Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

1988, ano de muitas trepadas – Parte 5 – Roberta

Autor: TEKOMAIS
Categoria: Heterossexual
Data: 10/02/2010 15:42:46
Nota 8.00

1988, ANO DE MUITAS TREPADAS – PARTE 5 – ROBERTA

OLA GALERA, DANDO SEGUENCIA AOS MEUS CONTOS, ESPERO QUE TENHAM GOSTADO DOS ANTERIORES, VOU FALAR HOJE DE UMA FODA RAPIDA E ÚNICA QUE TIVE COM ROBERTA. ROBERTA ERA FILHA DE DONA LUIZA, A CHEFE DA EQUIPE DAS MENINAS QUE TRABALHAVAM NA CAMPANHA. PARA QUEM NÃO CONHECE A HISTORIA, SUGIRO QUE LEIAM A PRIMEIRA PARTE DOS CONTOS.

BOM, ROBERTA, NA EPOCA DO ACONTECIDO 15 ANOS, MORENA DE SEUS 1,70 ALT, SEIOS MEDIOS, BUNDA PEGUENA, MAS BEM EMPINADA. DONA LUIZA, ERA UMA MULHER VIUVA E MORAVA NUM RESIDENCIAL COM ROBERTA. NUMA BELA MANHA DE QUINTA-FEIRA, CHEGAVA AO BARRACÃO PRA MAIS UM DIA DE TRABALHO, QUANDO DONA LUIZA ME PEDE PARA IR ATE SUA CASA BUSCAR UNS PACOTES DE PANFLETOS E SANTINHOS QUE ELA NÃO TINHA DADO CONTA DE TRAZER. DISSE A ELA QUE QUANDO PASSASSE POR LA, PEGARIA PARA ELA, MAS SUA RESPOSTA VEIO IMEDIATAMENTE, EU PRECISO DISSO AGORA. ENTÃO TIVE QUE BUSCAR OS TAIS PANFLETOS. CHEGUEI NO PREDIO DELA E SUBI ATE O QUINTO ANDAR E TOQUEI A CAMPAINHA. ROBERTA APARECEU NA PORTA COM UM BABY-DOOL VERMELHO E VI QUE ELA NÃO USAVA SUTIÃ E NEM CALCINHA. ELA ME MANDOU ENTRAR E LOGO PERCEBEU QUE MEU PAU HAVIA FEITO UM VOLUME NAS CALÇAS, ELA ENCAROU POR UNS SEGUNDOS, MAS EDUCADAMENTE PEDIU PARA EU SENTAR NO SOFA QUE ELA IA PEGAR A TAL CAIXA QUE ESTAVA OS PANFLETOS. PASSARAM-SE LONGOS 3 MINUTOS E ESCUTO ROBERTA ME CHAMAR ATE O COMODO ONDE ELA TINHA IDO. FUI ATE LA E TIVE UMA VISÃO DE UMA CENA VISLUMBRANTE, ROBERTA ENFIADA NAQUELE BABY-DOOL TOTALMENTE TRANSPARENTE EM CIMA DE UMA CADEIRA TENTANDO TIRAR A CAIXA DE CIMA DE UM GUARDA-ROUPA. COMO ERA PESADA A CAIXA, PEDI LICENÇA A ELA E SUBI NA CADEIRA PARA PEGAR A CAIXA. ELA FICOU DE PÉ QUASE A MINHA FRENTE E OLHAVA O MEU VOLUME CADA VES MAIS ALTO. PEGUEI A CAIXA E A COLOQUEI EM CIMA DE UM MOVEL QUE HAVIA ALI. MALICIOSAMENTE, ROBERTA DISSE: “ME DEIXA APROVEITAR DE VOCE E PEGA UMA CAIXINHA QUE ESTA LOGO PERTO