Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

VIVENDO BEM EM FAMÍLIA

Autor: The sONN
Categoria: Heterossexual
Data: 31/03/2009 17:01:52
Última revisão: 03/08/2009 08:51:27
Nota 8.42
Ler comentários (11) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

*Sou um jovem de 26 anos, hoje sou casado, mas tive vários relacionamentos com as “entes” de minha mulher.

Não sei por que, mas elas sempre me deram bola.

Namorava com minha atual esposa, vez ou outra aparecia uma irmã dela, que são três, pra me dar suporte sexual.

Era só saber que minha esposa não vinha uma delas aparecia em minha casa.*Estelinha nunca namorava com ninguém.

Sua irmã quem namorava na época sempre a provocava dizendo:

-Estelinha você tem que ser igual à maninha e arrumar um homem gostoso como o meu César.

Aquilo me deixava louco, pois as duas eram umas delícias, eu sempre quis comer a Estelinha, mas quem sempre me dava bola era minha atual esposa, a caçula, *Eduarda.

Sempre que Eduarda não aparecia, Estela vinha me ver, pois morava sozinho, e éramos vizinhos de quarto casas distantes.

Ela vinha me beijava, se esfregava em mim me deixava louco e se ia dizendo que não tinha coragem de trair sua irmã.

Isso durante muito tempo.

Eduarda com 16 e Estelinha com 18 anos e tinha a mais velha, *Érica, com 22 anos.

Eu tinha 18 anos.

O tempo passou e as provocações foram aumentando.

Em um dia estávamos numa viagem em família, fomos para Minas Gerais, casas de tios das meninas, como estávamos com os pais delas, tive que ficar num quartinho nos fundos, apertadinho e úmido. Mas tudo bem, tinha uma boa cama pra dormir.

Conversamos até por volta das 23hs, daí me despedi de Dudinha, dos tios, dos meus sogros, de Estelinha e de *Érica a irmã mais velha que já era casada e viera também.

Fui pro quartinho, pensando somente nas belezas da natureza que iríamos explorar no outro dia.

Tirei minha roupa e fiquei apenas de cueca, deitei e comecei a pensar no que fazer dia seguinte, logo comecei a sentir sono e adormeci.

Acho que não demorou meia hora acordei com um ruído debaixo da janela que ficava na parede junto da cama. Levantei acendi a luz e o ruído parou.

Pouco depois ouvi batidas de leve na porta.

Batia duas vezes de leve e depois parava.

Batia de novo e esperava, tipo aguardando resposta.

Entendi que não se tratava de animais e sim alguém queria me despertar sem fazer muito barulho ou ter que me chamar pelo nome.

Levantei sem acender a luz e fui até a porta.

Quando abri tamanha foi minha surpresa.

Fiquei sem fala, pensei em fechar a porta, mas preferi ficar olhando aquela visão mais linda do mundo.

-Não vai me convidar para entrar ?- disse ela.

-Por favor, entra- dei um sorriso.

- Vim ver como você está, sabia que esse quarto era muito apertado, queria saber se estava tudo bem com você.

Era Érica, a irmã casada, de 22 anos e belo par de coxas.

-Nossa, muito obrigado.- disse eu ainda extasiado .

Ela sentou na cama e pediu pra eu abrir a janela pra ficar mais claro, pois a noite era de lua cheia e que queria me ver melhor.

Fiz sem titubear mas ela sabia que estava nervoso com aquela situação. Disse a ela:

-Então, está sem sono?

-Sim. E ficou me olhando calada.

- Sabe César, essa cama tem muita história pra contar sabia?-disse

- Não, mas pode me contar se quiser. –respondi.

-Então sente aqui do meu lado.

Sentei.

Ela então começou a contar dos namorados que levou ali durante a noite, dos primos que já os tinha comido ali.

Eu já nem ouvia mais o que ela dizia, mirava cada parte daquele monumental corpo. Estava com o travesseiro no colo e muito, mas muito excitado.

Ela parou me olhou friamente e me perguntou.

- Que foi, está excitado?

Fiquei sem graça.

- Ela sorriu com uma cara de safada, passou a língua nos dentes e disse:

- Deixa eu ver?...puxando o travesseiro.- Isso tudo é por minha causa?

- Sim. Você é linda, ainda assim de camisolinha e me contando essas coisas...

