Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Na escola aprendendo a brincar

Autor: claudia1979
Categoria: Heterossexual
Data: 10/07/2010 16:16:08
Nota 9.40
Ler comentários (9) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Na escola aprendendo a brincar.

Chamo-me Claudia no tempo que tudo isso ocorreu tinha apenas 13 anos, no caso passando de menina p mocinha p ser sincera me tornei mocinha com 12 anos e meio então já viu tudo p mim era novo e confuso, um turbilhão de sentimento começou a brotar em mim deixando tudo mais confuso com isso ocorreram fatos inusitados em minha vida e decidi compartilhar com vocês

Tudo começou na escola

Possuia amigos que me acompanharam serie a serie dês do pré, Vagner, Kátia, di, Rosana e eu. Eram os mais íntimos no caso a turminha que n se separa sabe então muita coisa aconteceu comigo nessa época.

Quem é quem nessa historia para que possam entender explicarei:

Kátia, essa a mais linda da escola, tinha lindos olhos verdes, loirinha uma graça de menina a mais desejada a mais tudo toda escola tem uma na minha era a Kátia, assim sendo era o grande amor do Vagner.

Vagner um moreninho lindo cabelo liso, boca pequenina, branquinho o mais desejado. rsrsr

Rosana essa era o grande amor do DI, Di era o primo do Vagner aonde ia o Vagner lá ia o di atrás, pois onde estava Kátia, lá estava o Vagner o di a Rosana e eu só que di tinha um porem ele nunca declarava p Rosana, mas como era do conhecimento de todos na escola Vagner e Kátia, Di e Rosana, amor de criança nada serio rsrsr eram os casais eu amiguíssima de Vagner e di, pois adorava brincar com eles éramos vizinhos e vivíamos juntos.

Onde ficava eu nessa historia intermediando conversa entre ambos, mandando recadinhos por ser mais amiga dos meninos, fazia essa ponte entre os quatros.

Mais era amor de crianças todos com 12 anos, nada que podes se comprometer nenhum nem outro.

Eu n sei porque q comecei a gostar do Vagner desejar beijá-lo enfim ter ele p mais próximo a mim, do nada brotou esse interesse meu por ele mais eu n tinha esperança porque o Vagner era da Kátia nunca olharia p mim, com isso claro minha paixão Por ele se tornou um segredo meu assim foi, dês dos 12 anos.

Assim foi indo quando estávamos na 8° serie, no meio do ano entrou uma aluna nova “Joana” que p os meninos foi como um colírio p os olhinhos “Joana” já tinha 15 anos uma mocinha formada com peitinhos avantajados bundinha empinada, chamava atenção por onde passava, porque nos n tínhamos nada disso p eles era tudo novidade, pra completar era crente rsrsrsr, virou chacota da escola porque usava um saiam que apesar de cumprida mostrava bem as curvas do seu corpo, nossa as meninas se sentia ameaçadas n pela beleza de Joana, sim pelos seus atributos .

Tornei-me amiga de Joana porque começaram excluí-la, por ser crente rsrsrs, mais isso n tirava seus atributos de modo que isso assanhou os meus amiguinhos Vagner e Di.

Joana logo ficou mal falada na escola por ser danadinha começou a ficar de beijinho com um beijinho com outro, isso n existia na nossa escola por ser escola pequenininha. Ela aproveitava o caminho de volta p aprontar as dela p vocês terem uma idéia Joana costumava tomar banho nua no rio que era no caminho da escola mais depois eu conto mais sobre Joana minha amiguinha.

E todo o caminho era cercado de mato por todos os lados, um dia me surpreendi com Vagner, que me chamou de canto pedindo-me para pedir p Joana que o deixa-se ver seu peitinho isso a caminho da escola n imaginam a minha surpresa, comecei a rir achando ridículo tal pedido, mais como disse éramos muito amigos, n sabia negar nada p ele n queria que ele ficasse bravo comigo, juro confesso que n vi maldade apenas achei bobo criança sabe ! De modo que acabei repassando seu pedido.

