Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Minha primeira vez no club swing solteira

Um conto erótico de Roxy
Categoria: Heterossexual
Data: 20/02/2010 22:22:22
Última revisão: 20/02/2010 23:29:50
Nota 9.83
Assuntos: clube, Swing, solteira, Anal, Oral, dp, Grupal

Fui casada por muitos anos, e meu marido nunca quis nem visitar boates de sexo, nem de swing e muito menos fazer troca de casais por mais que eu insistisse. Passei todo esse tempo (casada) muito curiosa, com vontade de conhecer um lugar desses. Recentemente foi que descobri que mulheres podem entrar desacompanhadas, e que não necessariamente existe troca de casais...

Então o problema era convencer um amigo ou amiga pra irmos, já que sozinha eu não iria mesmo.

Encontrei uma amiga e falando sobre isso ela topou. Obaaaaa Finalmente vamos conhecer !!!

Estava em Sampa, e era carnaval, sem nada pra fazer...

Eu tenho 1,70m tenho cabelos longos lisos e castanhos, olhos castanhos, bunda boa, seios médios, estou bronzeada cheia de marquinhas. Minha amiga é loira, tem 1,65m, olhos azuis, cabelos cacheados longos, corpo perfeito, tbm esta bronzeada, com marquinhas, digo isso porque estamos chamando a atencao mesmo....rsrs.

Somos super sorridentes pq estamos sempre falando coisas, bobagens e morremos de rir.

Conseguimos o endereço e fomos, no bairro Moema. Passando na frente um homem nos recebeu no carro, muito simpático, nos convidou para entrar e ver sem compromisso. Bom foi pra isso que viemos neh ? Então aceitamos, e ele foi nos levando pra dentro do club. Nos apresentou cada cantinho da casa.

Logo que entramos, vimos uma danceteria normal, com pessoas dançando, mesas baixas e altas, balcão e um bar... ateh então tudo muito comum e normal, diferente do que imaginei que seria, (imaginei que o lugar teria jeito de motel ou algo, sei la, rsrsss) a única coisa que destoava de uma baladinha, eram 2 gogo-boys dançando, e alguns poles, mas ninguém estava usando naquele momento. (pole, aqueles paus que as mulheres dançam agarradas nele). Então esse “anfitrião” continuou nos apresentando o club, e fomos para uma parte ao ar livre, local hoje reservado aos fumantes. Do outro lado da pista de dança, uma cortina negra, me dizia que por ali é que estavam os tesouros da casa.

Então entramos num corredor escuro, onde ele foi nos mostrando primeiro uma sala com sofá grande, que seria uma sala coletiva, ele soh disse isso. (e eu imaginei coletiva, todos se encontram...rs) depois algumas cabines, pequenas, com sofá, ventilador, álcool gel e papel... hummm. Seguimos por outra cortina negra, onde ele disse ser o começo do labirinto. Então vimos alguns corredores repletos de cabines, algumas com cortina na porta e outras com porta mesmo.

Me chamou atenção que nessas cabines existiam buracos que poderiam ser fechados segundo o gosto de cada usuário e logo fiquei imaginando a quantidade de possibilidades na utilização destes buraquinhos na parede rsrsrs.

Nos mostrou os toaletes e neste tempo, vimos as pessoas circulando por todos os ambientes, mas abriam espaço para que passássemos, já que o gerente levava uma lanterna com ele.

A ultima parte, reservada apenas aos casais, onde apenas iríamos olhar mas não poderíamos permanecer por estarmos “avulsas” era uma sala onde o teto poderia ser aberto, com espreguiçadeiras, e sofás, e algumas salas reservadas a gosto.

Depois disso então, agradecemos ao gentil “anfitrião” e fomos nos sentar em uma das mesas no salão, e pedir uma bebida. A musica mudou e os gogo-boys começaram a recrutar algumas muheres para a pista. Eu e minha amiga continuamos sem saber ao certo como a coisa funcionava.

