Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Uma virgem deliciosa

Autor: BigBoy
Categoria: Heterossexual
Data: 22/07/2010 17:01:10
Nota 9.67
Ler comentários (7) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Opa! Cá estou novamente pra contar mais uma de minhas experiências deliciosas. Nesse caso, tirando a virgindade de uma ex namorada minha. Era uma mina de 18 aninhos, formosa e com curvas definidas, uma princesa! Já estávamos juntos há uns 4 meses mas ela estava se guardando pro momento certo. Até então só era esfrega-esfrega como relatei em outro conto.

Bom, ela estudava pela manhã e sempre que saia da aula passava lá em casa pra ficarmos um pouco. Faço musculação pela manhã. Cheguei em casa da academia e cai na cama do meu quarto pra relaxar. Não sei porque, mas toda vez que faço isso me sobe uma excitação e meu pau fica duro, mas depois do banho passa. Então, fiquei assim por um tempo, liguei a tv, fiz uns alongamentos e já pensava em tomar banho quando a campainha toca. Esperei um puco e meu irmão anunciou que era a minha namorada. Um pouco surpreso abri a porta do quarto e ela entrou.

- Não teve aula? (Eu)

- Não. Fizemos uns trabalhos nas primeiras horas e como já concluí as outras matérias fui liberada. (Ela)

- Hum! Que legal! Podemos ficar mais um pouco! (Eu)

- Nem se anime. Só vim dar uns beijinhos e vou pra casa. (Ela)

- Ah é? Isso se eu deixar! (Eu)

Dai eu puxei ela pra junto de mim e tasquei-lhe uns beijos quentes. Queria saciar a minha vontade de sexo e seria naquele dia! Custasse o que custar! Ela tentou resistir mas não se conteve, eu estava sem camiseta e um pouco suado, meus músculos ainda protuberantes apertavam ela no meu corpo, eu sabia que ela gostava disso! Nos beijávamos fortemente. Ela soltou os livros numa estante ali perto e me abraçou também. Ela estava quente! E eu Também! Eu ataquei, passei as mãos por seu bumbum e apertei, fui subindo por suas costas dentro da camisa, cheguei no sutiã e desabotoei, então trouxe as mãos para frente e senti seus peitos macios nas minhas mãos, ela estremeceu. Eu a beijava e brincava com seus biquinhos. Toda vez que ficávamos sozinhos era assim! Então eu convidei:

- Vamos nos deitar?

- Não... Tenho que ir... ai... (Ela falava no meio dos gemidos)

- Você não precisa ir agora, quero te dar prazer, poxa já faz um tempinho não é? (Eu)

- Err... Mas não... Agora não... (Ela)

Bom, segundo ela me falava, assim que terminava o período de menstruação dela (nós falávamos muito sobre a intimidade um do outro), ela ficava com mais vontade de tranzar do que o naormal, e ela estava nesse momento! Ela também usava tabelinha e essas coisas de mulher, por isso sabia os momentos propícios para o sexo! Eu continuei. Passei a atacar seu cangote, que era seu ponto fraco, lambi, dei mordidinhas, e beijei com gosto, sempre apalpando seus belos seios. Suas pernas tremeram! Ela então me apertou. E logo passou a mão por cima do meu calção e sentiu meu pau duríssimo na sua frente. Dai eu dei uma calorosa lambida do seu pescoço ao ouvido esquerdo, em resposta ela apertou meu pau fazendo ele pursar. Dai eu sussurrei eu seu ouvido:

- Ele pode ser todo seu... agora... Todinho pra você...

- Hummmm... mas não agora... não... mais tarde... (Ela)

- Mais tarde podemos fazer mais... (Eu)

