Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Pedreiro dominou a patricinha loira

Autor: Loirinha
Categoria: Heterossexual
Data: 12/12/2009 06:30:27
Nota 9.64

Ola, meu nome é joice (ficticio) tenho 20 anos, loira de olhos azuis, bundinha arrebitada, peitos medios e barriguinha lisa. Enfim, me considero uma mulher gostosa, com um corpo modelado devido ao surf que pratico a anos.

Vamos ao q interessa, essa historia aconteceu a 2 anos quando eu tinha 18 anos. Morava com meus pais e tinha uma vida muito certinha.. meus pais trabalhavam de manha e tarde e eu fazia pre-vestibular de manha e de tarde surfava quando tinha onda, tive um namoradinho ou outro, mas nada muito empolgante.

Quando em meados de outubro tudo mudou, meus pais resolveram começar uma reforma grande em casa, com troca de piso, pintura e outras coisas. Portanto, era uma reforma q iria durar dias. Foi contrato 4 pedreiros, sendo um q era o chefe e os outros 3 que colocavam a mão na massa.

No dia da chegada dos pedreiros, como de costume tinha ido para o cursinho e ao chegar em casa dei de cara com eles ja analisando oque iria ser feito. Cumprimentei todos ate chegar no Rafael, logo vi que era o tipico malandro, que não da muita bola pro trabalho, sorriso ironico, e alem de me secar da cabeça aos pés.. fiquei um poco com raiva por ele ficar me olhando com aquela cara de safado.

Depois disso subi para o quarto, tava cansada e queria deitar um poco antes de ir para academia. Quando sai do quarto tentei ser a mais rapida ao pegar a minha garrafinha d'agua e a toalha, mas nao teve como e me deparei com o rafael na cozinha. Eu estava de calça suplex e top, com isso claro q ele fico me olhando com aquela cara de safado. Para piorar a situação, ele estava matando serviço na cozinha, sem camisa e tomando meu suco.

Foi quando ele falo.

- Nossa fiquei com tanto calor que to com muita sede.

Estranhei, porque estava um tempo tão ameno que indaguei o porque do calor.

- Foi voce que me deixo assim vestida desse jeito, loirinha. Não se incomoda de eu tomar o suco, vi que tem uma caixa cheia..

Incrivel como ele era folgado, me olhava com cara de safado e me fala uma coisa dessa, sai direto sem pega oque queria direto para academia. Derrepente percebi que so pensava no rafael, de casa ate a academia, todo o tempo na academia pesando nele. Tentando entender como ele era cara de pau daquele jeito.

Prestes a chegar em casa, o coração ja batia rapído, estava ofegante e agitada. O safado do pedreiro me deixo transtornada, ate ali nao sabia o porque. Não queria encontrar com ele e fui direto pro banho.

Depois de banho tomado, no quarto ao me vestir, não sei bem porque vesti a calcinha mais sensual que tenho, alem de um shortinhos pequeno e um camiseta baby look. Quando desci para fazer meu lanche encontro rafael, denovo, na cozinha sem fazer nada. Na hora me deu frio na barriga e fiquei sem fala, no que ele falou.

- Para quem disse que tava frio, parece que você ficou com calor. Fui eu que ti deixei assim ?

- Claro que não! - foi o maximo que consegui fala.

- haha Vai dizer que você nao gostou do que viu - realmente ele tinha um corpo malhado, mas era mais o jeito dele que tava me balancando.

- aii você é um cachorro!!

- loirinha, nao precisa fica com raiva, sei muito bem que você ta loca por mim.

Sai dali com meu lanche mal feito, com muita raiva. Porem, dessa vez estava exitada, e muito.. o safado do pedreiro me deixo com a bucetinha fervendo, cheguei no quarto e tirei o shorts, e vi minha calcinha vermelha toda molhadinha na frente. Tentei pensar em outra coisa para apagar meu fogo, mas não, so pensava naquele homem alto, gostoso, mulato nao negro, safado, folgado que tava me deixando loca por ele mesmo!!

