Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Sou Professor!

Autor: Marco
Categoria: Heterossexual
Data: 03/11/2008 23:50:44
Nota 10.00
Ler comentários (5) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

SOU PROFESSOR!!!!!

PRA COMEÇAR, EU SOU MESMO PROFESSOR. PÓS-GRADUADO EM

LINGUA PORTUGUESA E LITERATURA. TRABALHO NA EDUCAÇÃO HÁ MAIS

DE 06 ANOS E ME ENCONTRO COM 28 ANOS DE IDADE. O QUE VOU

NARRAR É BEM SÍMPLES, POIS SOU UM CARA NORMAL, SEM NADA DE

POTENTE, TAMBÉM NÃO ME CONSIDERO BONITO, APENAS SIMPÁTICO E DE BOA CONVERSA. MORO ATUALMENTE EM UMA CIDADE MUITO PEQUENA, MAS JÁ RODEI MUITO POR NOSSO BRASIL, E POR ISSO POSSO AFIRMAR TER BASTANTE EXPERIÊNCIA. NO MÊS DE MAIO DESTE ANO, EU MAIS UMA TURMA DE AMIGOS COMBINAMOS DE ORGANIZAR UMA FESTINHA BEM ÍNTIMA. ERAM POR VOLTA DE 40 PESSOAS, TODAS BEM PRÓXIMAS UMAS DAS OUTRAS. NO MEIO DA FESTA EU ABRI UMA GARRAFA DE ABSINTO (89%) E PREPAREI ALGUMS COQUETÉIS COM SUCO DE LARANJA OU CHAMPAGNE. NESSA ONDA, SEM MAIS OU MENOS FERNANDA ME PEDIU PARA SERVI-LA, O QUE FAÇO PRONTAMENTE. SEMPRE FOMOS AMIGOS, E ASSIM COMO EU, FERNANDA É UMA GAROTA BEM SÍMPLES, MAS TODA GOSTOSINHA, MAS NÃO É UMA GATA. BRANQUINHA, CINTURA FININHA, BUNDINHA DURINHA E REDONDA, SEIOS MÉDIOS, MAS NÃO É LÁ ESSAS COISAS DE ROSTO, PORÉM, BASTANTE SIMPÁTICA E AGRADÁVEL. COMEÇAMOS A CONVERSAR, E COMO A BEBIDA FOI SUBINDO À CABEÇA DELA, PEDIU LICENÇA E FOI PARA O QUINTAL DA CASA. QUEM JÁ TOMOU ABSINTO SABE COMO É. FIQUEI POR ALI, E COMO ELA ESTAVA DEMORANDO, AO PASSAR PERTO DO QUINTAL RESOLVI PROCURÁ-LA. FOI UM BAITA SUSTO...

FERNANDA ESTAVA DE COSTA, APOIADA COM AS MÃOS NO MURO, E POR TRÁS, ENCOXANDO-A ESTAVA UM SOBRINHO DE UM COLEGA TAMBÉM PROFESSOR. ELE DEVERIA TER A MESMA IDADE DE FERNANDA (19), E O SARRO ESTAVA BEM FORTE, MAS NÃO SEI BEM O QUE HOUVE, QUANDO ELE METEU A MÃO NA CALÇA DELA, FOI REPELIDO INSTANTANEAMENTE. DE LONGE EU OBSERVEI UMA PEQUENA DISCUSSÃO, E NÃO QUIS CHEGAR PERTO PARA NÃO SER INCOVENIENTE. VOLTEI PARA A SALA E AOÓS UMS 15 MINUTOS ELA VOLTOU PEDINDO MAIS UM POUCO DE BEBIDA. EU PENSEI E SERVI A ELA APENAS SUCO DE LARANJA.

