Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Quem acha que o Garanhão é seu amigo não precisa de inimigos

Categoria: Heterossexual
Data: 21/09/2009 01:02:57
Última revisão: 05/07/2012 11:38:37
Nota 9.55
Ler comentários (7) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá galera eu estava aqui lendo um conto de nossa amiga Ramona 123 E decidi contar um fato quase parecido que me aconteceu há uns dois anos atrás bem como eu já disse aqui eu não sou um galã de novela das 8 nem sou milionário e “Sortudo com as Top Models” quanto o Flávio Briatore, mas sou um cara normal também não sou um manequim de filme de terror até acho que sou mais eu que muitos ditos “bonitões” que vemos por ai eu tenho uma vida é um emprego estável que dá para eu custear meus caprichos, loucuras é desejos mais excêntricos, mas essa historia começa justamente em meu trabalho aonde eu tinha um bom cargo no meu setor, pois já sai dela para algo melhor, mas nessa época a empresa tinha acabado de sair de uma crise financeira que fez um rombo em seu cofre e então para manter o seu bom nome de multinacional começou a contratar muitos funcionários e eis que então eu recebo um e-mail me avisando que eu teria que apresentar a fabrica e o serviço para um estagiário que foi contratado para me dar uma mão, pois estava muito cansativo para mim então eu já me imaginei tendo minhas tão sonhadas férias rançando o sangue e a pele do estagiário e fui ate mais empolgado com o assunto quando eu cheguei ao refeitório da empresa estava o cara lá ele estava seguro de si bem arrumado e eu como sou de poucas palavras peguei um copo descartável cheio de café e falei para ele que quando ele terminasse eu iria apresentar ele a fabrica e coisa e tal durante alguns dias ele ate me “Respeitava” ele falava muito mas quando eu chegava no local ele se calava e voltava a fazer seu serviço mas passado alguns dias veio um tão desejado feriado emendado e depois do trabalho resolvemos tomar algumas cervejas em um bar e eu sou do tipo do cara que não misturo as coisas uma coisa sou eu em minha vida particular e profissional a outra e meu outro lado secreto o Garanhão Italiano então o cara começou a se gabar do nada do que ele fazia com as mulheres e que ele era o “Dito” irresistível e eu olhava para as garotas que estava com a gente elas estavam totalmente sem Jeito e puxavam suas cadeiras para perto de mim e dos amigos que ela já conhecia e o cara continuava achando que estava abafando foi quando uma de nossas amigas perguntou se alguém tinha visto as fotos de uma propaganda publicitária que uma antiga colega nossa de classe tinha feito e o Mané levanta da mesa pede mais uma cerveja e diz:

_ O que? Fulana eu já peguei ela de tudo quanto foi jeito ela deve estar dando para o dono da produtora ou para o dono do anuncio. E ele falou isso indignado quem não convive com ele diariamente ate acharia que era verdade então eu decidi ir embora e todos fizeram o mesmo, pois o papo do cara estava bravo de agüentar então desse dia em diante ele tomou muita liberdade entre nosso setor, pois na mente dele estava todo mundo achando ele o tal cheguei ate receber algumas reclamações a respeito da postura dele, mas eu sempre tentava contornar mesmo desaprovando a atitude dele, mas o cara me era viável ou eu iria trabalhar ate morrer sozinho sem folga.

Eis que então em um belo dia eu acabara de chegar de uma noitada daquele jeito sem paciência alguma e ele veio com aquele papinho furado:

_ Nossa chefe sua noite deve ter sido quente mesmo suas olheiras condenam e essa marca rocha sua no pescoço te entrega mais ainda você tirou o atraso ontem em? Eu olhei para ele e sem falar nada voltei a fazer meu serviço, pois realmente à ressaca estava me matando então o cara chega para mim depois de algum tempo nos estávamos tomando café e eu acendi meu precioso cigarro e ele cai na besteira de fazer uma brincadeira desagradável comigo dizendo:

_ Mas vai gostar de colocar um rolo duro e quente e fedorento assim na boca La longe. Então eu me surpreendi, pois uma colega de trabalho virou e falou em alto e bom tom:

_ pior é você seu mane que em vez disso um cigarro na boca coloca uma rola na bunda seu viado papudo. Então eu vi que o clima ia esquentar e acabei mandando os dois cada um para seu setor, mas eu tinha acabado de virar fã daquela garota então o tempo passa e o cara sempre vinha com o mesmo papo que ele era o tal e que ele era metedor mesmo e que mulher para ele era mais fácil que nota de 1 real foi quando numa segunda feira ele veio na hora do almoço dizendo que estava morto de ressaca, pois havia tido uma noitada com duas mulheres que haviam acabado com ele e que ele tinha vindo direto do motel para o trabalho então uma outra funcionaria que nem o conhecia virou para nos reservadamente e disse:

