Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Comi minha sogra I

Autor: Judas
Categoria: Heterossexual
Data: 12/06/2008 00:06:26
Última revisão: 02/07/2008 23:30:15
Nota 8.83
Ler comentários (6) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Quando conheci minha segunda esposa eu tinha 28 anos e ela 16 aninhos eu já estava separado e já tinha dado entrada no divórcio mas não podia me casar de imediato.

O pai e a mãe da minha da minha namoradinha não aceitavam a situação, ver a filhinha com um homem bem mais velho e sem poder casar, mas diante da impossibilidade de nos separar aceitaram a idéia de que nós vivêssemos amasiados.

A casa do meu sogro era grande e tinha um quarto de hospedes que tinha uma saída para o quintal e para a área de serviço, foi ali que eu e a minha nova esposa começamos nossa vida de casal.

A menina era um tezão e eu metia dia e noite naquela bucetinha apertada e ela gemia e gritava feito uma puta no cio.

Os dias foram passando e eu estreitando os laços de amizade com os cunhados e cunhadas e com os sogros.

Minha sogra era uma coroa de uns 42 anos meia derrubadona mas comível, e eu passei a notar que o meu sogro já não dava muita atenção para a coroa, afinal muitos anos de casamento seis filhos, não tem paixão o tezão que resista a tanta pressão, e o relacionamento esfria.

Comecei a conversar muito com a coroa que tinha um bom papo, e começou a me confidenciar que era muito infeliz na relação e que tinha momentos em que tinha muita vontade abandonar tudo e ir embora, e que só não fazia isso por conta dos filhos.

Eu comecei a dar atenção e ouvir suas histórias, enfim quem não gosta de ser ouvido nos momentos de aflição. E foi assim que eu comecei a lhe apertar a mão e depois abraçar fraternalmente.

Mas essa estória de amizade entre sexo oposto é um barril de pólvora e não deu outra, logo comecei a avançar o sinal e ela consentiu.

Começamos com apertos de mãos demorados, olhos nos olhos, até que um dia abracei a coroa por traz enfie a mãos por dentro de sua blusa e depois por dentro do sutiã e apertei aqueles peitões caídos mas grandes, putz que tezão, meu pau latejava dentro da calça, fiquei acariciando aqueles mamilo durinho e ela gemia e suspirava.

Peguei a mão da coroa e forcei ate o meu pau por cima da calça, deu para ela sentir a ferramenta, ela gemia, e ofegante me pedia para parar.

Foi ai que eu desabotei sua calça abri o zíper e enfiei a mão por dentro da calcinha dela, e meus dedos atingiram a bucetona da coroa, que bucetão cabeludo.

Ambos estávamos ardendo de tezão, mas o bom senso falou mais alto e paramos por ali, afinal a qualquer hora poderia chegar alguém.

Naquela noite meti na filha imaginando a mãe e gozei fartamente inundei a bucetinha de porra quente.

Eu e a sogra continuamos a bolinação por um logo tempo, e na medida em que o tempo passava fomos aumentado a intimidade, de tempos em tempos batia o arrependimento na coroa e ela dizia que aquilo era errado que não podíamos prosseguir com aquela situação.

Eu dizia que não que estava tudo bem e que homens e mulheres se atraem, enfim as velhas lorotas de sempre.

Até que um dia eu tive uma idéia, até porque eu não agüentava mais de vontade de meter na coroa.

E o melhor horário seria na parte da manhã, logo cedo. Tracei o plano meticulosamente, meus cunhados saiam cedo para o trabalho minhas cunhadinhas iam para a escola e o sogro também pegava cedo no batente. Era a melhor hora para por meu plano em execução.

O problema era minha mulher que dormia até tarde, mais podia acordar mais cedo e nos flagrar, resolvi arriscar esperei todos saírem fui até a cozinha e disse para a coroa: Tire essa calça e vista uma saia, ela relutou e eu disse faça isso agora nós não temos muito tempo.