__ O QUE HOUVE, NANDA?

__ NADA. SÓ QUERIA BEBER UM POUCO...

__ TEM CERTEZA? EU VI VOCÊ NO QUINTAL COM UM RAPAZ QUE NEM SEI BEM O NOME, ELE É SOBRINHO DE ...., NÃO É?

__ É SIM, MAS O QUE VOCÊ VIU? - NESSA HORA ELA FICOU VERMELHA E NERVOSA.

__ NA VERDADE EU VI ELE TE DANDO UM MALHO BEM GOSTOSO, MAS NÃO FUI LÁ PRA ISSO, ME DESCULPE A INTROMISSÃO...

__ NÃO, PREOCUPA NÃO. ELE É UM IDIOTA, É UM MOLEQUE.

NÃO LEVEI A CONVERSA PARA ESSE PONTO, MAS QUANDO PASSOU CERCA DE UMS 20 MINUTOS, ESTÁVAMOS CONVERSANDO ENCOSTADOS EM MEU CARRO, ELA DESABAFANDO, DIZENDO QUE OS CARINHAS DAQUI SÃO UMS BABACAS, NÃO SABEM TER PACIÊNCIA COM UMA MULHER. EU SÓ CONFIRMAVA. APÓS TODAS AS LAMÚRIAS, ELA ME PEDIU UMA CARONA PRA CASA, NO QUE ATENDI, POIS TAMBÉM ESTAVA INDO EMBORA. NO CAMINHO EU REPAREI MAIS ATENTAMENTE NELA E VOLTEI À CONVERSA DO QUINTAL. FALEI QUE ELA ERA MUITO GATA E ESSAS CONVERSAS MOLES, MAS QUE O SARRO ESTAVA MUITO GOSTOSO DE VER.

__ SÓ DE VER? PODERIA SER MELHOR SE FOSSE PRA FAZER...

__ CONTIGO EU FARIA MAIS DO QUE UM SARRINHO DE MENINO...

PASSEI AMÃO NA COXA DELA E APERTEI COM UMA PRESSÃO QUE ACHEI QUE FOSSE MACHUCAR, MAS ELA SOLTOU UM SUSPIRO. ENCOSTEI O CARRO E DEI UM BEIJO BEM MOLHADO, PUXANDO SUA NUCA EM MINHA DIREÇÃO E PUXANDO SEUS CABELOS FORTEMENTE. ELA SUSPIROU E TENTOU SAIR, MAS APERTEI MAIS FORTE E NOSSO BEIJO FICOU MAIS ARDENTE. AQUELE DELICIOSO BEIJO PARECEU-ME UMA ETERNIDADE, UMA BOCA GOSTOSA DE MORDER, BEIJAR, PASSAR A LÍNGUA EM TODO O LÁBIO... SOLTEI ELA ABRUPTAMENTE E LIGUEI O CARRO, DIRIGINDO-ME À UM BAIRRO MAIS AFASTADO, ONDE OS CASAIS IAM PRA NAMORAR. ELA NÃO DISSE NADA, SÓ FICOU OUVINDO MÚSICA.

ENCOSTEI O CARRO EM UMA COLINA E COMECEI A BEIJA-LA, APERTAR SEU CORPO CONTRA O MEU, OUVINDO SEUS SUSPIROS E GEMIDOS BEM MEIGOS, PARECENDO UMA GATINHA. PASSEI A APERTAR SUAS COSTAS, NUCA E DESCI VAGAROSAMENTE EM DIREÇÃO AOS SEIOS. ELA PODERIA NÃO SER UMA "GATA", MAS TINHA UM CORPO LINDO. SEUS SEIOS ERAM COMO DUAS PÊRAS MACIAS, COM BICOS MÉDIOS E LINDOS. SUGUEI COMO UM BEBÊ FAMINTO, PASSANDO A LÍNGUA PELA BARRIGA, AO REDOR DE SEU PIERCING, OS PELINHOS DA BARRIGUINHA, SUBINDO DE VOLTA AOS SEIOS E MORDENDO SUA NUCA.

ELA PARECIA UM DOCE, COM SABOR DE FRUTA MADURA E NO PONTO DE SER COLHIDA. ATÉ ESSE MOMENTO EU NÃO TINHA TOCADO EM SUA BUCETA, APENAS APERTAVA SUAS COXAS, MAS COMECEI A PASSAR A MÃO EM SEU ROSTO DE UMA FORMA MAIS FIRME, COMO SE FOSSE DAR UM TAPA EM SUA CARA, E APÓS ISSO DAVA-LHE UM GOSTOSO BEIJO, MORDENDO-LHE A BOCA. FOI UM SARRO MUITO GOSTOSO, MAS ESTAVA APENAS COMEÇANDO...