Meu Deus! Como eu queria sexo! E tinha que acabar com aquela seca ali naquele momento, estava decidido! Ataquei mais, coloquei ela contra a parede de modo que ficou presa a mim como uma gatinha indefesa. Tirei sua blusa e logo o sutiã caiu, beijei sua boca e chupei a língua, desci ao seu pescoço, apertei seus braços, desci até o encontro se seus peitinhos durinhos de desejo, mamei um e acariciei o outro, ela gemia de olhos fechados. Mamei o outro. Eu sentia que ela queria sexo também, só estava dando uma de durona! Mas pra mim era fácil dominá-la. Deixei ela louquinha! Desci até sua barriguinha e lambi seu umbigo, uma mão lá nos peitos ainda. Num impulso, ela pega meus cabelos e empurra minha cabeça até mais embaixo. Era o que eu queria! Pra facilitar, eu abaixei sua calça e calcinha deixando a mostra a visão do paraíso: uma bucetinha rosada e molhada clamando por um pênis! O clítores estava vibrando na minha frente. Prontamente eu lambi, mordisquei, alisei com um dedo e pra dominá-la de vez, passei uma linguada saborosa em toda sua abertura. Ela soltou um gemido longo de prazer. Era a primeira vez que ela deixava fazer oral nela. Naquele momento tive certeza de que ela ia dar pra mim! Que beleza!

Continuei lambendo gostoso. Eu apertava seu bumbum contra meu rosto e ela com as duas mãos segurava minha cabeça contra sua vagina. Minha língua agora fazia movimentos frenéticos bombando aquela abertura molhada. Ela gemia, se contorcia e murmurava:

- Aiii... meu garoto... você me deixa louca... hummm...

Sua respiração acelerou, as pernas ficaram bambas, o gozo era iminente, minha boca atacava sua buceta e ela gozou. Gemeu com prazer. Seu rosto virava de um lado pra outro como que possuída. Ela saboreou o clímax. Um líquido correu pela minha língua. Ela acabara de gozar na minha boca! A essa altura ela se tranformou numa loba. Selvagem! Me puxou pra cima e me beijou com força. Me apertava e respirava forte. Sim, ela estava possuída. E por mim! Voltou a apertar meu pau por cima do calção e me virou contra a parede. Agora ela comandava! Chupou minha língua e saboreou o gosto do prazer na minha boca. Não soltava meu pau que latejava de desejo. Ela falou com voz sensual:

- Seu louco... você me deixou doida... meu garoto... eu te desejo.!

- Hmm... posso te dar mais. Você quer? (Eu)

- Siiiim... sim... sim... (Ela falava baixinho ainda segurando meu pênis)

Pronto! Meu dia estava feito! Dai pra frente foi só alegria!

Nos beijávamos como loucos. Um lambusando o outro. Ela tirou de vez a roupa e ficou nua. Se abaixou e beijou meu pau por cima do calção. Ela estava louca por aquela pica! Dai ela tirou o calção e a cueca e abocanhou meu pênis de uma vez. Fiquei doido! Ela chupava com gosto e passava a mão no meu saco. Que tezão! A temperatura subiu! Agora eu que estava possuído. Ela chupava num movimento de vai-e vem com sua cabeça, eu gemia e me contorcia te tezão. Dai ela subiu e nos beijamos. Caminhamos juntos pra cima da cama. Ela se deitou e eu por cima dela, meu pau vibrava quente na sua barriga. Eu disse que ia pegar camisinha e ela me segurou, disse que não tinha perigo. Confiávamos um no outro. Ela queria sentir na pele! Nos beijamos. Ela pegou meu pênis e colocou na entrada de sua abertura e mandou eu enfiar devagar. Obedeci. Ela fechava o rosto. Perguntei se doía ela disse um pouco. Tirei fora e melei com saliva. A cabeça estava totalmente exposta.

Novamente tentei. Enquanto penetrava, dava-lhe beijos suaves no rosto. Ela pediu pra colocar mais. Eu fiz. Ela gemeu de dor e segurou na minha cintura. Estava na metade, eu fiz movimentos de vai-e-vem até ali. Mamei seu peitinho pra relaxar. Pedi pra ela controlar a respiração. Beijei seu pescoço. Já não estava tão apertado. Então ela pediu pra ficar em cima de mim. Eu concordei. Me virei e ela sentou com coragem descendo devagar. Ficou assim até entrar por completo. Ela se contorceu pra trás e esperou um tempo. Logo ela começou a subir e descer devagar. Estaga gostando. Eu mais ainda. De olhos fechados, ela se apoiava nos meis peitos e fazia os movimentos. Estava gemendo de prazer agora. Ela dizia:

- Meu gostoso... Que pau gostoso esse teu... Quero comer ele todo!

