Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Trepada à mineira

Autor: EDU_NIT
Categoria: Heterossexual
Data: 13/09/2009 03:25:56
Nota 10.00
Ler comentários (2) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Sempre ouvi dizer que o mineiro come quieto, e acabei descobrindo que a mineira gosta de ser comida na calada...

De férias numa cidadezinha mineira me hospedei num pequeno hotel, desses mais antigos, os donos um casal já velhinho eram extremamente hospitaleiro, como todos os mineiros.Contavam com dois funcionários e com a netinha caçula que morava com eles ali mesmo. Devia ter seus 17 aninhos...carinha de anjo num corpo que parecia convidar os homens para o pecado. Logo na chegada pude perceber os olhos espichados da bela morena que me seguia pelo corredor silencioso. Meu quarto ficava logo ali no primeiro andar, era modesto mas bem aconchegante. Devido a minha exaustão acabei por tomar um banho e cair na cama, era fim de tarde e logo fui chamado pelo dono do hotel para o jantar. O salão onde eram servidas as refeição estava relativamente cheio, eram os outros hóspedes e pessoas da cidade que comumente faziam as refeições ali. Por sorte escolhi uma mesa que era servida por Gabi, a neta dos donos. Sem muita demora ela veio me servir...com um sorriso quase que convidativo. O decote da blusa mostrara mais do que deveria, me levando a imaginar loucuras.

Logo após a janta saí para dar uma voltinha pela rua, era uma noite quente e a maioria dos moradores pareciam haver combinado de sair...parei em um bar próximo e pedi uma cerveja enquanto assistia a uma partida de futebol pela tv.

Quase ao fim do segundo tempo voltei ao hotel a rua ja começava a ficar deserta e seu João, o simpático dono do estabelecimento já fechava as portas principais. Dei boa noite e fui direto para o quarto.

Depois de uma ducha para refrescar acabei caindo no sono, devia estar quase amanhecendo quando acordei com o barulho na porta, fiquei deitado ali quieto para não fazer alarde, percebi a porta se abrindo devagar...um vulto passou quase que imperceptivel pela pequena abertura...a porta fechou-se em seguida. O vulto aproximou-se da cama e num ímpeto me joguei sobre ele, para meu espanto era Gabi. O perfume dos cabelos soltos me deixou tonto de prazer...saí de cima dela e sentei na cama me enrolando no lençol, já que estava nú. Ela levantou-se acendendo o pequeno abajour ao lado da cama, apesar da luz fraca percebi que ela vestia uma dessas camisolinhas transparentes e bem curtinhas deixando a mostra o corpão moreno escondido por uma tanguinha. Antes mesmo que eu perguntasse o que ela fazia ali fui surpreendido com um longo beijo...alias tão insinuante que me despertou por completo, inclusive a parte que certamente a interessava, em poucos segundos estávamos ali trocando carícias cada vez mais intensas...e nem tão silenciosas, em poucos segundos a tanquinha presa por lacinhos foi ao chão assim como os lençois que eu ainda insistia em me manter enrolado...sem qualquer timidez ela sentou-se sobre mim, retirando a camisolinha já suada e se encaixou com perfeição no meu pau já teso. Parecia uma índia dessas de filmes americanos cavalgando com muita disposição e me levando a loucura. Ela parecia insaciável, e não demorou muito para que os dois num gemido profundo e sincronizado os dois gozassem. Os galos já cantavam...qdo ela deixou o quarto. Acabei adormecendo até a hora do café. O dia custava a passar e em hora nenhuma ouvi ou vi Gabi pelo hotel, depois da aparição em meu quarto ela desaparecera. Já era hora do jantar quando a vi no salão, servindo as mesas, escolhi propositalmente uma que ela serviria. não demorou para que ela trouxesse a janta, discreta me confidenciou que mais tarde serviria a sobremesa, dando um sorriso nada malicioso...enrolei o máximo que pude durante a janta, sem muito mais a fazer ali parti pra rua, indo para o mesmo bar da noite anterior. Não demorou muito para que ela passasse com algumas amigas, como era de costume entre os jovens dali. As amigas não demoraram a se separar e vi quando Gabi e uma amiga entraram no hotel. paguei a conta e resolvi voltar também, tomei minha ducha e fiquei ali por quase duas horas olhando pro teto de pau duro esperando pela sobremesa prometida. Já era madrugada quando ela veio ao quarto, sem meias palavras partimos para os amassos quentes...com as pernas escancaradas ela me oferecia a bucetinha depilada para que eu caísse de língua...ela se contorcia, se esfregando na minha cara até gozar. Em cima dela, a fiz gemer baixinho e pedir mais...mais uma vez o gozo foi conjunto...ficamos ali agarrados e totalmente encharcados de gozo e suor.

Tomamos uma ducha juntos e voltamos para a cama onde ela me serviria a sobremesa, um rabo delicioso, quente e segundo pude descobrir intocável.De quatro, pude ali inalgurar aquela bundinha totalmente quente de prazer. Cada estocada era um gemido, as bolas roçavam em sua pele morena. Ela parecia ter um motor no rabo, quanto mais eu metia mais ela rebolava, só parei ao sentir o jato quente que preencheu o rabo quente de leite...caímos na cama mortos de tesão, mais uma vez ela saiu pé ante pé.