- Sou linda ou gostosa?

- Que safada!- pensei.- As duas respostas ao mesmo tempo- respondi.

Ela se levantou e ficou de frente pra janela.

Quase tive um treco. Foi tirando a camisola em minha frente e eu ali babando.

- Você teria coragem de me comer aqui agora César?

Fiquei mais louco ainda, que nem consegui responder. Ela sorriu de minha inércia. E continuou:

- Acho que isso significa um “sim”, vem gato, me toca.-Você gosta de minha bunda?

Pegou minha mão e a colocou no seu farto traseiro. Respondi agora mais seguro:

- Eu adoro.

- Hummmm... Adorei sua recuperação...

Parti pro ataque.

Agarrei em sua cintura e beijei-a em sua barriguinha sexy e passei a correr minhas mãos por todo seu corpo, e beijando Ininterruptamente. Senti seu corpo se enrijecendo enquanto eu a sugava voluptosamente.

Aquele corpo quente, macio e cheiroso me deixava a ponto de explodir. Me levantei de frente a ela e comecei a beijá-la na boca, como sabe beijar aquela mulher, ela também estava muito excitada, aquela situação parece que a deixava bem louca. Suspirava forte, gemia, roçava suas pernas nas minha e eu arrochava mais.

Fiquei transtornado. Tipo que nas nuvens com aquela deusa.

Enlouqueci.

Peguei forte em seus braços e a joguei na cama.

Ela gemia alto como um animal, quase a faltar o ar.

Puxei sua calcinha com violência. Arranquei seu soutien, e subi em cima dela, beijando seu pescoço, boca, seios, sempre como muita volúpia e desejo ardente.

Fui beijando, chupando, sugando e passando a língua naquele corpo maravilhoso. Ela gemia que até estremecia. Fui descendo minha boca e fui até sua barriga sarada, circulei seu umbigo com a língua e fui descendo.

Fui descendo.

Beijando, sugando, descendo, chupando, lambendo e descendo.

Chupei gostoso sua xana raspadinha.

Ela se contorcia toda na cama. Me arranhava com as unhas, me dizia pra comê-la.

- Me coma desgraçado! Me coma! Anda seu desgraçado, to ficando louca, não quero gritar aqui seu puto!

Ave Maria! Coisa de louco aquela mulher!!!

Minha pica se tinha 18 cm foi parar nos 22 de tanta excitação que eu sentia por aquela vadia.

Ela me agarrava no pau e gemia pedindo pra eu meter nela.

-Huuuuuuuuuuuuuuuuu!!!!!-Que caralho gostoso mete ele em mim seu cachorro. Vai desgraça! Você quer me matar de tesão é???

E virei ela de bruços ela ficou mais louca ainda.

-Que porra!! Vai me comer ou não vai??

Agora eu é quem ria dela. Disse :

- Vou comer sim sua safada. Espera aí.

Ela agarrou em minha cintura e levantava a bunda na minha pica.

- Come aí. Come.

Eu a puxava e soltava suas mãos de minha cintura.

- Agüenta aí sua égua!

A louca ficou pior, parece que ia entrar em transe. E eu provocava. Não queria só uma metida com aquela deusa, queria deixá-la louca por mim. Ela metia a mão na buceta tipo que querendo gozar de qualquer jeito. Eu tirava a mão dela e estirava na cama.

-Você quer que eu te coma cunhada?-perguntei.

- Vai me arregaça! Anda! Me esfola! Me detona seu puto!-respondeu.

Levantei seu traseiro, eu já não agüentava mais aquela brincadeira, ou comia ela logo, ou gozava sem meter nenhuma vez naquela buceta que se derramava pra mim. Puxei ela pra cima obrigando-a a ficar de “quatro” . Me meti entre suas pernas grossas, ajeitei minha rola na entrada da sua buceta quente e gemi forte. Estava muito quente aquela xana.

Nossa como estava!

Segurei um pouco, meti duma vez:

- CRUFT!-Tirei:

- FLOPT!-Meti de novo duma vez e rápido:

- CRUFT!- Ela delirava e eu também.

Passeava minhas mãos por aquela bunda redondinha, enrijecida, durinha... Aqueles gemidos que ela dava me enlouquecia.

Metia tudo. Tirava tudo.

Metia tudo. Tirava tudo.