O CARRO COMEÇOU A FICAR EMBAÇADO E O CALOR ME FEZ TIRÁ-LA DO VEÍCULO, COM O DORSO NÚ, E COMPLETAMENTE TOMADA DE TESÃO. COLOQUEI ELA ENCOSTADA NO CARRO E COMECEI A ROÇAR MEU PAU NELA, E EM DADO MOMENTO ELA SE VIROU - COMO ESTAVA NO QUINTAL COM O CARINHA, NA MESMA POSIÇÃO - E APERTEI SUA BUNDA CONTRA MEU PAU, E FOMOS FAZENDO UM MOVIMENTO SIMULANDO UMA TREPADA. COLOQUEI MEU DEDO EM SUA BOCA E ELA CHUPOU MORDENDO IGUAL UMA MENINA FAMINTA. APROVEITEI PARA SOLTAR O BOTÃO DE SUA CALÇA E METER A MÃO DENTRO DE SUA BUCETA MOLHADINHA. ELA ESTAVA RASPADINHA, E TÃO MOLHADA, QUE A CALCINHA ESTAVA ENCHARCADA. PASSEI O DEDO MÉDIO AO REDOR DE TODA A BUCETA E QUANDO AMEACEI ENFIA-LO, ELA ME EMPURROU E DISSE QUE ERA VIRGEM (ENTENDI O PORQUE DA RECUSA NO QUINTAL), EU VOLTEI O DEDO E VIREI ELA DE FRENTE DANDO-LHE UM BEIJO BEM MOLHADO, GARANTINDO QUE SÓ FARIA O QUE ELA QUISESSE. ELA COMEÇOU A APERTAR MEU PAU E INCIOU UMA GOSTOSA PUNHETA, SEGUIDA DE UM MOVIMENTO REPENTINO EM QUE ELA SE ABAIXOU E FOI BEIJANDO A CABEÇA DO PAU, PASSANDO A LÍNGUA BEM DEVAGAR, SEM PRESSA COLOCAVA A PONTA DO PAU NA BOCA, DAVA UMA CHUPADINHA E DEPOIS TIRAVA. AQUELA TORTURA ESTAVA ME MATANDO. ELA PEDIU PRA IRMOS EMBORA, PORQUE ESTAVA TARDE.

DE REPENTE, JOQUEI ELA DE BRUÇOS NO CAPÔ DO CARRO, APERTADO-LHE E PUXANDO OS CABELOS PARA TRÁS. NÃO IA FAZER O QUE ELA NÃO QUISESSE, MAS COMECEI A ROÇAR MEU PAU NA ENTRADA DE SUA BUCETA. FUI ROÇANDO, BATENDO COM O PAU NA ENTRADA DA BUCETINHA LISINHA POR TRÁS. ELA CHORAVA DE TESÃO E COMEÇOU A TREMER, DANDO REBOLADAS CADA VEZ MAIORES. NUM CERTO MOMENTO ELA PEDIU PARA NÃO METER, E EU ME ABAIXEI E FIZ O QUE TANTO QUERIA. METI, MAS FOI A LÍNGUA NAQUELA COISINHA LINDA. CHUPEI GOSTOSO E ENFIEI A LÍNGUA DENTRO DE SUA GRUTINHA QUENTINHA. SABORIEI CADA MILIMETRO DE SUA BUCETINHA RASPADINHA E CHEIROSA. DOCE MEL QUE DESCIA POR MEUS LÁBIOS E LÍNGUA.SUBI E FUI CHUPANDO SEU CUZINHO, ELA TENTOU ESCAPAR, MAS EU A SEGUREI FORTE (TENHO 1,95 DE ALTURA) DE ENCONTRO AO CAPÕ DO CARRO. ELA ESTAVA SUBJUGADA, A MINHA MERCÊ, MAS NÃO QUERIA DAQUELA FORMA. QUERIA UM CABACINHO BEM COMIDO. LAMBI SEU CUZINHO COM MUITA VONTADE E QUANDO VOLTEI A CHUPAR SUA BUCETA, FUI ENFIANDO MEU DEDO EM SUA BUNDINHA. COMECEI COM O INDICADOR, FAZENDO MOVIMENTOS CIRCULARES E LENTOS. ELA AJUDAVA REBOLANDO CADA VEZ MAIS AQUELA BUNDINHA BRANCA E TESUDA. UMA COISA QUE ME DEU MUITO TESÃO FOI VÊ-LA DE BRUÇOS EM CIMA DO CARRO, COM A CALÇA ARRIADA ATÉ OS TORNOZELOS E A CALCINHA PRETA DESCIDA TÉ SEU JOELHO. FOI UMA VISÃO MUITO GOSTOSA. ELA REBOLAVA COMO UMA PUTINHA QUERENDO PICA. CHUPEI TANTO, MAS TANTO, QUE ELA PEDIU:

