Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Como perdi a virgindade do meu cuzinho...

Autor: ninfabbrj
Categoria: Heterossexual
Data: 13/05/2009 13:04:43
Última revisão: 04/12/2010 11:42:42
Nota 8.75
Assuntos: Heterossexual, Anal
Ler comentários (18) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Bom... já contei aqui no site como perdi a minha virgindade. Agora vou contar como perdi a minha virgindade anal. Bem... para quem não leu meu outro conto, tenho 19 anos, 162m 55kg, morena, coxas bem torneada, e o que eu mais gosto em mim, uma linda bunda. Bem, onde eu passo costumo ser comida com os olhos. Gosto muito de sexo, mas como costumo dizer, isso não quer dizer que preciso viver e agir como uma piranha. Uma dama na sociedade, uma devassa na cama.. esse é meu lema. Mas bem, gosto muito de viajar e apesar disso, todo verão vamos sempre para a mesma praia, pq temos uma casa. Conheço todo mundo por lá, tenho várias amigas e amigos por lá. Perdi minha virgindade com 15 anos mas só fui dar o cuzinho com 17. Já tinha levado algumas lambidas, até mesmo um ficante costuma sempre me fazer gozar sentada em cima dele com ele colocando um dedo no meu cuzinho. Mas não tinha muita coragem. No verão de 2007, arrastei minha melhor amiga e minha prima para a casa de praia comigo. A vida já era uma rotina. Levantar, banho, café... banho de sol... piscina, almoço, uma descansadinha, praia, casa, academia, banho, e uma voltinha na avenida principal para um sorvete ou algo assim, e claro,dependendo do dia da semana, festinha...rsrs... Nessa época eu já dava meus primeiro passos na condução de um automóvel..rsrs.. Minha prima é mais velha do que eu 1 ano e pouquinho e já tinha carteira, então saímos no carro da minha mãe. Éramos muito cobiçadas nas festas. Lindas, bem arrumadas, cheirosas, solteiras, faziamos a nossa festa sempre render. Não ficava com qualquer um que aparecesse e até não gostava muito dos metidos a espertinho. Analisava a todos. Mas um dia o destino me pregou uma peça. Saímos de casa por volta de 10 da noite. Ao andarmos umas três quadras da minha casa, minha prima me deu a direção do carro. Até aí tudo bem, fora o fato de eu ser menor e não ter carteira. Estavamos indo para um lual na praia e o movimento estava muito grande na beira da praia. Custamos para achar um lugar para estacionar e quando achamos fiz merda. Arranquei o espelho do carro que estava estacionado ao lado. Fiquei nervosa e tentamos achar o dono do carro, mas não achamos. Então, escrevemos um bilhete em um guarnapo que tinha no carro e deixamos preso no limpador de vidro do carro. Fomos curtir a festa que estava rolando e por sinal estava ótima. Quando fui pegar bebida no barzinho que tinham montado lá, percebi que alguém me olhava. Olhei e era um garoto lindo. Joguei um charminho e fui para junto das minhas amigas. Ele venho atrás. Ficou perto de nós e ficamos naquele jogo de olhares. Ele então puxou papo comigo. Seu nome era Erik e perguntou se podia ficar ali conosco, já que estava sozinho e seus amigos ainda não tinha chegado. Claro que concordei. Ele tinha 21 anos e era Fuzileiro Naval. Tinha um corpo muito bonito, mas o que mais me chamou atenção foi seu papo. Ficamos dançando ali por um tempo, conversando e sabe como é... azaração... e pow... ele me beijou. Claro que dei o sinal verde para ele. Ficamos mais um tempo lá nos beijando mas o ruim desses luais é a parte dos banheiros. Tinham uns banheiros químicos mas estavam horríveis. Então ele se ofereceu para me levar até um posto que tinha perto dali. Minha prima ficou meio preocupada, mas disse que estava tudo bem, que eu estava com o celular, e que elas não voltassem para casa sem mim. Ao chegar no carro dele, vi ele resmungando, e nem tinha me dado conta. O carro dele era exatamente o carro que eu tinha quebrado o espelho. Mandei ele ligar para o número que tinha no bilhete. Ele falou que não iria adiantar, mas insisti. Ele ligou e começou a tocar meu cel. Ele me olhou sem saber o que pensar e eu com um sorrisinho sacana somente pedi desculpas. rsrs... Expliquei para ele no caminho do posto o que tinha acontecido e ele disse que tudo