Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Consulta deliciosa - Parte II

Autor: Gatosa
Categoria: Heterossexual
Data: 12/12/2009 19:16:47
Última revisão: 23/01/2010 19:14:56
Nota 9.47
Ler comentários (35) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Minha descrição está na 1a parte do conto, sugiro que seja lido antes para melhor entendimento do relato.

É só clicar em minha home.

A segunda consulta aconteceu bem antes da publicação do conto, mas demorei em postar, pois ficava sempre revisando...

Após minha primeira e deliciosa consulta ao dermatologista foi muito estranho continuar saindo com o Celso... o sexo estava sem graça e em nosso ultimo encontro mais uma vez comentei o fato dele estar se esquecendo que tem mãos, dedos e boca e ouvi uma frase ridícula: “pra que?, não preciso, tenho pinto”. Diferença das primeiras vezes que saímos onde ele não tinha esse pensamento e que valia tudo...rs. Depois dessa resposta bossal, o relacionamento esfriou de vez, passei a recusar os convites dele... e não quis vê-lo mais.

Já Olavo, o dermatologista, foi em um congresso e após a consulta ficamos uns 15 dias sem contato, mas logo ele apareceu no msn e começou a cobrar q eu tinha q marcar “o retorno”. Começamos a conversar saliências sobre o acontecido: ele dizendo q adorou me beijar e me chupar, q minha boca e meu cheiro eram maravilhosos, q adorou sentir meus seios e ainda mais me sentir molhada... eu respondi que ele estava me deixando louca de tesão novamente... foi qdo ele me convidou para retornar naquele mesmo dia, no final do expediente, assim poderíamos ficar mais á vontade... toda acesa eu disse q iria e foi qdo ele impôs uma condição... eu teria q ir novamente de vestido e dessa vez sem calcinha....rs. Confesso que a tentação foi grande, mas eu disse q iria pensar e ele só saberia qdo estivesse comigo...

Passei a tarde eufórica, sentia arrepios só de imaginar sentir aquele homem novamente me agarrando e me chupando... mas eu sabia que dessa vez seria diferente, pois no final do expediente com certeza ficaríamos sozinhos e eu poderia retribuir todo tesão que aquele médico delicioso me proporcionou e estava prestes a sentir novamente.

Exatamente ás 18:30hs cheguei no consultório. Ainda tinham 3 pacientes e a Melissa, a recepcionista empinada. Na penúltima paciente ele disse á funcionária q se quisesse ela poderia ir embora, pois estava no horário dela e que ele se encarregaria de fechar o consultório. A moça se foi e exceto pela paciente dentro da sala, só tinha eu naquele consultório. Eu estava com um vestido mais comprido e envelopado, próprio para o frio daquele dia, entrei no banheiro e tirei a calcinha... rs. Até então estava na dúvida se teria coragem de tamanha ousadia, mas não seria nada perto da ousadia de retornar deliberadamente com intenções salientes naquele consultório....rs.

