Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Ninfeta Maravilhosa - parte 2

Um conto erótico de maximus0357
Categoria: Heterossexual
Data: 24/10/2008 13:16:06
Última revisão: 01/10/2012 16:56:13
Nota 9.18

Ninfeta Maravilhosa ( Parte 2 )

Para entender este conto peço aos amigos leitores que leiam a primeira parte postada aqui no site o link está logo ao final do conto:

Aos queridos leitores peço a gentileza de votarem nos dois contos.

Boa leitura.

Quatro anos se passaram e eu continuava minha vida, trabalhando duro, dedicando-me ao máximo e quase sem tempo para mim. Mas sempre que minha mente divagava, eu me pegava lembrando daquela menina maravilhosa:

Vivian, Vivian... esse nome ecoava em minha cabeça!

Até em que um certo dia minha prima do interior me ligou.

- Maximus, como esta vc? E a familia? Que saudades de você.

- Eu também estou com muitas saudades, quando vocês vem para cá?

- Ahh tá difícil com todo essa trabalho, vem você para cá qualquer fim de semana. (risadas)

- Vamos ver!!

- Olha primo te liguei para te pedir um grande favor:

- Diga!

- Lembra-se da Vivian?

(como podia esquecer – pensei comigo)

- Claro que lembro!

- Pois é. Ela vai prestar vestibular aí em São Paulo, será que você poderia apanhá-la na rodoviária e hospedá-la por uns dias em sua casa?

- Claro, sem problema nenhum, será um prazer.

Após isso me relatou detalhes, tais como: hora do ônibus, empresa, essas coisas.

A noite voltei para a minha casa e contei para minha mulher que buscaria Vivian na rodoviária para passar uns dias em nossa casa e o motivo da vinda.

Ela assentiu, não dando maior importância ao assunto. Mas naquela noite, fantasiando com Vivian, eu fodi loucamente minha mulher. Mal conseguia esperar o dia amanhecer, levantei-me cedo, tomei um banho caprichado, coloquei uma roupa bonita e estava ansioso como um adolescente a espera do primeiro beijo.

Sete horas, oito horas...as horas não passavam...estava ficando louco. Peguei o carro...ahhh o carro!! Lembrei-me de como Vivian adorava carros esporte... e sorri comigo mesmo. Embora fosse uma bela Mercedez. O de agora era um sedan preto, classudo, formal...como os adolescentes chamam: Carro de tiozão...

Cheguei a rodoviária muito antes do horário marcado, olhando insistentemente meu relógio. Os minutos pareciam horas...o maldito ponteiro do relógio não andava. Dirigi-me até o guiche da empresa e obtive a informação que o ônibus estava com um pequeno “delay”. Saco!!! que merda!!! Vou acabar ficando maluco!

Finalmente chega o ônibus na plataforma, os passageiros começam a descer, um a um, lentamente, - nada da Vivian-. Meu coração bate mais forte dentro do peito, sinto minhas axilas molhadas, quando finalmente a vejo. Vivian está descendo os degraus. Deslumbrante e fascinante. A ninfeta de outrora havia ganhado corpo, expressão, vida. Estava com um vestidinho de algodão florido soltinho, desses que as gatinhas andam pelo shopping, com um ar super juvenil.

Olhou-me nos olhos profundamente e se enlaçou em meu pescoço me dando um forte abraço... a sensação daquele corpo jovem de encontro ao meu deixou-me imediatamente de pau duro. Nesse momento ela descolou-se um pouco de mim, olhou-me nos olhos e disse: Priiimoo, com aquele sotaque paulista tão característico. – Que sauudadeee do cêê!

Peguei sua bagagem e nos dirigimos ao estacionamento. Dei o ticket, paguei e quando meu carro chegou, pude observar que minha ninfetinha o olhou com ar de aprovação. Entramos e logicamente caímos no sempre engarrafado e caótico trânsito de São Paulo. Conversamos sobre algumas amenidades, alguns assuntos sem importância e prestando atenção no trânsito, não podia observar Vivian atentamente, mas pude perceber que por várias vezes que ela me fitava intensamente. Até que disse: - Você está com umas pequenas mechas de cabelo branco!!!