Foi quando derrepente a porta se abriu, rafael entro no meu quarto sem bater na porta sem falar nada, nem meus pais fazem isso.

- Nossa.. que corpinho gostoso voce tem - disse ele

- Sai do meu quarto agora! - falei em tom alto com vigor

- Calma loirinha, vim aqui me descupar por antes

- Como assim se desculpar, invadindo meu quarto e ainda me falando essas coisas. Sai daqui!!

- EH VERDADE, NAO PRECISO ME DESCULPAR, VEJO QUE VOCE ADORA O JEITO QUE TI TRATO.

Essa foi pra mata, fiquei ali, paralisada e sem reação, so de calcinha e camiseta, de frente pro homem mais safado, cachorro e gostoso que tinha conhecido, e ainda por cima pegando fogo. Ele foi se aproximando, dizendo coisas safadas, como que sabia como trata uma ninfetinha gostosa, que adorava pega mulher gostosa que nem eu e que ia me faze dele. Quanto mais ele falava essas coisas, mas exitada eu ficava, muito molhadinha, chegava ate fica tonta de tesao por ele.

Totalmente sem reação, foi facil para ele puxar meu corpo com o dele, começando a me beijar apertando-me com o corpo dele.. que beijo gostoso, ele passava a mao pelo meu corpo devagar e com firmeza.. cada vez mais eu ficava entregue a ele.

Em seguida rafael mudou a direçao dos beijos e partiu do pescoço, descendo mais ate chegar na barriga e ja me deitando na cama. Com as maos ele foi passando pelos meus peitos, apertando de uma forma que cheguei a gemer baixinho.. Rafael começou entao a passar a lingua por cima da calcinha, em seguida falando

- VO ADORA CHUPA TODO TEU MELZINHO PRINCESA, VO TI FAZE MINHA, TODA MOLHADINHA, GOSTOSA.

Era muito exitante, eu tava ofegante e gemendo por ele. Foi quando ele tirou minha camiseta e subiu para chupar meus peitinhos.. ele fazia com força e novamente dizia que ia faze me faze dele.

Depois ele me pois de joelhos na cama e veio por tras me encoxando, com uma mao segurando meus cabelos como se tivesse me domando, e a outra colocou no meu rosto fazendo eu chupar um dedo.. depois dois.. ate tres dedos. Nisso com minha bundinha arrebitada eu estava sentindo que ele tinha um volume grande dentro da bermuda.. que me deixo loca so de fica me esfregando nele..

Rafael me virou ainda com a mao segurando meus cabelos.

- Tira minha bermuda loirinha gostosa, baba pelo meu pau, me chupa safada!! agora voce é minha.

Fiz oque ele mandou, a essa hora eu era dele sim, e ia faze tudo que ele mandasse. Comecei a chupar, era um pinto muito gostoso, grande como nunca vi, grosso como nunca vi.. e muito duro!! Realmente eu babava por aquele pinto, ele segurava meus cabelos me comandando e eu chupava tentando dar o maximo de prazer para ele. Depois de chupar, ele me vira denovo e ainda segurando meus cabelos fala pra eu tira a calcinha.

Arrebitei a bundinha e tirei lentamente.. depois que tirei, ja recebi uma palmada que me deixo de 4 pra ele..

Foi quando ele soltou meu cabelo e começo a me chupa.... hmmm era muito gostoso... hmmm

Com uma lingua gigante ele passava pela minha bucetinha pelo meu cuzinho e entre eles.. eu nem protestava, eu era dele realmente. Foi a melhor chupada que recebi.. eu so gemia, ate falar q eu era dele..

Nisso ele ja paro.. deu uma risadinha e falo que de agora em diante eu era a putinha dele que eu era uma patricinha metida que adora uma pica grande que nem a dele..

Me deixo como eu tava, de 4 com a bundinha bem arrebitada, com a cara no travesseiro.. e começo a pincelar o pinto na minha bucetinha.. mas ele ia ate o cuzinho (virgem) me deixando loca!!