bem... só pq era eu... mas disse que iria pagar, que a gente iria dar um jeito. Fomos no posto e quando voltamos, ele parou o carro num lugar um pouco mais distante do fuzuê. Quando fui descer ele me puxou e pediu para dar um tempo. Sorri e começamos a nos beijar. Daí, a coisa foi ficando quente. Ele já passava as mãos nas minhas pernas, perto dos meus seios, mas não avançava mais do que isso, como se estivesse esperando o meu amém. E claro, como já estava excitadíssima dei logo. Dei uma passada com a minha mão no pênis dele por sobre a calça. Ele estava duro que nem pedra e me deu mais tesão ainda. Adoro sentir o homem com vontade de mim. Fazendo isso ele começou a tomar mais atitudes. Como eu estava de saia, ele começou a passar as mãos por entre minhas coxas e encostava na minha xaninha por sobre a calcinha. A esta altura do campeonato eu já estava toda molhada. Eu gosto de usar calcinhas pequenas e conforme ele ia subindo a mão e apertando contra minha xaninha, ela parecia que ia engolir a calcinha. Eu me remexia, rebolava, esperava por aqueles dedos sedentos que eu sabia que ele queria colocar dentro de mim. Ele então, conforme eu me abria para recebe-los foi tirando os meus seios para fora e beijando-os, enquanto suas mãos exploravam mais ainda por entre minhas pernas. Eu estava doida já. Aí fiz ele parar com tudo e disse que ali não era lugar, pois tinha muita gente passando e já estávamos virando atração. Ele então me perguntou se podia me levar para algum lugar. Eu respondi que sim e então ele ligou o carro e partimos para um motel onde o nome era bem apropriado para o momento que viviamos: Faça aqui!...rsrsrs... Nem bem entramos no motel, ao abrir a porta do quarto ele já me agarrou e me levou até a cama me beijando muito. Deitei na cama e ele foi abaixando e beijando todo o meu corpo. Levantou a minha saia e ficou doido quando viu que minha calcinha era pequeninha, preta e quase transparente. Beijou minha xaninha por cima da calcinha me deixando doida. Como minha calcinha era de lacinho dos lados, ajudei ele soltando e deixando o caminho livre para ele fazer o que quizesse. Ele arrancou as suas roupas, as minhas e se posicionou para me chupar. Ele me chupou muito, enfiava os dedos, me levando as estrelas. De repente ele foi e me deu uma linguada bem no cuzinho. Caramba... aquilo me deu um puta tesão que fiquei toda arrepiada. Ele percebeu e me mandou virar de 4. Virei e ele começou a chupar o meu cuzinho. Que sensação deliciosa, e eu olhava pelo espelho e via ele com o rosto todo enterrado na minha bunda, e com os dedos mexericando na minha xaninha... putz... estava no céu. Resolvi contribuir, e mandei ele deitar na cama. Para não perder aquela sensação maravilhosa, me posicionei para um 69 e comecei a chupar o pau dele enquanto ele fazia a festa em mim. Hora chupava minha xaninha, hora chupava meu cuzinho. Eu estava lá me deliciando com o pau dele quando senti ele tentando colocar o dedo no meu cuzinho. Dei uma recuada e disse para ele que ele era virgem. Perguntou se queria que ele parasse. Disse que não apenas para ir com cuidado. Senti ele lamber meu cuzinho e dar uma lubrificada e devagar começou a enfiar o dedo dele. Eu estava adorando tudo aquilo. Comecei a ficar com um tesão imenso e precisava daquela pica dentro de mim. Me virei, peguei uma camisinha, coloquei no pau dele e fui sentando em cima. O pau dele era muito gostoso, mais ou menos uns 18 cm e um pouco grosso, e preencheu minha buceta que de tão molhada entrou rápido. Comecei a cavalgar naquele pau e só sentia as mãos dele percorrendo o meu corpo, meus seios, minha bunda. Senti sua mão procurando meu cuzinho. Ele perguntou se podia, e eu quase sem voz para responder apenas disse que sim. Então ele colocou um dedo, depois dois e a essa altura eu já estava alucinada quase gozando. E não demorou para que eu explodisse num gozo alucinante, onde meu corpo tremia todo. Fiquei um tempo parada, tentando me restabelecer. Saí de cima dele e deitei na cama, aí ele veio por cima de mim, no famoso papai e mamãe. Enfiou o pau dele em mim e começou a bombar. Metia rápido e eu segura aquele homem gostoso e puxava o