- É! eu estou ficando velho – disse sorrindo!

- Mas ainda assim bonito!

Pronto começou novamente o jogo da sedução.

- Você também está muito bonita Vivian. Crescer te fez bem!

Ela simplesmente assentiu com a cabeça e voltou seu olhar para fora da janela. Ficou calada e absorta nas imagens do caótico tráfego paulistano.

Chegamos em casa cerca de uma hora e meia depois, mostrei o quarto de hóspedes para ela e disse-lhe que ficasse a vontade, então ela me fitou nos olhos e disse: A vontade mesmo???

Me fitou da mesma maneira que me fitara alguns anos antes, com aquele olhar felino e faminto. Tentei avançar em sua direção, mas me contive, pois nunca sabia o que podia esperar daquela guria. Eu ainda me lembrava do que ela me havia dito.

Vivian entrou no seu quarto, tomou banho e quando saiu não pude acreditar, estava com um vestidinho tubinho, desses que fica colado no corpo. Me olhou e pediu: Me leva no shopping?

Eu queria passear um pouquinho e fazer umas comprinhas.

Lógico que de pronto concordei, tudo o que eu mais queria era estar com aquela guria, mas eu que sempre fui muito extrovertido na sua presença me sentia retraído, meio que acuado.

Com certeza Vivian sabia como manipular as pessoas. Entramos no meu carro e rumamos para o shopping Morumbi. Quando estávamos nos aproximando do shopping, paramos num farol e Vivian se vira para mim e diz: - Será que não tem problema eu entrar assim no shopping?

- Assim como?

Vivian abre as pernas e por baixo do micro vestido pude ver sua bucetinha loura...a vadia estava sem calcinha!!!

Eu quase tive um orgasmo diante daquela cena. Levantei os olhos e ela sorriu com aquele olhar malicioso...selvagem!

Coloquei a mão em cima da sua vulva e corri os dedos pelos grandes lábios até encontrar seu grelo.

Joguei meu corpo para o seu lado e beijei sofregamente sua boca.

- No shopping é melhor não, mas eu conheço um lugar melhor!

Dei a volta no quarteirão e entrei num motel que existe lá perto. Vivian mais uma vez estava absorta em seus pensamentos. Passei pela entrada do Motel deixando os documentos na maior velocidade possível.

Vivian desceu do carro e entrou no quarto do motel enquanto eu trancava a garagem.

Assim que fechei a porta a vi sentada sobre os joelhos em cima da cama. O vestido subiu e eu podia ver sua linda boceta levemente entreaberta.

Olhei em seus olhos e disse: - hoje quem vai fazer o seu dia especial sou eu!

Beijei aqueles lábios vermelhos com paixão e ternura e lentamente fui acomodando-a na cama. Enquanto a beijava, minha outra mão brincava com suas coxas e dedilhava sua bucetinha, que já estava super melada a esta altura. Levemente fomos nos livrando de nossas roupas e as carícias foram ficando mais ousadas. Os pequenos seios de menina deram lugar agora a uns seios médios, redondos e com bicos maravilhosos. Os bicos rosados, quando chupados tornavam-se duros e grossos, quase do tamanho do meu dedo mínimo. Eu beijava-os, mordiscava-os de levinho levando Vivian a loucura. Fui beijando sua barriga, soprando, mordiscando até que cheguei a sua gruta. Senti aquele cheiro de sexo inebriante, coloquei minha boca e senti seu gosto de fêmea. Vivian arqueou as costas e soltou um profundo suspiro.

- hummmmm

Comecei a contornar seu clitoris com minha lingua, ora de forma macia e úmida, ora mais contundente de modo a pressioná-lo. Vivian emitia sons desconexos...

Meus pensamentos voavam! Eu estava num transe maravilhoso, me deliciava com os aromas e sabores que emanavam da minha ninfeta.

Beijei a boca da Vivian novamente, melado com os seus sucos. Agora ela me beijava com luxúria, forte e chupando minha língua. Coloquei-me sobre ela e pincelei meu pau na entrada da sua buceta. Então ela sussurrou no meu ouvido: - Devagar! Sou virgem!

Olhei nos seus olhos que estavam marejados de lágrimas e ela me beijou novamente dizendo: - Vem! Me faz tua mulher!

