Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Beijos e mordidas

Autor: Matt22
Categoria: Heterossexual
Data: 27/12/2009 19:12:21
Nota 9.50
Ler comentários (2) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Este é meu primeiro conto na "Casa dos Contos Eróticos"

Espero que gostem!

Acho que a melhor forma de começar é justamente pelo começo: a minha primeira vez.

17 anos. Talvez esta seja a idade onde muitas coisas acontecem na vida de um homem. É nessa idade que estudamos para entrar para um faculdade, que zoamos noite a dentro com os amigos, e que temos nossas primeiras relações sexuais. Pois é, foi justamente com 17 anos que tudo começou na minha vida. Eu namorava uma garota já fazia um ano. Nas nossas saídas diárias, semanais e mensais para o cinema, a piscina e a casa de amigos fazíamos aquele tipo de casal "santinho". Sim, ela também era virgem. Já fazia algum tempo que conversávamos sobre sexo e na possível chance de deixarmos de ser virgens brevemente. Eu só não esperava que isso fosse acontecer tão rápido.

Numa tarde de sexta-feira eu estava no meu quarto, vendo "Friends" na TV. Todos sempre disseram que eu parecia muito com Joey, um dos personagens da série. E realmente nós nos parecíamos. Mas, voltando. Estava na minha cama assistindo à TV quando o interfone tocou. Atendi. O porteiro disse que minha namorada estava lá. Permiti que ela subisse e fiquei na porta do elevador esperando ela. Demorou alguns poucos minutos e logo a porta se abriu. Lá estava ela, de um jeito bastante diferente do de sempre. Quando me viu, me jogou na parede e me beijou calorosamente. Subitamente, ela colocou sua mão por baixo da minha camisa e acariciou meu abdômen. Seu beijo estava diferente. Estava estranhamente e deliciosamente diferente. Era quente, sexy e provocante ao mesmo tempo. Ali mesmo no corredor ela tirou minha camisa. Beijou meu peito, arranhou minhas costas. Logicamente, minhas reações naturais masculinas começaram a acontecer. E parece que já estava ficando perceptível para ela. Arrastei ela pra dentro da minha casa. Levei-a para meu quarto. Nos jogamos na minha cama. Tirei sua camisa e logo na sequencia seu sutiã. Seus seios fartos e rosados pularam para fora. Lambi-os com toda a virilidade do meu momento. Ela abriu a minha calça e tirou meu pênis pra fora. Antes mesmo que eu pudesse ver, ela o chupou com toda a força. Acho que nunca tinha sentido tanto prazer antes. Meu maior medo enquanto virgem era gozar rápido. E naquele momento meu medo era ainda maior. Já podia sentir que esse momento se aproximava. Não queria que terminasse assim tão rápido então, levantei ela e abaixei sua calcinha. Comecei a sugar com força. Pude sentir seu corpo tremer todo em minhas mãos. Sabia que ela não ia demorar a gozar. Continuei a chupar e sim, ela gozou. Aos poucos ela me pedia que eu a penetrasse. Deitei ela. Peguei e coloquei a camisinha que estava na gaveta da cômoda e me deitei por cima dela. Passei meu pênis por sua coxa, por seus pelos e pela entrada. Enfiei devagar para que ela não sentisse dor. E aos poucos meu pênis já estava todo dentro dela. Comecei um processo de "vai-e-vem" devagar, mas logo já estava socando com força. Ficamos ali por algum tempo. Ela gemia e eu sentia provavelmente o maior prazer que já tinha sentido. E foi então que um dos maiores sonhos de um garoto de 17 anos se realizou. Gozei dentro de sua vagina, agora quente e sensível. Ficamos ali naquela posição por uns 20 minutos. Meu pênis amoleceu dentro de sua vagina. Levantei, tirei a camisinha e ainda nu, a abracei, a beijei e a mordi. Ficamos mais um tempo simplesmente nos tocando. Passei meus dedos por todo o seu corpo. Ela passou a mão pela minha nuca, minhas costas, meu peito, meu abdômen. Segurou meu pênis e o acaricou. Nos beijamos mais e mais. Tomamos um banho juntos, onde acabamos fazendo sexo oral novamente. Ela se trocou, meu deu beijo e sem falar nada foi embora. E eu fiquei ali, de toalha, no corredor. Voltei para meu quarto, deitei na minha cama, ainda de toalha, e fiquei ali sentindo o cheiro do melhor momento da minha vida.

