Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Esposa muito submissa 2

Autor: Mohine
Categoria: Heterossexual
Data: 22/01/2010 13:26:23
Nota 9.40
Ler comentários (9) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

.... Mesmo com a forma violenta como era tratada Vivi continuava a viver com Seu Chico. Não havia outro caminho a seguir...sem estudo, sem trabalho, sem família ou amigos.

Seu Chico já não se sentia satisfeito com o corpinho daquela moreninha linda. Suas curvas, seu bumbum durinho, seu cuzinho e sua bucetinha já tinham tido muito usados por ele. Mesmo assim Vivi não podia ir embora, Seu Chico se sentia seu dono.

Já era noite e Vivi estava na sala assistindo um pouco de TV depois de um dia exaustivo de trabalhos domésticos quando ouvir umas risadas que vinham de fora da casa. Antes que pudesse levantar, a porta se abriu. Era Seu Chico, estava um pouco bêbado, ria alto e gesticulava dizendo:

-Pode entrar gatinha! Entra que a casa é sua. Hoje você é mulher que eu quero!

Pela porta entrou uma moça jovem . Devia medir mais ou menos 1,60. Era loira, seus cabelos caiam sobre o grande par de seios a mostra no decote da pequena blusa que usava. Sua barriguinha era linda, um pouquinho definida. A curtíssima e esvoaçante saia deixava as pernas grossas ainda mais sensuais. Parecia uma modelo de tão linda que era.

Vivi ficou parada, surpresa com o que estava acontecendo. A moça caminhava em direção ao sofá a sua frente, completamente desinibida. Seu Chico já havia fechado a porta e indo na direção da moça disse:

-Vivi, minha pequena Vivi. Está aqui é uma mulher de verdade! Olha como é linda! Que seios maravilhosos, que bunda empinada ela tem...

A moça olhou para Vivi e sorriu.

-Juliana, muito prazer!

Vivi, ameaçou levantar-se do sofá mas foi impedida pelo marido que lhe empurrou de volta com grosseria e berrou:

-Fique aí onde está sua vagabunda! Você é minha, tem que fazer o que eu quiser. E olhando para Juliana acrescentou maliciosamente - e o que você quiser também, minha princesa.

Vivi ficou estática, perplexa com a situação. Não podia acreditar que seu marido tinha levado uma puta para casa. E pior, que ela teria que assistir tudo ali, quietinha.

Seu Chico sentou-se ao lado de Juliana e começou a beijá-la. Suas mãos percorriam as pernas até a bundinha, continuou alisando-a... passou a mão em seus seios firmes e foi abrindo os botões da sua blusinha... desceu vagarosamente as mãos.... abriu as pernas e levantou a saia exibindo aquela linda bucetinha rosada e sem pelos.

-Olha Vivi, isso é que é uma boa buceta... é pequenina e fechadinha. Isso aí que você tem já está larga demais...

Vivi se encolheu de tanta vergonha e se encolhendo começou a chorar...

Enraivecido, Seu Chico levantou, foi até ela, puxou-a pelo braço até jogá-la aos pés de Juliana que continuava com as pernas abertas...

-Chupe a buceta dela- Ordenou ele rispidamente.

-Chupa vai putinha= disse Juliana com sarcasmo. Ela havia entendido o jogo e foi paga para isso.

Vivi, timidamente, abriu um pouco a vagina da moçinha deixando seu clitoris bem a mostra. Em segudos, foi empurrada em direção a xoxotinha rosada até tocá-la com os lábios. Permaneceu com a boca fechada mas pode sentir o cheiro suave e a umidade que dela emanavam.

-Anda! Abre a boca vagabunda! Chupa essa bucetinha rosadinha vai... Puta! Deixe ela bem molhadinha para mim... vai....

Vivi, abriu a boca e pode sentir como era quente aquela buceta, sentiu um gostinho não muito estranho ao seu paladar.Parecia que já estava gozada. Abriu mais a boca pois Seu Chico a empurrava, e pode tocar com a lingua o grelinho daquela menina. Teve um pouco de nojo, fez cara feia mas, não tinha como sair dali.Juliana abria mais as pernas enquanto beijava Seu Chico na boca.

Vivi teve que chupar a puta por alguns minutos até que, bruscamente Seu Chico a puxou e enfiou seu o pau grande e muito duro na boca. Ela teve ânsia porque o pau entrou fundo pela garganta. Tentou se soltar mas não conseguiu..fez um som meio esquisito e seus olhos se encheram de lágrimas.

