Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Meu professor

Autor: Safadinha
Categoria: Heterossexual
Data: 03/02/2009 11:20:18
Nota -
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (1) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Eu sempre gostei de caras mais velhos...desde novinha. Lembro que aos nove anos era apaixonada por um primo de 20, coisas de criança, dizia minha mãe...que na maioria das vezes não via maldade em nada que eu fazia...mal sabia ela que aos 12 já me amassava com o filho da empregada no quartinho dos fundos...

Lembro que na sétima série havia um professor novinho de educação física...ele era lindo, as meninas babavam os meninos morriam de inveja! eu já tinha peitinhos bem salientes, lembro que Tom o filho da empregada adorava chupa-los. Eu já estava com corpo de mocinha, a bundinha empinada já mexia com a cabeça dos garotos mais velhos. Eu lembro que nas aulas de natação, meu maiô era bem cavado e enfiado, o professor chegou a me chamar atenção por causa do traje...dizia que desconcentrava a aula, eu sei bem o porquê, ele era um dos que não tiravam os olhos daquele rabinho saliente.

Naquele ano, o colégio oferecia uma colonia de férias, como não viajaria me inscrevi. Eram diversas atividades culturais, esportivas e de lazer e para minha sorte Fred o professor de natação era munitor de meu grupo. Meus shorts eram os mais cavadinhos, os biquines os menores, e as blusinhas...sempre deixavam escapar algum detalhes dos meus peitinhos. Eu usava e abusava do meu corpinho para tentar seduzir o professor, ele sabia mais insistia em evitar maiores contatos. Em casa nas horas vagas eu continuava os amassos com Tom, agora mais divertidos...muitas vezes driblavamos a mãe dele e iámos para a sauna nos esfregar...parecíamos polvos no cio rsrs

Tom agora não se contentava em chupar só meus peitinhos...lambia minha xana e meu cuzinho até gozar. eu adorava sentir o leite quente descendo pela barriga.

Fred não imaginava que eu ia além das provocações com roupinhas ousadas... se ele não dava nem um mole eu me contentava com Tom. Aliás com Tom o tempo só esquentava, ele era gostosinho, tinha um pau grande, depois descobri que era maior do que o de Fred. Já não se contentava em passarmos algum tempo ali peladinhos roçando um no outro, pra ser sincera eu também não. Um dia terminamos indo mais além...Tom morria de medo de me comer, e se alguém descobrisse? tirar o cabaço de uma menina de 13 anos e que era filha dos patrões de sua mãe, ele fora criado na casa, como filho...era realmente uma putaria. E se eu engravisasse...melhor não arriscar. Ele mesmo já se afastava das minhas investidas, tinha medo que o tesão de homem estragasse tudo. Mas naquela tarde não teve como, eu o provocava...minha xaninha estava pronta pra dar...piscava de tesão. Ele quase perdeu o juízo ... mas na hora H resolveu aliviar de outra forma, até porque não rolava nem camisinha...ele me enrabou ali, a seco...como doeu...mas mesmo com o rabo sendo arrebentado a sensação de tesão era maior, ele pedia que eu rebolasse...falava um monte de coisas gostosas no meu ouvido, apertava meus peitos durinhos, esfregava minha bucetinha com gosto...gozamos. no chão as provas do crime, o leite quente que escorrera de meu rabo estava rosado...meu rabinho perdera o cabaço.

Naquela tarde, na colonia de ferias eu mal conseguia sentar...meu rabo estava arrombado e ardia. Acho que Fred desconfiou. A tarde azulada deu lugar a nuvens escuras, cairia um temporal, a maioria da galera se apressara a or embora eu ficara pra ajudar Fred a recolher o material.

finalmente estávamos a sós, a chuva cairia em breve e por isso Fred ofereceu carona para alguns que ficaram. Eu seria a ´´ultima a ser deixada em casa. Mas a chuva nos pegou antes. Fomos obrigados a parar em um posto. eu estava com uma blusinha branca coladinha ... abri a porta e corri até a lojinha de conveniencia que a esta altura abrigava algumas pessoas. havia um orelhão, liguei pra casa dizendo que chegaria tarde por causa da chuva...minha mãe como sempre acreditava. Comprei um refri e voltei para o carro toda molhada...a blusa mostrava bem o biquinho saliente dos meus peitos...percebi o quanto Fred estava hipnotizado..

Ele dizia que eu pegaria resfriado que estava molhada, a saída era tirar a roupa...o que fiz ali sem pudor abaixei o banco e tirei tudo... Fred estava doido...a visão do meu corpinho de ninfeta safadinha fez com que os instintos de macho dele se manifestassem...ele sabia bem o que eu queria. passamos para o banco de trás...a cena era até ridícula ele vestido e eu ali nua doidinha pra ser comida. Mas ele se limitava a beijar, chupar, passar as mãos...a chuva já começava a estiar quando ele pediu que colocasse a roupa que ali não tinha clima.ligou o carro e encarou as ruas semi alagadas.