Como disse Joana n era bem vista na escola e eu também n achava nada demais por ser novinha, pensei comigo o que tem se ela n quiser fazer, eu falo p ele e pronto o que tinha demais ele ver o peitinho dela, usei da minha amizade para fazer Joana realizar o desejo do amor da minha vida p n ficar mal com ele.

Claro primeiro ele depois o mundo assim era p mim n fazia nada que podes se manchar minha imagem perante ele rsrsrs...

Ao sair da escola corri ao encontro de Joana p fazer a tal perguntinha se sim ou n.

Fui direta Joana o Vagner pediu p que eu perguntasse a você se você o deixa seu peito?

De inicio Joana disse n, n e n então lá fui eu com meu poder de persuasão.

Ha Joana o que tem ele só que ver!

Deixa se n eu n falo mais com você! O que tem ele só que ver, deixa vai ser rapidinho?

Novamente a recusa n, então eu disse se n fizer isso n falo mais com você viu e sai deixando-a p trás.

Nesse dia Joana, foi embora sozinha e brava, deixando-me sem a sua resposta, mais eu sabia que ela iria pensar bem no que falei, como disse ela era danada, e com certeza jamais iria querer perder sua única amiga, que no caso seria eu, p mim n passava apenas de uma molecagem do Vagner, de modo que n via maldade nisso, só ver o peitinho o que tinha de mais. “juro que n vi maldade no pedido dele” Rsrsrsrr

No dia seguinte Joana se mostrou bem mais disposta a fazer o que eu pedi e assim foi. Nós nos juntamos Kátia o di o Vagner e Joana, claro tramando como seria tal acontecimento, Kátia n sabia de nada então viemos comentando sobre o que ia acontecer.

Então Kátia mais ingênua que eu disse ai Joana o que tem olha e erguendo sua camisetinha mostrando aquela barriguinha branca sem peitinho nenhum nos rimos muito e falamos viu Joana nada demais até a Kátia fez! De modo que isso talvez tenha servido de incentivo p que Joana topasse tamanho desatino do Vagner.

Então encontramos uma trilha no meio do mato e o Vagner falou ali Joana, Joana desceu amedrontada e ficou esperando o Vagner, Vagner o meu lindinho enfim iria ver o tão desejado peitinho, Joana ergueu camiseta deixando amostra aqueles peitinhos lindos com auréolas marrons com biquinhos enrijecidos ai tava frio! rsrsrr devia ser por isso, eram lindos tenho que confessar os peitinhos dela, peitinho esses de mocinha de quinze aninhos, até eu queria ter um daqueles claro que com os meus treze anos, n poderia ter mais a Joana há Joana .

Nossa o Vagner voltou com a buchechinha rosadinha encantado com o que viu como disse o Di estava com a gente e disse a Claudia deixa eu ver também?

Pedi p ela! Eu pedi e Joana o chamou e mostrou p ele também Vagner voltou lá e disse deixa eu por a mão Joana? Ai que “Safadinho” n poderia ter ficado satisfeito por ter visto, mais n, claro que Joana n deixou, então o di curioso queria tb tocá-lo, mais rapidamente Joana arrumou-se e ia saindo foi quando Vagner e Di que pareciam estar possuídos, pularam nos peitinhos de Joana e apertando-os, Joana saiu chorando e correndo e foi embora, no dia seguinte Vagner fofoqueiro como ele só, espalhou p escola toda e assim chegaram aos ouvidos da diretoria todos ficaram de castigo tomaram 3 dias de suspensão graças a deus com tanto medo que tiveram esqueceram de mim e acabei me safando dessa historia. Rssrsrs, por incrível que pareça esqueceram-se de mim. Mais daí teve continuidade os feito do meu amorzinho Vagner.

“Ele e seus desejos e eu p satisfazê-lo é claro’’.

