Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Minha belíssima cunhada

Um conto erótico de xaneiro
Categoria: Heterossexual
Data: 15/03/2011 01:38:30
Última revisão: 18/08/2011 20:39:31
Nota 9.29

Comer uma mulher bonita e gostosa é muito bom. Comer uma cunhada bonita e gostosa é sensacional. Preparem-se punheteiros, vocês vão afinar o pau com esta hitória que me aconteceu há alguns anos.

Eu estava casado há dois anos quando um dia ladrões entraram em nossa casa, na verdade eram um monte de moleques, eles deixaram eu e minha mulher presos no banheiro e fizeram a limpa na casa. Depois disso a minha mulher ficou apavorada e não conseguia mais dormir em nossa casa, exigindo que eu alugasse um apartamento.

Enquanto procurávamos um apartamento que pudéssemos pagar pois não ganhávamos muito, passávamos as noites na casa da mãe dela. Minha mulher tinha duas irmãs muito lindas, uma delas de 23 anos era namorada do meu melhor amigo e a outra, a Mariana, morena, 24 anos, rosto lindo, pernas torneadas, seios nem muito grandes e nem muito pequenos e bundinha perfeita e que namorava um carinha meio xarope, metido a ensinar pobre a fazer filho.

Todas as noites ficávamos conversando na varanda eu, minha mulher e Mariana, até que por volta das 11 horas o namorado dela passava, vindo da faculdade. Eles ficavam namorando e nós entrávamos para dormir. As vezes apenas eu ficava sozinho com minha cunhada, mas o papo não fluía legal. Mesmo assim, foi surgindo em mim uma atração incrível por ela, a ponto de eu transar com minha mulher pensando nela. Falando assim vocês podem pensar que a minha mulher era feia se comparada a minha cunhada. Não, minha mulher era tão bonita quanto Mariana, mas cunhada é cunhada. E ela era linda.

Uma vez, em uma de nossas conversas a sós ela disse que algumas vezes ouvia quando eu e minha mulher estávamos transando. Perguntei se ela se excitava com isso e ela disse que aquilo a incomodava mas que não excitava. Murchei um pouco com as palavras dela, que pareceu querer me colocar em meu devido lugar.

É claro que o meu tesão por minha cunhadinha só aumentava e eu não sabia o que fazer, pois ela não era acessível. O engraçado é que com a outra cunhada, a namorada do meu amigo, por quem eu não me sentia atraído – apesar de linda, eu abraçava a hora que queria sem nenhum constrangimento, mas parecia-me que com Mariana, se eu fizesse isso todos iriam achar que eu estava dando em cima dela. Então eu me mantinha afastado, contentando-me apenas em olhá-la. E como eu olhava. Cheguei até a mandar fazer uns óculos escuro de grau (eu uso óculos) para olhá-la quando tomava sol no quintal com seus biquininhos minúsculos.

Um dia, num domingo, ela estava tomando sol junto com minha mulher, lado a lado em duas cadeiras de praia e eu me sentei em frente a elas com um livro e os meu óculos escuros e, fingindo que estava lendo, fiquei olhando para ela, que estava de olhos fechados. Em um dado momento ela abriu os olhos, me olhou e foi abrindo as pernas lentamente. Meus óculos, muito escuros, não permitiam que ela visse para onde eu estava olhando, mas parecia que ela sabia que eu não tirava os olhos da sua buceta por baixo do biquíni.

A imagem era tão deliciosa que eu tive que parar de fingir que lia e colocar o livro por sobre a minha sunga para que não vissem que eu estava de pau duro. A filha da puta parecia estar se deliciando com aquela situação, pois continuou me provocando por um bom tempo.

Mas ela poderia fazer isso para o resto da vida que eu jamais tentaria qualquer coisa. Por duas razões: a primeira é que se eu estivesse enganado ia dar merda e da grande com a família toda; a segunda, é que ela tinha muita classe e não se pode dizer a uma mulher de classe que você simplesmente quer dar uma trepada com ela. Por isso eu me contentava com as olhadas. Mas, o que aconteceu no dia seguinte ainda me serve de inspiração todas as vezes que estou com a auto-estima em baixa.

Na segunda-feira, todos saíram cedo para trabalhar, com exceção de mim que só saio às nove e da minha cunhada que só trabalharia à tarde. Até aí tudo normal, pois toda segunda-feira é a mesma coisa e eu raramente a via antes de sair. Neste dia porém, por volta de oito e meia, uma senhora veio deixar duas sacolas de roupas que a dona de uma boutique onde ela era cliente mandou para ela experimentar e ver se ficaria com algo. Recebi as sacolas, a mulher foi embora e eu fui chamar a minha cunhada em seu quarto para entregar a encomenda.