Paramos na garagem de um prédio, a chuva ja aumentara. Ele virou pra mim e perguntou se eu queria mesmo aquilo pois ele estava doido...não pensei duas vezes em poucos minutos estávamos em seu apartamento, era uma kitineti bem aconchegante...mais uma vez tirei a roupa encharcada, ele trouxe uma toalha que alias era totalmente dispensável naquele momento... caímos na cama onde ele desfez -se das roupas...que pau bonito... ficamos lai nos esfregando...quando percebi estavamos transando...ele percebeu o que havia feito, não dava pra esconder a marquinha deixada pelo cabaço...mas continuamos. Lá fora chovia muito dentro de mim chovia leite... Fred era gostoso, sabia mil e uma formas de trepar...já passava das 10 horas da noite quando a chuva passou...ele havia me comido várias vezes...faltava me enrabar. quando fiquei de 4 ele delirou...meu rabo ainda ardia da trepada com Tom. Metia com gosto com vontade! Cheguei em casa meia noite, ele me levou até a porta, explicou sobre a chuva para minha mãe...Tom me olhava de rabo de olho, sabia que eu aprontara algo...pisquei para ele. Na madrugada Fui ao quartinho esperar por Tom, mas naquela noite ele não aparecera.

Comentários

03/02/2009 10:53:27
quero chupar a sua buçeta e seu cu meu emeil é [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


xvideos putas fazendo sexo com cavalos rasgando avagina sangrarcontoseroticos-estuprada por 2 cachorros roludoxvideos comedo uma mele buchudacontos eroticos gay meu vizinho de dezenove me estuprou dormindo quando eu tinha nove anosfilha pega mae fodeno com 40cm de rolamohamed elatar punhetandoadoro ser enrabada conto eroticominha mae e a travestis contossexo oline depiladora não aguentaou ver o cliente de pau duro e caiu de bocanu onibos lotado os homens se revezaram para me fuder e passar a maoMinha esposa disse pra minha sogra mae agora fica de quatro pro meu marido fuder seu cu virgem voce vai adorar conto eroticorelato abuso comeu meu cuNovinha excitidavelho tarsdaosexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaoTHeo eTonnybucetinha novinha estralandoxvideosMe chamo Carlos e sou casado com Márcia uma loirinha linda pequenina apenas 1,52m magrinha apenas 49kg contos eroticoseu fui encoxada pelo meu sobrinho tarqdomulher baita gostosa retocando a maquiagem video pornôveterinaria zoofilia conto eroticopornô brasileiro mulheres comendo outra com pipador falando putariahttp://conto me punhetaram a noite todacontos eróticos estupros varoa xvideos gostosas esbugalhou os olhos quando o pau grande entrou tudo de uma vezFoda agressiva ponodoidomenininhao na siririca no banho escondidacomendo cu da sogra da minha sobrinha contosloira linda enfia sextoy grande e gfoso at gosarcontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramBUCETINHA QUENTINHA, protegendo com sua BUNDA MARAVILHOSAcontos erotico meu bebe com fimosenovinhas delicia purasexomundobicha lutador Danny gay dando cutitia batendo punheta sobrinho rola cabeçudapratico anal com meu cachorroXVídeos as panteras entregador de gás aparentevídeo de homem se masturbando e g****** no copo e mulher bebendo no café da manhãmulher da o cu na cozinha segurando na piaContos de loiras taradas por mendigos negrosnegona do zoinhao gritano na picablogs velho seboso pauzudotefone fixo de coroa rica tarada pra transa 40pauzudo passando a vara no meninoquando voltei entrei no quarto da minha irmazinha e vi ela se mastubando dei uma bronca nela contos de incestocontos meu tio pauzaovideo pornotio acomda sobrinha co rola detro da bucetinhacomendo a sogra gostosa mttezaocontos eroticos gostosa de camisola e a rola grossacontos casada da o cu pro cão e o marido participa comendo tambemcontos de sexo depilando a sograsexo novinha inocente fez contrato mais nao sabia que ia transar com um pirocudo e fica assustadaanimopron.com lara umcavalonovinha arregaca buceta doendo muitovideos de cornos que aguarda ansioso sua esposa voltar pra casa escorrendo porra de outro toda melada na bucetaasistir sexo completo brutal chupadas na bucetas uiiiiiiconto eróticopai colocar velho pra chupá buceta da filhaxvideos lavei.de porra a boca fs novinhadei a xoxota para irmaotia gostosas foder com subtilxvideos as vigindades das mendigasfamilia suruba tufosminha mae me iniciou na zoofiliacontos eroticos mamae subjugadarelatos eroticosgosto de ser traidocontos erotico de zoofilia mulher estrupada por boiscontos eróticos irmãsdengosa do maridinhomulher com marido nabalada sarano outro pornoProdroto meti pau dura na buceta da entiada dorminogranny de 69 chuoando cokc grandemarido tranza com espoza no acampamento chega mais e tranza com ela contosMeu irmao tirou minha virgindade da minha buceta no motel conto erotico de incesto de irma virgem e irmao no motel