DE ONDE VOCE TIROU ESTA”. SUBI DE NOVO NA CADEIRA, MAS NÃO ACHAVA CAIXA NENHUMA, PERGUNTEI SE ELA TINHA CERTEZA QUE A CAIXA ESTAVA ALI E ELA NA MAIOR CARA DE PAU DISSE PEGANDO EM MEU PAU POR CIMA DA CALÇA: “DESCULPA, ME ENGANEI, O QUE EU QUERO ESTA BEM AQUI NA MINHA FRENTE.” DISSE ISSO E JÁ FOI ABRINDO MINHA CALÇA, COLOCANDO MEU PAU DURO PARA FORA. FUI AS NUVENS QUANDO SENTI SUAS MAOS TOCAREM MEU CACETE. COMO ESTAVA, FIQUEI EM CIMA DA CADEIRA SENTINDO SUAS MAOS ALISAREM TODO MEU SACO. BANDIDA, PENSEI COMIGO. ROBERTA FOI ABAIXANDO MINHAS CALÇA E AS TIROU DE MIM, EU FUI ME LIVRANDO DA CAMISA FICANDO NU EM CIMA DE UMA CADEIRA. COM DELICADEZA DE UMA SANTA ROBERTA IA ALISANDO MEU PAU, MAS LOGO ABOCANHOU MEU CACETE COM A VOLUPIA DE PUTA EXPERIENTE. EU EM PÉ SENDO TENDO O PAU DEVORADO POR UMA NINFETA TARADA. ELA CHUPAVA COM MAESTRIA MEU CACETE, FAZIA ELE IRA ATE O FUNDO DE SUA BOCA, SUGAVA A CABEÇA DO PAU E APERTAVA MINHAS BOLAS. AQUELA TORTURA BOCAL DUROU UNS DEZ MINUTOS, ATE QUE ELA ME PUXOU DE CIMA DA CADEIRA E ME JOGOU NA CAMA, QUE PARECIA SER DE SUA MAE. AO ME DEITAR ELA TIROU SEU BABY-DOOL E MONTOU POR CIMA DE MIM ME EXPLORANDO NUM DELICIOSO 69, EU ME AFOGAVA COM SUA BUCETA LISINHA, TODA RASPADINHA E MELADA. SUA BOCA PARECIA QUE IA SUGAR MEU PAU PARA DENTRO DE SEU ESTOMAGO. ERA SENSACIONAL, SENTIR COMO AQUELA BOCA PARECIA UM ASPIRADOR DE PO. EU POR MINHA VES, LAMBIA, SUGAVA E MORDIA SEU GRELINHO, ENFIA A LINGUA DENTRO DE SUA BUCETA E UM DEDO EM SEU CUZINHO. ROBERTA GEMIA E REBOLAVA NA MESMA PROPORÇÃO QUE SUA BOCA SUGAVA MEU CACETE. ERA DEMAIS, ROBERTA GOZAVA ENXURRADAS EM MINHA BOCA. DEPOIS DE QUASE 20 MINUTOS NOS DEVORANDO DAQUELA FORMA, NÃO RESISTI E GOZEI COM VONTADE, GOZAVA FARTAMENTE E ROBERTA GULOSA ENGOLIA CADA JATO QUE SAIA. DEPOIS DESSA GOZADA ROBERTA TRATOU DE LIMPAR MEU CACETE COM TODA DELICADEZA. TERMINAMOS ALI E ELA ME PEGOU PELA MAO E ME LEVOU ATE A COZINHA, ME FEZ SENTAR E PREPAROU UM MIXTO QUENTE E UMA LARANJADA, TOMAMOS AQUELE LANCHE QUE ERA O CAFÉ DA MAHA DELA, POIS, EU HAVIA ACORDADO ELA. DEPOIS DO LANCHE, VOLTAMOS A NOS PEGAR E FOMOS NUM SARRO