Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

A Prostituta e o Garoto

Autor: Leo 1000
Categoria: Heterossexual
Data: 01/07/2008 19:52:32
Última revisão: 03/07/2008 11:01:21
Nota 10.00
Assuntos: Heterossexual, Sexo

Bons tempos aqueles. Saia do Colégio Estadual do Paraná e ia tomar o ônibus na Praça Tiradentes, aqui em Curitiba.

No caminho passava pela Rua Riachuello, barra pesada, com muita prostituição, mas sem o problema das drogas que, naquela época, quase não existia.

Estudantes e prostitutas. Relação de amor, ódio, desejo, fantasias.

Eu tinha 16 anos. Embora baixo (1,69m) fazia sucesso com as meninas. Já tinha dado uns malhos de leve, pegado nos peitinhos de uma garota, algumas brincadeirinhas com as primas e só. Desconhecia os prazeres do sexo adulto. Só masturbação, imaginação, vontade.

Vitor, um amigo meu, tinha 18 anos e já era um putanheiro de primeira.

Uma noite, encontrei com o Vitor. Ele me convidou para tomar uma bebida. Fomos a um bar de quinta categoria, mal frequentado, de aparência tosca. Começamos a beber e conversar sobre mulheres. Falei a ele que nunca tinha transado. Vitor não teve dúvida. Chamou por uma prostituta conhecida sua. Seu nome era Doralice. Era bonitinha até. Tipo mignon, corpinho razoável.

Vitor falou para ela:

- Este meu amigo é virgem. Nunca comeu ninguém. Por que você não dá uma trepada com ele?

Doralice devia ter uns 25 anos. Ela olhou para mim interessada. Terminamos de tomar a bebida e ela me levou para um hotel mequetrefe, mais ou menos da mesma categoria do bar, onde estávamos. Lá despiu-se, primeiramente e depois começou a me beijar, passar a mão pelo meu corpo, até que num dado momento começou a tirar a minha roupa. São imagens que ficaram para sempre. Até hoje eu lembro da sensação de ver os seios pequeninos de Doralice apontando seus bicos para mim. É impressionante como o sexo é algo natural. Mesmo sem experiência alguma sei que tive um desempenho de boa qualidade. Chupei aqueles seios como se fosse a última coisa que faria na minha vida. Doralice vibrava, sentia prazer. A prostituta não fazia sexo com o garoto mas sim fazia amor. Puxava minha cabeça contra seu peito, acariciava meus cabelos. Eram atitudes de mulher para homem ou, quem sabe, de mãe para filho. Eu sentia carinho, amor daquela mulher para comigo. Quem sabe acostumada com as agruras da vida de meretriz, naquele momento, ela pode dar um pouco de amor que tinha dentro de si.

Foi a primeira trepada que eu dei e a Doralice gostou tanto que se apaixonou por mim. E amor de prostituta não é mole.

Quando gozei, depois de quase uma hora de trepação, Doralice olhou para o meu pênis e exclamou:

- Puta vida, gozei 3 vezes, você meteu um tempão e ainda tá com o pinto duro?

A partir daquela noite, sempre que eu passava na Rua Riachuello e a Doralice me via, vinha correndo em minha direção. Me abraçava, beijava, ficava toda carinhosa. Em uma das ocasiões, me puxou pelo braço e foi me apresentar para suas colegas de profissão:

- Este é meu homem!, exclamou.

- E o que você vai fazer com ele, dar de mamar? perguntou outra, que depois descobri que se chamava Yolanda.

Acabei comendo a Doralice algumas vezes. Ela pagava até o hotel.

Certa ocasião, eu e um primo meu, passávamos pela Rua Barão do Serro Azul, próxima da Riachuello, e lá estava a Yolanda. Ao me ver exclamou:

- Lá vai o pirralho da Doralice.

- Pirralho é a puta que te pariu, respondi.

Virou um bate-boca danado. A vagabunda acertou minhas costas com o salto alto de seu sapato. Estremeci de dor. O salto era de ferro em seu interior. Uma verdadeira arma.

No meio da confusão, não sei de onde surgiu a Doralice. Ao ver Yolanda brigando comigo, não teve dúvidas, atracou-se com ela. O tempo fechou de vez.

Meu primo puxou-me pelo braço e disse: - Vamos cair fora. Daqui a pouco a polícia chega.

Saímos rapidamente rumo à Praça Tiradentes. Não tínhamos percorrido nem 100 metros e passa por nós um carro da Polícia.

Conseguimos chegar no ponto do ônibus, entramos rapidamente e fomos embora.

Nunca mais comi a Doralice.

Talvez minha história não seja muito erótica, mas foi uma experiência pela qual passei e relatei sem enfeitar. Tenho certeza que deve ser muito parecida com iniciações de muitos leitores.

Uma coisa é certa: Nunca mais esqueci da Doralice.