_ Que cara mentiroso ontem eu vi ele às 3 horas da manhã chegando a casa dele com dois caras no carro e descendo da porta mala só bolas de futebol, chuteiras e uniformes suados e depois disso ele não saiu da casa dele, pois eu estava dentro do carro do vizinho dele ate me escondi para não ser vista. Então desse dia em diante ficamos todos observando ele e ele todo dia chegava com o mesmo papo que tinha ido a uma festa e as mulheres tinham feito misérias com ele e nós só ficávamos escutando então um belo dia ele chegou com o mesmo papo em frente a uma colega nossa bem bonita, mas ela era aquela beleza angelical tímida e frágil ela é loirinha um pouco baixa seios pequenos e uma barriga linda que mais parece uma parede de tão dura e umas pernas na medida ideal nem grosas nem finas ela e o tipo de mulher que se souber se produzir vira puro veneno ainda mais com aqueles óculos que a deixam com um semblante bem serio e dominador então ele fala aquele monte de asneiras e ela sem paciência retruca:

_ Você poderia nos convidar para uma dessas suas festas, mas você só fala assim a gente fica só na vontade. Nessa hora eu ergui minha cabeça e medi todo ambiente ela estava desafiando ele e ele de uma maneira totalmente sem jeito vira para ela e diz:

_ Vamos fazer melhor, vamos marcar uma festinha para esse final de semana. Você topa chefe? Ele me perguntou ironicamente e eu respondi que sim, mas na mesma ironia dele falei:

_ vamos sim eu sou mesmo meio fraco com as mulheres quem sabe eu não me dou bem nessa festa? Esse foi meu erro, pois ele ficou a semana inteira me dando conselhos de como pegar uma garota então na sexta feira a nossa angelical colega de trabalho que para preservar sua identidade vou chama La de Minnie Mouse chegou perto de mim e me falou:

_ E ai o que nos vamos aprontar para ele? Eu meio sem entender perguntei:

_ Minnie como assim. Ela puxou a cadeira e sentou dizendo:

_ Porra esse cara e o maior cuzão chega aqui todo dia se passando por gostosão eu quero dar uma lição nele: Nesse momento eu me arrepiei todo e perguntei a ela como ela planejava fazer isso: ela então me disse que queria fazer uma festinha do tipo particular e arrumar uma mulher bem gostosa para deixar ele doido e humilhá-lo e no fim da festa deixar ele na mão sozinho e acabar com a tal “Moral” que ele falava tinha então eu concordei, mas havia um problema quem seria a outra mulher, pois a Minnie falou que encenara que estava ficando comigo só para dar ênfase a nosso plano então ela me falou que conhecia uma garota que toparia fazer isso junto com agente, mas que ela era tida como a “safada” da faculdade porque saia com todos os caras e que diziam que nos finais de semana ela ate fazia programa, então eu perguntei se ela era bonita, pois seria sem sentido fazer isso com uma mulher que não fosse Top ela então respondeu:

_ Eu acho ela muito bonita e tenho certeza que você achara e quem sabe no meio dessa brincadeira você não se dá bem com ela, já te adiantei que ela não é difícil. Então ela riu e eu topei e ate falei para ela que se a tal garota quisesse cobrar eu pagaria, pois tanto eu como ela queria mos ferrar o cara e o resto que viesse era apenas lucro ainda mais com essa tal garota.

Então chega o fim de semana e o cara chega às 8 da manhã todo eufórico querendo saber da festa e dos preparativos e se tinha muita mulher eu olhei para ele e já comecei a entrar no jogo e falei não tem só duas uma para mim e uma para você ele riu e falou:

_ Opa uma festinha a quatro quem sabe rola ate uma troca de casais eu seriamente falei quem sabe vamos ver no que dá.

_ Então Minnie me liga, pois ela não trabalhava em fim de semana e fala que já estava tudo ok com a garota eu então liguei para minha mãe, pois moro com ela e pedi a ela que dormisse na casa de minha irmã, pois eu iria fazer uma reunião lá em casa com a galera do motoclube e que eles eram muito baderneiros ela já conhecendo as peças foi na hora tudo já estava armado, mas faltava um toque especial quando bate a campanhinha e eu abro a porta quase tive um AVC a tal garota era muito bonita tinha um par de seios siliconados que puta que o pariu eram lindos um corpo que puxava meu olhar ainda mais com aquele pircing no umbigo que realçava ainda mais sua barriga que pouco s palmos abaixo vinha uma saia preta que de tão curta parece que foi feita de uma gravata e ainda sobrou pano e uma sandália daquelas de salto, mas que tem uns cordões transados ate os joelhos eu fiquei estático de boca aberta e por alguns minutos quase dei vexame na frente daquela ruiva que só de vela eu já senti que era quente igual pimenta malagueta então começamos a colocar nosso plano em pratica isso após abrirmos uma boa e gelada cerveja e demos inicio ao nosso plano a amiga de Minnie que apartir de agora irei chama La Maga Patalogica então nos combinamos de ligar para o cara que vou chamá-lo daqui para frente de Pateta e falar que a Maga iria passar perto da casa dele e que se ele quisesse carona ela o traria a maga sabia dirigir, mas não tinha habilitação então nós arriscamos peguei a chave do carro de minha mãe que e falamos com a Maga para ir buscá-lo e já ir dando algumas indiretas nele então eu e a Minnie ficamos em casa bebendo arrumando os últimos detalhes e conversando ela era muito culta e estava diretamente voltada para arrasar com a moral do Pateta então entre uma conversa e outra perguntei a ela se ela era discreta, pois nada do que aconteceria ali deveria sair daquelas paredes, pois tínhamos uma moral a zelar e mesmo que o Pateta falasse ninguém iria acreditar nele, pois era uma Situação inimaginável para os nossos amigos de trabalho então ela sorriu e disse em um tom firme:

