Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Vendedor de Redes(O Menino Pauzudo)

Autor: Vanessa(CL)
Categoria: Heterossexual
Data: 15/07/2011 19:16:16
Nota 9.67
Ler comentários (10) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá, meu nome é Vanessa e tenho 28 anos, sou clara de pele e tenho os cabelos compridos e castanhos, sou do corpo bonito, bunda empinada, coxas roliças, seios médios pra grandes e um fogo na buceta fora co controle quando provocada.(rsrsss)

Sou casada com o Max há 4 anos e meio, sempre fomos muito liberais com assunto sexo, más, sem sacanagens um com o outro, más sim junto de nós.

Frequentamos uma casa de swing e tal aqui em Curitiba, dificilmente transamos com estranhos, más já rolou é óbvio, as vezes levamos um menino sanduíche pra casa pra podermos usufruir(rsrss), ou seja, contratamos garotos de programa quando a maré para encontrar alguém pra nós nessas casas fica difícil de achar.

Bom, o que quero narrar pra vcs foi sobre nossas férias do ano passado, domos parar no nordeste que era meu sonho de consumo, a verdade era que eu queria mesmo ir para Porto de Galinhas onde uma amiga nossa já havia visitado e falado maravilhas de lá. Por fim acabamos indo para Fortaleza, e apesar de ir contra minha idéia inicial, acabou sendo uma temporada muito gostosa, com sexo abusado(rsrsrss).

Eu e Max fomos direto para o Hotel pelo tínhamos pago pelo pacote de viagens lindo, deslumbrante, chique no último diziam as pessoas de lá, estávamos ainda arrumando nossas coisa da mala quando Max dissera que queria visitar logo a praia que deixássemos as bagagens pra depois.

Coloquei meu fio dental e Max me olhava como se antes mesmo de descermos do Hotel tivesse que me chupar todinha, pois sabia ele que minha bucetinha estava toda carequinha, do jeitinho que ele gosta de chupar. Más, disse que se não tinha tempo pra desarrumar as malas, então também não tinha tempo pra isso, pois a agonia dele de ir para o mar Cearense era grande.

Descemos para a portaria e conversamos com o recepcionista do hotel, para que ficássemos em algum lugar seguro da praia, já que nesse país de tudo acontece, ainda mais que estávamos em terras estranhas, aconchegantes, más estranhas.

Caminhamos para o lugar citado pelo recepcionista e ficamos pasmos com tanta beleza daquele lugar, uma paisagem maravilhosa e acabamos nos sentando em uma das pequenas dunas que alí se formaram pelo vento do local. Max pegou uma cerveja e eu pedi a ele que pegasse uma batida de abacaxi que estava sendo vendida num dos quiosques próximos de nós.

Eu Max sempre fomos muito abertos de cabeça, sou extremamente apaixonada desde o primeiro dia que eu o conhecí, amo ele loucamente e ele é recíproco para tal afeto. Desde começo tínhamos nosso jogo aberto sobre fantasias sexuais e tal, nosso relacionamento nunca teve rotina, fudíamos gostoso quase que todos os dias, taalvez justamente por tal motivo, o de não escondermos nada um para com o outro. Max tem 34 anos e é bem vivido pelos caminhos da vida, experiente apesar da idade, corpo e rosto bonito, 1,84 de altura, pauzão gostoso e taradinho como nenhum outro namoradinho meu tinha sido, era isso que me deixava sempre entesada nele, o fato dele me abrir suas taras e eu poder mesmo que com vergonha de começo podia relatar as minhas.

Bom, voltando ao conto e pra não me perder, Max voltou com minha batida abacaxi e um maço de cigarros, sim, somos fumantes, sentou ao meu lado e começamos a beber e reconhecer o campo, quero dizer, a praia(rsrsrsss).

A tarde foi passando e voltamos para o hotel e programamos uma saída para conhecer a cidade a noite, para algum barzinho que tivesse música ao vivo e etcs.

Eram 2: 00 da manhã quando retornamos ao hotel depois de passearmos pela cidade e bebericar nos bares magníficos da cidade, tomamos um banho e cansados ainda tivemos tempo de transarmos como dois animais no cio, eu acredito que o fato de vc ver pessoas com poucas roupas durante o dia nos deixa com mais tesão, pois claro observei vários caralhos escondidos em sungas que me deixaram transtornadas e óbvio que Max tinha comido com os olhos várias bucetinhas que percorreram sob seu olhar de águia.