Comentários

16/02/2013 00:12:14
Gostei mesmo! Vale 10.
03/07/2008 18:20:38
Kaustin, foi ela que me transformou. Ela foi a primeira de muitas. Naquela época as coisas eram bem diferentes. Perdi a conta de quantas foram, mas imagino que deve estar perto de duzentas.
03/07/2008 13:31:00
Todo homem ja transou com uma prostituta, mas vc com 16 anos ta muito devargar, nesta idade eu já tinha traçados no mínimo umas oito ou mais, vc parecia um padre, cheio de medo cheio de tabu...... oi..... acorda;;;;;;; estamos no ano de
02/07/2008 10:20:59
Gostei muito, Leo. Seus textos são sempre um primor na escrita, enxutos e bem organizados. Mas principalmente, há quase sempre um conteúdo humano que vai além da pura pornografia. Parabéns!
01/07/2008 20:47:12
É uma tristeza muito grande! Eu também já estive com algumas mulheres com essa profissão. E me lembro de algumas. Mas me lembro muito bem duma em particular. Jamais a esquecerei. Só fui para a cama com ela uma vez, mas ela é inesquecível. O nome dela é Diana e é brasileira. Quem me dera saber mais sobre ela. Ela sumiu do mapa e eu nunca mais a vi desde aquele dia!!!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


comi a pmContos eróticos dedadas gostosas na buceta dentro da banheiragozou dentro da buceta e a mulhervnao queria no xvideosvideo de homemmorde vaginaporno clAsSico primeira vez de um molequeflagrei meu irmao comendo nossa mãetitias abusada de vestido e calcinha fio dentalbranquinho super big dotado enfiando o seu pinto até o talões no cuzao da novinha arrombadaa Ponta Grossa entrou todinha na tabaquinha delalesbicas xvideo.com brigonasvidio di hme k toroco disexoxvidio patroa provoca so toalha rola nelavideo d masoquismo sensacao gostosa fortrd caricias q causam dor e leva ao orgasmo video completoconto eróticos comendoa mulher doamigo a forçacunhada louca pra sentir rola grande pega cunhado de pau duro e nao resistevideo sexo mulherzinha nova traino seu marido com cunhado mulecaoXsvideos mulher torturando escravo nucadelas graudas no cio em zoo.casadoscontospenetração forçada do pistoludomillasissychantageou a coroa para se dar bemincesto ganhando chupada de aniversarioxvideo.amiga chupa.a buceta da a migalha dormindoxvideos putas fazendo sexo com cavalos rasgando avagina sangrarpaola olivera de xote curto pornodominando um casaltira A roupa vou te estrupar no pornoporno em desenho popai comendo a olivia sem pedir idadefoto porno de babalu montada no cavaloa cordei com meu irmão inchendo minha buceta de porracontos eroticos titio flacou eu e meu primo na infanciapornor doido batendo poleta na varanda sexomenino de treze anos gostoso bundinha e cuzinho jeitoso contos eroticosxvidio homem velhoe mulher bem velha tranzandovideos de com mulheres muito gostosa muito esitada dizendo qui ta muito gosto que è pra comer o cuzao delascontos lesbicos com buceta greluda encaixada na outra at gozar gostosocontos lactofiliamulher falando juramento de gemido vídeos pornôcontos menina chuponavidio de novinha bricano de saia curta com a molecadatarado convenceu so passar o pau no grelinho virgen da filhinha e enpurrou tudocontos eroticos de incesto seduzir meu pai sentando so de calcinha no coloEsposa putinha mostrando abcta pela boca d shortiporno muito beidona no paumulher beijando a mulher na boca pelada no titubearvídeo da vizinha ela é pornô chama o marido da outra novela saindoa gordinha morena kuduro dando para o negãohomens gostam de esfregar nos pelinhos da vaginaquantos centímetros tem o penes do pro boteinotemto core mais eu pegeibrasilera xvideox video mobili com mulher gostoza colocando chifre no marido com o amantedvd porno vizinho come cu vizinha a forcawattpad enteado gay adora chupar a rola do padrasto bonitoContos eroticos de casada puta dos vizinho roludo corno duplaxv novinha querendfo centin um piru na bucetab de cachrrovideos porno eu estava dormindo e ele chupou a minha bucetinha e eu noa acordeivídeos de pornô os tios do p********* e grosso tirando a virgindade das Sobrinhas quando mete o pau ela se caga todinha e se mijaa bucetinha depilada da minha mãe contosfilme porno minha sogra me enxeu o saco ate eu come elaxsvideo relatos com fotos e filmes tio taradao de 30cm de rola arrombando subrinha safadaporno tirei o pau veio bosta bizarrover contos eroticos lesbicas de a ginecologista sexo relatossexo porno fui no meu ginecologista ao abri a perna ele me chupou todinha deliciavídeos porno caseros esposinha fazendo suruba com 3homtiraramos a roupa contos lesbicosminha mulher fodemdo com e olhando para mim com cara de safada gemendo gritando e chamando dizendo ta bom corno corninho ta vendo tua mulher semdo comida fudidacontos de sexo raspei minha bucetaevangelicas na zoofilia com cachorrovídeo sexomoleque aquimulher passa muita margarina no proprio cuFoto picudo estotando a bucetinha da casadaporno a coroa gostosa gemendo e usando fantasia bem radianteputaria. propria para coroa intesa safada gosmenta na mansaoRuıva fudendolambendo bunda baile carnavalcontos eroricos minha filhae enlouqueceasistir videos porno brasileirocontos eróticos com tia e sobrinhosadomasoquismo porquinha choquePorno mulher gritando muito na pica do jumento e o. Jumento encaxou até o talo. meu sogro e seu irmao me funderam juntos contos eroticosgranfina brasileira sequestrada e fode e gozacontos eroticos namorada vendada pica irmãopornô doido de cetona de mini saia sem calcinha sentando na rolafilme porno americano onde objeto exotico liberava o tesao dos personagensvidiopono mulher bica te