Ela entrou no quarto e logo saiu vestida com uma saia jeans, eu fechei as portas que davam acesso ao interior da casa, entrei no banheiro e abri o chuveiro, e disse a ela se sua filha acordar eu entro no banheiro e para todos os efeitos estarei tomando banho, ela me olhava espantada e sem entender nada.

Puxei ela até o quarto do meu cunhado sentei ela na cama de solteiro, empurrei a levemente de forma que ela ficou meio deitada, levantei a saia e fui puxando a calcinha, eu tremia de tezão e medo a adrenalina era muita,

Finalmente eu ia meter meu cacete naquela buceta, arranquei a calcinha da coroa, abri as pernas dela e comecei a beijar e chupar aquele bucetão, que delicia, ela se contorcia e gemia baixinho, sufocava o grito, ela estava molhadinha, desci minha calça até os joelhos e ela olhou para o meu pau que parecia uma bigorna de tão duro.

Ela ficou olhando parecia admirada, não perdi tempo coloquei a cabeça na entrada daquela buceta quente, fui empurrando devagar, para minha surpresa era bem apertada, para uma coroa que já tinha tido vários filhos e todos de parto normal.

No inicio meti devagar aproveitando o máximo cada segundo, dentro daquela buceta quente e macia.mas o tezão foi aumentando e comecei a bombar com força o cacete entra e sai num vai e vem frenético, ela gemia e me puxava, eu mordia e chupava os mamilos dela, até que atolei tudo e fiquei bombando e roçando o clitóris dela não demorou muito e ela gozou gostoso, gemia, quase chorava, e eu metia com força e rápido até que ela ficou quietinha.

Pedi para que ela ficasse de quatro, afinal agora era a minha vez, meu pau doía de tanto tezão, quando vi ela de quatro lembrei da filha era muita semelhança física entre mãe e filha, enfiei meu pau de uma vez, atolei tudo ela gemeu de dor e prazer, comecei a meter igual a um cavalo em cima de uma égua, atolava o cacete até o fim e retirava devagar e com força, fazendo movimentos alternados, logo gozei inundei a buceta da sogra, gozei fartamente, a porra escorria de dentro do bucetão cabeludo.

Nos recompomos e após o banho ela me confidenciou que nunca tinha sentido nada igual. Afinal ela havia se casado jovem e virgem, e sempre fora fiel ao marido e eu fui o segundo a penetrar naquela buceta rosada.

Depois disso repetimos varias vezes a proeza até que um dia eu resolvi comer aquele cuzão apertado...mas esta é uma outra estória.

Comentários

09/07/2011 16:02:12
Legal seu conto cara, eu adoro buceta cabeluda,
17/04/2009 22:34:40
Uau!!! fikei molhadinha e na expectativa o tempo todo...hummm Big conto!!!!
19/08/2008 17:56:33
bom seu conto,eita sogra boa,vou adorar ler a sequencia.seu conto não é mentiroso como os outros que todos são lindos e de pinto grande.
14/06/2008 16:24:56
cara me deu tesão... so faltou detalhar mais a historia nota 8 pra tu
14/06/2008 09:36:44
Nossa, mas afinal tem as horas de loucura Nota 8
12/06/2008 19:26:50
Conto de qualidade média, faltou alguns requisitos, mas vou dar 7