seu corpo de encontro ao meu. Pela sua respiração ofegante, percebi que ele não iria demorar a gozar e comecei a rebolar. Pronto, foi apenas o necessário para que ele se acabasse dentro de mim. Aí, foi a vez dele ficar um tempo se restabelecendo. Depois disso ficamos conversando um pouco, ele me falando o que fazia, eu falando um pouco de mim, bebemos um pouco de vinho e ele colocou a banheira de hidro para encher. Assim que encheu ele me chamou para entramos. Sentamos dentro dela e ficamos ali conversando e bebendo o vinho. Não sou muito boa com bebidas, ainda mais vinho, fico alegre rápido, mas o vinho em especial, me deixa mais solta e excitada. Comecei a fazer um carinho no pau dele com o pé e senti que ele já dava sinal de vida novamente. Fiz um comentário, ih..ele tá acordando de novo...rsrs.. e ele disse que sim, que só precisava de carinho para acordar. Então eu disse para ele sentar fora da banheira que eu iria fazer um carinho nele para acordá-lo. Ele sentou e eu fiquei de 4 dentro da banheira chupando o pau dele. Realmente, logo lá estava aquele pau duro que nem pedra novamente. Aí ele me mandou continuar de 4 e veio para trás de mim, mandou eu me apoiar na borda da banheira e começou a chupar meu cuzinho, minha bucetinha. aff... com aquele vinho, aquele homem, não podia estar melhor. Aí lá veio ele novamente com os dedinho no meu cuzinho. Já entravam com mais facilidade, devido as outras vezes e também por estar mais relaxado. Ele tirou os dedos, colocou uma camisinha e enfiou o pau dele na minha bucetinha. Estava muito gostoso, ele fazia um vai e vém devagar, cadenciado. Então ele enfiou um dedo no meu cuzinho. Putz... não demorou e gozei novamente. Aí ele disse bem ao pé do ouvido (o que acaba com qualquer mulher!) que queria gozar dentro do meu cuzinho. Perguntou se podia tentar. Apenas acenei com a cabeça. Tomei mais uns goles de vinho para dar mais coragem e senti ele forçando a entrada do meu cuzinho. Estava díficil, devido a ser virgem, estava muito apertado. Ele então pegou um pouco de sabão que tinha do lado da banheira e passou na minha bundinha. Voltou a forçar e senti que começou a entrar. Senti uma dor tão aguda que faltaram forças nas minhas pernas. Pedi para ele parar e ele parou aonde estava. Ficou um tempo assim e voltou a forçar. Senti novamente a dor só que agora um pouco mais fraca. Ele com muita delicadeza, me fazia carinho na cabeça e pedia para que eu tivesse calma. Calma eu tinha, mas era um corpo estranho, entrando num local estranho... caramba...rsrs.. pedi para ele acariciar minha bucetinha. Ele assim o fez, e foi me dando um tesão danado. Senti que tinha entrado um pouco mais. Pedi para ele parar de novo. Tomei mais um gole de vinho e mandei ele prosseguir. Devagarinho ele começou a empurrar aquele pau todo para dentro de mim até que senti seu corpo bater na minha bunda. Pronto, tinha perdido o cabaço anal. Pedi para ele ficar parado um pouco pq estava doendo e ele disse que sim, que ficaria assim o tempo que quizesse para dar tempo do meu cuzinho acostumar. Senti que a dor já diminuíra muito e ele começou a acariciar minha bucetinha novamente. Aí comecei a dar uma reboladinha, tímida, mas ele entendeu o recado e começou um vai e vém devagarinho. Logo a dor se transformou em tesão e o vai e vém começou a ficar mais rápido. Eu gemia e ele socava cada vez mais forte na minha bundinha. Não demorou para ele explodir novamente num gozo muito forte. Ficou um tempo com pau ainda dentro de mim, eu apertava meu cuzinho naquele pau e cada vez que fazia isso ele gemia cada vez mais forte. Saímos da banheira, fui para o chuveiro e parecia que tinha sido arrombada. Essa era a sensação que tinha. Que se tomasse um gole de água iria vazar...rsrs... Tomei um banho, olhei para o relógio e já eram 4 e pouco da manhã. Liguei para a minha prima e pedi para ela me esperar no posto de gasolina que tinha na avenida central. Nos arrumamos e fomos para lá. Nos despedimos e ele me disse que queria me ver novamente. Claro, trocamos telefones coisa e tal, e naquele verão ainda tiveram muuuuiiitas surpresas... mas isso... isso eu conto numa próxima oportunidade...