ATE O SOFA DA SALA. SENTEI E ELA SENTOU EM MEU COLO DE FRENTE PRA MIM E ME BEIJOU. IA ME BEIJANDO E ESFREGANDO SUA BUCETA EM MEU CACETE. MINHAS MAOS EXPLORAVAM SEUS PEITOS, COSTAS E BUNDA. ERA DELICIOSO SENTIR ELA EM MEU COLO, SENTIR SEU CORPO SENDO TODO AVALIADO POR MINHAS MAOS. MARAVILHAS. DEPOIS DE UM CERTO TEMPO, ELA SAI DO COLO E SE POE NO CHAO A MINHA FRENTE E COMEÇA MAIS UM DEVASTADOR BOQUETE. SUA BOCA SABIA CHUPAR UM CACETE, PARECIA ESTAR ACOSTUMADA FAZER AQUILO SEMPRE E MUITO BEM FEITO. MAIS UMA SESSÃO, EU NÃO QUERIA FICAR SO NISSO, LEVANTEI E A PUS DE 4 NO SOFA, FIQUEI DE PÉ POR TRAZ DELA E PEGANDO MEU PAU, ESFREGUEI EM SUA BUCETA. MAS QUANDO COMEÇEI A FORÇAR PARA ENTRAR EM SUA BUCETA VEIO UM NÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO, ASUSTEI COM ESSE NÃO, MAS ELA DISSE: “VOCE E DOIDO, EU SOU VIRGEM, QUERO ME CASAR ASSIM.” OUVINDO ISSO FALEI: - VOCE ME DEIXA DESSE JEITO E NÃO VAI DAR ESSA BUCETINHA LINDA, NÃO VAI DEIXAR EU TE COMER? QUEM DISSE QUE VOCE NÃO VAI ME COMER GOSTOSO? RESPONDEU ROBERTA, OLHA SO MEU CUZINHO DOIDO PARA EXPERIMENTAR ESSA PICA GOSTOSA. SORRI DE UMA ORLEHA A OUTRA E DISSE, NOSSA VOCE ADVINHOU MEU GOSTO. EM REPOSTA ELA DISSE, VEM LOGO MEU TESUDO. NÃO ESPEREI ELA PEDIR DE NOVO, FUI PARA TRAS DO GOL E BATI O TIRO DE META. ENFIEI COM VONTADE NAQUELE CUZINHO QUE PISCAVA, MORDENDO MEU PAU. MEU PAU ENTRAVA E SAIA COM VONTADE DAQUELE CU GULOSO, NOSSA, COMO A BANDIDA ERA VADIA, SEU CUZINHO AGUENTAVA SEM RECLAMAR. EU IA CADA VES MAIS FORTE, ELA REBOLAVA E GEMIA, PEDIA PARA FUDE-LA COM FORÇA. GEMIA ALTO, ME CHAMAVA DE SEU MACHO, SEU HOMEM E EU METIA MAIS E MAIS. SEU CU ATE FAZIA BARULHO QUANDO MEU PAU ENTRAVA E SAIA. DEPOIS SENTEI NO SOFA E ELA SENTOU EM CIMA DO MEU PAU E PASSOU A CAVALGAR LOUCAMENTE. SUBIA E DESCIA, EU APERTAVA OS SEUS MAMILOS, CHUPAVA COM FORÇA CADA UM DELES. ELA SENTAVA TODA NO MEU COLO E REBOLAVA GEMENDO. ERA UM DELIRIO TOTAL. VARIAMOS AS POSIÇOES E COLOQUEI ELA DEITADA NO SOFA, LEVANTEI SUAS PERNAS ATE MEUS OMBROS E SOQUEI DE NOVO NO SEU LARGO CUZINHO, OU MELHOR, CUZÃO, METI COM MAIS FORÇA, IA MAIS