Derrepente ele deu uma estocada na bucetinha.. que me levo aos ceus.. era muito gostoso!!

Rafael começou entao a me comer lentamente ate chegar num ritmo mais rapido, sempre falando que eu era uma putinha safada, que adorava faze uma patricinha de putinha dele.. eu so respondia gemendo dizendo que ele era gostoso que eu era dele.. estava totalmente entregue aquele safado!!

Rafael ficou me comendo por um bom tempo, alternando pociçoes. Eu ja tinha gozado varias vezes, estava mole.. quando ele começou a chupar meu cuzinho, enfiava o dedo e tudo.. falei que nao iria dar o cuzinho.. q era virgem..

Foi a deixa pra ele ficar mais tarado pela minha bundinha, me colocou de 4 enfiando no meu cuzinho devagar.. de começo doia.. mas depois q acustumei ja tava gemendo e rebolando.

Na hora de goza, rafael denovo pegou pelos meus cabelos me fazendo fica de joelhos.. ele ficou em pé e posicionou seu pinto bem no meu rosto.. nao protestei. E com isso ele gozou bastante no meu rosto.. cheguei a por a lingua pra fora, ate engoli um poco.

A reforma demoro mais do que se esperava, um pedreiro folgado que todo dia matava o serviço pra comer a filha do patrão com certeza foi oque atraso mais. Depois da reforma continuei me encontrando com rafael, as vezes passo a noite com ele, sempre escondido de todo mundo. Rafael me transformo, posso dize que antes nao sabia oque era sexo. Não consigo viver sem ele, faço tudo que ele manda até hoje.

Comentários

18/06/2015 09:33:12
Pedreiro é tudo de bom. Gosto muito de ir em construções dar pra eles.
03/07/2013 17:35:41
CARACA COM UMA PATRICINHA DESTA EU PIRAVA
30/12/2009 15:59:37
mandou bem...
12/12/2009 14:56:11
Quero te fuder gostoso....
12/12/2009 13:00:30
Adorei...
12/12/2009 11:19:09
eu fiquei de pau duro lento essa maravilha de histiria; eu adoro pegar patricinhas : eu vou deixar omeu mns para nos trocamos alguma esperiencias. [email protected]
12/12/2009 11:13:24
Caraca loirinha você me deixou de pau duro. Eu adoro emrabar loirinhas tomara deus que um dia eu te conheça só para comer bem gostoso seu cuzinho. Vou te dar um DEZ mas espero que também leia meus contos tá. Bjs. [email protected]
12/12/2009 11:13:04
Perfeito, Nota 10, sua safadinha...
12/12/2009 11:10:45
Perfeitooo.. Nota 10, sua sadadinhaa...
12/12/2009 08:55:35
hahahaha, sensacional, incrivel
12/12/2009 08:22:04
Adoro patricinhas bem safadinhas. És o máximo. Leia minhas aventuras e me adicione: [email protected] . Beijos. Te adorei.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