Bati na porta do quarto e ela mandou eu entrar. Quando eu disse o que era, pediu que eu colocasse em cima da cama e agradeceu. Eu mal cheguei a vê-la pois ela estava se maquiando em seu banheiro. Saí e fiquei fazendo hora na sala, pois estava quase na hora de eu sair para trabalhar.

Passado alguns minutos ela apareceu na sala, belíssima em um vestidinho preto e com sapatos de saltos muito altos – Que tal?

- Muito bonito! – falei sorrindo e surpreso, pois ela nunca antes havia me perguntado algo assim.

- Não sai daí que vou te mostrar os outros e você me ajudar a escolher um. – pediu ela.

A minha cunhada geralmente não falava muito comigo e àquela importância que ela estava me dando naquele momento era totalmente novo para mim e é claro que eu esperei.

Ela voltou daí a pouco com outro preto ainda mais bonito e novamente eu elogiei.

Mais alguns minutos e ela voltou em um vestido bege, de um tecido bem fino e que a deixava ainda mais bela. – e esse, que tal?

- Lindo, mas...

Ela me olhou esperando que eu concluisse eu resolvi assumir os riscos.

- Este não é um vestido para se usar com calcinha, pois ela marca e não fica legal. – falei com a maior naturalidade que pude imprimir a minha voz.

- É mesmo né? A marca da calcinha fica muito evidente. – ela falou e entrou novamente corredor adentro em direção ao seu quarto.

Quinze segundos depois ela volta – Ficou melhor agora?

Já não havia mais a marca da calcinha. A sacana estava sem calcinha a menos de dois metros de mim e o meu pau começou a doer de tão duro dentro da calça.

- Agora sim – respondi – tem muito mais classe.

- Então espera que tem mais.

Nem precisava pedir. Eu ficaria ali o dia todo enquanto ela experimentava todos os vestidos do mundo.

Eu procurava não demontrar o quanto aquela situação me afetava, pois eu sabia que daquele mato nunca ia sair um coelhinho sequer para mim e eutenho amor próprio e por isso, enquanto ela foi vestir a próxima roupa eu fiquei folheando uma revista, para parecer que não tava nem aí para os vestidos dela.

- Que tal esse agora? – perguntou ela entrando novamente na sala.

Meus amigos, existem coisas nesta vida que para as quais precisamos ser preparados antes, avisados mesmo, pois o coração pode não agüentar.

Eu levantei a cabeça e olhei na direção dela para ver o próximo vestido, mas a minha linda cunhadinha estava completamente nua sobre os sapatos de salto alto.

Eu fiquei totalmente mudo por uns segundos que pareceram séculos. Não conseguia tirar os olhos da sua bocetinha linda dentro da marquinha de sol conseguida no dia anterior. Quando finalmente consegui olhar para o rosto dela, notei que estava vermelho como uma brasa e se eu não falasse alguma coisa logo ela iria voltar correndo arrependida para o quarto.

- Lindo demais, como a roupa do rei. – sei que foi idiota, mas foi tudo que consegui falar naquele momento.

- Ela riu e disse – ontem você me olhou tanto que resolvi me mostrar pra valer agora. Eu não sei o que deu em mim, pois eu estou morrendo de vergonha.

Eu estendi o braço e peguei na mão dela. Nós dois estávamos trêmulos e eu percebi naquele instante que o desejo sempre foi mútuo. Levantei, segurei com as duas mãos os seus ombros e falei – eu não sei se é certo ou errado, mas em toda minha vida eu nunca desejei tanto alguém quanto desejei você.

- Então me mostra.

Puxei a minha cunhada e começamos a nos beijar com uma paixão incontrolável. Ela passava a mão no meu pau por cima da calça enquanto eu ia descendo para os peitinhos que sonhei tantas vezes. Eles eram duríssimos e estavam muito excitados. Eu beijava hora o direito, hora o esquerdo, hora a sua boca.

Ela literalmente arrancou os botões da minha camisa e começou a beijar o meu corpo enquanto ia descendo. Pegou o cinto com as duas mãos, abriu-o, abriu a minha calça e puxou o meu pau para fora enfiando-o na boca. O meu pau não é muito grande, tem pouco mais que dezesseis centímetros, mas naquela hora parecia que tinha meio metro. Ela chupou, lambeu, puxou as minhas bolas para fora e começou a lambê-las. Era uma delicia. Aquela filha da mãe sempre me pareceu tão comportada que era surpreendente vê-la agora praticamente me violentando.