rsrsrs...

beijinhos... Laura

[email protected]

Comentários

05/12/2017 09:11:31
Parabéns, lindo conto e percebe-se, -real. Você foi muito sábia ao escolher quem te trouxe para o universo do prazer anal. Parabéns à ele por ter te proporcionado prazer e tê-la trago para esse mundo maravilhoso.
29/07/2010 11:47:33
Muito bom :D, tenho sorte de poder desfrutar do cuzinho da minha namorada, e ela adora quando eu como ele ... E eu tbm, claro.
13/05/2010 21:31:24
Perfeito, lembra quando eu tirei a virgindade do cuzinho da minha namorada... Parabens pelo conto, nota 10 concerteza...
27/01/2010 13:53:00
Esse me deixou louco de tesão, Eu por exp. não tenho tanta paciência de ficar pondo o páu de vagarinho, eu costumo, ao invez de ky, vaselina ou creme, uso xilocaina, é uma pomada tipo vaselina anestesiante! a uns 20 anos atas, em santos, eu arrebentei o cu de uma ninfetinha usando xilocaina quando pus ela de quatro no bco: da frente de meu carro, com a bunda virara pra rua, eu de pé atras, peguei ela pelas ancas com as duas mãos, deu uma puchada só, ela quase não sentiu que eu estava arrebentando o cuzinho dela! ela teve que levar quatro pontos no cu! num pronto socorro!
29/11/2009 02:08:49
Adorei seu conto super excitante, espero q vc nao demore pra postar mais.1001 BJOKAS com carinho e fica com DEUS.
28/11/2009 21:09:52
sensacional gozei add: [email protected]
01/10/2009 14:29:23
nosssssssssa vc tem mta coragem, Bem tenho mta vergonha de ficar de quatro :(
01/10/2009 14:06:20
Achei um Show!!! o conto, menina... Está de parabéns!!! E vc tb soube dar gostoso, agora vai viciar, hummm... mas é muito bom viu! Beijos Indomáveis
12/09/2009 15:19:56
espetacular !!!! minha namorada precisa ler esse conto para perder o medo...
11/06/2009 04:41:12
e vc esta adorando dar essa bundinha agora né
02/06/2009 17:22:04
add meu msn [email protected] para vc rebolha na minha pica
26/05/2009 11:00:06
Delícia de conto... fiquei com vontade de comer uma bundianha.. rsrs... bjs
15/05/2009 16:44:40
Bem, eu acho que adivinho pensamentos, mas vamos deixar pra lá... Tá show teu conto
13/05/2009 23:03:53
Você me fez lembrar quando a quatro dias atrás tirei o cabacinho do cuzinho da minha namorada, que delícia um cú apertadinho sendo deflorado. Merecia um DEZ mas como os leitores deste site não tem votado nos meus contos, por enquanto só vou vou comentar. [email protected] ou (orkut)[email protected]
13/05/2009 14:16:56
Bom conto está de parabéns
13/05/2009 13:58:30
10
13/05/2009 13:47:00
uau co KY então seria um delirio!!! me adiciona? [email protected]
13/05/2009 13:28:28
hmm, pelo jeito vc curte dar, que tal cavalgar em minha pica?