A consulta da paciente anterior foi bem rápida, inclusive dava p ouvir os dois conversando da sala de espera. Logo ela saiu, ele a acompanhou até a porta da saída, trancou tudo, pegou minha ficha e pediu q eu esperasse... alguns minutos depois abriu a porta e me chamou pelo nome... me deu a mão p apertar... e me puxou p dentro do consultório, foi me abraçando, me beijando com volúpia e fechou a porta com o pé... foi me empurrando em direção á mesa e a mão descendo pelo meu corpo, conferindo se não existia nada entre minha pele e o vestido... olhou p mim e disse “linda, gostosa, vc veio sem.... adorei...” e foi logo pondo a mão por dentro do meu vestido até encontrar minha buceta que já estava molhada de tesão e ansiedade.... continuou me beijando enquanto me bolinava e esfregava sua mão em mim, me dedilhava o clitóris, depois introduzia seus dedos dentro, tirava e voltava a me dedilhar com uma pressão nunca feita antes por ninguém, aquele homem não sei se por ser médico, sabe bem onde e como tocar uma mulher.... ainda assim e me beijando, me levou em direção á mesma cadeira da outra vez, percebeu q meu vestido era envelopado e preso por um laço q ele tratou de desenlaçar e me deixou com o vestido aberto....tirou a mão da minha buceta e levou as duas mãos aos meus seios, q estavam escondidos por um sutiã q fechava pela frente, q tb foi aberto e logo mamou nos meus peitos com fome, não costumo ter muito tesão nos seios, mas ele me chupava, apertava, mordiscava de uma forma que nunca senti tão gostoso antes.... então me sentou na cadeira, puxou outra cadeira p trás dele, se agachou, apoiou minhas pernas na outra cadeira e começou a me chupar deliciosamente.... lambia meu grelo, enfiava os dedos em minha buceta, esfregava sua língua, sua boca, até seu nariz faziam parte da chupada gostosa que ele me presenteava....e fazia aquela pressão deliciosa que me enlouquecia... por saber q estávamos sozinhos, diferente da outra vez eu me soltei mais, gemia gostoso o tesão q sentia e ele as vezes dizia palavras como “buceta gostosa, tesuda, geme p mim, delicia”, eu tentei segurar o gozo, adoro prolongar essa sensação de prazer, mas ele me chupava tanto e com aquela pressão tão louca que foi impossível, logo me acabei em delírios enchendo a boca dele com meu mel.... ele foi diminuindo a pressão e me lambendo, me limpando... quase q no mesmo ritmo q minha respiração ia diminuindo... e foi subindo com aquela boca pela minha barriga, meus seios, meu pescoço, minha boca.... foi qdo eu alcancei sua cintura e comecei a abrir a calça dele, dessa vez não me escaparia, apalpei aquele pau duro, pulsando, consegui abrir a calça e tira-lo p fora... mas pedi p ele tirar a calca e a cueca, queria ele peladinho p mim, o q ele atendeu de prontidão... ele se encostou na mesa e eu me agachei, maravilhada com o pau bonito q estava na minha frente, lisinho, branquinho, a cabeça rosada, tamanho e grossura avantajadas, mas de forma ideal p não machucar... comecei a lamber aquele cacete maravilhoso, rodeava a cabeça, lambia até suas bolas, me deliciando como quem ensaia em um sorvete, até que resolvi abocanha-lo, engoli tudo até chegar na garganta, ele pôs as mãos em minha nuca, trazendo um pouco minha cabeça p trás e gemendo p mim “q boca deliciosa”, então comecei a chupá-lo com vontade, fudendo aquele pau tesudo em minha boca, até q ele pediu p q eu parasse pois ainda não queria gozar... então ele me levantou, me beijou e me livrou do vestido, eu estava com muito calor naquele momento... ficou me beijando muito, acariciando meu rosto e enlaçando os dedos em meus cabelos... me apertou em seu corpo e me pediu p não desgrudar dele... fomos andando até o lado de dentro da mesa onde ele atende, ele abriu a gaveta e pegou uma camisinha, e sentou em sua cadeira e disse “vem?”... Me posicionei em cima dele, com ele me segurando pela cintura, ele controlava meu ritmo, me encostava em seu pau e me levantava, aquilo torturava a mim e a ele, mas senti q ele curtia, as vezes ele me puxava p perto, se encostava em mim e me beijava, ele colocou a mão novamente em minha buceta, ficou me esfregando e me deixando com mais tesão, mais molhada e de repente me sentou em seu pau, foi uma sensação deliciosa, sentir minha buceta agasalhando aquele pau grande e latejante, ele ainda comandava meu ritmo, me trazendo p cima e p baixo e qdo eu descia me estocava forte, me comprimia o quadril ao corpo dele e me levava novamente p cima, isso fazia com que meu clitóris toda descida se comprimisse ao corpo dele, era um duplo prazer sentir aquele pau latejando dentro de mim e ao mesmo tempo o tesão de sentir aquela pressãozinha gostosa na frente... de repente ao invés de p cima e p baixo ele passou a me empurrar p frente e p trás, uma mão na minha cintura, a outra puxando meu cabelo p trás pela nuca e me beijando o pescoço, me lambendo o rosto, os ombros, seios.... ele é bem mais alto q eu, então ficávamos em uma posição perfeita p isso, e qto mais ele me empurrava e me trazia de volta, automaticamente minha