Sentei-a no sofá e ajoelhei-me entre as suas pernas para realizar o grande sonho da minha vida, pelo menos nos últimos meses – chupar aquela boceta. Eu confesso que chupar uma boceta para mim é muito mais prazerosodo que a penetração em si, pois é um momento em que apenas o prazer da outra pessoa importa. E em especial aquela boceta, que foi tão desejada, tão sonhada e que era mais linda ainda do que eu imaginara. Tinha pouquíssimos pentelhos e o clitóris ligeiramente saliente e estava completamente encharcada e eu chupei, mas chupei tanto aquela boceta naquele dia que a parte inferior da minha língua ficou dolorida por uma semana, e ela gozou tanto e tantas vezes que até parecia que há muito tempo não transava.

Eu me sentei no sofá e ela sentou por cima, de frente para mim e foi encaixando a sua linda bocetinha (cara como era linda) em meu pau que foi entrando muito lentamente como se fosse uma sessão de tortura. Foi uma sensação indescritivelmente deliciosa e devido a excitação não demoramos a gozar, ela pela quarta vez.

Fomos para o banheiro do quarto dela e ficamos por lá transando até o completo esgotamento.

Nós ainda chegamos a repetir algumas manhãs de segunda, mas logo ela se casou e foi morar em outra cidade.

Meu casamento acabou dois anos depois, eu me mudei para o sudeste e a Mariana é hoje apenas uma gostosa lembrança em minha vida e a imagem dela nua, na minha frente pela primeira vez, está gravada a fogo em minha memória.

Votem por favor.

PS.

Localizei minha ex-cunhada pelo facebook quatro meses depois de publicar minha hitoria com ela. Ela atualmente mora em Fortaleza e me convidou a visitá-la. Não tive coragem de mandar o link desse conto para ela... mas vou visitá-la um dia desses, ah se vou.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
23/02/2017 11:40:36
Nota 10 muito bom mesmo, cunhada e tudo de bom pelada então nem se fala ne...muito excitante e bem escrito, cheio de detalhes.
16/03/2012 08:23:29
18/08/2011 20:31:24
Eu adoro chupar, Jaque_licia. E elas adoram quando faço isso.
CK
18/07/2011 13:19:27
Bem escrito! Parabéns!
24/05/2011 10:38:01
que ddelicia pelo que vc diz deve chupar bem gostoso!!!
23/04/2011 20:37:58
tenho o mesmo tesão por minha cunhada e meu sonho é um dia transcr com ela mas está cada vez mais difícil. Ela tem uma xana linda e carnuda. Descobri isso quando ela tinga 17 anos. Eu estava na casa de minha esposa, na época namorando- e estava na sala. Ela chegou com uma caneca de doce na mão e sentou no sofá com as pernas encima de quase encostando no queixo. Ela estava com um short de licra e quando olhei na buceta dela vi aqueles lábios carnudos e separados pelo short. Meu pau ficou duro na hora.desse dia em diante nunca mais tirei ela da minha cabeça.já a vi de biquíni e vocês não tem noção da bunda dela o fenômeno que é.um dia fiquei com ela sozinho em uma sauna em caldas novas. Meu pau virou uma pedra de tanto tesão. Mas não tive coragem de fazer nada. Só bati umas cinco punhetas pra ela depois que sai da sauna. Parabéns pelo conto.adoro isso.
29/03/2011 10:28:43
Meu amigo vc é o cara rsss. Essa história parece com a minha, porém, infelizmente ainda ñ aconteceu. Mas um dia vai acontecer, pode ter certeza q vou publicar . Kra PARABÉNS vc é o cara mas sortudo do mundo.Vai atras dela pô.abraço
16/03/2011 09:47:31
realmente nao existe nenhum mortal que nao tenha uma cunhada gostosa e que nunca tenha trepada com a esposa imaginando tá fudendo a cunhada,e podem me add,podem ser noivas ou casadas..
15/03/2011 14:57:59
cara de sorte, quem nao quer comer uma cunhada gostosa, parabens pelo conto .....
15/03/2011 09:41:41
Muito excitante! Realmente tem transas que ficam guardadas na memória!!! Quando reencontrá-la publique novamente!Continue tentando no facebook, orkut,google,comunidades, etc..rs
15/03/2011 09:25:17
Cara conto com cunhada pra min não tem melhor...Parabéns
15/03/2011 07:50:16
Vai entender rs...sexo com cunhado..cunhada rs..é tao bom imaginar. Ainda mais fazer rs..parabens.
vm
15/03/2011 03:40:23
Cara....muito bom.....parabéns!!! além de ser uma historia muito excitante, está mt bem escrita.......