Não parecia ateh o momento ter sido uma grande idéia ir a este lugar. Ateh que um dos gogo-boys veio me escolher pra dançar com ele. Eu fiquei super desconcertada, não queria aquilo, e nem que percebessem a minha presença ali, e neguei... ao que o DJ logo falou rindo ao microfone: - ohhh morena ta com medo, pra que veio ?

Nossa... todos olharam pro meu lado, fiquei vermelha de vergonha. E roxa de raiva...grrrrr, levantei e fui ateh o bar pedir mais uma bebida pra desviar os olhares, e pude ver de longe minha amiga rachando de rir da minha cara... grrrr

Quando voltei pra mesa, o dançarino voltou segurou meu rosto ainda dançando e falou o meu ouvido.. : - Não fica sem-graça não, isso passa... e deu uma risadinha maliciosa...

Nem sei se ficou melhor ou pior minha situação, mas ainda bem que anunciaram o show de stripper masculino, obaaaaa pelo menos as mulheres iriam esquecer de mim....

Não entendo porque o cara não pode fazer um nu completo, isso ainda me parece de um machismo sem tamanho... Mas percebi que ao final do show, a pista estava mais vazia, então minha amiga sugeriu que a gente fosse ver aqueles corredores como estavam. Passamos pela primeira cortininha negra, e logo de cara, vimos dois homens de frente para uma parede que tinha um sofá... estavam fazendo aqueles movimentos dos quadris que adoro.... mas estava tão escuro, que não vimos muito.... mas algumas pessoas estavam se acomodando para poder assitirDepois melhorando a vista, vimos que havia uma mulher sentada no sofá e oferecia um boquete delicioso aos dois alternadamente, e segurava com a mao o outro na espera... nossa que explicito !!! Uma mulher fazendo uma boa ação, que divino !!!! As pessoas iam chegando e se acomodando e alguns se tocavam enquanto assistiam a tudo.

Continuamos pelos corredores e vimos uma sala fechada onde deixaram uma janela sem fechar a cortina, já algumas pessoas se amontoavam para ver... eram duas mulheres com uma cara. Ele estava com aquela cara de tesao gostoso, enquanto comia uma mulher de 4 e ela chupava outra que gemia feito louca... nossa que delicia... olhei pra minha amiga e comentei: - tem gente se dando bem heim ? Ela: - to ficancdo com vontade.....

Realmente isso deixa a gente com vontade, ainda mais a cara dele... hummmm

Como tinha pouca gente, voltamos para o salão, e vimos uma bateria tocando musicas de carnaval... onde uma mulata fazia seu show agora.

Curtimos o show, afinal era carnaval, e se não fosse aquela bateria, ninguém nem lembraria disso !!!

Terminamos nossa bebida e, bom vamos passear novamente, porque o salão estava bem vazio agora.... Não sabíamos se tinham ido embora ou estavam la nos fundos.

Fomos entrando e percorrendo os corredores, desta vez muita gente caminhava tbm pelos corredores olhando as cabines que estavam vazias... Fomos ateh o final e começamos a voltar, minha amiga seguia a frente, uns 10 passos adiante, quando um homem segurou-a pela sua cintura, falou algo no ouvido dela e ela sorriu... Eu estava indo na sua direção já pensando em perguntar o que ele tinha falado quando um homem entrou na minha frente, segurou em um dos meus braços e disse todo sorridente: - oi, ainda sem-graça ?