buceta contraia em seu pau.... apesar do frio na rua, aquela sala pegava fogo, eu não me agüentava mais de tesão, ele então posicionou meu rosto bem a frente do dele, me olhando e gemendo, me chamando de safada gostosa, me olhava fundo nos olhos e gemendo, se contorcendo senti suas feições mudarem, seu pau pulsando e ele se contraindo, explodindo em um gozo fantástico. Ficamos abraçados e ofegantes, o suor escorrendo, a respiração tentando normalizar... ele voltou a puxar meu cabelo pela nuca, eu simplesmente adoro isso, qdo bem feito me dá um arrepio e um tesão incrível, e enqto percebia meu delírio com aquele ato, foi me lambendo o rosto, o lóbulo da orelha, a boca, o pescoço.... ao mesmo tempo q recuperávamos a respiração o tesão voltava a nos incendiar.... ele então me disse “senta de costas p mim?”.... dei uma risada gostosa, aquela cadeira era bem confortável, eu sentada no colo dele com o pau dele ainda dentro de mim fui me levantando, ele então tirou a camisinha mas se melecou todo, pegou uma toalha na gaveta e se limpou... pegou outra camisinha e deixou aberta em cima da mesa, fiquei de pé observando e ele me puxou novamente, me beijou, ele beija muito gostoso, molhado, com fome, com vontade.... naquele momento parecia q nos conhecíamos há décadas.... ele sabia perfeitamente como me tocar e me dar prazer.... foi beijando meu pescoço, me apertando os seios até chegar com a boca neles e novamente me arrancar suspiros de tesão e prazer.... uma das mãos desceu em minha buceta e seus dedos entraram e ficaram me fudendo gostoso, me provocando novo tesão e lubrificação.... ele me deu então uns tapinhas na buceta, adoro isso, ele percebeu e ficou alternando os tapinhas com as penetrações com os dedos, ainda com a outra mão me apertando os seios e a boca a brincar com eles, já me deixava zonza de tesão. Fui inclinando o corpo p a frente e comecei a punhetar aquele pau lindo, logo estava duro na minha mão, ele então parou com as bolinações em mim, colocou a camisinha e me virou de costas p ele.... fui agachando em direção áquele pau, ele ainda passou a mão pelo meu cuzinho e sentiu q eu contrai, então apenas posicionou seu pau em minha buceta e eu inclinei o corpo p frente, apoiei os braços hora na mesa dele, hora nos pés da mesa qdo me inclinava mais para o chão, em um vai e vem frenético, senti qdo ele molhou seus dedos e começou a bolinar meu cuzinho ao mesmo tempo q continuávamos naquele ritmo delicioso, estava bem gostoso aquele carinho, e logo com a outra mão ele enlaçou pela minha cintura e começou a brincar com meu clitóris, eu comandava o ritmo de ir e voltar sozinha, apoiada na mesa e rebolando meu quadril, enquanto me alucinava em sentir aquele pau quente e pulsante dentro de mim, me sentindo apertada pelas contrações do movimento e ao mesmo tempo ser masturbada pela frente e por trás.... e assim, ofegante, gemendo muito q mal conseguia falar, gozei em seu pau e em seus dedos, ele me disse “isso, gostosa safada goza p mim q eu vou gozar p vc, assim, issssssooooo, agooooora, veeeeeeem “ e gozou logo depois.Tirou seus dedos de mim, alcançou minha nuca e me puxando pelos cabelos trouxe meu rosto perto dele e me beijou a boca com volúpia, como se me devorasse.... Dessa vez ele tirou logo seu pau de dentro de mim, tirou a camisinha com mais cuidado, se secou e me apoiou em seu corpo, me abraçou gostoso... ficamos assim um tempo... ele começou a me dizer... “vc é um tesão de mulher, quente, fogosa, gostosa”.... eu ri e disse “vc que me deixa assim... acho q é a loucura do lugar, a sensação do proibido, sua forma de me tocar... me enlouquece”. Ele sorriu e ficou me fazendo um cafuné abraçado... nossos corpos suados já estavam ficando arrepiados a medida que o calor ia passando. Ainda sentada no colo dele e abraçada eu disse q deveria ir embora... Ele sorriu e disse q nem tinha noção do tempo q passou.... me beijou novamente, fomos levantando, me levou ao banheiro e me deu uma toalhinha limpa p me lavar como eu quisesse, mas ficou me olhando... fiquei um pouco sem graça mas continuei, molhei um lado da toalha e passei em minha buceta, depois a parte seca... ele começou tb a se limpar enquanto dizia “não sei o q uma mulher bonita e gostosa como vc está sozinha, um desperdício e muito trouxa perdendo tempo”. Eu apenas respondi q se não estivesse sozinha provavelmente não teria vivido aquela aventura tão deliciosa, e q sentia inveja da esposa dele ter aquele homem tão criativo e que sabia muito bem como tocar uma mulher. Lógico q ele disse que com o casamento tudo fica diferente, não tem mais tanto fogo e paixão... clássico... rs. Ele como sempre gentil me deu o vestido p vestir, peguei a calcinha na bolsa junto com minha nécessaire e perguntei se podia escovar os dentes.... aquele calor e tesão todo me deixou sem saliva e afoita, além de mole... todos meus movimentos eram lentos, fico assim qdo tenho um gozo intenso, o que alías é bem raro.... ele me perguntou se eu não ia embora sem calcinha, ao q eu respondi: “gracinha, sem calcinha só p vc”.