Online porn video at mobile phone


minha esposasuruba relatoarrombando o cu da luzia contosgostósinhas pornopadrasto enganou novinha rachando no meio das pernas dele por empurrou a p***** todinha e gozou dentroevolução anal negao e vadiaxvideo grates de mulheres largas que fas barulho na vaginacaseiro homem sai e o jardineiro come cu da mulhervovo da buceta cabe prazocontos eróticos de incesto uma competição entre a minha filhinha e a sua amiguinhaContos zoofilia postados em abril d 2017contos gay babydool maeNiely mostrando a b***** raspadinhaxisvideo.pragas.do.cu.de.casadasmulhe.michando.eigual.homem.que.tem.um.grelao.que.prece.uma.rola.que.ela.bati.punheta.igual.homem.e.goza.espurrando.porra.fota.meninos irmaos gay gostosos sarados pelados batendo punheta na cam e na escolaconto porno perdi a virgindade com meu pai estrupador dotado passando pomadavideos de bucetas intaladas na rola grossacobtoseroticos uma pequena apostavideo porno chamei meu genro para mim ajudar e dei para elebonecadoprazequero ver novınha que sao empregada fudendoPoliciallindo tarado fudedorver somete vidio alugaro uma mulher pra fude na chacar mais ela nao que da o cu comedoo cara e pauzudomeu bundao esta seduzindo meu filho filmeessa coroa coloco varias calcinhas p meterirma punheta toma leitecontos gays tio e sobrinhominha colega foi estuprada por tres piçudos e gozaram dentro delacontos Diretora de escola adora chupar a rola do vigiahotmail muletodavideo belmiro o caseiro caralhudocontos incesto mae gtsContos de loiras taradas por mendigos negroshttp://migre.me/w4IgEpeguei a minha sogra com u shortinho enterrado na bunda i comi u seu cu video pornouma foda com a professoraas lesbicas maus fogozar do mesmo mundo fazendo sexy com cachorro ate ficar encantadocunhada louca pra sentir rola grande pega cunhado de pau duro e nao resistepadrasto e intendenda gostosonovinfa da buceta grande carnudasnovinhas grupalweb cam xvideosnovilhas darno o cu sexocontos sobrinha meu presente2belo sexo dormindo de conchinha com a titia3 julho 2015 8445 paguei para deflorar a filha do caseiro casa dos contos eroticoos melhores minetes com o caralhinho no cu pornovideo de sexo a três homen comendo aboceta e a outra enfiando uma pica de burracha emessa no cu delaconto erotico sendo chupada enquanto ler livro pornonovinha gostosa tira roupa oro cunhadoporno incesto mamãe dese jeito nao consigo desfarsar meu tezaobuceta gozano nepicachupando buseta labefo pasda mso bocsporno.com negao levanta a saia da gostosa casada enfia até o saco surpresa pra o corninhoMeu primo playbou carioca conto gay cap 3deitei de conchinha com minha mae peitudacache:ldh9BdSAKNMJ:gtavicity.ru/texto/201703301 videos de com mulheres muito gostosa muito esitada dizendo qui ta muito gosto que è pra comer o cuzao delasxvidio mulheris gostosas trocando obiquinho de banho no banheirocontos eróticos gay faculdadeConto erótico bricadeiras eradas com o pairabinhos e xoxotinhas arrombados por picas super grossa e cabeçudagranfina brasileira sequestrada e fode e gozacontos eróticos de esposinha branquinha fazendo Dp interracial com vibradoraxo que minha mulher pulou a cerca pra fazer analvidio porno tarado enfiando pinto por baixo do xorte da mulherxvidio mulheris gostosas trocando obiquinho de banho no banheiroxvideos. com as gostsona no rntrazei com minha vizinha d camizola na cozinha dela ponoCovidei meu amigo pra toma uma cerveja em casa depois comemos minha esposa casa dos contosCaíque levando rola no cúpolicial fudendo com mulher que levava drogas na bucetacontos gay me apaixonei pelo meu cunhado novinho hetero que me humilhavaX porno ceducindo vidraseiro100 foto de mulher em fiado a mao na bucetaboquete da irmazinha casadoscontospiriquita britadeira evangelicafasse%20x%20pornocomendo o cu da irmaue estava dormindodoce nanda parte IV contos eroticosporno chupando a bucheta da minha padroa em baixo da mesa na sala de reuniõeswww.mae nao aquento filho pausudo bocetaocomo chupar a buceta de uma testemunha de JeováContos crossdress a apostacontos erotico curvada frente namoradocontos eroticos com viuvas ricas e sedutorasai como doi pucona pornoevangelicas na zoofilia com cachorro