Coloquei meu pau na entrada da sua gruta e comecei a fazer movimentos suaves de vai e vem, Vivian compreendendo o ritmo começou a mexer os quadris e num momento senti uma pequena contração na sua vagina. Seu himen havia se rompido. Parei por alguns segundos para Vivian se acostumar e então comecei a penetrá-la lentamente até que sentisse meu pau tocando no fundo do seu útero. Ela começou a respirar profundamente me pedir:

-Vem me fode gostoso. Fode sua garotinha! Issoooo... aiiiii que tesssssssãoooooo.

- hummm ....maiisss fundo.... vaiiii.....vaiiii ...mais ráaaaapido!

- isso...isso... vai vai vai...eu toooo gozaaannndoooooooooooooooooooooo!

Aquela pele morena agora estava completamente arrepiada, a penungem dourada eriçada, assim como os bicos dos seios...não resisitindo, os levei até minha boca e comecei a chupá-los. Vivia estava possuída. Gozou uma, duas, tres vezes seguidas.

Percebendo que estava extenuada, retirei meu pau da gruta que saiu melado de sangue e disse pra ela: - agora você é minha mulher.

Fomos até a ducha e tomamos um banho demorado, abracei Vivian por trás, e fiquei brincando com o sabonete, dando-lhe um banho sensual. A água e o sabonete deixava nossos corpos lisos e nos abraços entrelaçados eu sentia um tesão indescritível.

Saímos da ducha e eu peguei uma toalha cobrindo Vivian pelas costas enchugando-a da mesma maneira que se seca uma taça de fino cristal. Levei-a nos braços até a cama e a deitei de bruços. Fiquei lateralmente a ela e comecei beijar sua nuca, seu lindo pescocinho, enquanto acariciava seu belo bumbum. Só então pude de fato observar aquela bunda firme com aquelas marcas de biquini...morri de tesão só de apalpar. Sussurrei no seu ouvido: Tesão!!! Você é um verdadeiro tesão! E desci beijando suas costas, mordendo de leve seu bumbum, lambendo a parte posterior das suas coxas. Brincando com as dobras do bumbum e lambendo os lábios da vagina. Vivian percebendo isso arrebitou levemente o seu rabinho, deixando aquele cuzinho rosado totalmente exposto. Enterrei minha cara naquela bunda e comecei a lamber em volta daquela rosquinha linda e totalmente lisinha, sem nenhum pelinho. Lambi, chupei e babei enquanto brincava com seu grelinho deixando-a mais excitada.

Sem dizer uma palavra, peguei-a pelos tornozelos e arrastei-a para o canto da cama, com a ajuda de um travesseiro empinei ainda mais o seu bumbum. Vivian virou para trás e me olhou com aquele olhar malicioso e riu um riso rasgado e debochado.

Separei as bochechas da sua bunda e comecei a pincelar meu pinto na entrada da sua buceta que pingava de tesão. Pincelava na boceta, pincelava no cuzinho. Vivian contraia e soltava a rosquinha para lacear a musculatura. Coloquei o meu dedo no seu cuzinho e concluí que ela já havia dado o rabinho algumas vezes, pois ela sabia o que estava fazendo. Com carinho fui estimulando-a e aos poucos senti a resistência do seu “derriere” aos poucos esmorecer.

Dei uma cuspida, labuzei bem e fui introduzinho, lentamente mas com pressão até o fundo da sua alma. Viviam suspirou, gemeu, mas em nenhum momento reclamou. Quando senti tocar as bolas em sua bunda iniciei um vai e vem, a princípio normal, mas a medida que senti sua musculatura relaxar comecei a bombar cada vez mais forte.

Vivian crispou suas mãos no colçhão, empinou mais a bunda e começou a falar entre os dentes:

-sooooca sem dó meu amoooor, fooodeee tuaaa gatinhaaa! Meee fooodeee gostooosoooo!

Levava meu pau até o limite do seu cú e o afundava novamente sem dó!! Aquele barulho ploft ploft..mexia com o meu imaginário. A imagem daquela bunda sensacional na minha frente, era qualquer coisa de fenomenal. Senti o gozo brotando, segurei, contrai e aumentei o ritmo anunciando...vou goooozaarrrr....