_ Olha aconteça o que acontecer aqui morre aqui eu tenho palavra e pelo que te conheço você também tem. Então concordamos ate que a Maga mais o pateta chegaram tocaram a campanhinha e a Minnie atendeu como se estivesse revendo a maga após um longo tempo e foi aquela farra e ai como vai e você Pateta nossa você esta elegante ta um gato (Pura falsidade da Minnie) então começamos a beber e trocar umas palavras o pateta se gabava e achava que estava arrasando foi quando ele tirou um Pen drive do bolso e pediu para plugar no aparelho de som que ele queria dançar para animar a festinha. Olha eu particularmente nunca vi uma coisa tão ridícula e uma musica tão brega, pois o meu negocio e Rock`n Roll o cara se contorcia como uma minhoca machucada ao som de uma musica eletrônica horrorosa e achava que a gente deveria participar então nos entramos na onda dele para ver se ele se tocava e parava ai que veio nosso erro o cara arrancou a camisa e começou a roda La no ar como se fosse um ator do filme Os Embalos de Sábado a Noite então a maga com todo aquele seu jeito provocante começa a dançar com ele e vai alisando o corpo dele e descendo ate a barriga e o empurra pára o sofá dizendo:

_ Ei se acalma ai, pois ainda temos muita coisa para fazer e você vai precisar de muita energia pateta em um tom meio seguro diz:

_ Que isso já tomei um êxtase e vou te dar trabalho a noite inteira cachorrona! Nesse momento o clima de ódio pairou por sobre o recinto e ele então foi ao banheiro e sinceramente a gente não tinha a menor idéia do que fazer com ele eis que a maga teve uma idéia:

_ Olha vocês querem ferrar o cara então vamos transar na frente dele e deixá-lo de pau duro na mão. Nesse momento a Minnie pensou e falou que não daria certo, pois se ele se sentisse desconfortável ou humilhado ele simplesmente abriria a porta e iria embora e que nem amarrado ele ficaria lá somente olhando sem participar. Nesse momento eu me pronunciei e disse:

_ Minnie amarrado ele fica sim! Ela então parou e me perguntou:

_ Mas como faremos isso? Eu então dei idéia de começarmos um jogo erótico mas elas teria de me ajudar pois a idéia principal do jogo era amarrá-lo e amordaçá-lo em uma cadeira e eu e a Maga Trançaríamos na frente dele a Minnie concordou e opitamos pelo jogo da garrafa aquele da verdade ou mentira mas antes eu perguntei para a Minnie se ela não se importava pois ela também iria presenciar a cena de sexo ela então me olhou e bebeu de uma vez só a lata de cerveja e disse:

_ Se for melhor para você eu mesma transo com você, você quer? Nesse momento eu senti que ela era uma das minhas e que só fingia ser boa moça, mas na verdade era uma caçadora igual a mim então eu a puxei forte pela cintura a trouxe ate bem perto de meu s lábios e disse:

_ Que tal unirmos o útil ao agradável a gente humilha e da uma lição no Pateta e ainda nos divertimos, mas só tem um problema e a Maga? Ela então olhou para mim e disse firme e em bom tom:

_ Que tal realizarmos uma louca fantasia Eu Você e a Maga transando e o Pateta somente de Voyeur todo imobilizado nos assistido eu topo, mas pelo amor de deus não revele isso para ninguém, pois minha cabeça e a sua podem ficar a premio, mas te confesso que isso esta me excitando muito somos adultos e entramos nesse jogo para ganhar ou perder o que você acha? Eu então respondi:

_ vamos começar esse jogo agora e a maga ela não está sabendo dessa parte. Ela então olhou para mim sorrindo e disse:

_ Pelo que eu conheço dela ela ira adorar. Ela falou isso pegando no meu pau já duro e mordendo os lábios e dizendo delicia vamos parar de perder tempo. Então fomos para sala e eles estavam conversando já estavam papeando sobre sexo a Maga era esperta e estava fazendo seu papel perfeitamente ate esse momento e o Pateta estava louco ate chegou para mim em um canto e disse:

_ cara essa ai já esta no papo eu meto mesmo não dou chance fica de olho e aprende como se cata uma cachorra. Nesse momento eu decidi iniciar o jogo peguei uma garrafa vazia de cerveja e ditei as regras:

_ Quem for apontado escolhe uma prenda ou um desejo para qualquer participante da mesa realizar. Nesse momento a Minnie explicou tudo para a Maga então começamos. Por sorte o primeiro a sair foi ele então ele pediu que a maga tirasse a blusa ela rapidamente o fez que peitos lindos ela ainda os acariciava para deixá-lo mais doido ainda então foi minha vez e eu pedi uma cadeira ele saiu de novo e pediu para a Maga tirar a saia (Muito afoito, pois a saia dela era tão curta que eu já tinha visto ate o útero dela mesmo vestida) ela então tirou nossa era uma mulher bem gostosa e ela ainda fazia caras e bocas então foi à vez da Minnie ela pediu uma corda ou um rolo de fita adesiva eu peguei os dois para ela então veio à vez da maga ela passou a mão sobre o pinto do patete e pediu sem frescura para que ele tirasse toda a roupa o Ontário tirou e ainda falou:

_ Essa puta e das boas. Ela somente olhou para mim e sorriu dizendo senta ai gostosão ele então sentou agora por milagre foi minha vez e eu disse que queria ver a Maga fazendo o que quisesse com o pateta ela pegou as cordas e a fita adesiva e o prendeu na cadeira logo depois a Minnie saiu e disse que queria transar comigo na frente dele amarrado que era sua fantasia ela falou tirando a roupa e logo depois pegou um lenço e o amordaçou dizendo:

_ Não se preocupe depois de minha fantasia o jogo continua e você pode se acabar com a Maga se puder ele então sorriu dizendo:

_ Vai lá Rapariga quero ver se você sabe levar um pau na bonita se precisar de ajuda pode me soltar que eu te dou socorro. Ela então o amordaçou agora o jogo tinha realmente começado eu estava já muito excitado, pois a situação favorecia a uma transa a três foi então que a Minnie se atirou para cima de mim me beijando e mordiscando meus lábios ela estava muito excitada e parecia que era um animal com fome nossa e difícil encontrar beijos tão ardentes quanto os dela então a Maga pegou uma cerveja e disse:

_ Nossa vocês vão fazer uma sacanagem aqui na minha frente? Delicia já estou toda molhadinha. (Meu pau está estourando só de lembrar dela falando isso e puxando sua calcinha para cima como se quisesse arrombar sua buceta) a Minnie então me puxa pela nuca e começa a me beijar desviando meus olhos da Maga e sem perceber eu estava sobre ela beijando-a ferozmente então eu abri os olhos e vi que o Pateta estava quieto, mas de pau duro só observando (Ele não podia mesmo fazer outra coisa) então comecei a chupar os peitos pequenos e duros da Minnie e ela começou a gemer eu os apertava com os dentes chupava e mordiscava aqueles biquinhos quase transparentes enquanto eu me deliciava abria os olhos de vez enjoando para observar a maga que já estava inquieta nos observando mordendo os lábios e apertando os seios e o Pateta somente balançava a cabeça em sinal de desespero continuei me deliciando com os peitos da Minnie que os oferecia para mim apertando minhas costas com as mãos e gemendo alto então mais uma vez olhei para a maga agora ela estava sem calcinha e se masturbando e nos olhando com um olhar de menina com fome então eu falei baixinho para a Minnie olhar para a Maga ela também viu e deve ter se excitado muito, pois me beijou enfiando a língua toda em minha boca e me agarrando pelos cabelos somente deixava minha boca para gemer e beijar meu pescoço sua mão nervosa começou a trilhar meu peito minha barriga ate achar e agarrar meu pau por sobre a calça, mas rapidamente em uma eufórica atitude ela tirou minha calça revelando meu cassete que estava duro como pedra de amolar faca ela começou a me masturbar forte às vezes ate doía, pois sua mão batia com força em minhas bolas foi quando senti o ritmo mudar e o toque ser mais leve abri os olhos e vi que quem estava me punhetando agora era a maga então a Minnie aproveitou a ocasião enquanto a Maga me punhetava ela caiu de boca no meu cassete então eu me deitei no sofá para apreciar melhor a visão e ficar mais confortável para elas meu tesão subiu a níveis estratosféricos quando as duas começaram a chupar meu pau ao Mesmo tempo e por alguns segundos elas pararam se olharam fecharam os olhos e se beijaram nesse momento meu êxtase foi interrompido por um barulho seco e surdo era o Pateta que já estava louco de tezão todo amarrado e amordaçado ele se debatia na cadeira inutilmente e fazia aquele barulho seco quando a gente grita e tampa a boca ele estava desesperado e de pau duro então elas começaram a conversar algo do tipo:

_ Nossa que cassete gostoso. E a outra respondia:

_ Com o gosto de sua boca fica bem mais gostoso. Eu olhava aqueles seios siliconados da Maga com aquelas marquinhas de sol e me deixava louco eu tentei me segurar de varias maneiras, mas meu gozo foi totalmente inevitável nesse momento eu avisei que iria gozar e vi uma das cenas mais excitantes de minha vida as duas chupavam meu pau o dividindo e às vezes brigando entre si para receber meu gozo então eu gozei e elas se fartaram se lambuzaram sugaram ate a ultima gota e depois se beijaram para ver se roubavam uma da outra algum restinho de minha porra foi maravilhoso a não ser pelo pateta que fazia muito barulho e batia com a cabeça querendo sair dali, mas agora eu nem me preocupava só queria aquelas duas mulheres ávidas e entregues a mim eu já tinha visto varias vezes garotas se beijando, mas nesse momento eu queria apreciar curtir o momento então a Minnie com seu tom autoritário me chama e ficamos nos três nos beijando e nos acariciando ao som do desespero percussivo que o Pateta fazia se balançando com a cadeira então a Maga joga todas as almofadas do sofá no chão e deita apertando os seios nos oferecendo eu e a Minnie caímos de boca Nossa quês peitos gostosos ela gemia alto e seus gemidos de prazer faziam um dueto maléfico com os gemidos de desespero sufocados do Pateta ele se debatia, mas nem piscava ficava nos assistindo enquanto a Maga às vezes abria seus olhos revirantes de prazer e dizia:

_ Se não existir nada melhor do que isso quero morrer aqui mesmo entre suas bocas. Ela gemia forte e a gente a chupando quando a Minnie percebeu que ela estava se masturbando ao ter os peitos chupados então a Minnie me beijou com força e pediu para eu chupá-la, pois ela iria fazer uma coisa que nunca tinha feito na vida eu prontamente a obedeci então ajeitou a Maga no sofá de barriga para cima e ficou de quatro e meteu aboca na buceta da Maga que lançou um grito longo de prazer isso foi muito excitante ela então abriu com as mãos sua xana me indicando o caminho, pois eu me distraio vendo o desespero do pateta que agora se debatia naquela cadeira urrando, mas a xana da Minnie era linda então eu não perdi tempo em sorver todo seu suco é fantástico o som de duas mulheres gemendo de prazer foi uma experiência única.

OBS... (Já me levantei do PC e tive que me masturbar somente por relembrar em detalhes essa historia).

A Minnie dizia que a buceta depiladinha da maga tinha um gosto muito bom e a cada chupada minha ela sugava o grelo da Maga que acabou gozando em sua boca então ela me chamou para dividirmos aquele gozo a buceta dela esta lambuzada e ela contraia seu ventre para cima e gritava seu corpo tremia de êxtase tivemos que forçar a abertura de suas pernas com as mãos, pois nos movimentos involuntários do gozo ela fechava as pernas que delicia aquele suco e a Misturado a saliva da Minnie que eu masturbava acariciando seu grelo fazendo a gemer cada vez mais alto então a Minnie colocou seu dedo junto com o meu em sua buceta e fazia movimentos de vai e vem nossa que fantástico e o Pateta tentava gritar balançava a cadeira fazia barulho, mas a essa altura do campeonato para gente ele nem existia peguei a mão da maga e indiquei a ela que ela introduzisse um dedo na buceta da Minnie a Minnie agora tinha o seu dedo o meu e o da Maga em sua buceta ela começou a gemer intensamente e sua respiração ficou pesada e compassada a Maga a beijava as costas enquanto eu lambia toda suas coxas não passou muito tempo ela gozou contraindo varias vezes a buceta e apertando nossos dedos então eu e a maga nos beijamos e continuamos a acariciá-la mesmo após ela ter gozado ela gemia gostoso e dava socos no braço do sofá então a Minnie se levantou e parou na frente do Pateta e disse:

_ Você não imagina o quanto esta bom isso tudo. Ela chamou à maga e se beijaram a poucos centímetros dele ele então se debateu e deu uma cabeçada nas duas bem forte com raiva a maga conseguiu se esquivar, mas a Minnie recebeu o golpe de cheio não foi nada muito violento, mas deu para machucar seu rosto ela então em uma atitude que me fez esfriar a espinha diz:

_ Seu mentiroso safado seu inútil você é tão inocente seu sabichão que vai morre de bate punheta e não vai nem sentir o cheiro de nossas bucetas, mas uma coisa eu vou te dar. Nesse momento ela virou e deu nele um tapa na cara com as costa da mão que ficou uma boa marca ai o caldo engrossou, pois ela virou e disse:

Vamos continuar deixa esse lixo ai eu e a Maga estávamos esperando que ela desistisse, mas ela tinha pulso então eu olhei para ele e disse:

_ Agora vê se fica quieto ai você entrou nessa porque quis. Ele murmurava algo, mas não dava para entender nada e a essa altura eu nem queria. Quando me virei a Minnie estava descobrindo palmo as palmo o rabinho da Maga como se estive-se explorando um mapa do tesouro ela caia de língua naquele cuzinho e ainda abria a nadegas dela para me mostrar ele piscando então passei por trás dela e de sua buceta com aqueles pelinhos ralos e bem aparados seu cuzinho estava à mostra enchi minha língua de saliva e comecei a chupalo e lambê-lo todinho a Maga pediu para que ela chupar a buceta da Minnie e a Minnie então gemeu com gosto às vezes minha língua e a da Maga se encontravam no caminho entre o0 cuzinho e a buceta da Minnie então nos parávamos em um beijo e voltávamos a explorar aquela fenda deliciosa sobre seus gemidos melodiosos de prazer viver esse momento me deixou extremamente excitado ver uma mulher comigo fodendo outra coloquei meu cassete na boca da Minnie ela gemia e chupava com ganância ate que poço tempo depois ela gozou com meu pau na boca a língua da Maga no Rabo e os dedos da Maga atolados em sua buceta então ela se virou e disse:

_ Vem maga deixa nos te darmos um trato. Ela falou isso dando um tapa na bunda da Maga que deu um gemido alucinante (Vou parar e bater outra punheta) a maga ficou de quatro e pediu que eu colocasse com força em sua buceta eu coloquei estocava forte e a Minnie lambuzava seu dedo de saliva e colocava no Cuzinho da maga que gemia ardentemente e enlouquecida enquanto o Pateta dava pulinhos com a cadeira tentando se livrar de suas amarras mas agora ele pouco importava então a Minnie falou que gostaria de me ver comendo o cuzinho da Maga e esse já era meu desejo coloquei na porta daquele rabinho ela rebolava e gemia forçando a penetração enquanto a Minnie acariciava seu grelinho ela gritava de prazer mas para minha surpresa a Minnie se enfiou embaixo da Maga em um 69 enquanto eu fodia o cuzinho da Maga ela chupava-Lhe a boceta e recebia uma chupada intensa e fogosa da Maga então ela me pediu que se eu fosse gozar que eu gozasse mas deixasse escorrer pelo cuzinho da Maga para ela aproveitar minha porra também ela não pediu me ordenou e assim eu fiz acelerei meus movimentos e gozei meu tezão era tanto que meus jatos escorreram pelas coxas da Maga e ia escorrendo diretamente para a boca da Minnie que continuava chupando aquela boceta tão deliciosa e agora mais suculenta ainda após minha gozada a maga teve um gozo tão intenso que chegou a literalmente gritar em alto e bom tom ela gritava se contorcia e a Minnie a chupava e eu a fodia o rabo foi então que ela caiu de boca na xana da Minnie dando tapas e cuspindo lambendo e chupando que visão gostosa e por falar nisso o pateta estava puto da vida mas agora era tarde para arrependimentos nesse momento meu pau queria vacilar mas com toda sabedoria as duas olharam uma para outra e falaram:

_ A gente não pode permitir isso. Então elas caíram de boca me chupando e se beijando em pouco tempo eu estava a ponto de bala e o Pateta coitado se uma mosca pousasse no pau dele ele gozava então a Maga se colocou por entre as pernas da Minnie e começou-lhe a lamber o cuzinho e enfiar o dedo a Minnie falava que não, pois nunca tinha dado o cuzinho antes então a Maga que já era experiente falou com ela:

_ Você vai me chupar e ele vai foder sua buceta guando você estiver gozando ele vai por tudo no seu cuzinho se doer muito você pode morder minha buceta e assim fizemos a Minnie se deitou de barriga para cima e com a cabeça encostada no braço do sofá e a Maga se agachou de frente para mim ensima da cabeça da Minnie e do braço do sofá e falou mete com gosto que quando ela gozar eu quero sentir a boca dela tremendo em minha buceta assim eu fiz meti forte as duas gemiam com fervor a visão da maga sendo chupada e se contorcendo em minha frente me tirou totalmente do controle e eu resolvi meter forte para sacia La sua buceta estava tão molhada que meu pau por duas vezes chegou a escapulir de sua fenda quando ela estava prestes a gozar ela gritou que iria gozar a maga Mordeu os lábios e falou meio travada:

_ Vai coloca no cu dela vai vai depressa ! Então eu coloquei forcei a entrada e ela gritou, mas seu grito foi abafado pela xana da Maga em sua cara ela estava sentindo dor, mas não resistia deixava e meu pau entrou naquele cuzinho rasgando a maga por cima dela friquisionava seus peitinhos duros e firmes ela se debatia cada músculo do seu corpo anunciava seu gozo então eu enfiei meus dois dedos em sua buceta e depois de algumas estocadas senti seu cuzinho apertar meu pau e sua buceta contrair ela gemia eu olhava para a Maga e ela estava fazendo movimentos suaves e apertando com força o tecido do sofá então ela disse:

Continua assim que eu vou gozar então ela gozou fartamente sobre o rosto Da Minnie que se deliciou com seu suco então ela me disse para meter forte que agora para finalizar a noite elas só precisavam de mais porra eu meti na Minnie por algum tempo enquanto a Maga se inclinava por sobre o corpo da Minnie e me beijava então eu anunciei que iria gozar e elas se ajoelharam e disputaram meus jatos já fracos e sem força depois disso ficamos nos beijando por um tempo ate escutarmos o Pateta se debater então abri uma cerveja nos vestimos e decidimos solta-lo primeiro nos tiramos sua mordaça e ela começou a falar alto esbravejar e gritar eu pedi para ele se acalmar, mas foi inútil ela gritava:

_ Me solta que eu vou matar você e essas vagabundas me solta caralho. Então eu percebi que o clima estava esquentando fui ate o meu quarto e peguei meu revolver.

OBS... (Eu gosto de pescar e tenho a arma só para quando eu vou para matas fechadas e lugares perigosos e ate mesmo para defender minha família, mas ela totalmente registrada e legal)

Voltei para sala com o revolver escondido na calça era só para intimidá-lo se preciso fosse e falei para as garotas se afastarem e abrirem a porta então eu disse:

_ Cara para com isso você quase machucou a Minnie agora se você não gostou pegue suas coisas e vá embora, pois o caldo pode entornar para o seu lado. Então ele começou a gritar você é meu chefe lá dentro da empresa aqui fora eu te parto a cara. O nível da conversa só estava piorando as coisas então eu me certifiquei que as garotas estavam longe e o soltei e em minha distração ele me deu um belo soco na boca e só não me deu outro porque uma de suas pernas ainda estava presa na cadeira e ele se desequilibrou e foi para cima das garotas nesse momento eu saquei a arma e falei para ele ir embora se não eu iria atirar ele se retraiu acabou de se soltar se vestiu e saiu resmungando:

_ Vai ter volta pode esperar eu sou e de morte abre seu olho playboy. Então com a arma em punho eu o conduzi ate a porta da rua então fechei a casa e soltei meus dois cachorros para o caso dele tentar voltar e pular o muro. Ao entrar em casa as garotas estavam meio assustadas, mas ao mesmo tempo bem excitadas com minha atitude então eu guardei a arma e tomamos mais algumas cervejas e rimos muito do Pateta dormimos por lá mesmo no tapete da sala nos três abraçados entre nossas caricias e beijos e na segunda feira eu e a Minnie voltamos a nossas vidas normais, mas ela me pediu que a pegasse na casa dela para nos irmos para o trabalho, pois ela estava com receio de ir sozinha naquele dia então ao chegar no estacionamento da empresa demos de cara com o pateta ela desceu da garupa da moto e já me agarrou pelo braço mas estava cheio de gente chegando então ate meio dia nosso dia foi tranqüilo mas estávamos com um pouco de receio que logo se passou quando eu abri meu E-mail e o RH estava me comunicando que o meu estagiário o pateta tinha acabado de pedir para se desligar da empresa então depois disso eu e a Minnie ficamos muitas vezes mas hoje eu trabalho em outra empresa e ela ficou em meu lugar mas foi transferida para uma unidade fabril em Recife eu moro em Minas a Maga eu sempre vejo ela já tem um filho e se casou com um coroa cheio da grana e o coitado do Pateta eu vi ele poucas vezes depois mas nem nos cumprimentamos mas até hoje me lembro com saudade daquela noite que começou como uma brincadeira mas que se tornou uma pagina marcada no livro de minha vida que nunca vou esquecer.

É uma alegria receber você caro leitor(a) lendo esse meu relato fique a vontade para ler, dar sua opinião, enfim... A casa é sua, obrigado por sua visita e pela paciência espero que gostem!

Abraços do [email protected]

