Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Minha putinha Michele

Categoria: Sadomasoquismo
Data: 17/02/2010 21:03:54
Nota 7.17
Ler comentários (7) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

michele é uma gata morena, pernas grossas, pelos loiros pelo corpo,olhos pretos da mesma altura da minha, irmã do meu melhor amigo marcelo e por isso até hoje não nos falamos pois ele não queria aceitar nosso namoro ver se pode um amigo pensar assim, ela foi a minha 5° namorada já nos meus 22 anos no inicio de 2009 começamos no carnaval, e ela com 19 porém nosso namoro só durou três meses devido a essa pressão mas também percebemos que não havia muito amor apenas muito tesão,mas de todas as outras namorada michele é a q foi submissa a mim e realmente só descobri após o término do nosso namoro, após 2 meses depois chamei michele pra ficarmos uma vez numa festa de rua acabamos nos bjando e ela de saia fomos pra um lugar mais tranquilo e não deu outra enfiei a rola com ela me beijando bem gostoso, caralho gozei gostoso naquela buceta enorme com um grelo bem grande com os pelos aparadinhos fui para casa feliz e a partir daí q começa a história depois de um tempinho queria ficar com ela de novo ela me disse: meu namorado ta aki, olha ele ali quando poxa to namorando e não dá pra ficarmos me subiu um tesão, mas quando ele deu bobeira agarrei ela e dei um beijo ela reclamou: po pedro tu ta maluco,se ele me pega fazendo ia da maior merda pensa cara, ele deu mole conversando com os colegas e beijei ele novamente e disse:

- foda-se ele, eu quero vc e pronto sabe q te adoro gostosa

percebi q ela ficou balançada e beijei ela correspondeu um pouco, e falei para ela ir na minha casa no outro dia a tarde e ela retrucou: ha ha ha vc ta maluco vo trair meu namorado

- vai eu quero ficar com vc, vai lá vc sabe q não vai se arrepender,safada. eu falei no ouvido dela e ela riu ironicamente e foi saindo, eu falei a hora para ela ir em minha casa e eu disse: tu não perde por esperar, era uma sexta a noite no pagode e fui para casa achando q apenas fiz pressão atoa. e no dia seguinte eu em casa sozinho vendo jogo a tarde nem tinha me dado conta da noite anterior até q o interfone tocou fui atender e ela era me dando sermão: caramba ontem tu tava emmmmmm, brincadeira emmm meu namorado lá e tu me beija, ela entrou falando isso olhei nos olhos dela e a agarrei e ela me pedindo para parar dizendo q tava namorando até q ela não resistiu e laçou seus braços no meu ombro falando: vc não tem jeito né safado querendo pegar uma menina comprometida, ela tava de short fui tirando sua blusa aiii aqueles peitos e aquele bronzeado natural dela me matam,comecei a mamar naqueles peitos até chegar a boceta mamei deixando ela torta de tesão, mandei ela mamar na minha pica e falando

- chupa sua puta, safada hummmmmm namorando e ta aki caindo de boca na minha pica sua safada, de hoje em diante vc vai ser minha puta tá safada

- vc sabe q me amarro nessa tua pica e só por isso to aki a pica dele não igual a sua, não é tão grande assim e deliciosa teu safado pode deixar q vo vim aki sempre que vc quiser para te dar bem gostoso,ela falou

peguei ela e botei naquela xota e fodemos até eu gozar, e a safada me provocou: ham fez tanta questão de me comer e só me deu isso, porra fiquei macho e a agarrei ela pelos cabelos peguei o gel e disse q ia botar no cu, ela falou q eu não ia fazer isso, passei e fui empurrando e ela choramingando

- ai pedro ta doendo devagar safado por favor tem tempo q não dou o cu.

botei de uma vez e ela deu um aiiiiiii e fui metendo pra valer, botei ela de frango assado e empurrei no cu dela com força e comecei a dar tapas na cara dela

- vai puta geme vai toma no cu gostoso vai safada dou minha vida apostando q aquele corno nunca te fodeu assim

- não seu safado ele não me come assim, ele nunca comeu e nem vai comer meu cu de agora em diante ele vai ser só seu safado