- me espeeeraaa eu tambémmm vouuuu!

Segurei Vivian pela ancas e aumentei as estocadas. O gozo veio forte...forte e abundante.

Cai sem forças ao seu lado selando nosso pacto com um beijo apaixonado.

(continua)

Quem quiser comentar por favor envie um e-mail para:

[email protected]

link: http://sharoland-nn.ru/texto/

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
02/02/2017 09:03:58
PRA LER E RELER. NÓ, BOM PRA DEDEU ESSE REENCONTRO COM A VIVIAN. A SAFADINHA SABE DAR A TUNDA BEM GOSTOSO.
22/06/2015 16:30:37
Uau. Que delícia de conto. Pena que já passei da idade :( kkkkk. Bjokas
25/11/2014 13:08:03
Cara.. Mandou bem demais. Ela esperou vc e acho q vlw a pena.. Continua.
18/01/2014 11:33:24
Nossa, relendo este conto, acho que fiquei tão meladinha quanto a Vivien. Titio Max...pena que já estou «velhota» para ser sua sobrinha. Beijos, meu amigo. Vc escreve demais.
18/01/2014 10:51:24
a segunda parte esta ainda melhor. tesão de conto
26/12/2013 21:21:57
Excelente. Esta segunda parte foi ainda melhor.
07/05/2012 15:51:14
você arrasou,muito bom...
18/04/2012 23:26:13
Dez!
26/01/2012 17:48:25
Amei seu conto, vc deve entender e muito de mulher, nota 10!!!
26/01/2012 17:46:34
Amei seu conto! vc deve entender e muito de mulher, cheio de detalhes!!! nota 10
18/09/2011 20:47:22
O Maximus tem boa narrativa e seu enredo atrai pelo conteúdo bem elaborado.
05/05/2011 15:42:41
Maximus, enfim consegui ler o conto nº 2. Parabéns! E olha só, liga pra essa gente não, cara! Vc escreve direito e como disseram, a gente não vem aki pra aprender portugues e sim, os prazeres da vida. Vc não é "Word". Aliás, qtas pessoas escrevem "você assim voçê". É de matar qq portugues, Camões deve se virar no tumulo. Vc é mto bom... adoro seus contos, isso sem falar no q faz comigo. Sempre toco uma pra vc, querido. Com seus contos, sempre fico molhadinha, de grelinho durinho e imaginando uma piça bem gostosa. Parabéns!!!!
23/01/2011 20:48:47
Ufa!..que conto! O melhor dos seus contos, que li até agora. Está merecidamente entre os melhores escritores. Um tesão de conto, descritivo e excitante demais! Adicionei você à uns dias, como me pediu...agora é consigo! Nota 10, merecidamente.Beijo da Portuguesinha.
05/09/2010 11:06:39
=-)
01/07/2010 16:38:42
Maximus... Maximus... Maximus, meu gladiador delicioso! Demais, como todos os contos que vc escreve. Nota dez, lindo. Beijos.
02/11/2009 05:37:27
Nossa realmente seu conto e muitooooo excitante voc esta de parabens adorei muito!!!
28/10/2009 16:11:21
maximus0357, Lí, ou melhor, devorei o primeiro e foi maravilhoso, gostei muito deste e já vou ler a continuação. Só que achei o primeiro mais excitante, estou tentando escrever um, mas estou achando muito longo. Alguma dica?
21/10/2009 01:53:49
véio.... sem comentários... nota 10 e ponto.
11/09/2009 01:20:43
nossa prarabens nao e todo homem que tem uma sorte dessa ela esperou quatro anos pra perder a virgindade com voce seu conto e maravilhoso
26/08/2009 14:48:50
caraca muito bem fiquei até molhada só de ler parabens cara vc é ótimo