Já estávamos prontos e eu fui me despedir p ir embora, qdo ele me abraçou e disse: “adorei nossa aventura no consultório, mas o que vc acha de qq dia desses passar o dia inteiro comigo em um motel?”

Se vc não leu a primeira parte: http://sharoland-nn.ru/texto/

Comentários

11/12/2010 18:42:01
Delicia de contoo nota 10 maximus0357
19/11/2010 20:40:29
DELICIOSA!!! Fiquei imagindo cada milimetro do seu corpo, seus seios, sua buceta, seus cabelos... e me imaginei no lugar desse medico... me invejou um pouco mas tudo bem... se quiser conversar segue meu e-mail e MSN: [email protected] Beijos linda.... adorei o conto, parabens!!!
31/10/2010 16:30:17
REALMENTE VC É BOA NISSO..MUITO BEM ESCRITO, ADOREI MOTA 10 QUERIDA PARABENS......E CONTINUE ESCREVENDO.
11/10/2010 17:41:31
Nossa!!! essa história me fez viajar em meus pensamentos com o "meu" medico, AH!!!! PURO PECADO E LUXURIA!!!
10/10/2010 20:10:42
nossa!!!!, minha imaginação continuou fluindo!!!, ah!!!, se eu pudesse pegar o "meu" medico!!!! PECADO E LUXURIA TOTAL!!! Amei melhor q o primeiro q tinha aquele celso broxa!
25/09/2010 22:43:58
Seu conto é envolvente, bem escrito... me fez lembrar do médico que me perturbas à uns dois anos..ele não é tão bonito...não sei se gostoso...já trocamos beijinhos...me fez pensar se devo dar uma chance a ele, rsrsr
14/05/2010 17:32:44
tão bom quanto o primeiro
08/05/2010 01:58:39
Muito bom, envolvente, excitante, muito bem escreto... incrível ! você realmente é boa nisso !
28/04/2010 12:30:58
REALMENTE VC É BOA NISSO..MUITO BEM ESCRITO, ADOREI NOTA 10 QUERIDA PARABENS......E CONTINUE ESCREVENDO.ESTOU TENTANDO CRIAR CORAGEM PARA POSTAR MINHAS AVENTURAS TBM MAS NAO SEI, TENHO VERGONHA....RS SE PUDER ME DE ALGUMAS DICAS ([email protected])....
28/04/2010 12:29:35
REALMENTE VC É BOA NISSO..MUITO BEM ESCRITO, ADOREI MOTA 10 QUERIDA PARABENS......E CONTINUE ESCREVENDO.ESTOU TENTANDO CRIAR CORAGEM PARA POSTAR MINHAS AVENTURAS TBM MAS NAO SEI, TENHO VERGONHA....RS SE PUDER ME DE ALGUMAS DICAS ([email protected])....
13/04/2010 15:23:21
Caraca...vc é gostosa mesmo, adoraria te conhecer assim bem safadinha...
12/04/2010 12:44:49
Olha, Ghata!!!... continuando com meu comentário... Digo que meu "DESEJO" entrou em "PARAFUSOS"!!!... Viajei em sua "História"... E agora estou sonhando na "ILHA do PRAZER"!!!... Um perfeito "CONTO ERÓTICO"!!! Bem, pelo Celso - Nota: ZERO (e não preciso ESCLARECER!!!)... pela Melissa - Nota: 10 (TADINHA!!! Você pelo menos deveria ter me levado para a Consulta que eu daria a ela uma "CARONA"... e quem sabe... algo mais que nota:10)... Pelo Dr. Olavo - Claro que é Nota: ZERO (afinal tenho ciúmes e ele não cuidou da minha Ghata como ela merece)... pela sua calcinha - Nota: 10 (Continuo "QUERENDO" sua calcinha para mim)... e pelo seu Conto de Sedução, Tentação e Desejos - Nota: 10... Mando aquela deliciosa e longa chupadinha em sua XANINHA... Querendo seu Mel de Prazer... Tô até BABANDO... feito um CACHORRO... Outros Bejins e algos mais... somente a você... minha Ghata GOSTOSA e SAFADINHA!!!... XAÚ!!!
03/04/2010 00:16:18
Gatosa, querida, você é mesmo uma mulher diferente e especial. Cada conto seu é um dilúvio de prazeres, uma explosão incomensurável de orgasmos. Me recuso a dizer mais, eu não saberia.