Assim foi quando estava já com os meus 14 anos continuava estudando com eles porem agora já era muito mais espertos eu continuava com o meu amor secreto pelo Vagner. Então foi quando tudo começou...

Num belo dia fui visitar meu amigo p pegar um filme de uma formatura, que eu sabia que ele possuía, pois ele havia me falado pela manha na escola então eu disse que passaria na sua casa mais tarde p buscar, e fui mais tarde como eu havia combinado mais p a minha surpresa ele estava sozinho em casa, isso n era muito de costume do Vagner, pois sempre foi o queridinho da mamãe sabe crianças mimadas é ele tinha esse também bibelô da mamãe.

Vendo que ele estava só eu disse que voltaria mais tarde peguei o filme e quando ia saindo ele me chamou então eu voltei, lembro-me que passava o concurso de miss de times na TV claro ele sendo corintiano eu são paulina já tirei a casquinha a são paulina é muito mais bonita rsrsr, pois brincávamos muito, em relação ao nossos times.

Então ele me deu outro filme e me acompanhou até a porta der repente ele me puxou pelo braço e disse você n vai? De modo que eu n conseguia me soltar.

Eu tive de medo, pois vi algo diferente no seu olhar, então ele me puxou p dentro e trancou a porta e me empurrou sobre a pia e me beijou ai meu deus meu primeiro beijo, roubado! Forçado! A Vagner danado !!!!!!!

Depois de me beijar eu escapei e tentei fugir sai correndo, com medo do que poderia acontecer depois já que ele estava descontrolado.

Depois ele me agarrou e começou a correr a mão pelo meu corpo, fiquei com mais medo fui em direção à sala tentando me desvencilhar dele porem me derrubou no sofá, levantei ele me jogou por cima dele sobre o sofá, escapei dele novamente corri em direção ao quarto da Irma dele, ele me encurralou e me jogou na cama dela, colocou mão sobre minha boca fazendo com que eu n gritasse entrei em pânico. Ele tentando me acalmar falava p que eu n gritasse e me acalmasse.

Então ele dizia n grita! N farei nada com você! Fica quieta n grita! Por favor! Eu obedeci mais tremia de medo dele, dizia n faz isso! “Porque você está fazendo isso comigo me deixa ir embora, ele falava deixa eu só quero te beijar, eu acabei deixando rolar como poderia impedir que “ALGO TÃO PRAZEROSO COM ELE” meus sonhos estavam se realizando, de modo contrario ao que eu imaginava por estar sendo forçada.

Eu também desejava aqueles momentos com ele, “NEM NOS MEUS SONHOS” tinha beijando ele como ele estava me beijando, de modo que ele começou a beijar minha boca meu pescoço e foi descendo eu sentia o corpo dele tremer suava tanto quanto meu; como sua pele era macia cheirosa, nossa queria que o mundo parasse naquele momento rsrsr é comecei a gostar do que estava acontecendo, olhei por um momento seu rosto ele tava com as bochechinhas vermelhas ai que delicia ele ali comigo, ele então começou a acaricia meus seios por cima da camisa quando vi suas mãos estavam por dentro da minha camisa, então me lembrei logo de Joana do que ele havia feito com o di, fiquei com medo ele estava sobre mim na cama da Irma dele imaginei logo ele contando tudo que estava ocorrendo ai fiquei mais aflita ainda, e tentei novamente fugir, mas n podia então vendo que meus esforços seriam em vão permaneci ali entregue aos desejos.