__ ME COME, VAI, ME COME SEU VIADO!

__ VOCÊ QUER PICA PUTINHA?

__ QUERO, VAI ENFIA SEU PAU EM MIM, ENFIA VAI!

__ HOJE NÃO, HOJE VOCÊ VAI GOZAR MUITO EM MINHA LÍNGUA E VOU GOZAR EM SUA CARA, SUA PUTA!

AQUELA CONVERSA CURTA ME ENCHEU DE TESÃO, E EU A VIREI DE FRENTE, APERTEI SEU ROSTO E DEI UM TAPINHA DE LEVE, MANDANDO QUE ELA CHUPASSE MEU PAU, O QUE ELA FEZ AVIDAMENTE. CHUPOU IGUAL LOUCA. DO CONTRÁRIO DE ANTES, AGORA ELA CHUPAVA IGUAL UMA PIRANHA, COMO UMA ESFOMEADA POR SORVETE. APERTEI A CABEÇA DELA FORÇANDO ATÉ O FIM DE SUA GARGANTA E QUANDO VI AQUELE QUADRO TODO, ELA SEMI NUA, NUM CANTO DE ESTRADA, CHUPANDO MEU PAU IGUAL UMA PUTINHA QUALQUER, EU GOZEI FEITO UM ANIMAL, EMPURRANDO CADA VEZ MAIS FORTE MEU PAU EM SUA GARGANTA. ELA NÃO ENGOLIU, MAS DEIXOU ESCORRER TODO O MEL DE SUA BOCA E CUSPIU O RESTANTE.

ELA SE LEVANTOU E EU FIQUEI POSSESSO, PORQUE ELA CUSPIU E APERTEI SEU ROSTO, COM MUITA FORÇA, SEGURANDO-A PELA NUCA. A PUTINHA OLHOU BEM NO FUNDO DE MEUS OLHOS E SOLTOU:

__ BATE, NÃO É ISSO QUE VOCÊ QUER? BATE!

__ NÃO PENSEI DUAS VEZES, METI O TAPA NA CARA DELA, MAS DESTA VEZ FOI COM GOSTO, FORÇA.

O ROSTO DELA VIROU, E QUANDO VOLTOU, ESTAVA ESTAMPADO UM SORRISO EM SUA FACE VERMELHA. ACHEI QUE ELA IRIA PROTESTAR, MAS DO CONTRÁRIO, ELA ME BEIJOU, PENDURANDO-SE EM MEU PESCOÇO. FOI UM BEIJO DE ALENTO, AGRADECIMENTO, PAIXÃO, SEI LÁ... FOI MUITO GOSTOSO. ELA ME PEDIU PRA LEVÁ-LA PARA CASA E FOI ENTRANDO NO CARRO.

RESOLVI FAZER SUA VONTADE, MAS NO PRÓXIMO CONTO EU DIGO COMO COMI SUA BUCETINHA. FOI UMA COISA DE LOUCO.

O CONTO ESTÁ GRANDE, MAS NÃO SEI OMITIR FATO ALGUM, É COISA COMUM, MAS É VERÍDICO.

SE GOSTAREM, VOTEM.

Comentários

26/02/2010 14:57:05
Nossa, quanta raiva em seus coraçõezinhos meninos... Bom, o conto foi ótimo, adorei...
28/11/2008 12:00:48
Olha vai se fuder, você acha que este é bom seu merda você acha mesmo sai fora do site cara, biba você sabe nê
xt
27/11/2008 16:09:01
LEIA COM ATENÇAO OS CONTOS ANTES DE CRITICAR SUA BIBA. De quem e a culpa da educaçao estar FUDIDA? Dos Medicos? Advogados? De professores que escrevem contos eroticos ao inves de estar endinando coisas desxentes para as pessoas. Sua bibinha pede pra parar de dar esta aula merda que tu da e vai escrever filme de putaria com chifres pra todo lado e OXES e tudo que e merda da tua cultura e deixa de ensinar merda pros filhos dos outros seu mane.
04/11/2008 11:19:54
Um cara que se chama Huquinho... é moça mesmo. Ô idiota, a parte do quintal é uma alusão à lembrança do que eu vi no quintal da casa em que estava havendo a festa, na hora que estava na colina com Fernanda. Ao contrário de você, eu penso e raciocino. Se você não sabe ler, procure se esforçar mais um pouco, criança. O conto é escrito como um conto, com regras literárias, afinal de contas, isso é um espaço para erotismo e historias bem contadas.
04/11/2008 08:14:24
Puta que pariu Bicho, de repente você esta na colina depois no quintal porra vai ser mentiroso seu safado, você é um pederasta. Saia deste site urgente e nunca mais volte.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