02/04/2010 11:02:28
minha nossa, não pude evitar, após ler esta segunda parte, voltei pra cama com o Beto, vc me deixou zonza com tantos detalhes, me senti em seu lugar, foi maravilhoso, me identifico com vc, ambas precisam estar envolvidas com nossos parceiros, gosto de dar e receber muito prazer, notacontinue relatando os seus contos...beijinhos, Malluquinha...
16/03/2010 06:59:49
Delicia de conto, Gatosa! Parabéns! :-) E a bundinha? Não deixou o doutor prová-la não?
15/03/2010 23:17:31
Ae gata, marca a consulta comigo e terá não só um dia, mas vários dias inteiros no motel. Seus contos são excelentes. Beijos. ([email protected])
11/02/2010 22:35:18
ADOREI TENHO UM MEDICO QUE ME DA O MAIOR TESÃO QM ME DERA DAR PRA ELE AS VEZES ELE BRINCA E RIMOS MUITO NAS CONSULTAS MAS NÃO TENHO CORAGEM CONTINUE NOS CONTANDO SUAS EXPERIENCIAS.SÃO MUITO BOAS
09/02/2010 09:10:54
Super exitante.Parabéns!!!!
27/01/2010 08:56:45
muito legal, adorei! bjs
31/12/2009 16:19:12
Olá Gatosa, novamente um conto envolvente, bem escrito, com sutilezas que só uma mulher consegue passar. Ultimamente tenho escrito outros tipos de texto, mas dentro de um pouco publico outro conto.Adorei bjs Writter
30/12/2009 13:49:35
Delícia de conto... Quem sabe não trocamos algumas confidências? [email protected]
26/12/2009 14:06:59
Foi mt bom o seu conto adorei! Nota 10 gata! Beijao
19/12/2009 14:41:43
sensacional!!!
18/12/2009 17:01:06
o primeiro conto ja tinha sido ótimo. esse foi maravilhoso ! Adorei seu conto ! tem q nos contasr a proxima parte !
14/12/2009 22:52:59
Muito excitante Agata, parabéns. Sei que estou em débito com você e algumas queridas leitoras, mas pretendo terminar o novo conto em breve. Bjs. Dario
14/12/2009 13:49:04
Olha gata minha mente não consegue formular as palavras certas para me expressar somente me veem imagens mais deliciosas de sua aventura parabens continue assim e respondendo seu comentario em meu conto... foi verdade sim e até hoje sinto saldades daquele dia beijo gata!
13/12/2009 20:33:56
Vale 11. Tb sou médico, topas uma consulta? Bjs.
13/12/2009 20:13:18
Arrebatadoramente excitante. Daria um ótimo episódio essa aventura. Parabéns.
13/12/2009 19:32:35
difícil encontrar o adjetivo adequado...mais uma vez vc foi surpreendente...
13/12/2009 12:37:25
sensacional
13/12/2009 11:46:13
Ainda bem que no final da primeira parte já tinha a segunda, que delicia de conto e de experiencia garota, adoro contos assim, sem muita xulação e com historias interessantes. 10 com Louvor!
13/12/2009 11:28:42
Adoro contos com continuações e essa superou a primeira parte, preciso de um médico gatoso assim! Escreva mais! 10000.
13/12/2009 11:21:33
O desfecho foi sexsacional, me deixou doida de tesao. Alem de sortuda tu escreve muito bem, adorei. Escreva sempre para nos brindar com enredos sensuais, excitantes, sem ser só meteção, mas com muito tesão!
13/12/2009 11:05:22
Huuum, simplismente excitante, ja estava molhada na priemira parte, a continuação só veio me deixar gozar gostoso. Espero ler a continuação do motel, que gata de sorte você. Quero um médico gostoso assim.
13/12/2009 01:02:45
Nossa... Todos os dois contos são muito bons. Quando for ao motel, nos conte novamente como foi. Parabéns!!!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