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


video pornor espetacular com mulheres ki sao loucas por homem de pica gigantecontos eroticos dando o cuzinhi e a boceta pro molekis da vizinhancaporno tratantessorvetinho com vovo. incestoContos minha esposa negra bundudona no forro eu corno contoeu e meu esposo somos crentes e ele pediu para eu dar o cu para outro,contospunhetabr.vai lacanil de cadela zoofilia pornoContos eroticos de viados maduros que foram deflorados na marraolha amor que jeba gostosagozda de mjlher cue gorra lonjeestrupo de vuneravel pornoContos eróticos de incesto mamae gulosa mamando no pauzaos dos seus filhos e de mais cinco negao em um gang bangwww.xvideos novinhas dando um emprevisto pra fodermetendo na salgadeira bundudaPorno sexo gemido de prazer de esfomeadas com pauzao gostosoaquilo foi rasgando meu cuzinho contos eroticosvidio porno bate popa vol casadacontos eroticos o costureirocontos eróticos gays cracudoafricano comeu meu cuelacareca contos eroticos de mullheres carecasGta brut mulher nuaThaiana xvideos sabiasexres grates com filhas e mae trepando o paecontos de estupro sadomasoquismocontos erotico curvada frente namoradoemtiada.rabuda loulinha dolecente espiada pega foca sexoliberalina vadia casadaa.mulher vai ate ver que.estava.na.porta.era.o amigo dela.e.deu.a.boceta para.elelepornomulher so de fio dental fininhacontos eroticos A Dama e o Bruto Menina adora a porra do irmozinho contoseroticosquero ver o vídeo da mulher da enxadinha perdendo a virgindade dela mulher beijandoeu perdi a minha virgindade com cara da pica de 40cmceta e bunda 205 só as gostosascontos erotico gay brincando de verdade ou desafiocontos corno beija pés humilhadovidros prno insetos fodendo mae emprensadacontos eróticos curtosde gay dando o cu pro cachorrãomostrando abuçeta pedindo para alguém comervidio de sexo com compadre sedusindo comadre ate fodervídeo da Sarinha do homem lambendo pequena mulher a mulher lambendo o pau do homemvideos porno a namorada trail ele e ele estrupou ela com forcacontos eróticos de padastro abusivocontos eroticos chantagiei minha tia e comi elahomem peludo com o penis levantado elatejando de tesaovidioporno/fodanaconstrucaopai chupa a buceta da filha e éla bufa de tezâofilme pornô gratis bucetinha bem limpinha sem cabelo ganhando enfiadinha de leve do pau grossocontos eróticos fazendo a sogra drogadacontos corno manso ineditopinto na bucetado novinho enfiando so a pontinha depois com força depois uma bela chupada na cabeca do pintodei meu cu e tava bom pornoconto marido comeu meu cuver somete vidio alugaro uma mulher pra fude na chacar mais ela nao que da o cu comedoo cara e pauzudopornor doido batendo poleta na varanda homemJaponesinha dandu u cusinhu pru negam bem dotadu 4porno - socando uma pro amigo do marido no ofurocontos meu tio pauzaobucetavideo porno de homen com fimosexvidio no binha petdeno ocabadoporno mulheres q bota sainhas curtinha para pega onibus lotado sopara ser fufidaLiliane trepando com seu cunhadocontos eroticos me comeram a forçapornocontoincestoscontos eróticos dei uma lambida na xota da minha irmãcoroas de 50 a 60 anos bem moreninha fazendo sexo anal com dois Marquinhos de fio dentaljuju fudedovideos pornos de genros depilando sogra e n resiste fode elavideos porno eu estava dormindo e ele chupou a minha bucetinha e eu noa acordeicontos eroticos a crentinhamasturbando na cama serrando com travesseiro pornodoidozoofilia genicologista enfia alargador na buceta da noviamulher secura na pica do negao quando encosta no cumamãe quis ir na praia de nudismo contos de incestoVisinhas taradas ousadas rekatos eriticos recentescontos gays de meninos passivinhos com machos maduros/dando meu cuzinho aos homens desde meninocaderante. rabudas de. porto alegrepornodoido entre irmao enteronpido por tia gostosafode em terreiro de umbanda xvideo entregafor fundeno a cliente na casa dela sem o marido saber contos eróticoscu manteigapornô doido comadre entre pica grande negãoconto erotico briocoxvideo guardondo o pau nacuecaminha mãe me surpreendeu contos de incestoidosa masturbano de saia escolhando a vizinha gostosa de shortinho depois pula o muro e mete a piroca na vizinhaadorocuzinho cabacovarias mulheres nuas no meio da grama mexendo na buçetaporno caseiro rasgando o cuzinho da safadinha e ela chorando de dor é uma dor insuportávelcontos eróticos xingando quando era enrabadacontos eroticos sentei no colo do pirralhocadela com a vargina enchada e zoofilia comeo tio tarado estrupando a sobrinha clitado de dorcontos eroticos praia nudismo irma mae