-fala q ele corno e me fala quem é seu macho

- aiiiiiiii vai safado me come adoro tua pica no meu cu vc sabe disso mas hoje ta gostoso demais, esquece meu namorado q ele é um corno, vai me come vai meu macho, vc não falou q sou uma puta, soca na tua puta vai me bate safado teu covarde adora esculachar uma puta então vai me esculachar se for homen

bati mais forte e ela tocando siririca gozou continuei metendo

felizão fui socando naquele rabo até q falei q ia gozar tirei a camisinha e dei leitinho pra ela

- vai dá leite pra putinha aki vai safado, vai meu macho

gozei na boca dela

- sua puta olha de hoje em diante eu te comerei quando eu quiser tá ouvindo minha putinha

- tá meu macho to a sua disposição se vc me comer assim vo te servir pra sempre safado

ela se arrumou e foi embora e depois me telefonou

- poxa adorei pedro só te liguei pra falar isso o corninho tá aki deixa eu desligar tá bom meu macho

no mesmo dia a encontrei no baile com o corno e umas amigas e seu irmão tambem tava com a sua namorada nem cheguei perto mas quando o corninho saiu de perto dela ela fez sinal pra mim ir para outro canto do baile, conversamos e falei q queria um boquete ela falou na saída quando saimos ela foi embora com suas amigas como ela morava mais distante do q as amigas a segui e nos encontramos em baixo de um telheiro do botequim perto da mesa de sinuca e ela disse pra botar pra fora, coloquei e ela caprichou, dei uns tapas na cara dela q foi falando

- bate vai na tua puta bate pra mim mamar essa rola gostosa

ela mamou até gozar em sua boca, paramos e conversamos um pouco ela falou q apesar de gostar dele mas q o corninho nunca comeu ela assim q ele não demora muito pra gozar e é devagar e q tambem ele é doido pra comer aquele cu mas ela não deixa e q a pica dele só tem 16 cm e não é tão boa quanta a minha 20 cm

- esse cu de agora em diante é só pro meu macho, aiiiii ja to até vendo q o meu cu vai sempre ficar pegando fogo safado com essa pica tesuda arrombando ele

ela foi embora para casa, mas passando alguns tempos depois em plena tarde de domingo, liguei para ela ordenando q viesse até minha casa ela largou seu namorado e veio até a minha casa ( moramos distantes um do outro ), chegando ordenei para q ela disabotoa-se minha calça e tocasse uma punheta para mim, oq ela fez na maior vontade mas como minha intenção era humilha-lá deixei ela tocar e ela veio prontamente meter a boca na minha rola, não deixei até q mandei ela acelerar na bronha até q gozei em sua cara limpei seu rosto dei um tapa na sua cara e disse : pode ir vagabunda volta para aquele corninho, minha putinha

pra q ela ficou muito puta e disse : ´´vc tá de brincadeira né só pode tá, vc me tirou de casa, deixei meu namorado lá e vc me dispensa assim, vc é um tremendo de um filha da puta. não sei como perco tempo numa palhaçada dessas esquece q existo``

achei aquilo uma puta rebeldia e a agarrei levando seu corpo pro canto da parede e dei um tapa bem forte em sua cara e ordenei: olhá aki sua puta ai de vc me desobedecer pra q essa rebeldia vc tá pouco se importando pra aquele corno.

ela foi bolada pra caralho e quando ela saiu no portão eu disse mais tarde te ligo, dando mais tarde liguei para ela e pedi ela para me encontrar antes de ir para o baile mas aí ela falou q não podia e eu falei q ela iria sim se não eu a agarraria na frente dele, ela veio sozinha e disse q mentiu para ele dizendo q sairia com uma amiga e a levei para um canto, já tava escuro e comecei a beija-la e muito excitado falei para ela q não iria entrar no baile e a levei para a minha casa, chegando la pelas meia noite e pouca, meus pais ja estavam dormindo e como tenho um quarto separado da minha irmãzinha entrei com ela, assim quando entramos já dei um tapa na cara dela peguei uma almofada pq não queria foder na cama e fazer barulho para não acordar ninguem forrei no chão e joguei a no chão dei um bjo e mais um tapinha de leve e botei a rola para fora e falei: chupa sua vagabunda e ela fez cu doce não queria mamar agarrei ela pelos cabelos forçando sua boca até minha pica e ela mamou gostoso, tava doida chupar a safada e chupava da cabeça até as bolas e eu tava ficando maluco com essa putinha, como tava curtindo aquela situação logo eu q sempre tratava as mulheres com mais carinho, sentei na beirada da minha cama e fiz ela chupar meus pés e ela fez com muito gosto, porra tava me sentindo um rei depois a levantei e botei ela de 4 e chupei seu cu pelo menos por uns 5 minutos e botei no cu dela sem camisinha e ela reclamou pedindo para mim passar um creme para facilitar e eu como nem dei bola para o pedido dela e de 4 na almofada fui forçando e ela gemendo e falei bem no ouvido dela: cala a boca tua putinha q acordar meus pais piranha e ela falou baixinho :