Dei um sorriso pra ele e ia dar um passo atrás, quando senti outro homem encostando no meu corpo por trás... (fiquei presa!!!) por cima do ombro deste cara na minha frente vi minha amiga ainda sorrindo e trocando confidencias com aquele homementão simplesmente pisquei os olhos demoradamente pra sentir minha situação ... Os dois homens sentiram isso e fizeram mais pressão... onde eu me vi num delicioso sanduícheaquilo por si soh já me excitou, pois nunca estive com dois homens assim antes . O homem da frente era bem jovem (calculei menos de 30), alto, moreno, começou a passar as mãos pelo meu quadril, cintura, me trazendo pra ele e se esfregando em mim, mostrando como ele estava com vontade.... O homem de trás era um pouco mais velho (creio uns 40) era mais gordo, alto tbm, cabelos castanhos, e começou a roçar seu pau na minha bunda, enquanto agarrou meus seios suavemente.... Entrei em transe !!! Recostei minha cabeça para trás, apoiando no ombro do homem nas minhas costas, enquanto sentia os dois se esfregando e me acariciando ao mesmo tempo por todo meu corpo.

Foi então que senti outras mãos deslizarem sobre mim. Lembrei então que estava naquele corredor das cabines, onde as pessoas foram se amontoando em volta e passando as mãos pelo meu corpo tbm, e dos dois homens...

O homem a minha frente segurou forte minha cabeça e começou a me beijar sem parar, ele metia sua língua na minha boca explorando cada centímetro da minha boca, não me deixando falar nada, enquanto o outro homem atrás começou a levantar meu vestido que não era tão curto, mas ele levantou praticamente todo ateh a cintura e invadiu por dentro da minha calcinha, esfregando meu clitóris, me fazendo gemer na boca daquele outro homem.

Senti algumas mãos, afastando minha calcinha para o lado, e passando pela minha vagina e meu rabinho.... eu tentava saber quantas pessoas, mas era um aglomerado de gente que parou no meio do corredor, todos com caras simpáticas, com sorrisos ou caras de tesao, me alisando e participando dessa encoxada.

O homem de trás então resolveu investir, e começou a me penetrar com um dedo, devagar, entrando e saindo bem suavemente, ao mesmo tempo que o da frente ainda me beijando, foi afastando a alça do meu vestido e colocando um seio a mostra... que logo abocanhou deliciosamente, me arrancando mais um gemido...

Eu estava totalmente entregue, estavam me apertando de forma que eu não tinha nem reação ao mesmo tempo que me penetravam com um ou dois dedos e me chupavam os seios....

Então eles (os dois) foram me arrastando para uma das cabines sem porta (soh cortina), sem me soltar e apertando bem forte meu corpo no deles.... Eles devem ter se comunicado de alguma forma pois o cara da frente pegou uma camisinha, e me olhava com cara de desespero... Ele tinha um pau lindo, e estava tão duro, agarrei aquele pau quentinho, tão macio, ele fechou os olhos, e então colocou a camisinha e me segurou firme, me virando de costas pra ele, mas antes que eu pudesse entender, o cara que estava atrás agora na minha frente começou a me beijar, e agarrando meus seios ele parecia encantado.... O cara agora atrás, lambeu os dedos e passou na minha bucetinha, e logo em seguida veio devagar, falando no meu ouvido: - Deixa eu comer vc que não agüento mais, gostosa.

E foi entrando aquele pau gostoso bem devagar, afastando minhas nadegas, e dando uma bela olhada onde ele estava entrando.... ele gemeu quando entrou e começou a me comer bem gostoso... Gozei naquele minuto. E ele não agüentou sem comentar: - Estava precisando de um trato heim querida....? Empurrou meu corpo pra frente, pra me comer melhor, e eu fiquei de frente pro pau do outro cara, que me assutou.

O cara tinha uma latinha de Skol no lugar do pau.... Era um pau grosso, mas grosso mesmo !!!!! Não era muito grande mas nunca tinha visto nada tão grosso. Ateh me assutei !!!

Ele nem se preocupou com nada, ele simplesmente empurrou minha cabeça pro pau dele, que ocupou toda minha boca, delicia de pau na boca, pude abocanhar ate o talo.... ele gemia em cada abocanhada... e me chamava de deliciosa.... Então estávamos todos num auge... Delicia de momento, onde as pessoas que estavam vendo não conseguiam nem se conter... algumas gemiam junto e continuaram a passar a mao no meu corpo, seios, quadril.... enfim eu estava em outro planeta.

