno cdp ele assistindocontos eróticos brincando cometi o incestoencoxada no metro xvdnovinhas sendo a********* por monstros de Picão contos eróticoshistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulhercalçinha ate amarotada na bucetabucetao contosxxxxxxxvideos com professoras de educacao fisicasobrinha contosexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaocontos eroticos caguei no pauvideos de sexo Dono de imóvel comendo o cu da inquilinairmalouca pra perdero cabaco pro irmarpica dura do peão de rodeiomulher sendo mastrubada no honibos pro um estranhoFamílias nudistas sem tabus todos pelados nas praias e também em casa. Casa dos contos.Travesti inceto desde pequenaatacada em estrada deserta pornodoidofui arrombadoconto erotico dei pro meu genroBaixar Videos Porno Mulheres Bem Gostosas da Bunda Grande Querondo rola e Loca de Tesao Baixarve porno co ome cumeno amante e a filha da amantecomendo a mileninha gostosinhafilha assiste porno no quarto e mae e comida por outro e mae escuta barulho estranho e vai ver o que e e ve a filha se masturbandocontos de crossdresser forçadocomendo o primo a foçaxvideosConto erotico de mulher que chorora muitocontos eroticos corno deixa o proprio filho foder a mulherXvideos gostozura bbw safadacunhada safada e a mulher alisando o cunhado caralhudo ,contos e relatos eroticosmulher ameaçando cagar com o pau no cu videos pornoContos jovem faz anal varios homens e cuzinho fica dilatado e dilacerado14aninhos xotas lizinhagemeas identicas dando a bucetinha pra um taradinhobrincando escanchada contos pornocontos eroticos gay virei chupeteiro dos senhoreporno minha esposa chupou o pinto do agiota pra pagar minha dividaquero ver mais linda buceta bem gostosa que adora você tinha até meu marido matou na buceta gostosa no grelo bem ponto de ir para lambe chupa bem gostosinho passo a pontinha da língua nesse grelinhovideo porn foi arrombada com negao ate cagou e vomitouvideo porno rapidinha com amigo do namorado enquanto ele banharevista private relatoscasadinha contoscontos eróticos mulher endividadafotos os penes mais maneru do mundo pornvideos de sexo pratoa pegado a enpegada batedo uma xiriricavideo porno marido enbebeda aesposa chama o amigo para aproveita com seu pauzaocontos de machos roludos dominando cornos das esposasprofessora do encino fundamental se masturbano peladaamassos eroticos na aguaChico não posta foto dela desce em pornô com As Panteras filme pornô com As Panteras 10ponto não. quebrau. cabaso da vigefudendo so o cu delazinhaapertatinhas lidasxxvideo enviando abraço na buceta mae e filha adoram q irmao gose dentro seus cunada brincando com o pau do cunhado excluída do marido pornôgemendo e gozando gostosas espirrar esperma longe. porno atitudimagrinhas soquem pauzao. de 30 cm http://migre.me/w4IgEporno caseiro rasgando o cuzinho da safadinha e ela chorando de dor é uma dor insuportávelvideos de gosdosa tirado fio dendal de 22anoscontos eroticos "escrava" "trapos"relato quenquinha velha se eu tava afim de cozinha da minha cunhada mais nova aos berros XVídeosconto eróticos de minha namorada deixa sua calcinha xeia de sebo na pia do banheirocontos de sexo depilando a sograirma e chantageadas por irmo e ele chupar aforsa seu paucontos romatincos gay pit boy