- Sim, meu amor, é todo seu. Fode esse pau, que eu fodo essa bucetinha toda minha! (Eu)

Sexo total! Ela rebolava, sentava e remexia gostoso em cima de mim. Dai mudamos de posição, ela ficou de lado e eu fui por trás dela. Meu pau entrou gostoso. Amaciava seu seio e metia com gosto agora naquela xotinha quentinha. Ela gemia e eu também como dois animais! Ela me chamava de cachorro e eu chamava ela de cadela! Como eu queria aquela buceta! Bombava rola nela gostoso. Levantei sua perna pra ter mais liberade. Ela ia com a mão lá em baixo e pegava no meu saco. Ela sabia do que eu gostava! Que tezão! Que delícia! Sexo é tudo de bom! Queria gozar. Pedi pra ela ficar de costas deitada e ela obedeceu empinando o traseiro pra mim. Que visão maravilhosa! Abri suas pernas e introduzi meu pau gostoso na sua xotinha molhada. Meu pênis estava explodindo prazer dentro dela. Bombei sua buceta até o talo. Ela pediu pra ser fodida, e eu fiz! O clímax estava chegando. Me abaixei e abracei ela por trás. Ela disse que ia gozar e eu também. Acelerei o ritmo e explodi! Ela gemeu alto com o orgasmo e eu apertei seu corpo socando minha rola todinha com as contrações. Bombei gala quentinha dentro dela. Gozamos juntos. Um gozo doce e maravilhoso! Que delícia! Me senti realizado. Fiquei mimando e beijando seu pescoço ainda por um tempo. Ela se virou de modo que meu pau saiu de dentro dela e nos beijamos. Nos levantamos e nos vestimos.

Ainda trocamos carícias um pouco antes de ela ir embora. Ela disse:

- Mais tarde tem mais. Você me arrombou, mas eu amei! A noite te retribuo!

Disse algumas palavras amorosas pra ela e então ela se foi. Caí na cama exausto. Fiquei um pouco deitado e lá o meu pinto começa a endurecer denovo! Levantei-me e fui pro banho. Terei a roupa e liguei o chuveiro. Então percebi que meu pau estava melado de sangue! Claro, havia acabado de romper um hímen!! Então eu ri e me lavei.

Bom, e foi assim que eu consegui ganhar mais uma virgenzinha. Quando chegou a noite, fizemos mais sexo gostoso. Ai já é tema pra outra história! Espero que gostem. Muito sexo pra todos que lerem!

A bientot!!!

Comentários

26/08/2010 17:04:50
vcs nao tem noção de como a primeira transa é importante para as meninas. Nao adianta o tempo passar. Vai ser sempre assim. GAto, vem ler os meus relatos e deixa sua opiniao e nota, pode ser? bjocas
20/08/2010 13:59:19
Delíca de conto! Quer o quê afinal???
08/08/2010 18:10:15
Muito bom fera...
31/07/2010 21:54:45
DELICIOSO... UM CONTO BEM ESCRITO ME FAZ FICAR MUITO EXCITADA!!!
27/07/2010 12:45:57
DELICIOSO... UM CONTO BEM ESCRITO ME FAZ FICAR MUITO EXCITADO!!! VC. DISSE QUE CURTE HETERO E HOMO... ESTOU ESPERANDO...
22/07/2010 17:47:53
E como vc mesmo falou a cima,sexo e tudo de bom!! a PRIMEIRA TRANSA DE UMA MULHER,não e fácil,tem que ser com carinho mesmo,e tenho certeza que vc conseguiu tudo isto,a primeira vez e muito difícil a mulher gozar,sentir prazer,só na segunda vez, ou terceira,que ela consegue isto.Meus parabéns......depois veja meu conto e comente ok..bjs
22/07/2010 17:22:47
Hummm!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