CRUFT, FLOPT, CRUFT, FLOPT, CRUFT, FLOPT, CRUFT, FLOPT…E…AHHHHHHHH

-PLOF,PLOFF,PLOFF,PLOFF,PLOFF,PLOFF,FLOP,FLOP,FLOP,FLOP,FLOP, FLAP, FLAP,FLAP, FLAP, FLAP, FLAP. Comi ela com toda minha energia e força que tinha em ritmo frenético e acelerado.

Comi aquela vadia da minha cunhada, mas comi gostoso.

Comi minha querida Érica com toda minha alma.

Ela gozou, e não resistiu, gritava com o travesseiro na boca para não sermos ouvidos. Que sacanagem gostosa, que mulher fenomenal!

Se deixou cair na cama e virou-se de frente pra mim, disse:

-Me come de ladinho agora, quero que você goze também.

Virei ela de ladinho, passei minha perna de um lado ficando uma perna dela entre as minhas e de joelhos, cheguei mais, levantei a outra perna dela para assim abrir sua buceta fogosa. Encaixei a pica e meti forte e como se faz na música do créu, meti na velocidade cinco.

Não resisti, gozei feito um cavalo. Agora ela é quem tampava minha boca para não gritar.

Depois uma calma em ritmo de coração acelerado.

Foi diminuindo a freqüência, foi diminuindo as batidas...

Fuuuuuuuuuuuz...

Que delíííííííícia!

Ela sorriu pra mim e me beijou na boca como se fossemos namorados apaixonados e disse ao meu ouvido:

- Cara eu te amo!

E como criança que ganha balinha disse:

- Eu também te amo mulher.

Ela se levantou me empurrando de lado, escorou na parede pegou as roupas e se levantou, dizendo sorrindo como cara de menina safada:

- Isso não se faz César. Você ficou louco?- eu pensei que ia te dar um baile você vem e me dá uma surra dessas rapaz... Não se pode fazer isso. É uma pena que eu more em outra cidade, mas se não se importar, posso vir aqui amanhã.

- Eu te receberei tão bem ou melhor que hoje. Seja bem-vinda.

Se vestiu me beijou na boca outra vez e foi-se dizendo:

- Agora vou dormir gostoso, estou destruída.

Eu ali no paraíso, namorando a mais nova, Eduarda, flertando com a do meio, Estela e comendo a mais velha, Érica... Durante uma semana de férias em Congonhas – MG.

Ainda tenho a história da minha primeira noite com minha esposa e minha noite com a cunhada do meio.

[email protected]

Comentários

05/08/2009 18:49:07
um coisa boa, demais em so
03/08/2009 21:17:23
gostei demais
03/08/2009 16:10:01
hum afdinho quando for comer a do meio me chama [email protected]
09/04/2009 16:29:28
Delícia de conto... Excitante... Fuuuuuuuuzz... E tome 10!!!
09/04/2009 16:13:59
parabens, nota 9. eu tambem queria minha cunhada
08/04/2009 16:54:50
Nossa que ótimo conto.... parabéns!!
02/04/2009 09:47:16
Cunhadas, cunhadas... quem não quer comer as suas? Eu tenho esse privilegio também e posso dizer que é bom demais.
02/04/2009 06:48:21
Conto onomatopáico, é diferente, faz ficar mais realístico, li os outros dois contos antes mas devia ter seguido a sequencia, só confirmou o que escrevi nos demais, parabéns, continue!
01/04/2009 01:39:02
foi bom esse conto... tbm queria comer minha cunhadinha....
01/04/2009 00:10:26
bom
31/03/2009 20:07:08
Esse fuuuuuuuuuuz, eu aindan não tinha visto, rsrsrs, mas gostei do teu estilo, bjs