loira linda com mastro monstruosotitia nice mamando rola pretacontos meu tio pauzaocontos de calcinhas da tiamulhe.michando.eigual.homem.que.tem.um.grelao.que.prece.uma.rola.que.ela.bati.punheta.igual.homem.e.goza.espurrando.porra.fota.sexo brutatio tarado comendo sobrinha a forçaconto corno diamantexvidios mulheres fundeno na ginástica Contos eroticos pai liberal.comvideos de sexo louco e com pegada chupão, arranhãovídeos vídeos pornográfico pai mostrando a filha para chupar até o talo se engasgando filha virando os olhosfime porno marido infindo garrafa no cu da esposa porno violento da ruiva doiz homemchupano pau groso na marraxvidio.comtitia sacana estourando a fimose do sobrinhovideos de pornodoido levou anovinha pr fode demadrugadahistoria-erotica de entiado bem dotado fudendo a entiadacoroa mais safada q conhesovideo de sexo levei gaia e chamei minha amiga e dois amigo pra fazer sexo gostozopornodoidocalçinhasdito comedor de gay meu zapcontos veridicos com enteadascontos eróticos sinhozinho comendo negraschupando buseta labefo pasda mso bocsvídeo pornô com homem enfiando o braço todo no ânus da mulher despejando muito líquidomeu sogro e um cavalo pornobrincando escanchada contos pornominha titia se gozando com meu cassetecontos reais de sexo de ninfetos*pode estora bolinhas que parecem espinhas na bunda?*cuzinho mulher no comando rebola analcontos eroticos quando eu tinha doze anos viagei pra fazenda com meu paiposicao frango assado putaria brasileira pra salvar no celularnovinhas.abrir.buzentaliberalina puta vídeo proibidodei minha bubuta contosdois mordemdo e chupando forte a bucetaminha buceta seus retiradxvideos sentando no pau gostasentebucetaazedinhaconto eu hetero tinha 18 anos o pedreiro me comeuos videos de sexo os lolitos da picaopapai penetrou a minha buçetinha virgem e sem pelinhospersonal treiner encinando mulher fazer abdominal chupando pornoxxvideos loirinha da para o cachorro de raça alemã xxx vídeos novinhas aproveitando que a sua mãe saiu no pornô iradosexo porno fui no meu ginecologista ao abri a perna ele me chupou todinha deliciaencoxou a mae na camamulher com grelo grande encara um big pau vejaSobrinho pauzudo,tia feliz. Com foto.contos trai com o inquilinonamoro lesbico e pessoa não assumida tem tanta brigas ciúmesmarido goza batendo uma vendo mulher agarrada por outro machocontos eroticos vi meu irmão pelado pela brecha da porta e fiquei esxitada e passei a provoca eleporno mulhers efomeadasVaqueiro fazendo sexo com a plaquinhagordinha bem feitinha abrindo a buceta pra o namorado chupar perdeno as prega saino bosta caseiroO Certinho e o Desleixado (Capítulo 3) casa dos contosmundobicha ver dois garotos transando em galpao abandonadocontos eroticas provoquei meu cunhadocontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docescontos eróticos o dedinho da urologistafilha centa no colo do propio pai no sofa e mete com ele perto da propia familia video pornofrango a mulher assistindo vídeo pornô na televisão com o cunhadomacubeiro comendo a foça novinhadei minha virgindade promeuirmãogêmeoContos sou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempoContos meninas dez perde cabaço pro papaiincesto com meu vô contoscasa do contos eróticos negão tirando as pregas do c* das viúvastia ensinando osobrinho acome bocesta seso videu reau azeiroxisvideo d buceta s cadela piscando n cio