- poxa pedro ta doendo po passa so um creminho para facilitar

humm fui botando a pica assim mesmo sem creme nenhum e o cu da safada foi se abrindo até q passou o cabeção e ela deu um gemidinho e falei para ela para de gemer dali para lá comecei a socar com vontade naquela bunda e depois a virei botando ela de frango assado e botando pra valer naquela vagabunda e quando mandei ela cavalgar na vara, como a safada subia e descia, tava uma maravilha e ela querendo gemer e eu não deixava e por ultimo voltei a pegar ela de 4 e como botei com vontade ela querendo gritar

- não geme puta apenas curte minha pica, falei em seu ouvido

- poxa pedro me beija, assim fica impossivel não gemer vai por favor pedro me beija, ela suplicando assim no meu ouvido

e sendo assim parei um pouco de socar e falei no ouvido dela

- aguenta calada minha putinha, aguenta q eu sei q é isso q vc curte

- ai pedro eu adoro um pau no cu mais me beija tesão

dei um tapa de leve e mandei ela se calar e encarquei gostoso naquela bunda daí foi uns 10 minutos de pica no rabo dela e ela chorando querendo gemer e eu não querendo beijar ela, aquilo tava me dando tesão fazendo ela se submeter a mim e tambem tava percebendo q ela tava curtindo, mas não podia se masturbar eu a impedi dessa pratica naquela hora até q botei tanto q ela cagou no meu pau, gozei gostoso naquela bunda e quando vi a cara dela tava escorrendo lagrimas, acabamos e fomos no sapatinho para fora da minha casa e a levei lá para cima no terraço liguei a bica lavei a minha pica com sabonete e mandei ela chupar, me apoie na parede e dei um tapa com vontade na cara dela pois lá em cima não acordaria ninguem e ela prontamente mamou, meu pau tava ficando duro e mandei ela chupar até gozar em sua boca desa vez o demorei a gozar pois havia acabado gozar mas como a chupeta dela tava deliciosa foi endurecendo e daí não aguentei gozei na boca da minha putinha e depois disso mandei ela engolir, coisa q a safada fez com muito prazer olhei aquela boca e acabei mijando na boca dela e a fiz engolir meu mijo, no inicio foi dificil mas ela acabou engolindo lavei seu rosto e a levei em sua casa, já era umas 4 da manhã e no outro dia liguei para ela e perguntei: ´´como tá vc putinha, como foi seu dia ontem``

e a safada me respondeu: ´´ melhor seria impossivel seu safado espero ser sempre assim meu macho``

depois cheguei a conclusão de q a minha prima renata tava certa, mulher puta temos q esculachar para ela gamar

Comentários

f3
22/12/2012 21:04:21
seu conto foi mais ou meno por isso vou dar uma nota 5 vc exagerou e abusou muito da coitada que era mau comida pelo corno
24/11/2010 19:04:55
pegou a putinha de jeito, srrsrss
18/06/2010 15:54:39
hhuuuummmmmm, gostei apenas continuo sem gostar que digas esses exageros, 20 cm???? mas vc deve ser bem gostosoo! Nota 7 pra vc (penalizado pelo 20, rsrs)
28/02/2010 08:58:41
cara o conto tavamuito bom. mas da metade pro fianl ach que vc se perdeu mas mesmo asssim vou dar nota 8
LIz
19/02/2010 16:26:07
Uma delícia. So tira meu tesão falar de "cagar" no pau, mijada na cara... Acho meio nojento...
18/02/2010 07:48:01
EH, BOM, DEU PARA EXCITAR, TEM BOA IMAGINAÇÃO.
17/02/2010 21:39:30
sensacional