ponodoido cenas muito forteEu e minha prima no motel eu disse que eu nao ia meter meu pau na sua buceta virgem mais eu meti meu pau na sua buceta virgem eu disse pra ela agora sua buceta nao e mais virgem conto eroticover vidio reau casada levou uma pica tao grande na buceta ela chorroupaguei para tranzar com a noivinha evangelica contosfilha assiste porno no quarto e mae e comida por outro e mae escuta barulho estranho e vai ver o que e e ve a filha se masturbandocorno e engolidor de rola contoassistir vídeo pornô anal de sogra com genro gravado em Ribeirão preto d*********Contos incesto dei pro meu pai eu era novinha convencimulhe trazando com dois hemtirei a virgindade da minha empregadanovinhas que gostan de fica só de shortinho para ecita pailiteralmente engatada com dogcontos eroticos de meninos gay perdi a aposta no video game e o cabaco tambemvideos de bucetas intaladas na rola grossanora flaga sogro espiando ela no banho batendo punhetaConto herotico incerto completo mae i filhoEu e minha mãe no ônibus de excursão-contos-incesto-filho e mãe-incesto no onibussiririca em horas inoportunasbotei gozei tirei gozei soquei gozeicontoeroticos de novinhas falado o quanto doi dar o cuzinhos .com/caseiroscibele bucetonaconto gay cagando reformaMeu irmao tirou minha virgindade da minha buceta no motel conto erotico de incesto de irma virgem e irmao no motelpornocontoincestosbotando na buceta pela beradinha do shorteidosa masturbano de saia escquero pesquisar filmes pornor com negros super dotados arregassando cu e bucetas de mulheres loiras tirando sangue do cursinho delasxvideos gostosas esbugalhou os olhos quando o pau grande entrou tudo de uma vezSexo on-line aclimação menageirmalouca pra perdero cabaco pro irmartathy ellen contoslesbicas contando cono ébom chupar e ser chpadabuceta gostosa no inatingível elas dandonovinha du grelao bitelorevesando no cu da gravida pornomasturbando na cama serrando com travesseiro pornodoidocontos chupei o grelinho da enteadinha a forçabuceta gostosa mulhe gosano grilo gradea dona vai ser com seu cachorrosexMulher auto e gosano gostosocorno e engolidor de rola contoPutaria brasileira puta da a a fortãomorena anda na rua de vestido branco ai himen vai ate la e fode elaporno de coroucom novinhasporno brasileiro oilando o gay brasileiro da banda lizinha tomar banhowww.tufos gostosa tomando banho no muro de fiu dentalconto eurotico academia com o menino bundudobotando na buceta pela beradinha do shorteporno mae e filha transformadas em puta contocangapor hd pronvideos e tags de coroas sentindo tesao vemdo filme de fodameu padrasto me vigiava tomar banho um dia ele comeu meu cude menino 18 anos vídeo de sexo de menina de 18 anos favor urgente na boca o cara dormir à tarde vídeo de sexo de 18 anos por favor eu filme pornô de 18 anos e muita safadezaquero dois paus me fodendo corninhoela pelada nua mostrando a b***** b***** mulher pelada nua senão tabaca vocês vão sair de ser por nós no parágrafomillasissyContos eroticos seios mordedo fortemeu genro me fodeu porno incesto filha perguntapai o que e sexo e ele mostraContos eroticos:Fui fodida por varios roludos no cinema chorei de dor e pedir para pararemerotico filha da um beijinho nelefrango a mulher assistindo vídeo pornô na televisão com o cunhadovideos porno mulher goza muito se afrouxa as pernasContos eroticos socaram a rola na buceta da minha esposa e a engravidaraoconto erótico muitos orgasmos com lsdfilme pornô gratis bucetinha bem limpinha sem cabelo ganhando enfiadinha de leve do pau grossoque ver conto erotico imao es piano imao novinha peladavídeo pornô Sport segurando marido comendo o cuzinho da comadre a forçaContos erotico minha filhinha mim shopou no banhorapaz passa o dedo na bucetinha virgem da novinha e ela gritar de dor contoszoofilia veterinaria tendo orgasmo com cavaloxvideo porno gay guarda chama prisoneiro pra tocar punheta até gozfazendeiro me comeu montado no cavalo contos eroticosela e nossapara foder contosfilme de pornô mulher se masturbando e metendo a mão quero ver o filme agora filme quero ver agora filme de pornô metendo a mão aguardando né tá na mão transando ela se masturbando