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


mulher beijando a mulher na boca pelada no titubearcristina loirinha sem juizopapai tirou sangre do cu da filinha peituda ponuincesto/imaginaçoes com a maeXVídeos novinhas Idelmar negão arrombando tudoconfissoes como fiz pra seduzir meu cunhadovideo porno chamei meu genro para mim ajudar e dei para eleContos a empregada com fotosNovinha da cuzinho no enlevadoporno.incesto.filha se asusta.com o.tamanha do pau do.negraosexo suor e gemidoszoofilando puta gostosa fudendo com cavalo ater sair sangue com porra da bucetavídeo porno brasileiro de gostosa morena dando o cu pra estranho que come o maridotambémnovinho lendo no park louco de tezao por um homem forte gostoso e peludoarrombando.o cu da deisy a forçaconto erotico com crentevideo porno homem velho mamando e puxando e mordendo o peitoquero v vidios d megao d pau grand gosano dentro da buceta d menina novingavideo. caseiro. de. sexo. mulher. covida. omarido. pra ir. na. casa. duma. amiga. muito. gostosa. ela. provoca. omarido. da. amiga. e. rola. sexo. com. os tres. gratisdois negao dt realizando fantasia de n mulher casada porno doidocontos eroticos de sogras 2017baiano chupando clitori e falando besteirasporn bumbum peito enpinadinhos de mae filhaxvideos Botando rola Pra Fora E sarrando bem gtzvidioporno coroa branca buceta bem arbetacalça legue mostrando abuçetanovinha aser estuprada com padrasto aser desvirginada enquanto dormeesposa crente novinha gostosa e o segurança do predio roludo contos eroticossogra gostosa de cabelos crespos fudendo com amigo do genronovinha gretano de tanto goza com u paiconto erótico Fui obrigado a violentar minha filhacontos eróticos de esposinha branquinha fazendo Dp interracial com vibradorcorno que gosta de ouvir da sua esposa como ela aguenta uma rola de25 cm no cuxvideo guardondo o pau nacuecapatricia de faculdade gostosa gemendo muitovideos porno caseiro a garotinha dormi e o padrasto gozou no seu cuzinho nxvideo pagehistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulherwww.contoseroticos fui viola por um mega caralhudover contos eroticos em que maes sao flagradas pelas avos fudeno com os filhos pauzudosenfiou o nariz no cu da pưta com a buceta gozadapornodoido desmantelando a loira em cima da mesaas duas bundinha para o macho contovidioporno casa sensacaoxvideos o chifre mais bem tomadocontos erótico evangélica novinhamulher cagando com prisao de ventre pornoneguei sexo ao meu marido e ele me pegou a força sexove.avaca da minhas vizinhas tarada lindo bucetaocorno veno esposa dano cu e falano que nao guenta pornodoidoencoxada bem arroxadaComo perder o bv comendo o vomito e cagando no ventiladorsexo entre.lutadores perdeu auta da ocuzinho pro vencedor ver pornoo primeiro amasso a gente nunca esqueceamigos do meu noivo me arombaram na sua despedida de solteiro contos eroticoscasa dos contos eroticos meu marido trabalha eu meu filho rodulo me fodeprima gosta da minha pica ele pega e burta na bucerta dela mulher em pornô de cavalo e se estraga todinha sair sangue do c*fudendo minha sogrinha e minha esposa me comendo gostoso contocoxando disfarsadamente e rabuda deixandoatacada em estrada deserta pornodoidoporno sombra brasileiro pauzudo so com vovo 60anoscontos de sexo depilando a sogracontos comendo minha vizinha negra bundudamae gozou loucamente no pau de 25cm dp filho dotadpconto gay perdi a aposta fui descabacadoadvogada abrindo sua buceta no motellangonha conto heteronovinho da pica lamecadacasos de zoofiliaconto erotico nora carenti fudendo cm sogra pirocudovidio de pono gya com tio com briquendo polo cu do seu afilhado mundobichaponodoido cenas muito fortebuceta de evangelica arrombada na igrejacontos eroticos tia bucetuda no onibus e menino casetudoencoxando na frente de pessoas munhe engulido a gala sem tira u pau da pocamuler jupendo a minha puta. gtaConto no interior vi mamae pelada ela disse vou te capa cacetudofilha dengosa e gostosa sendo acariciada pelo pai sexo pornogta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetachupar e engolir esperma comentariosconto de casada putaxvidios mulheres fundeno na ginástica mulhes fudedo deto do karo o cuXVídeos mulher chupa na chapoleta de idosofilhadorme.e.pai.enfrega.pica.na.buceta.delaincesto ganhando chupada de aniversarionovınha transando com ırmaocontos eroticos a amiga da minha irma rabudaidosa masturbano de saia esccontos de homem que puxa e mama os mamilos enrijecidosbrincando escanchada contos pornoconto gay tiozao deu cuconto cumendo irmao de pau cabecudo irma. virgementrei no quarto errado e me fudi contos de incestoporrno ate nijar de tanto emtesãocasada.comcrente dando pro.comvelho.contocavala centrando na rola grande e achando uma delícia