Amanheceu o dia e fomos para a praia, eram 10:00 horas e o sol raiava forte com um maravilhoso vento que não nos sufocava pelo calor, quando apareceu um garoto, na verdade um menino vendendo redes e artefatos eu um painel, brincos nativos e bijouxs que se vendem nas praias, ele encostou perto de nós e começou a mostrar seus artefatos e suas redes artesanais que dizia ele eram feitas pela sua família. Não pude deixar de notar na sunga daquele menino, ali dentro tinha um monstro, ou aquele menino estava ficando de pau duro ou era um monte de areia que se alojava ali dentro. Não consegui tirar os olhos do tal "????", sei lá, fiquei perplexa com tal coisa, curiosa mesmo. Max reparou e começou a rir olhando pra mim, más rir com tesão, conhecia aquele olhar cafageste dele. Perguntei ao menino se ele estava com sede ou fome, ele muito tímido só balançou a cabeça, na hora pedi que ele deixasse suas coisas sem medo perto de nós e que fosse até o quiosque e comprasse algo para ele comer e beber oferecendo-lhe R$ 20,00.

O menino foi até o quiosque e disse ao Max: Vc viu aquilo na sunga dele? Max respondeu dizendo que não tinha visto, más que quando notou minha falta de controle acabou observando e se assustando também.

Ele me disse: tá ficando com a bucetinha meladinha por causa do pau do menino não é?

Ele me conhecendo não teria como mentir, fui obrigada a concordar, e realmente estava, ela latejava de tanta curiosidade. Max acabou ficando mais entesado que eu a partir do momento em que ele me via daquela forma.

O menino voltou e trazendo na mão uma latinha de refrigerante e com o troca na outra mão, olhei pra ele e perguntei, pq não havia comprado nada para comer, ele me dissera que não tinha nada de comida, e sim só cigarros e bebidas em tal quiosque.

Poxa, foi aí o nosso trunfo, olhei para Max e disse:

Podemos levar ele até nosso quarto do hotel não é? Max consumido pelo tesão disse "é claro"!!!

Qual seu nome perguntei a ele, ele disse meu nome é David.

Pois bem David, vc aceita ir conosco para comer alguma coisa em nosso hotel? ele de bate pronto todo tímido disse não moça, eu tenho uns trocadinhos pra passar o dia, volta e meia como uma rapadura pra sustento, e eu mais que depressa: Não, vc vai conosco pro hotel comer comida, já que está tão magrinho e caminhando por toda a praia teria que se alimentar de verdade.

Nessa hora Max concordou olhando pra ele e disse: claro, não precisa ter medo da gente, somos pessoas do bem e queremos sua companhia, vc vai comer, descansar um pouco e depois poderia seguir seu trajeto, David então disse: é que eu preciso vender pelo menos mais umas 6 redes pra levar pra casa o dinheiro que levo todo dia, e se eu for pra casa de vcs vou perder o dia pra vender.

Max perguntou quanto custavam suas 6 redes, e ele: é 18,00 cada moço.

Max disse a ele, fico com 3 nesse tempo que vc ficar com a gente pode ser? ele topou e fomos.

Chegamos na recepção do hotel e pedimos ao recepcionista se não teria problema em subir com o menino e suas coisas, o recepcionista perguntou se ele ficaria por muito tempo e dissemos que não, que seria o tempo dele comer e beber uma água e de podermos escolher melhor suas redes para presentearmos nossa família. E colou(rsrsrsss)

Subimos e logo quano chegamos ao quarto, pedi que Davis largasse suas redes no canto e seu painel com seus bijouxs na sala. Assim Max foi com ele na cozinha e pediu que sentasse enquanto eu faria seu almoço. Enquanto fazia a comida senti os olhos de David me percorrendo pelo meu corpo, na hora que fitei seus olhos pude perceber que olhava para minhas pernas e bunda timidamente, más, olhava.