RAPIDO. ROBERTA TINHA GOZOS UM APÓS OUTRO, NUNCA HAVIA COMIDO UMA MENINA QUE GOZASSE TANTO ASSIM. EU METIA, ROBERTA GEMIA E GOZAVA, DE REPENTE... TOCA O TELEFONE, COISA RARA NAQUELA EPOCA, ROBERTA ATENDEU COM MEU PAU ENTRANDO E SAINDO, FALOU POUCAS PALAVRAS NO TELEFONE, POIS, NÃO CONSEGUIA FALAR DIREITO, MAS PELO QUE ELA FALOU COM A PESSOA, PERCEBI QUE ERA DONA LUZIA QUE ESTAVA LIGANDO. ROBERTA SO CONSEGUIU DIZER, “AH ELE JÁ PEGOU AS COISAS AQUI E FOI EMBORA”. DESLIGOU O TELEFONE E ME PUXOU FORTE PRA DENTRO DE SEU CU COM VONTADE, MEU PAU ATE PARECIA QUE HAVIA CRESCIDO MAIS ALGUNS CENTIMETROS, POIS, CADA VES MAIS ELE IA FUNDO. NAQUELE EMBALO E JÁ METENDO A MUITO TEMPO, NÃO IA AGUENTAR MAIS, EMPURREI COM MAIS FORÇA ENTERRANDO TODO PAU QUE HAVIA EM MIM NAQUELE CU E DESPEJEI COM FARTURA MINHA PORRA. ROBERTA SENTIA MEU PAU PULSANDO DENTRO DELA E FICAVA MORDENDO ELE COM SEU CU. QUANDO TERMINEI DE GOZAR,ANTES DE TIRAR O PAU, ELA PEDIU PARA EU DAR MAIS UMAS ESTOCADAS EM SEU RABO. ATENDI PRONTAMENTE, SOQUEI MAIS UMAS VESES E ENTAO VI QUE ELA GOSTAVA DE SENTIR A PORRA SENDO PRENSADA DENTRO DELA. DEPOIS QUE TIREI O PAU DE SEU CU, ELA SE AGACHOU POR CIMA DE UM PRATO E FEZ FORÇA PARA A PÓRRA ESCORRER TODA PRA FORA. DEPOIS QUE SE SENTIU LIMPA DE MINHA PORRA ELA PEGOU O PRATO E LAMBEU TODA A PORRA QUE HAVIA CAIDO ALI. CONFESSO QUE ACHEI NOJENTO ISSO, MAS ERA ELA QUE ESTAVA LAMBENDO MESMO, FODAS. LIMPEI-ME E VESTI, PEGUEI AS COISAS E PUS NO CORREDOR E DESPEDI DE ROBERTA AINDA NUA, COM UM BEIJO DE LINGUA. FUI EMBORA REALIZADO COM AQUELA FODA. ENTREI NO CARRO E FUI PENSANDO COMO EXPLICAR PARA DONA LUIZA, E TAMBEM PARA RAQUEL QUE CONHECIA BEM A ROBERTA, O MOTIVO DE MINHA DEMORA. PENSEI E CHEGANDO NUMA AVENIDA PROXIMO DO BARRACO, PAREI O CARRO E ABRI A TAMPA DO MOTOR, MEXI EM ALGUMAS COISAS LA SO PARA SUJAR A MAO DE GRAXA E OLEO, DESCULPA ARRUMADA, FUI EMBORA E CHEGANDO LA, ANTES MESMO DE ALGUEM PERGUNTAR ALGO, ME VIRAM COM AS MAOS TODAS SUJAS E SO FALARAM, VIXI A KOMBONA PAROU DE NOVO. DEI UM SORRISO CONFIRMANDO QUE SIM E DISSE QUE JÁ INHA RESOLVIDO. PEGUEI MINHA EQUIPE E FUI TRABALHAR.