Quando fui me apoiar na parede, encontrei um daqueles buracos na parede, e encontrei tbm um pau metido nesse buraquinho. Um pau muito duro, o cara devia estar acompanhando tudo e estava desesperado. Então comecei a masturbar o cara com uma mao, o dono daquele pau que eu não via o rosto, ele era somente um pau precisando de alivio... tadinho. Pensei, estou realizando uma das minhas fantasias de ter alguns homens nas minhas mãos dependendo de mim, (na verdade eu estava na mao deles...mas enfim...) gozei mais uma vez bem gostoso, minhas pernas chegaram a tremer, com aquele cara se enterrando todo na minha bucetinha, com força.... uma delicia.

O cara que eu estava chupando pediu pra trocar com o outro cara, dizendo que eu estava gozando e ele não tinha me comido, e eu me assutei, como que eu ia colocar aquele pau dele pra dentro, pobre da minha bucetinha, ele vai arrumbar tudo.....

Então o cara mais velho, sentou no sofá com aquela latinha de Skol disfarçada de pau, colocou uma camisinha, (nem sei como que a camisinha entrou naquilo) e me chamou : - vem linda.... E eunem tinha como escapar... cheguei ateh a olhar pros lados, então senti que aquele pau do buraquinho tinha gozado na minha mao.... e o outro cara estava sorridente me olhando e esperando... As pessoas continuavam observando, e alguns homens ainda se masturbavam enquanto curtiam minha aventura.

Então fui de frente no colo do cara (o da Skol) e fui sentando devagar, mas era como uma coisa impossível.... aquele pau não entrava... então ele foi me empurrando pra baixo, segurando no meu ombro, e aquele pau grossissimo, foi entrando e arrebentamdo minha bucetinha.... nossa doeu !! Eu gritei de dor, ao que umas pessoas adoraram.... e eu: - Aiiii devagar !!!! E ele muito badboy, segurou meu pescoço me puxando pra baixo, sem chance de escapar, me vestindo naquele pau enorme como se eu fosse uma camisinha pra eleEle me enterrou ali literalmente, e eu não sei mais se era dor ou prazer, mas depois que entrou tudo, ficou melhor.... Então o outro cara começou a se preparar para comer meu cuzinho... ele lambeu, molhou, cutucou, enquanto eu sofria na latinha de Skol... Por fim ele foi entrando, mas infelizmente, não tinha espaço pra ele.... Então eu sai do pau grosso, e me arrebitei toda pra o outro entrar no meu cuzinho.... Aiiii que delicia ele foi entrando gostoso, ateh escutei alguém gemendo la fora, junto comigo.... e quando ele estava já instalado, eu fui sentando no pau grosso.... mas não adiantava, quando o pau grosso entrava, o outro era praticamente expulso.... não teve jeito, mas isso me fez gozar mais uma vez. Mas tentamos, e a cada tentativa, eu quase gozava.... Por fim o que estava sentado, me enterrou e gozou profundo dentro de mim, com a boca no meu seio. Então eu levantei, e fiquei ainda de costas e em pe, e o outro comeu meu cuzinho com tudo.... Dava tapas na minha bunda, de leve, mas me segurava com força nos ombros para ficar firme e enterrava aquele pau todo no meu rabo, deixando gemidos por toda a cabine, e gozou depois me comer por uns 10 minutos.... O mais engraçado é que eu estava apoiada, com as mãos no ombro do outro cara que já tinha gozado. Foi muito louco tudo isso. Eles não se conheciam tbm. Achei que a gente merecia aplausos, mas logo percebi que eles estavam é esperando sua vez... ja pensou ?