Online porn video at mobile phone


pornô grátis cu de viado dando falta de pão de mel recheado no potepunindo escrava sadomasoquismosete formas de medomaduras no meu cu nao porraaa paraaa aiiiiigemendo e gozando gostosas espirrar esperma longe. porno atitudihistoria de mulheres casadas que fazem dupla penetraçao e foram descobertasvideos dr sexo com pau de40cm analcache:rw4Jl7xcm9QJ:https://zdorovsreda.ru/tema/pezinho video de porou dirano vigidade da namorada vedtidoContos eroticos dona de casa, coroa, casada evangélica pega novinho cacetudoeu já perguntei onde tu tava ontem Live sexo vídeo pornô deixa que eu adoro vai bater igual a Shakirascooby-doo chupa pomba de salsicha grátisestupro chupando grelo grande até ferirfodendo com maxima velocidade e sem piedade pornocontos de sexo depilando a sograsuruba em familia so sexocontos eroticos arretando novinha na hora da janta na meaasarra novinha da b***** bem bonitinha pornôconto erotico "padre não é homem"contos eróticos de incesto uma competição entre a minha filhinha e a sua amiguinhacontos de sexo depilando a sogracontos de crossdresser forçadox.vídeos pornô família risquinha irmão e irmã novinhos conto erótico gêmeas trail irmã com o namoradoXvidiocomendo a novinha sem.ao menos tirar o chorte dela conto erotico flagrei meu irmao comendo mamaecontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docesanais bruto elas tenta corre io pau entra mashomens chupando gkscache:I48cfGGC7vMJ:gtavicity.ru/texto/201612711 Porca reprodutoras buceta crandexvidios outros purai favoritosfestas na casa de amigos e depois de tanta bebidas um porno com muita violênciamulher bonbando sua buceta ate seu grilo ficar grande e homem fica louco x videoJaponesinha dandu u cusinhu pru negam bem dotadu 4neta sentindo opau du avo duroos viodeos de sexos os dotadoes das piconasporno xoxota loucas surpresaQuadrinhos cabeludos de uma gangue de monstros tarada por mulheres gostosas! HQs lotadas de criaturas horripilantes que vão te dar medo e prazer!contos eroticos minha irma novinha peidou quando tirei o cabaco delapatricia de faculdade gostosa gemendo muitopirocona na titiaAmigas safadas e putas relatos eroticosgostosa novinha virgem orgasminhomeus patroas adoram chupar a minha bucetaporn provocadeitaconto erotico proibido pra mim hector e sophiecontos gays tio e sobrinhobuctao tod c gazandfotos os penes mais maneru do mundo pornler contos eróticos primo com prima gordinha gostosa d********* para o primo bem dotado história realapaixonado por um hetero cap 15@nubianinfa.comdoce nanda contos eroticosvideo porno rapidinha com amigo do namorado enquanto ele banhaempurando o gatilho no prikito delaquero ver loiras e morenas d********* bem gostoso e arrombando o c* bem arrombado mostrando bem arregalado o c****** e de fio dental bem gostoso preto vermelho branco azulmentendo o pepino na buceta e no meu rabao contoscontos eróticos da tia com seu sobrinho jovemdando a boceta pro namoradoprimeira vez novomeu professor de natacao me comeu gay contosadomasoquismo p*** relinchando analsó na brotheragem conto erotico com meu melhor amigoFazendeiras e seus contos eroticos picantespauzao para meu marido e eu, exibidacontos minha mae gravida do pedreirovitinho meu sobrinho contos gaysGisele bundchen mostrando sua buceta inchadairmalouca pra perdero cabaco pro irmarcomi minha cadelaporno doido travetis fundenoconto de filha bando de biquine e acabou dando a bucetafatima encarando um caralhaoTia gostosa de vestido curto decostas sobrinho agara ela pra comerRelatoa erodico de geyse arruda contando como.perdeu a vingidade do.buceta e do.cuzinhocontos de cunhado que comeu a cunhada e ela nem percebeuconto erotico macho dominador convida amigos pra foder viadinho submissorelatos eroticos dei minha bundinha e contei tudo a meu maridovídeo pornô feito no lixinho para Guarulhoschupando o cassetao do viado gay dos peitaowww delexvidio comcontos erótico com subriaas novas novia cenus estrupada pediu virgindadeconto erotico nora carenti fudendo cm sogro pirocudover vidio reau casada levou uma pica tao grande na buceta ela chorrougozadas no xvideo de mulheres que dar tremetreme naspernascontos tomei coragem e dei pro meu filho pauzudo