Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Que professor!

Categoria: Heterossexual
Data: 22/11/2009 01:47:21
Última revisão: 15/05/2010 03:30:33
Nota 9.77
Ler comentários (12) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

*Esse é o meu primeiro conto, qualquer sugestão deixem um comentário, obrigada!

Apresentação : Loira, cabelo pouco abaixo do ombro, olhos verdes, 1,68m, 58kg, lábios carnudos, seios fartos, pernas grossas e bundinha normal, nem grande, nem pequena! Personalidade ? Tire você as suas conclusões!

____________________________________

Eu estava no último ano do colégio, e eu era loucamente apaixonada pelo meu professor de física, o Matheus!

Ele não era da idade dos outros professores (tinha uns 25 anos), e logo que começou a trabalhar no colégio eu fiquei bem interessada! Resolvi investigar, ao mesmo tempo que tentava ficar mais íntima dele ... infelizmente descubri que ele era casado, fiquei meio desesperançosa, até que um dia, em meio as nossas conversas, percebi que ele me olhava de um jeito, um tanto quanto, safado... sabe aquele olhar de quem deseja alguém ? Pois é, bem assim! Quase infartei, mas resolvi não tirar conclusões precipitadas, talvez fosse só o jeito dele de olhar enquanto conversava; mas não era, ele olhava desse jeito cafajeste só pra mim, teve um dia que até percebi ele mordendo o lábio inferior! Fiquei com mais tesão nele ainda!

Depois de perceber que ele estava realmente me desejando, resolvi agir, comecei a me arrumar ainda mais, e olhar pra ele do mesmo jeito sedutor que ele me olhava.

Sempre fui bem cara-de-pau, mas eu tinha uma amiga (Júlia) que me ganhava de longe nesse quesito, ela realmente não ligava pra o que as pessoas falavam. Certo dias estávamos confabulando um jeito de seduzí-lo, e ela me disse que era pra eu abrir o Jogo logo ...

- Ah, Júlia num é bem assim, né ?! Tem que ser com calma, pra não assustá-lo, ele é funcionário novo, não vai querer perder o emprego a toa ... - eu disse

- Camila, pelo amor de Deus, a toa ? Ta na cara que ele ta doidinho pra sair com você! Ja ta indo com calma até demais! Deixa que eu arrumo isso pra você!

- Não! Ele vai pensar que eu sou uma criança que pede pra amiga falar por ela.

- Tá! - Não sei por que, mas não me senti confiante em ganhar uma discussão dela assim tão fácil...

No outro dia tinha aula dele, fui bem arrumadinha e cheirosa, como sempre, prestei atenção na aula e dei aqueles olhares em sua direção, ele retribuia! Quando tocou o sinal pro intervalo fui tirar uma dúvida (era dúvida mesmo), quando a Júlia se juntou a nós e disse :

- Já falou pra ele Mila ? - (não acredito, ainda te mato Júlia)

- O que ? - Ele perguntou curioso

- Sabe, é que ... - fiquei sem ação

- Ela disse que você ta muito cheiroso, professor, e é verdade!

- Ah, obrigado meninas! - ele respondeu, não acreditando muito

- A Camila é muito envergonhada, um dia ela me disse que se você não fosse casado ... - e saiu, me deixou la vermelha que nem um tomate. Fiquei tensa e ele surpreso, mas começou a me olhar daquele jeito que me deixava toda molhadinha.

- É verdade Mila ? - Ele nunca tinha me chamado assim

- HAHA - mais uma vez, sem ação

Como estávamos lado a lado, ele começou a acariciar minhas costas

- Olha que eu to querendo me separar da minha esposa hein ... - bricou ele, mordendo o lábio

- Hum! - quando vi que ele tava bem interessado, comecei a agir normalmente

- Mais aí você ia ter que me aguentar ...

- É ?

- Porque a gente ia ter que fazer sexo todo dia - ele disse juntinho de mim

Aaaaaaah, não estava acreditando, graças a Júlia, ele ja estava na minha

- Como se eu ficasse com alguém por menos. - Ele se surpreendeu com a minha resposta, até eu me assustei.

Ele pediu o meu telefone na hora e começou a me dar opções de dias em que pudéssemos sair, ele tava doidinho pra me comer, e eu tava toda molhadinha só em pensar nele me comendo.

Marcamos na sexta-feira mais próxima daquela terça, nos encontraríamos em uma baladinha perto da casa dele, que era bem longe do colégio, assim não corriamos risco de sermos vistos. Na Balada, conversamos e bebemos um pouco, quando o chamei pra dançar ele me puxou pela cintura e no pé do meu ouvido disse :

- Não to aguentando mais, preciso ficar sozinho com você!