Eu estava exausta, aquela cabine era muito pequena e abafada, alias as pessoas fecharam a circulação de ar ficando na frente para ver.

Comecei a procurar minha calcinha e o cartão da boate, e não achava...

Alguém me entregou a calcinha, e uma mulher me devolveu meu cartão... Ela estava com uma cara de safada que ateh assutei...rsrs

Me recompus, e fui andando pra fora.... precisava de ar, ainda me passaram a mao no caminho do corredor e tentaram me agarrar, mas percebi que ali se vc fala nao, é nao mesmo, nao tem confusao, isso é legal...., mas agora eu não tinha mais forcas... estava tão feliz mas tão cansada.....

Fui La pra fora fumar um cigarro, e não encontrei minha amiga, depois fiquei sabendo que aquele cara que segurou na cintura dela, a levou para uma cabine prive, fechou todos os buraquinhos na parede, e janelas, para ficar somente com ela. Deve ter sido muito interessante, mas ela é quem tem que contar como foi.

Quero voltar la novamente, ateh quis voltar no dia seguinte, mas minha amiga não podia e sozinha, realmente não tive coragem.

Não moro em São Paulo, mas quando estiver novamente em Sampa, preciso passar pelo clube, porque sei que vou adorar, alem é claro de fazer alguns "amiguinhos" felizes !!!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
09/06/2014 06:59:01
bom, gostamos bastante
11/07/2013 15:23:11
ou quem estiver afim de um suing entre em contato comigo em um dos meus emails
11/07/2013 15:21:49
topo um suing bem gostozo
11/07/2013 15:18:24
gostaria de um casas pra fazer um suing
29/11/2012 21:25:33
delicia, sou casado e adoraria que minha esposa topasse isso, mas ela nao gosta, fico so no desejo, ironico né, seu marido nao gostava.
2F
10/01/2012 10:45:07
Que safada... Show...
11/04/2010 19:34:43
quero comer a sua buceta cachorra com meus 23 cm de puro prazer e fuder seu cú
27/03/2010 08:56:57
quer ver sua esposa trair vc na sua frente, vc vai ficar de pau duro,vai ter a vontade que sempre quis, ver sua esposa com outro, sigilo absoluto,honestidade e respeito, , espero por vc
12/03/2010 22:27:38
Semprevamos a casa de swing aqui em nossa cidade, são 3 casas, é isso ai mesmo que foi narrado.
22/02/2010 13:59:47
Nossa que delicia ... hummm, gozei gostoso. Adoro essas brincadeiras. Interessadas entrem em contato:
21/02/2010 21:35:55
Merece um 10! Parabés pelo conto!!!Eu e meu marido tbm vamos em clubes de swing é muito bom!!!
21/02/2010 00:19:50
Que delícia de aventura! Bjs e conte mais!
20/02/2010 23:50:54
MUITO BOM...
20/02/2010 22:56:36
quem sabe .. Marmanjomas ainda nao consigo esquecer esses momentos....
20/02/2010 22:53:40
historia boa sim!! o texto e cansativo mas da pa ler recomendo a leitura vo dar um 10 pois hoje foi o unico que li sem me deixar louco!!! tai gente vai ser sucesso sim vc tem minha permiçao pra continuar a postar contos!!! isso e bom (minha permiçao) algo valiozo vc tamben pode visitar meu site la vc encontra a lista dos 20 melhores comentarios 2009 e os 10 mais deste mes a vc vai ler uma reportagem especial sobre minha vida tem toda minha equipe e vc pode conhecer todas as revistas sites e outro meios em que faço parte e aki na cas dos contos ja recebi cinvite para faser parte da equipe ok
20/02/2010 22:39:09
Bom, já fui um destes homens que participaram destas começões, quem sabe não fui eu,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,