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


Mamando o caralho do vovo contoseroticosmadrasta de camisola foi tomar agua de noitefilme pornô de guerra fria maior chupando grelo da outrapapai penetrou a minha buçetinha virgem e sem pelinhoscontos fudida por um caralho grande e grosso insertosrabuda na garupa da moto o vesdidinho sobi e mostra a caucinhamuiler da buseta ixada levamo varaMae e puta fudeu filio estoriaporno contos pelo zpvídeo da vizinha ela é pornô chama o marido da outra novela saindoevangélica Sáfadinha mostrando a bucetapai tarado ia enfiar so a cabecinha mais enpurrou na bucetinha da filha virgendoce nanda parte cinco contos eroticosnovinha mostrando a buceta gozada com 10 picadinhos rabada bucetacontossou safado como minha maeporno provisional com casal apaixonadoscontos eróticos fui da o cu e cagueiconto erotico macho dominador convida amigos pra foder viadinho submissoexperimentar sexo anal mesmo sendo heterossexual pode ser perigosovídeos de biscatinha novinha brasileira gostosa safada entiada metendo c padrasto sem ninguém percebervideos porno e sensuais de mãe de Santos que dizem que as pomba giras gostosas mais gostosasContos eróticos de incesto mae que cuzinho guloso e o seu engoliu todo o meu cacetaocontos de sexo depilada na praiahomemfudendooltrocontos provoquei papai pauzudohomem peludo com o penis levantado elatejando de tesaocontos zoo dalmata.meu machoContos eroticos de mulheres de manausgarotinhas bem novinhas descubrino otezaocontos de sexo com meu pai metiii vaii issotarado alisando e pasando a mao e metendo o dedo na xoxota da filhota novinha timida depois empurra o pau devagar ate gozar dentrosexo porno meu pai foi ate meu quarto me chama pra conversa e me chupou ate eu gozafilinha novinha chega. colegio corre senta colo pai pra senti pau pai vibra na sua bundinha contoscomendo o primo a foçaxvideosporno ele e louco pra fuder a tia " depois de tantas punheitas ela deixa foderminha cunhada me procurou para treparsexo suor e gemidosvideos latifa comendo merdasex araminhamorena de 58kg dando a bucetacontos eroticos insestos família unida papai mamãe e meu irmaonovinha contraída com a cabeça da pica lá dentrosexo deixando mae com bunda doendo contocontos eu e meu marido fomos no jogo de futebol no onibus dei pro negao eninguem viuo negao fode o cu do moreno porque ele tava cantando na piscinavideo porno menina no colégio internato madre superiora vendonovinha loirinha de onzeanos bucetinha enxadinha transando com papaiPorno contos incesto familia prazer total qualquer idadecontos eróticos gay da cidade de tupã ?assistente de palco do programa vai para o teste do sofa pornosou casada e fui bolinada gosteideu remeduo p/ mae dormi efode com elaesculachou o cu da filha adolecente ate gosa dentroxvideos cangáceiras eroticascontos de sexo as novinhas e os padrinhos picudos com jumentosconto esposa do pastor tranzou com molekXvideos batendo punhenta vendo gostosa de bucos na picinacontos de sexo depilando a sograEu e minha mãe no ônibus de excursão-contos-incesto-filho e mãe-incesto no onibusporno rabuda pulando naraporno contos alberto comeu minha mulherfoda incesta mae dormindo bem profundo tipo estupro putaria brasileira cenas fortes de estrupo mae sexoperdendo a virgindade com um gigolo com muito tesao no pausexo taboo com toda a família contos ineditos mães e filhos online contos de incesto chupando buseta labefo pasda mso bocsfotos da bucetas da sadinaenteada dorme de conchinha com padrasto e e penetrada.porno incesto com muita seducaovideo de porno gay fui estrupado pero mel primocontos enrabei um cuzinho gostosofilho dopou sua mae e fudeu ela dormindo cantos eroticomulher cagando com prisao de ventre porno