Comentários

12/12/2009 22:33:18
Oi Mickey! Adorei a história e espero q seja real! Vale 10! Beijos, Aghata!
22/09/2009 00:12:09
Hum... Aí está o tipo de conto que desperta meu interesse. Odeio erotismo sem contexto ! Quem está criticando é porque deixou de usar a cabeça de cima e só está preocupado com a de baixo. Esses deveriam apelar para vídeos e não contos. Dez.
21/09/2009 02:54:46
Cara...adorei teu conto...notavc tem outros contos, pois kero ler mais de suas histórias...ááhh...e se kiser leia os meu também, é só clicar no meu codinome e entrar em meu perfil...vc verá todos os meu contos lá e se gostar vote e comente, também pode me escrever se kiser!!! E-mail: [email protected]
21/09/2009 02:49:14
Breno$edutor se vc achou sem nexo no proximo conto tentarei facilitar à compreenção sua e de alguns colocando VIDEOS LEGENDADOS, LINGUAGEM SURDO E MUDO E SE FOR POSSIVEL ATÉ LEITURA BRAILLE LEIA DE NOVO E TENTE ENTENDER OU MEM PERCA SEU TEMPO FAZENDO ISSO POIS SE NÃO ENTENDEU DA PRIMEIRA DA SEGUNDA SERA INUTIL LEIA OUTRO CONTO TEM MUITOS CONTOS BEM MELHORES QUE O MEU NESSE SITE APROVEITE E BOA LEITURA.
21/09/2009 02:18:34
sem nexo
21/09/2009 02:10:37
Sinto muito pelos erros mas o nosso corretor ortografico do Word e tão perfeito que não entente a linguagem de meros mortais como nós e obrigado pelo 100 isso somente me motiva a contar minhas aventuras.
21/09/2009 01:25:03
Cara, mesmo com todos esses erros, mereceu um dez. Na verdade, merecia

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


vizitou a. amiga levou foi rola x videoscontos pai atolou tudo no cuzinho d filha.com fotosnovinhas.abrir.buzentaCarinha de Anjo de GTA e mamãe filha da está outro colégio bem longe daquiporno gay de irmaos e primos quadruplomeu neto de 16 virgem contos eroticoporno gay com vendedor de porte e portacontos Diretora de escola adora chupar a rola do vigialucie fodedeonovinha loirinha de onzeanos bucetinha enxadinha transando com papaicontos a punheteira do papaiFui encoxada e iniciada por um roludochupando a rola do primo devagarindovideos eroticos da esposa vira cadela do marido eusa coleiraPornor sobrinho passando ferias na fazenda da tia viuvacontos romatincos gay pit boynefinhas gostosas fodendo muitoporno.doido so.mulhers ricas gostozonas dando na.borrachariaEu quero pornô com tio t***** comendo a novinha apertadinha do patinho doidocontos eroticos namorada vendada pica irmãotomou comprimidos de tesao e ele tesou forte mulher pornotransei com uma senhora crentemulher enfiando um pepino enorme na buceta fazendo barulhosenhora de idade pratica zoofiliagta v a minha secretaria ta dando mole fizemos sexo no escritorioeu perdi a minha virgindade com ca ca pica de 40cmmae punhetando filho quietinho no sofabuceta conto eróticos comendoa mulher doamigo a forçagemeas identicas dando a bucetinha pra um taradinhocontos eróticos minha mãe parte 4zdorovsreda.ruve videos porno de garotos de pau grandes tirando sangue do cu de molequesvideos provocado meu cunhado do pau grande setei em cimaPorno contos eróticos sexo entre irmaos romance final feliz o filho da minha madrastacaderante. rabudas de. porto alegreFOTOS DE FODA RIJA NEGRAO BIGxvideosó no cu pracaga grossoconto comi uma eguaela me contou que tinha sentado na rola grossameu sogro e minha mulher sair pra rua e eu fudicom minha sogra gostosaconto erotico aprendendo amar em parte Icontos eróticos fiz sexo por acaso com minha tiacadelas bucerudas fudendo no ciorelatos de casadas que treparam e engravidaram dos seus amantesmeu sogro e minha mulher sair pra rua e eu fudicom minha sogra gostosameu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticodeu o cuzinho pela primeira vez e pede poe devagar porque ta doendoXsvideos artista pintando macho nuContos de meninas novinhas que liberaram o cuzinho pro namorado da sua mãe mas não aguentaram a rolacontos pequenina e punheteiraminha mae so' andava de roupao contos eroticostransei com minha visinha casada no quintal delasadomasoquismo porquinha choqueleitinho do papai contos inocentesucos ontem pego comendo o cu a buceta bem gostosolidabucetafrutaporno adoro bater punheta na calcinha da mamaegordinha bem feitinha abrindo a buceta pra o namorado chupar vídeo pornô mulher que faz a outra gozar e da Paz e líquido saindocontos heroticos cao doidao para chupar a donacaseiro.Mae.filho.Depilacaoporno contos negao da mandiocavó que confessa que adora chupar o pau do seu netoContos eróticos esposa e Sogranem te conto anal em motelfiume porno antigo do tasaõcontos eroticos de negra crente do piraímulher esfregano boca da buceta na cabeça da picaconto casada assaltada chora na rola grande e gosaWxvidio comedo di ciudeu remeduo p/ mae dormi efode com elavidio porno de mulheris piquenas de 120 sentano ni rolas de 44 centimetroum homem totlmente nuhttp://migre.me/w4IgEpornô anal com mulheres dando rabão gostoso tesouro com perna tá tendo mais daqueles bem quente mesmoliberalina vadia casadavideos eroticos da esposa vira cadela do marido eusa coleira