Então ele ergueu minha camisa, foi tão rápido que n pude nem ir contra quando percebia já estava meus seios expostos ele deu um beijo haaaaaaaa meu que foi aquilo que delicia sentir sua boca tocar minha pele, eu ai quase morri senti um arrepio percorrer meu corpo inteiro, que sensação louca nossa que delicia!!!! Nunca vou me esquecer do que senti e o medo aumentava então ele passava sua língua no bico dos meus seios, primeiro em um, depois no outro e assim sucessivamente, delicia sentir aquilo que p mim era novo tudo era mágico prazeroso imensamente prazeroso, ele foi descendo deslizando aquela língua geladinha ai na minha barriga, aiiiiiiiiiiiiiii beijava o meu umbigo nossa que delicia eu nesse momento sentia um friuzinho; quando ele respirava em cima de mim, meu corpo tava quente eu me sentia toda melada ele continuava beijando acariciando meus peitos sei que foi a primeira x que ele fazia aquilo pois fazia com tanta delicadeza mais p mim ele tava sendo o mais perfeito por ser o mais desejado ele começou a passar a mão por sobre meu shorts e com firmeza segurava minha calcinha a vontade dele era de enfiar sua boca lá também eu n deixava mais sei que se ficasse ali por muito tempo ia acabar deixando, foi quando ele tocou em mim dentro da calcinha sua mão estava quente eu toda melada então eu rapidamente tirei a Mao dele dali e ele existia, ele subiu sobre mim começou a me beijar eu senti seu pau duro forçando a minha menina aiiiiiiiiiiiiiiiiiii, então começou a tentar descer meu shorts seus dedos passeavam sobre minha menina então ele começou a passar o seu pau em minha menina, nossa nesse momento eu estava toda melada me sentia escorregadia, n estava entendendo então ele colocou o seu pau sobre minha menina nossa ele pulsava eu sentia isso sobre mim ele tentava penetrar-me mais talvez por ser nossa primeira x n conseguia então ele foi devagar abrindo minha menina com seus dedinhos aiiiiiiiiiiiiiiiii nossa!!!!!!!!!! Ele estava aproximando-se do destino tão desejado por ele naquele momento

Ele colocou a mão sobre minha boca novamente agora seu pau já estava quase me penetrando seu corpo queimava sobre mim, suava muito nossa pele começou a grudar uma na outra, ele fazia toda força que podia e então ele passou a me acariciar com mais força de modo que deixou minha pele toda marcarda.

Então ouvimos uma voz de fundo era sua Irma que estava chegando com suas amigas da escola e rapidamente nos levantamos arrumei minhas roupas e arrumei a cama dela onde estávamos, ele estava todo vermelhos eu toda melada mordida chupada meus seios todos marcados ele correu p a pia e lavou o rosto eu fiz o mesmo ele tremia tava com as bochechinhas vermelhas com dificuldades p respirar eu também então ele falou volta precisamos terminar o que começamos eu nem dei a resposta e corri ela entrou por uma porta eu sai pela outra de modo que nos n nos encontramos, eu fiquei com um medo terrível da Irma dele ter percebido, mais n aconteceu e tudo acabou bem.

Mais a nossa historia n parou por ai mais por ter tido que relatar o inicio de tudo vai ficar muito grande depois eu continuo bjs p todos

Comentários

21/12/2013 09:23:12
Nossa que delicia de conto. Me imaginei com tesão no lugar dele. hum que delicia . Adoro ninfetinha como vc.. [email protected]
20/05/2011 13:14:31
Com um cara igual eu, vc teria um parceiro e tanto prá te ajudar nessas fantasias e, picas eram o que não lhe faltariam sempre que quisesse...rs... uma delas claro, seria minha, pois adoraria ter uma esposa puta como vc aqui em Belo Horizonte/MG... [email protected]
28/09/2010 16:42:14
uau... mto bom. Muito tesão!
26/09/2010 00:13:23
adorei me adc no msn [email protected]
03/09/2010 20:21:54
Ufa!... Só de ler eu já estava ficando sem fôlego. Putz!... A irmã dele tinha que chegar bem na hora?... Tadinha da sua menina. Deve ter ficado bem carente, hem?... rsrsrs... Bjs... =-)
14/08/2010 23:29:15
Vc parecer ser interessante e gostosa... Quero experimentar! [email protected]
13/07/2010 08:24:27
BOM, MAS LONGO DEMAIS PRA NAO ACONTECER NADA. VAI TER CONTINUAÇÃO NEH? MAS CONTA TUDO SEM SER LONGOOOOOOOO
12/07/2010 12:39:58
Legal seu conto. Achei muito longo o início mas ficou bom.
10/07/2010 16:24:46
adoro contos assim!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