- Aaaah, mas eu queria ... - fiz pirraça

- Camila, vamos sair daqui agora! - disse ele todo autoritário. Aah que homem, ele falou assim sem saber que eu adorava ser mandada, só conseguia imaginar como seria o sexo com ele.

Ele puxou minha mão com força me arrastando pra fora. Mal entramos no carro e ele ja estava passando a mão nas minhas coxas, subindo até chegar na minha buceta, que a essa hora ja estava bem molhada, por cima da calça. Me agarrou, num beijo maravilhoso, quente, bem gostoso, sua língua parecia um furacão, enquanto eu o retribuia loucamente, imaginava aquela língua chupando o meu sexo. Ele tava me deixando maluca, lambendo meu pescoço e beijando meus seios por cima da blusa. Finalmente ele disse :

- Vamos pra outro lugar, né ? - Só concordei com a cabeça, ofegante.

Fomos pra um apartamento, que depois descobri que era de um amigo dele, mas isso realmente não me interessava, o importante era que eu estava prestes a transar com aquele homem maravilhoso.

Mal chegamos ele ja foi me agarrando, com vigor, me beijando, com muito desejo, foi descendo pelo meu pescoço até chegar nos seios, apertou eles com força por cima da blusa, até que sem paciência a tirou, vi a decepção dele ao ver que eu estava de sutiã, ou talvez fosse só imprenssão minha, porque quando olhei de novo ja estava sem ele, sem perceber ele ja tinha tirado meu sutiã e estava chupando os meus seios. Voltou a me beijar, me segurando firme pela cintura e me levou até um sofá, me deitou e ficou sobre mim, levantou minha saia e, afastando a calcinha, começou a tocar o meu sexo, isso tudo sem parar de me beijar.

Nossa, aquela siririca tava muito gostosa, ja não estava aguentando mais ...

- Matheus, mete, vai!

- Calma, eu sei a hora certa de meter em você! - ele tava me torturando

Por fim ele parou de meter o dedo na minha buceta, foi me beijando por todo o corpo, tirou minha saia e minha calcinha, quase as rasgando, quando pensei que teria tudo o que eu sempre quis, o filho-da-puta resolve me torturar ainda mais, dedicou-se inteiramente a minha xoxota, a chupando como nunca havia sido. Ele me chupava com maestria, enquanto mordiscava meus grandes lábios, enfiava os dedos na minha buceta, os tirava e passava no meu peito, vindo rapidamente lambe-lo, depois voltava a me chupar. Tava me segurando pra não gozar, mas tava muito difícil, aquele homem tava me deixando maluca, eu empurrava sua cabeça contra a minha buceta e ele não parava de me chupar, até que anunciei :

- Não to aguentando mais - a essa hora ele parou de me chupar, olhou bem no fundo dos meus olhos e veio me beijar.

Pensei que ele não queria que eu gozasse em sua boca, sem encostar nenhuma parte do seu corpo em mim, apoiado sobre os braços, ele falou do me ouvido:

- Sentiu como a sua bucetinha é gostosa? To imaginando o gosto do seu gozo, deve ser ainda mais gostoso! - Ficou apenas falando no meu ouvido sem encostar em mim - Nossa, como a sua bucetinha é apertada, é apertadinha até pro meu dedo, imagina pro meu pau ... aaah deve ser uma delícia!

Como ele conseguia me deixar com mais tesão sem encostar um dedo em mim ? A única coisa que sentia era seu hálito quente em meu pescoço, e mesmo assim eu me contorcia de tesão.

- Vou fazer você gozar assim, sem encostar um dedo em você, só falando no seu ouvido tudo que você quer ouvir, gostosa! Aluninha safada, que delicia de buceta, goza pra mim vai! Goza só com a minha voz vai! - e em meio altos gemidos e gritos, eu gozei, e percebendo o meu momento de transe ele foi diretamente pra minha buceta e sugou todo o meu gozo. Fiquei por um tempo extasiada, mas ele não parou, antes de me recuperar daquele incrível orgasmo, já estava me contorcendo novamente, pronta pra outro. Puxei seu cabelo, fazendo-o parar e olhar pra mim e disse:

- Quero você, quero o seu pau dentro da minha buceta! - Ele sorriu pra mim e disse:

- Calma garota, já vou te dar o que quer!

- Já vai ? Eu quero AGORA! Faço o que você quiser se me fuder agora!

- O que eu quiser ? - disse com o olhar mais malicioso que ja tinha me dado até aquele momento, mas não me arrependi.