so fotos da namorada do traficanti nem de chortinho disgosando vom o cachorrocorno eu confessocontos de incesto irmao assistindo tv com a irma novinha e comendo ela abracado por trascontos eróticos uma vida incestuosa como tudo começou pt 3Porno contos eróticos sexo entre irmaos romance final feliz o filho da minha madrastasiririca em horas inoportunasmulheres gostosas fazendo garganta profunda com penis muito grandes e enfindo todo na sua guela e ele vai e gozakero.buctaflagrei esposa socando vibrador no cu do vizinho novinho contosContos Afilhada batendo punheta para o padrinhocrenye de verdade é aquele crente sabiocasada loira gaucha fode c pausudo que enche ela de porra e corno olhaContos eroticos de travesti pauzudo estuprando meninosacho que minha namorada gozou pq agente tava fazebdo sexo e a perna dela tava tremendoamassos eroticos na aguavideos porno a namorada trail ele e ele estrupou ela com forcanegao metendo em colatinaeu quero ver vídeo mulher tomando banho com aquelas calcinha larganao era pra enfiar no meu cuzinho virgemmulher trasando cem saber com oltrox negona budona lascadafrango a mulher assistindo vídeo pornô na televisão com o cunhadonamorada faz surpresa fc pelada mostra buceta bem gostosaminha.irma.uza.shortinho.por.baicho.da.saiaTonhão transa com sua cadelade chortinho pensando no namorado pornTirei o himen da buceta da esposa do meu amigo sua buceta sangrou conto eroticodoce nanda contos eroticosna zoofilia as cadelas aceita ser fudidawww.xvideos emprevisto pra foderContos eriticos .como virei escrava do vizinhonegaodeu pro time todovelhas dos peitoes muchos e grelo grando transandochupando o grelo de uma loira mulher chupando beijo tchauconto erotico meu/marido transou comigo e meu sobrinhocasadas sirrricasfode violento o cu da vo gorda humilhandoxvideos nao resisti ao padrasto dotado q fode sem do ela gemendo muitoconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretobundudas com o capeta no baile funkmulher querendo fazer zoofilia no Rio de Janeiroconto erotico mendiga novinhaeu quero ver vídeo mulher tomando banho com aquelas calcinha largaqual a posicao que temos que fazer quando damos o anus e para o espesma na escorrer para a vaginavideos caseiro de mulher transando com homem magro no colchãoContos eróticos mulher do pastor dominou e humilhou minha esposaexecutiva casada puta de negao contoscontos e videos de transando com as casadas com permissão do maridofui enrabada/contosolhar a buceta das julherssubornei meu primo gay pra comer elexvideos sotados machucando velhas covardiaso vidio maquinasexitia pasa de camisola perto do sobrinho e ele fica com tesaocontos eroticos injeçaocontos de pau preto e grossocontos eróticos incestos fudendo a meia irmã filha do meu pailindo homemcoxa grossa dando pornomulata safada gosto da vara do roludo e traiuqero assistir video de porno de baiana rebolando na pica.zofilia mulher dependurada pel cu no cãocontos defloraçao analpornô doido comadre entre pica grande negãopornografia.manzorrascontos eroticos gays virei putinha de variosmeu primo me pegou cagando e comeu meu cuzinho me chamo vanessazoofila como faze teu. cachorro te lambe sem t machucarsexo homens gozando e.falandopalavroesver video e filme de veterinaria chupano abuceta da e gua na fasendaporno contos cunhado novinhovideo de sexo esposa convida o amigos para fasa uma tripla penetracao ao mesmo tempo na buceta da putataradanovinha brasileira encara pau enorme e chora ponodoidominha mae me iniciou na zoofiliacontos eroticos. bi feminino