porno pirno buceta saindo gosmaporno com mae mae tentando risis tirsexo suor e gemidospau grosso devasando bucetaMULHERES GOZANDO COM FORTES MODISCADAS NA ROLA DO CARA DE MUITO TESAOcasado tem tesão em mamar cine porno spcontos eroticos o costureiropornô brasileiro mulheres comendo outra com pipador falando putariaporno gay caralhos enterrados na bouca mundobichavideo porno com Malumandemuler m as calcinhas lancesda xoxotasxvıdeo anal com novınhascontos eróticos sinhozinho comendo negrascontos eroticos comi minha irmazinha tati.comas mulheres mais tratante do pornô de fio dentalPenis flacido castrar contosSodomizando mae e filha contosporno grátis cm gringa dando ate se amoleserpai t***** atola a rola no c* da colegial r*****contos erotico gay brincando de verdade ou desafiocontos eroticos numa ilha desertacontos-esfregando na bundinha da netinhaxisvidio amadores de auguen metendo a forçacontos eroticos fui seduzido pela vizinhacontos de incesto irmao assistindo tv com a irma novinha e comendo ela abracado por trasnovinfa da buceta grande carnudaselacareca contos eroticos de mullheres carecascontos eros chule do pintorcomendo a bucetinha da lucinha e o cuzinho da ritinha contos eroticosgostósinhas pornokid bengala buraco na paredebuceta da novinha tufadinha bucetao deitado de ladocuiadia fudedo de xortiu curto2 comedor do pintao sacaneia casada do rabaofudendo com sobrinha apos um sono profundogostosas da bundonadormindo mae efilha eo pai pornodoidoporno o pai da quer reaizar o sonho de fpde foder a filha mas ele deu varias tentativa para consiguertia gostosas foder com subtilxvideo menina de meno gosano e tremeno as penaContos erotico minha filhinha mim shopou no banhopeguei a novinha magrinha porquê ela insistiuContos gays passeando de carro vestida de crossdresscontos de sexo depilada na praiaempregada safadinha Fátimafotos voyeur mulheres de bruços de calcinha boxermulher novinha transando com jumento jumento emocionada com cocoporno a mulhe na parede e o homem a tras e saindo gosmanovinha safada humilhando o padrasto é estrupada a forca no conto eroctico do quadradinhoconto erotico descobri que o marido de minha irma e honosexual acabei comendo ele e minha gostosa irmavelho pauzudo machuca a casada a forcarelato quenquinha velha contos eroticos dei a bundinha por balasevangélica Sáfadinha mostrando a bucetacontos eróticos de esposinha putinha fazendo dp com vibrador interracialquero assistir vídeo pornô estupro anal com vibradores e zoofilia misturadocontos de scatfime porno pai infindo a mão no cu da filhaClaudia souta nua mostrando a bucetaconto erotico mendiga novinhapornô dois negão chega na porta de uma mulher com cheque de r 1000casei com um velho brocha mas levo machos pra casa contos eroticoscontos da minha sogra me pedindo pra cheirar sua calcinhavidios pornnou que mae e filha tranza com o meismcomendo o cuzinho dela ela chorando ele filmando escondido ela ferver na firma esconde dele comendo o cuzinho a bucetinha dela ela chorandocontos eroticos vovôcaseiro homem sai e o jardineiro come cu da mulhereu conto dancei com meu cunhado e senti um p*******sadomasoquismo p*** relinchando analvedeo de dois homem mostro fazendo sexo com mulher que judia bate fodedocontos de scatcdzinha quer ser empregadinhanovinha shortinho finos pegando no pau do namorado