- uhuuum! - disse docemente, agora voltando a fantasia de aluna inocente

Então ele abriu ainda mais minhas pernas, e pos seu pênis na entrada de minha vagina, ficou pincelando por alguns segundos, enquanto eu jogava os quadris contra seu sexo.

- Ta doidinha pra levar pica nessa bucetinha né ?! - apenas acenei, ofegante, louca de tesão.

Até que ele meteu tudo, de uma vez só, dentro da minha xoxota. Depois dessa entrada brusca, ele começou um movimento de vai-e-vem, às vezes lento, às vezes rápido, enquanto mordiscava os bicos do meus seios e os lambia com muita voracidade. Aquilo tava demais, aquele cacete era muito gostoso, queria que ele ficasse dentro de mim pra sempre! Como ele havia dito, minha bucetinha era bem apertadinha pro seu pau, ele repetia isso várias vezes no meu ouvido:

- aaaai, que buceta maravilhosa ... é mais apertadinha do que eu imaginava, que delícia, engole meu cacete grosso com ela vai!

Eu gemia cada vez mais alto, e a cada grito meu ele estocava mais forte ...

Percebi que seus movimentos estavam desacelerando, ele tava prestes a gozar

- Vou gozar Mila ...

- Deixa eu chupar!

Rapidamente ele sentou-se no sofá, eu me levantei e fiquei de joelhos em frente a ele, aquele pau delicioso. Comecei dando beijinhos nele, depois passei a língua apenas na sua glande, enquanto mantinha as mãos apoiadadas em suas coxas, fui colocando todo ele em minha boca (essa é uma das vantagens de ter a boca grande ;), olhando fixamente em seus olhos, que a essa hora já estavam fora de órbita, mesmo assim não parei de olhar pro seu rosto. Me levantei, e finalmente ele saiu de sua transe, me olhou curioso e também se levantou, me agarrou pela cintura e me beijou, daquele jeito intenso que me deixa louca, se deitou no tapete e disse:

- Vem delícia, deixa eu te chupar enquanto você me chupa - ele leu meus pensamentos

Deitei-me sobre ele com a buceta em sua boca, enquanto direcionava a minha àquele monumento. Que língua aquele homem tinha ... me fez gozar antes dele.

- Senta no meu pau vai, quero gozar na sua bucetinha! "Faço o que você quiser", lembra ?

- Claro, to doida pra sentir a sua porra dentro de mim ...

Como ele ja estava prestes a gozar, cavalguei umas dez vezes e ele gozou, senti sua porra quentinha dentro de mim, que delícia! Sem tirar o pau dele de dentro da minha buceta, deitei sobre seu peito e adormeci, exausta! Como já tinha combinado com a Júlia de falar que fui durmir em sua casa, só acordei de manhã, sobre seu peito. Ele ainda estava durmindo, tentei me levantar sem acordá-lo, em vão, ele abriu os olhos meio assustado e riu pra mim, me abraçou e me beijou ternamente e disse:

- Adorei a noite ...

- Vou tentar viver cada segundo dessa noite na minha cabeça, por um bom tempo - Ooops, falei besteira!

Ele sorriu e disse:

- Vamos dar motivo pra nossas mentes quererem reviver cada segundo dessa manhã também ?

Eu nada disse, apenas o beijei, e deixei o desejo falar mais alto ... Lá vamos nós de novo!

Aaaah que noite! Que manhã! Que professor!

Comentários

29/09/2010 02:19:24
Uau, adorei, contos com professores são os melhores!! Merece nota 10 com louvor!
29/09/2010 02:18:51
Uau, adorei, contos com professores são os melhores!
25/03/2010 15:50:12
Nossa, que professor!!! Pensei que ele fosse pedir um anal como recompensa! Mas adorei assim mesmo!!! Abraços.
21/12/2009 18:56:54
Adorei, me add no msn [email protected] meu orkut é [email protected] me add linda
24/11/2009 19:49:09
posso te dar uma dica ? quando escrever um conto assim, deixe pequenas pistas sobre voce...tua cidade, teu bairo...coisas assim. é mais gostoso viajar assim e imaginar voce.
24/11/2009 06:58:55
MUITO BOM... PARABÉNS! ENTRE EM CONTATO: [email protected]
23/11/2009 16:07:49
Meteu bastante com o professor heim? Mas não deu o cú pra ele. A meteção tem que ser completa: Boca, Buceta e Cú. Uma chupada na sua bucetona gostosa. Nota 10 pra sua bucetona.
23/11/2009 00:06:57
Professor quem nunca pegou que atire a primeira pedra rss.. Dá uma olhada no meu!!
22/11/2009 17:30:18
um que delicia linad equeriaser esse profesor sortudo se quiser tc com migo me add linda [email protected]
22/11/2009 17:04:27
ola loinda eu sdoro faser amizade se quiser tc com mmigo me add [email protected]
22/11/2009 08:38:19
sensacional
22/11/2009 01:55:58
Oi pessoal, meu msn é [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