Minha idéia era ficar uma semana naquela cidade, mas graças ao excelente serviço de quarto fiquei 15 dias, e todas as madrugadas a figura silenciosa de Gabi invadia meu quarto para uma verdadeira orgia à dois. A última noite porém foi diferente e surpreendente, mas essa eu deixo pra contar depois.

Comentários

13/09/2009 11:31:28
bom conto mas ñ exelente
13/09/2009 09:28:32
sensacional

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


Conto uma vida incestuosa PT2.2xx pornô quero ver minha vizinha casada bençãopastora bucetuda de fil dentalcontos eroticos sindico com um pau de 27cm fode moradora menor menorvidio de mulheres mostran do a buceta eh conto faz xixio vizinho safado do 205 conto gaymeu sogro queria dupla penetracao com minha sogro veridicocontos eroticos gay virei chupeteiro dos senhorepassando a mao no decote e chupando os peitosvideo de sexo com novinha com varios moleque no igarapéDespertando O Amor em um Brutamontesparte 2: casa dos Contossogragosadaminha cunha espero meu irmão sai e mim mandou ajudar a ela a apertar o sutiã e eu a cumei sexohttp://esposas perdendo a virgindade com seus maridos: contos eróticosenteada dorme bêbada chapada e padrasto quando a solidão na marrachantageou a coroa para se dar bemxvedeo conto erotico a forca no onibuscontos eróticos loba adoro inversãocomendo o cu da irmaue estava dormindocoletania de pinto torto pra baixo gozandoConto erotico gay mão bobacontos erotico minha mae insistiu eu fazer nudismocontos mulheres cinquentona nao aguenta pau com super cabecaNecsEexcontos eu e meu marido fomos no jogo de futebol no onibus dei pro negao eninguem viuContos eroticos .meu filho vive me encoxando sinto seu penispirralho pauzudo contosContos eroticos gay chule do meu cunhadotransando com cachorro e vizinhocontover uma crente casada casano um pauzudo pra dar o cucontos eroticos :eunice caindo de boca na picagozada no cu com recuada gaymorena de 58kg dando a bucetafazendeira flaga o piao da fazenda cumeno sua egua e fode com elejumento racudo comendo xota da mulher zoofiliacontos contos meu marido me arrumou um novinhocontos ela falo chicao nunca dei o cu pra pau grossocontos eróticos mulher endividadaporno. tor. muita careitisexo novos banho conhadas nuascontos zoo dalmata.meu machodepravadacao"menos apertado" gay contoquero ver um vídeo de mulheres transando com cachorro t***** de quatro com a bunda empinada engatada e urbano gaynovinha de biquine fazedo sexo de ladinho colado bem devagarinho no cuzinhoestupro chupando grelo grande até ferirxvideos rolas chapuletadas gozandoMae e puta fudeu filio estoriaForcei minha mae e ficar nua conto incestomulher toma susto com rola bucetas moloutira ochorte pica nela pornonovinha deixou o tii passar a mao na bucetinha em troca de dinheirovelhopintudocontoseu quero mulher tem pinto comendo viado que amanhece a tempinho comendo vi antes vídeo pornô vídeocontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docesconto eróticos voyeur vizinha dos fundosvídeo de mulher pelada nua vídeo mulher pelada mostrando o pinto também amor quer vir aqui também é muito periquita Minha louca vida de mulher pelada nuaflagrei minha irma traindo seu namorado e chantagiei elaver vidio padrasto da pica muito loga comendo a itiada virger o pau entrou de veis ela desmaiousou viciada no pau do negraocomo esconder do meu marido que a minha buceta ta cheia de gala de outro?pornô doido de cetona de mini saia sem calcinha sentando na rolaprocurando várias fotos de menina da China de menor menina rasgando a vagina dela que sair sangue ela chora na Estrada da força e g****** uma mulherirmalouca pra perdero cabaco pro irmarhomem fudendo oltro homem enprensando na parede fudendo pornoponodoido pasado um tempo com minha primasporno mae surpreebdidaFotos de travesti novonho trazandoincesto com meu vô contosporno corno paga dois homens de pau Grosso pra esyrupar sua mulher na frentedelevideo de sexo levei gaia e chamei minha amiga e dois amigo pra fazer sexo gostozoacabei liberando cu pro primo masnaogaycontos eroticos sou mulher e transei com minha sogracontos eroticos titias putas sobrinhos roludosmeu primo tirou minha cueca e cheirou minha rolaconto gay perdi a aposta fui descabacadover mulher gritando de tesão saindo gosminha do grilo da sua buceta grandevidio porno crente curioza pra parA pega pica eacaba sendo estrupada ela cota tudoirmão bem dotado tirando o c***** da sua Irmã Dulcevanessa traindo com irmao do corno douglas spContos eroticos seduzi a mae do meu amigo uma coroa bem recatada e dona de casa