Juliana se levantou e riu. Foi até uma garrafa de bebida e colocou uma dose.

Seu Chico ficou a enfiar o pau na boca da esposa com toda força, a baba já escorria pelo seu rosto, quando ele soltou-a no chão. Quando ela caiu, ele ficou de pé ao seu lado e pisou em sua barriga.

-Fique assim piranha... Sinta o gosto da minha princesa- disse ele cuspindo em seu rosto. Juliana, venha cá, abra bem a bunda e faça ela chupar o seu cuzinho.

Protamente Juliana aproximou-se e sentou sobre o rosto da esposa do Seu Chico abrindo bem a bunda com as mão. Sentia a lingua de Vivi passando pelo seu cú, fez mais força e abriu o abriu ainda mais para que a lingua pudesse ir lá dentro. Na sua frente mamava a piroca enorme do cliente.

Vivi estava em choque, não sabia o que fazer para sair daquela situação. Obedecia a tudo.

Seu Chico, vendo a buceta da esposa exposta, deu-lhe alguns tapas. Ela reclava da dor mas não dava para ouvir muita coisa porque Juliana sentou-se sobre sua boca abafando qualquer som.

Seu Chico já não aguentava mais de tanto tesão. Levantou Juliana e colocou-a de quatro no sofa. Voltou e puxou Vivi pelos cabelos colocando=a embaixo entre as pernas da menina e disse:

-Quero que continue chupando a buceta dela enquanto vou enfiando meu pau...

A bucetinha já estava bem molhadinha quando o pau entrou por inteiro. Era uma bucetinha quentinha e apertada de menina nova. Os pingos de lubrificação pingavam sobre a boca de Vivi que ficará bem por baixo, tendo a boceta da puta e o pau quase esfregando em seu rosto.

Depois de algum tempo, o ritmo das estocadas e o som emitido por ser Chico davam sinal de que o gozo estava chegando... Seu Chico encheu a bucetinha da menina de porra, tirou o pau melado e enfiou na boca de Vivi.

-Chupa vagabunda, sente o cheiro de fêmea no meu pau... vai vadia... chupa e limpe meu pau todinho senão vai apanhar feio..E enfiando mais fundo pela garganta rosnava: Sua puta sem vergonha .... é isso que vc mereçe viu.... vai mama mama ....

A buceta de Vivi estava bem lubrificada, aquela humilhação toda de alguma forma a excitou...

Seu Chico, com o pau já bem limpo, acomodou-o dentro da cueca. Quando Vivi ia se lavantar ele disse:

- O que pensa que está fazendo sua vagabunda... ainda não terminou o serviço não.... Mandou que Juliana abrisse as pernas. - Vai limpar a menina Juliana, chupa toda a porra que gozei e deixa a bucetinha dela bem limpinha pra mim...

Anda....Faz ele gozar gostoso ... So depois Vivi, so depois você pode ir se lavar...

Vivi foi obedientemente ao encontro daquela pequena e rosada buceta cheia de porra... tanta porra que escorria até o cuzinho.. o cheiro e o gosto eram velhos conhecidos de Vivi...

Juliana abriu os lábios com a mão enquanto Vivi lambia-lhe a porra toda.... Depois Juliana sentou-se na boca de Vivi para se certificar de o leitinho tinha saido todo... Era chupada com vontade para que pudesse gozar....

Gozou e cuspiu em Vivi, que ficou ali no chão ... sem saber que tudo isso era somente o começo da primeira noite dos seus piores anos de submissão.

Comentários

26/08/2013 23:59:41
Muito bom!!! Continue sempre assim!!!
19/07/2011 13:16:58
Caraca amei
09/07/2011 05:56:12
Oi Vivi (mohine). P mim vcs saõ uma só. Meus donos já me fizeram isso e nenhum me comeu. Nçao me comerem p mim foi pior
27/06/2011 15:31:42
Sei não, fazer oque!
26/06/2011 20:44:13
Gostei, mas o terceiro é o melhor.
19/07/2010 21:11:12
Muito bom, tanto o 1 quanto o 2. Mais interessante é imaginar realizar de verdade. <[email protected]>
W W
26/01/2010 14:52:04
Espero ansioso a continuação!
22/01/2010 17:00:00
Karacaa amei!
22/01/2010 13:40:16
sensacional