novinha indecente nao aquento me ver so de cueca pornocontos eróticos minhas amiguinhas de infanciavídeo pornô mãe marquei encontro no motel com filho sem saber acaba transando com elemae deita com filho ela nao resiste transaele goza na bucetacontos eroticos pegando minha tia gravidaXxvideo so a cabeci.ha nela dormindoquero pesquisar filmes pornor com negros super dotados arregassando cu e bucetas de mulheres loiras tirando sangue do cursinho delasxxvideo porno brasileiro novinha chora ao ter q fd cm varios depois q perd apostacalcinhas casadas coroas grtando de dr no anal profundo e dptadosàs panteras só às madrastas safadas 2017prawww delexvidio comPorno idora com boca e cu cheios de esporraSou tarado por beijar pezinhos com rasteirinhasincesto com meu vô contosporno jaritaca pau grande traiporno português putas gemendo e falando coisas escitantes.levo muitas gosadas xvidioorgia com minha irma contovideo d masoquismo sensacao gostosa fortrd caricias q causam dor e leva ao orgasmo video completopadrasto cavalogosada no trem lotadocontos eroticos cunhado com scatamigos d filho fpde mcu da minha.maeSou tarado por beijar pezinhos com rasteirinhasconto erotico gay meu pai vendeu meu cu por 100 reais pro seu/amigolactofilia com leite materno fetichecontos desvirginando a mulher do cornotava um tedio danado,resolvi dar a buceta pra ele,incesto contosadvogada abrindo sua buceta no motelnovinho.geminho..de.pau.duroConto erotico arrombei minhA tia 25cm grosso no acampamentominha esposasuruba relatoesculachou o cu da filha adolecente ate gosa dentro"a história de betinha"mulher esculhanbando is outros no comentario do nariz thifanycache:I20bmnqm678J:gtavicity.ru/texto/2016115 comadre milhadinha dando pra ocumpadre pornochupando o grelo de uma loira mulher chupando beijo tchaunovos contos eroticos de maes dandos suas calcinhas usadas como premio pros filhoscontos eu meu padrasto fodemos gostosoxvidio louco desejo vestidinhoxvideo professora lecionando de shortinho atolado no cuxviido cabelo novilnhavídeo pornô tia da peruca da carinha de anjo dando o raboa dona vai ser com seu cachorrosexestórias eróticas de sequestroContos eroticos.de filha ajudando paicoroas grisalhos que come a bunda de homens em campos dos goitacazescdzinha virei empregadinha de um senhorpegou a mulher do corno apertada e quando entrego tava so u buraco video porno cornoNinfeta ansiosa para exprimentar negão de pissa grande e grosso e fica toda arrombadaContos crossdress a apostamithlee pron vidoestrupicio .pornovizinha do intestino curto fodendozoofilia cavalo tira sangue e bosta do cu da vadiadei para um pauzudo e quase morricontos bulinando minha tetinhameu sogro e seu irmao me funderam juntos contos eroticoscontos de sexo raspei minha bucetaContos de loiras taradas por mendigos negrossogra gg chama cheiro para sexo anal pedro da filhatransei com minha irmacasada aquenta a pica do negao que parece um jumento e corno asistecontos anal c cavalos e tourosvídeo caseiro pornô mulher no macacão com passando a mão na buceta dela gordaContos eroticos incestos a forca netinhassVelho brasileiro metendo mão na buceta da neta piranhaxvidio atolo a sobrinhaquero ver os de gravações de atrizes pornô que param de transar com dorconto porno lesbico praticando scatfragei milha mulhe comegaopadrasto sodomitacontos eroticos tesao no filhofrango a mulher assistindo vídeo pornô na televisão com o cunhadocontos gay luiz virando mulherzinha na cadeiaisso viadinho filho da puta tem um cacetao bem pra vc tomar no cu gostososamara tirando a virgindade da bucetahomens metalirgico cacetudpsbaixar video Enteada safadinha bem cadela transando com seu padrasto sem vergonha. Bem putinha ela foi ate o quarto do padrasto e la pegou ele dormindo, tirando a cueca deleA buceta da minha mãe soniaO dinha que comi o cu da minhA mae bebAda contos,Contos eroticos incestos a forca netinhassarregasado a buceta com muita velocidadevideos provocado meu cunhado do pau grande setei em cimazoolofila so fudendo o cu da vadia 696entregafor fundeno a cliente na casa dela sem o marido saber contos eróticosporno provisional com casal apaixonadosmorena linda tampa a boca do irmao e senta em sua rola enlouquecidanovinha do priquito ruivo contoscontos eroticos praia nudismo irma maebucetas de gravidas bem inxadas escorrendo gozoseja perguntei a vida de sexo de travesti pornô com a nossa prima de vozaquilo foi rasgando meu cuzinho contos eroticosvideos de porno doido com coisas indessemtemulher sendo mastrubada no honibos pro um estranho