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


xvideos cangáceiras eroticasmulher levanta o vedtido e leva rola na bundaconto erotico gay meu pai vendeu meu cu por 100 reais pro seu/amigoconto de comi o cuzinho da minha neta com a pica grandeconto porno perdi a virgindade com meu pai estrupador dotado passando pomadaSodomizando mae e filha contosfatima encarando um caralhaoTravesti inceto desde pequenatia e sua sobrinha fica sozinha em casa e a sobrinha passou a mae na buceta da tia e a tia deixar emfiar a mao detro do stornao aguentou e gozou na mao da doutora xxvideosContos sou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempocontos sexo anal concunhado concunhadaContos eróticos gay iniciação sexual na infânciavideos porno velhor comedor da cabeça do pau rombudabuçetacasadatorando a gordinha escandalalosaminha mãe tomando banho e eu não resisti e entrei dentro do banheiro e forcei ela fazer sexo.conto erotico comendo rabo da dona da verdureiraao entrar no quarto me deparo ela gozando muito sexo porno brasil spContos eróticos dedadas gostosas na buceta dentro da banheiranovinhas que gostan de fica só de shortinho para ecita paimeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticosXsvideos mulher torturando escravo nuputa no hoteldo bucetao loca de tesaoporno doido teste en cascavelxvideos o chifre mais bem tomadofoi sentar no colo do tio sem calcinha e levou ferrovirgem mulher (casas dos contos de transformaçãopegou fogo no travesseiro da atriswww.com.xvudeo page mulhe dançano antes de darMeu padrasto bella&alexsimpatia para virar corno mansocontos de sexo depilando a sograso puta dancando sexual e menor mostrando o peitinho e bucetinha enchada marcado a calcinhatitia batendo punheta sobrinho rola cabeçudasexo oral 2016 nos mamilos bicudos das mulatasa mulher e amante apertalas bolas pornonegao pega moha mulher e fode ela toda sexsexo fiocado paicontos porno clareira da cadelaconto erotico gay meu dono dei meu cu de presente de aniversarioprima de pijaminha curtinho vai dormi com o primo mais novo e fuderamcontos eroticos minha namorada virgem e meu amigo pauzudovirgem mulher (casas dos contos de transformaçãocache:http://zdorovsreda.ru/perfil/117617video de mae assustada com o tamanho do cassete do filhosó mulher pelada a chegada com a b******* bem grandona daquelas BH b******* grande pinguelo grande cheio de galavideos de sexo filhas gemiase paividioporno/fodanaconstrucaohttp://zdorovsreda.ru/texto/201103701conto gay "todas as formas de amor"xvideos cliente dotado fica com pau duro durante exame e a depiladora acaba não resistndoquero abri uma janela parA o porno baiano com bucetasporn caioserconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretoxx videos menina pedro agilidade notado abertazdorovsreda.rusexo anal hAaaaamulher trasando cem saber com oltronovinha dançando só de calcinha e de óculos e botãozinho vermelhoA buceta da minha mãe Reginabucetinha ns os primero pelinho nvcorno veno esposa dano cu e falano que nao guenta pornodoidoContos eroticos das mamae que ensina seu filhinho a namorarcasadinha contoshigor safado xvidiovidio porno de mulhe de 70a75 quiloContos negao arrombou minha esposa na minha frentezoolofila so fudendo o cu da vadia 696botei meu dedo na buceta da mulher do amigoassistir filmes pornos brasileiros homes com cabeca da pica esfolada e grande.cache:I20bmnqm678J:gtavicity.ru/texto/2016115 mano nao me tente incesto contoschupando buseta labefo pasda mso bocsCrentinhas cabacinhoscachorro do nozão trelado no cu da gostosasexo com dentista a forçacontoscontos eroticos tentei fugir mas fui estupradacache:rw4Jl7xcm9QJ:https://zdorovsreda.ru/tema/pezinho rickcafajeste30.blogsogra na cama dormindo com camiseta do superman e genro no sexoprofessora safada falando putaria pro donzelobotou a calçinha de lado e mostrou abuçetawww.brincandodaquilo.com vídeos pornosites porno contos eroticos de incesto mae ver o pau duro do filho fica com tesao com a buceta toda meladaver instoria de susane .. casadas dando a buceta pra outros homensasisti filme de porno de graca e sem se escreverversobrinha contoquero ver o vídeo da mulher da enxadinha perdendo a virgindade dela mulher beijandopornodoido comendo aminha madrasta emcanto eladormirxvidios outros purai favoritoscontos eróticos primeiras experiências com siriricaContos eróticos de gay comi o filho do amigo do meu paiv meninas 14aos 17 anus perdeno avirgindadeSuper menininhas em contos eroticos 2017 da cidade de campinas gratisGozada na buceta contovirei mulher na cama contos wcasa do contos eróticos casada gostosa magrinha com o vizinho coroa