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


Pornopiroconacontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramvideos porno insetos entre filho fodendo mae prensadahttp://www.homoprazer.blogspot.com.br/esfregou e gosou na xeca da amiga uhhhcontos erotico cm irmamãe tentando resistir as artimanhas do filho pornoboquete da minha prima no meio da lavourra de cafe pornoMamando o caralho do vovo contoseroticosfudendo a matasrtadoce nanda parte cinco contos eroticosporno brasileira envolvendo ninfeta no celeiro da fazendacomendo amiguinha da entiada de 15anosdia chuvoso no carro do amigo do meu marido acabei dando ate o meu cuzinhoyeezus ana casa de contos eróticosnovinga da favela fazendo menagem depois da aulavídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoContos eroticos negao fudendo gostoso com a viuvaevangelicas na zoofilia com cachorroPaguei para deflorar a filha do caseiro conto eroticomaiza e carolzinha trepanoporno levou finha poamigoXVídeos pornô brasileiro sogra ameaçando genro para transar com ele filha escuta todos os diassex. video amarcaiaxxvideos loirinha da para o cachorro de raça alemã ver video de porno brasileiro pedrero peludao suado comendo a patroua safadamae deliciosa abusando de garoto a noite insestocontos de corno que deram o cucontos deu o cu para o cachorrawww.mae nao aquento filho pausudo bocetaoxvídeos i****** filho tenta fudera mãe e ela não quer dar mas acaba conseguindoquero baixar pornô novinha chamando o pai de mensagem massagempisão ei curra novolek que gosta de chupar paumulheres sexo com monstrosfotos de buceta de mulutamulequinhos olhando a surubacontos eroticos meu padrasto cavalomenina bem magrinha de oculos com seu papai no pornocontos corno manso ineditoporno a mulhe na parede e o homem a tras e saindo gosmameu aluno cacetudo contoscoroas brasileiras gritando cm o puu na xana e pedindo mais xvidiotia marta safada deixa exfrega meu nesse rabocontos ela falo chicao nunca dei o cu pra pau grossocontos sexo anal concunhado concunhadasexo na madrugada prudentinacoloquei duas bolinhas de golfe na bucetavideos porno mulher tentando escapa. do pau do outro na frente do marido mas nao comsegue e corno dechaconto sexo anal piracaiamulher sendo mastrubada no honibos pro um estranhoPorno Tia comeu o sobrinha atc gozou dentro delapornô doido corno Deixou o cara comer sua esposa e seu cuzinho na sequênciaquero ver filme pornô com preguiça do Flamengo d********* de bruçoMeu voyer filhoZoofilia caes encangados em mulheresasistir video porno angolano de tia e sobrinho.casa dos contos meu marido me fez da o cu a dois picudos chorei de dorcontos eróticos estupros varoa irmalouca pra perdero cabaco pro irmarvelha descabaça a buceta na pica do cavalonovela tieta do agreste transando com sobrinhogaroti gay pauzudp ttansar c homem cacetudo e grisso vidio pirnobabá da nuvem passageira filme pornômae gostosona chora na pica grossa cabecuda do filhocontos incestos mãe mais lidos 2017novinho.geminho..de.pau.duroContos de meninas novinhas que liberaram o cuzinho pro namorado da sua mãe mas não aguentaram a rolamamei contosde bruços sinto a cabeca entrando com forca no meu cuzinhoporno. tor. muita careitiContinuasao do video porno do pia esfregando na mae video chinesvizitou a. amiga levou foi rola x videosmulher esfregano boca da buceta na cabeça da picacontos eróticos meu irmão pediu pra mim conpra umas coisinhas pra elexvide garoto cebra a fimose comeno buseta porno casa xeio de passarinhosVer foto de homem enfiando a mao dentro drento da vagina da mulhercontos eroticos de moreno perigosohomem se mesturbano no causinha da cuiada fio dentalentregafor fundeno a cliente na casa dela sem o marido saber contos eróticoseu fico axanando que sou uma pessoa invejoso mais nao sou meus atos nao se dizem isso mais na minha cabeça eu pensso assim yahoosexo oral e vavinal com a quelas danadinhasmacho cheira pica homem ensebadacontos mulher de amigo short coladoconto corno diamantemadrasta brasileira faz vídeo dando a b******** para o enterro de sua filhinha junto em casairma no cio chupa tudo sem frescuraneta safada faz boquete embaixo da mesa de jantaro playboy e o menino da favela casa dos contoscontos mulher encoxada na borrachariacomendo a sogra gostosa mttezaocontos romatincos gay pit boydormindo de bruço acordando pro anal pornomostrando buceta po amigo pater uma xvidiomeu avô estorou meu cabacinho