Online porn video at mobile phone


Contos Eróticos. Dona Veraeu emcaixando o pinto do amante na minha irma gostozasexo tesao caricia exitante gemido passadas de maos nos seiso na bucetaprimos boqueteiros. Tomei o leitinho do meu primo gueizinho pornogay raptou o vizinho para lhe chupar o pauporno safada batendo punheta pro ricardão na cama com o corno dormindo pornosaiu sangue da buceta da minha namorada quando nos estavamos trazandoMinha namorada seduzida pelo papo do pagodeiro contos de mulheresfiume porno brasileroflagante de sexo com patricinha de carangolaporno contos pelo zpalargada e assada e arrombada contoconto no cinepornoconto gay "todas as formas de amor"contos eróticos fui da o cu e cagueilesbica estuprada pelos cachorros do vizinho conto eroticoquero ver um vídeo de mulher transando com cachorro engatado usado berrando muito gayperdendo a virgindade com o meu namorado e elearromba minha bucetaxvidios os dias era asimporno conto erótico apaixonada pelo filho da minha madrastamulheres loucas de tesão que deixa a melhoria de tesão com a b******* buseta colchão gostosaxvidios outros puraipornodoido pesso para dormir por que tenho medo de trovõescontos sobre chantagiei minha tia e q comiContos eroticos seduzi a mae do meu amigo uma coroa bem recatada e dona de casacontos eroticos meu padastro tirou meu cabacinho e alem de fuder minha bucetinha novinha agora ele tambem fode o cuzinho do meu irmaozinho bem novonhoContos swing minha comadre e eu desfilando de calcinha para nossos maridosvideo pornotirando peos en el bañotirei.o.cabaco.da.minha.irma.dormindoum uisque depois de um cigarro pornovideo dondoca e maridi bisexualporno sobrinho vai dormi mais tia e fica de pau duro embaixo do lencouconto erotico gay negao pirocudo maltrata viado brancozoofilia baixo saiaconto erotico meu/marido transou comigo e meu sobrinhocontossou safado como minha maepapai me tirou o cabaçocontos lactofilia com fotos ou videoprovoquei meu filho vestindo um fil dental video pornoquero zap d travest d itaquecetubapai cospe no cuzinho da putinha depois mete o pauzaomeu sogro meu donovídeo de mulher pelada nua vídeo mulher pelada mostrando o pinto também amor quer vir aqui também é muito periquita Minha louca vida de mulher pelada nuachupando o cassetao do viado gay dos peitaopunheta apos encoxada em onibuscontos sobre chantagiei minha tia e q cominovnha ganhando varada no niversario de 18 anos jorrando porraporno caseiro dupla penetraçao ela fica brava porque doeu o cuvidioporno coroa branca buceta bem arbetaconto herotico minha namorada e meu paiContos eróticos: Rabetao da minha sobrinha sarrando na minha picafilme porno home nergro sorca vara na imtiadacontos eeroticos transando com a esposa e cunhada no interior do paranawww.brincandodaquilo.com vídeos pornopai pausudo fudeno o cusinho da filhasexo porno fui no meu ginecologista ao abri a perna ele me chupou todinha deliciaContos tetas bicudas e sem sutiãmulhepega outrana ponbaminha esposa e seus negoes comedores contosContos eroticos gay o engraxatenovinga da favela fazendo menagem depois da auladepilando a minha tia gravida contos eroticosmenino menoridade inocente porno gaydotado roludo malvado comm novinha com bucetinha muito apertadaLuana da nova temporada do quadro rola ou enrola em porno pai pausudo fudeno o cusinho da filhavideos porno para ver agora mae de 25 anos gostosa aproitar q a filha sai e esfrega mo genroconto erotico gay negao pirocudo maltrata viado branconeguei sexo ao meu marido e ele me pegou a força sexoconto eurotico academia com o menino bundudocontos eróticos comi o cu do filho da mendigapai cheira a cueca do filho com gozorelatos eroticosgosto de ser traidobundas que mexem em cima do caralhoConto pau mendigo punheta