ATE O PROXIMO E ULTIMO DESSE SERIE, PRA QUEM QUISER ENTRAR EM CONTATO COMIGO, MEU MSN EH: [email protected] PODEM ME ADD PARA TROCARMOS EXPERIENCIAS.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos eróticos estupros varoa eu vir a minha meia irmã tranzando e eu nao aquenteiFiz sexo com meu profeasmenage masculino contoso play boy e o plebeu 04 casa dos contoscontos eroticos A Dama e o Bruto contos saunas velhos chubbys gaysporno comendo em dois e explodindo cu ea buceta da novinha atéh ela cagarcontos anal c cavalos e tourosdavs contos eróticosContos meninas dez perde cabaço pro papaiirma punheta toma leiteprimos se pegando e com mãoboba pornodoido.comcutucando buceta de cadela com dedo zoofiliaRelatos Zoofilia qual melos cadela para sexoquero ver filme pornô com mulher nunca troco fio jogo da Live Jaraguá colocar achei até chorarcontos eroticos aprendendo a dirigirContos eróticos a gordinha e personal trainercontos de sexo depilando a sograAs Panteras o padrasto irmaos maeconto erotico de incesto estorei as praga do cuzinho da minha maeBUCETINHA QUENTINHA, protegendo com sua BUNDA MARAVILHOSAx vídeos enquantoo novinho se masturbavaaté gozar o negão metia lhe a picaintiaada chupando pau do ppadrasto desmaido de sonovídeos porno de bonecas de prático gigantescontos eroticos injeçaocontos de sexo depilando a sograeu mostro a Deus e o Diabo que eu como esse comer aquikkkklugar onde o rio nasce xvidioclarinhasafadinhaContos eroticos da mãe quando ve seu filho de cueca fica louca pra acariciarcorno prefere se masturbarpai e filho pelado conto erotico exercitoconto incesto sempre que vejp minha irmã fico de pau duro e ela cheia de tezaocontos eroticos caguei no pauConto erotico magnataContos de gang bang com dotados novinhaa chamada cadela incestogostosa.foi.faser.xixi e.tarado.atacolvizinho a aline contos eroticosxvıdeo anal com novınhascorno que gosta de ouvir da sua esposa como ela aguenta uma rola de25 cm no cuporno de lingua dençendo a guelaconto eroticos variss garotinhas muito novinhanovinha.prvoca avo q ta limpano a pisina e fode com elemeninas tirando a Virgindade aeh doiMeti minha pica no xiri da minha sogra de 49 anosxvideos cunhadinha nao resistiu amassagemo coroa nos comeu contosexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaoezibir vidios o cacorro e criado desde pequeno com a menina derrepente ele resoçve comer a buceta delavisando dentro da bucetascomeinha buceta to com tesãomulher engata com cachorro grande e nao consege desengata pornovideos porno gay de jander pauzaovovo gostosa seduzindo o neto contos eróticoscorno prefere se masturbarpelego pauzudo nuxvideos rolas chapuletadasezibir vidios o cacorro e criado desde pequeno com a menina derrepente ele resoçve comer a buceta delafotos de mulher lefa e que aquenta fuder com pic grande da cabeca grossa e a mulher peituda e deramando leitefilha minha femea contoeu e meu marido adoramos fazer sexo grupal contosmae beba fas fiho chupa putariabrasileiracomo fazersrxo pinto vibradorxvedeo as 20 mehores gozadajantar em familia mulher senta no colo do marido e começa a transar sem a familia desconfiar pornoquero ver vídeo de menina virgem dando para homem dotado que arranca vida dela com força como se fosse um estrupo mas esse tipo como se fosse de vídeo vídeo de pornô vídeo de sexo e suas coisas Eu quero ver vídeo da simloirinhas da minha região, estou doidinho para acabar com seu sufrimento sexualhome filma mulhe no oinibosurpresa+no+banheiro+pornocuzinho mulher no comando rebola analloirinhas da minha região, estou doidinho para acabar com seu sufrimento sexualRelato de cornos submissojaponesa de Cubatão novinha porno com endereço telefonequero ver madrasta chupa sua em teada dormindocadelas graudas no cio em zoo.casadoscontosmãe tentando resistir as artimanhas do filho pornocontos eroticos gay dei a bunda dentro do cemitérioconto em casa neste frio minha boceta pede pica paiclitoris vantajososContos eroticos socaram a rola na buceta da minha esposa e a engravidaraoBAIXA VIDEO PORNO APROFESSORA ELIZABETI DA ESCOLA NANDEJAmontei um armario pra uma coroa ela me atacou e chupou meu pau tv bucetacontos sadomazoquismo estuproCorno humilhado na lua de melFui inciada pelo amigo do meu pai contos eroticoshistorias eroticas perdi minha virgindade anal e vaginalcontos sogro e norapai pegou eu e meu irmao gay no sexo e entrol no sexovelho roludo come filha familia tdcurrada pelos negões no carnavaltexto amor quando você for me fuder,eu quero que você me trate como uma puta, como aquelas atrises de pornopornô caseiro da Mayara do colégiopornor doido batendo poleta na varanda sexo