fotos padrasto come cu da emteada pau gigantemae dis que filho rasgo a vuseta delatitia nice mamando rola pretacontos eroticos gratis transformei minha esposa em uma putacontos eroticos gay enrustidogosando vom o cachorrocontos eroticos de amamentaçãoputaria brasileira padrastro pegado a força a intiada virgem numca namorouarrmbei o cuda mamãe/videos pornoconto de insetos de rasgando o cu apertadofotoporno dotados verdadeiros jegue e nucomi a pmcaiu na net contos reais de genro flagra a sogra nua engravida elaporn xxx mulher paga divida e corno vendo ela chorar de dorgaranhão paquerou a minha mulher e levou para o motel vídeo pornô cornosbaixar videos porno em portugues idioma em portugues mae dando pro filho na frente dos parentes que chegaram de viajem e foram pra casa deles mae dando a buceta pra elepornocaseirogosandodentroConto erotico filha apanha pq estourou o cartãoFazendo Cunhado Chupa a força Gay❤contos eroticos gratis transformei minha esposa em uma putase voce fizer sexo nova e depois so mais velha fazer o cabacinho fexamaridinho chupou minha bucetadei meu cu e tava bom pornover videos de marido tanpano os olhos da esposa e levando outro homem para fodelacontos da minha sogra me pedindo pra cheirar sua calcinhaPapai goza na minha boquinhaxvideo contos sexual espiando atras da portaatacada em estrada deserta pornodoidomeu genro me fodeu contos eroticos, isso chupa meu peito esfrega meu grelinho faz sua putinha gozarmeu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticoconto erotico um desconhecido tirou o meu cabaco na vespera do meu cassmentoporno mae gotosa madura sedente de amor ai pirocaodoce nanda parte IV contos eroticoscontos casal pau inchandoAssuntos:lesbica contos eroticos patroa com sua cinta de consolo tirou a virgindade da buceta e do cu da sua empregadaEroticoscontos.com /casadas 25cm duplempregadas dona de casa de calcinha cuidando de tudo mas provocando o patrao com o seu rabu gigante xnxvidiogordinha bem feitinha abrindo a buceta pra o namorado chupar videos eroticos da esposa vira cadela do marido eusa coleira"atolado no meu cuzinho"irma ve a outra de caucinha e ker chupar elaajudinha da fucionaria do mercado xvideosporno doido reais emviado por amadores com novinhas descuidadasconto no cinepornopalavroespornobrasileirasviven cabaço foi brica de tranza com cachorro e levou uma rola bem grnde que ficou engatado na bucetachupar buceta com estalos esposinha evangelicapedreiros caminhoneiros e peões de obras c********* comendo v******* contos eróticos gaysvidios de contos errotics pai arregaça a boceta da filhamolequinhos emeninos de treze q quonze anos perdendo a virjindafe do cizinho pela primeira vez vidiosevangélica Sáfadinha mostrando a bucetaxvidio confio no amigoConto erotico- mete seu pauzudo, come a sua mae putaxvidio novinha cesú Todas fotos.de.cabacinhos.das.novinhas.gostosa .i.kuzinhos.gostosoContos gays passeando de carro vestida de crossdresssexo com minha esposa e mais outro homem quais as dicas para convencê-la?freira da a buceta pra pintudo no azilo contos.dormi de calcinha com meu filho e dei pra eleContos eroticos com fotos de podolatria chupando pes da prima dormindosbundudas com o capeta no baile funkadoro andar na rua c a cicinha enfiada rebolando contomolekes.pelados.com.a.rola.melada.de.espermacontos casada da o cu pro cão e o marido participa comendo tambemconto erotico entiada se pasando por dificil mas pegando fogoos cara chegaram passando a mao na gostosa depois fuderam ela porno a.focaSexoloucoanimalbaixar videos porno em portugues idioma em portugues mae dando pro filho na frente dos parentes que chegaram de viajem e foram pra casa deles mae dando a buceta pra eleContos eriticos .como virei escrava do vizinhonegaoacompanhando que Rominho ligouUm Anjo Em Minha Vida 25.2(Final)- Casa Dos Contos