PS. "Até hoje não entendi o que aconteceu com ela para ela do nada aparecer na minha casa e trepar comigo. Por muito tempo insisti com ela para que fizéssemos e ela sempre negou. Do nada, ela decide fazer e não me avisa. Apenas me pega. Devia ser meu dia de sorte."

Matt22

Comentários

28/12/2009 13:23:07
Bem que podia rolar mesmo meu caro Redcar. Quem sabe eu não tenha um outro dia de tanto sorte como este!
27/12/2009 20:06:54
sensacional, e q dia da sorte, brincadeira, muito bem, depois vai rolar um anal,né ?

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


video porno fundeno cuzinho a fosacasa dos contos eroticos com sobrinhos chupador de bucetax vde porno rebolando de calca no pinto duro oroContos levei um tora preta gozou dentro meu marido adorouvideo de mae assustada com o tamanho do cassete do filhocontos eroticos minha mulher nadando com os/mulekes virgensmae tira i cabaço do filho oica do filho nivo nicu chorapau mostro q gata nao aguenta e pede pra da um tempo pq sua buceta ta doendoloira jogando pinbolin pelada no saguão do hotelMeu primo playbou carioca conto gay cap 3eu conto dancei com meu cunhado e senti um p*******loira gostosa gordinha batendo p****** no pau do seu esposo no pé da pia seu esposo tacando dentro do seu corpo shortinho dentro do raboContos eróticos gay 'ñ faz isso comigo'pornô doido corno Deixou o cara comer sua esposa e seu cuzinho na sequênciaNecsEexconto adoro ser cadelinhaconto erotico viado novinho vira escravo do coroa dominadorconto casada novinha e comida pelo traficante pausudo a forcaamor sexo sem penetrar"menos apertado" gay contoporno.padrasto.esculacha.panteras.xxconto erotico pau pequenofiz minha esposa chupar seu pai enquanto fodiamosCaralhudos na bucetinha virgemadestrador de escravascasada só engole a porra do amante e nunca do marido traindo porno vídeosexo novinha inocente fez contrato mais nao sabia que ia transar com um pirocudo e fica assustadaxvideo montadord moveiscontos eróticos pular pulanao era pra enfiar no meu cuzinho virgemfilha minha femea contosogra gostosa de cabelos crespos fudendo com amigo do genrobaiano chupando clitori e falando besteirasnora flaga sogro espiando ela no banho batendo punhetaPoliciallindo tarado fudedorgozando na entrada da bucetinha minúsculas de frango assado bem devagarnovinha tem no muito o garmo na siririca xega a gritar coroa q sabi dexa dozelo de pau duroeu gozei no reginho da sua bunda xvideoas penujinhas do pornocontos eroticos diaristacontos eróticos brincando cometi o incestoxvideo amador teens assustada quando entro de na xoxota de bruço xoxotacontos de boquete bom de primos e primas novinhoscontos eroticos seduzi professor na aula vaga e ele me chupousquiz da a bucetinha com 10 aninhos pra mim com 51 anos meti com vontade contosminhavo rebolo gistoso xvideosfiume porno garoto senti tezao pela crentinhacutucando buceta de cadela com dedo zoofiliacontos e histórias de pai tarado não aguentou e comeu a filha de sete aninhos gostosinhaporno meu marido adora me ver chupando porra de mendingisvídeos pornô eróticos com pau grande e grosso lindos com a pontinha bem geladinha e bem fofinhofilme potnou vide mateanal normalistacontos eroticos entre jovens irmaos gemeospirocona na titiaxvideos desleal branquinha dando pro negaoo corno saia pela porta da e o amante entrava pela janela pornoconfesso chantagiei minha irmãzinha pra ela me masturbaporno negao crava tudo de bruso ela gritarelatos selvagens de zoofilia com cachorrotaradao fode esposa na frente da amiga que quer tanbem.comcontos eroticos sou mulher e transei com minha sograconto erotico gay vagejada capvelho roludo come filha familia tdporno comeu a etiada que fazia pirasa so de chortinhopeladacamisinhaamor sexo sem penetrarirmão fode irmã e estoca mt na sua buceta q estava molhadinharapazinho mimado dando o raboNovinho virgem+ descabaçado sem camisinha+sem lubrificação+contos gayspornoantigonovinha.comquero ver novınha que sao empregada fudendoconto eroticos mulher do corno na borrachariadando uma Coçadinha na língua do negão safado cachorrãocontos erotico amamentei dois garotoscoloquei duas bolinhas de golfe na buceta