Olhei ele comer e perguntei coisas sobre sua família e trabalho, sobre seu artesanato e sobre sua idade, ele me respondeu que tinha 16 anos recém completados, nessa hora fiquei transtornada, como podia eu ter ficado com tesão por um menino dessa idade???? Max olhava pra mim e ria com o canto da boca, como quem diz assim: vc que sabe!

esperei o menino levantar da mesa e disse a ele, vc não quer tomar um banho? ele me respondeu: não carece não moça, já tomei banho cedinho antes de pegar no trabalho.

Me fiz de mãezinha, ou sei lá, de tiazinha(rsrsrsss) e disse: não, vc vai tomar uma ducha bem gostosa pra tirar o óleo do corpo, depois arrumo meu protetor pra vc.

Ele então falou: tá, então pode ser, levantando com aquele monumento que parecia ter dois caralhos em vez de um só.

Fui até o box do banheiro e lhe entreguei a toalha, aquele menino me deixava cada vez mais curiosa.

Deixei ele entrar direto no box e fiquei alí, sentada no vaso esperando ele dizer vou tomar banho, más, minha gente, ele abaixou sua sunga de costas pra mim antes mesmo de entrar dentro do box, pude ver sua bunda virada pra mim sem constrangimento algum. Olhei e disse: poxa, vc fica asim pelado na frente de todo mundo? e ele: acho que não tem problema não né moça? a gente caminha de sunga o dia todo mesmo, muda nada muito não.

E eu então começei a rir e disse: é, é verdade mesmo. Posso então te ver de frente? vc tem vergonha de virar pra mim já que mostrou sua bunda mesmo?

david disse: não, tem problema não virando aquele caralhão mostruoso pra mimnossa, que visão e teão descomunal que me tomou. Max que estava escutando nossa conversa perto da porta apareceu e espiou também pra ver quando aquela naja balançou. Meu Deus do cé disse pra ele, que pauzão vc tem menino. Ele na hora ficou com muita vergonha e disse: é, todo mundo me pergunta oq eu escondo na sunga! e eu digo caralho oras.

Começamos a rir, e perguntei se David ainda era virgem e tal, ele me respondeu que sim, e que só umas duas garotas tinha feito um chupisco(boquete na terra dele) pra ele nesse tempo, e eu perguntei se ele havia gostado, ele então me disse: muito bom, pena que as meninas que fizeram nele não eram do local, falou que eram turistas também!

Fiquei pasma, então quer dizer que vc deixou meninas de outro lugar te chuparem? ele disse que sim, que com els tinha acontecido pq tinham pedido pra fazerem nele.

Nessa hora perguntei sem pudor: então se eu te pedir pra pegar nele só um pouquinho, vc deixa? ele respondendo: se a moça quizer é só pegar!

Nessa hora fui sem medir consequências, peguei naquele caralhão como se fosse o último da vida, não dáva de entender, como podia um menino franzino daquele ter um caralho daquele tamanho????

Começei pegando e de leve fui punhetando, ba hora que abri a cabeça pra fora, senti um cheirinho de caralho sujo, sabe, tinha aquele queijinho ao redor, como se não fosse bem lavado, más aquilo em se tratando de um menino não era nenhum mal e sim uma estimulação em minha buceta que sentia aquele cheiro de caralho sujo de menino. Levei ele debaixo do chuveiro e punhetei e ensaboei com bastante espuma, aquilofoi ficando grande que depois de bem lavado e o sebinho ido embora tomei coragem e me senti denovo no vaso sanitário e perguntando a ele se deixaria, botei aquele monstro na boca, chupei muito, um pau gigante num menino de 16 anos recém completados, me senti perversa, suja, maldosa, sem noção, más, meu desejo sedento por sexo e a bucetinha pingando de tesão não aguentei e caí na tentação. Chupei sim um menino, más do caralho gigante que muito homem adulto não chega perto, grosso como uma tora, grande que mal cabia a cabeça pra passear sobre a língua. Fiz aquele menino gozar muito, sua porra era em grande quantidade, quando ele começava a querer gozar já sentia espirrar seu leitinho no fundo da minha garganta.

Asiim foram os 12 dias de nossas férias, chupando Dvid a toda hora, pau que não abaixava, porra que não acabava, e caralho que dáva por uns 3 sem brincadeira. Meu marido Max assistia tudinho, pedia que eu ordenhasse David pra ele ver.

Claro que não aguentei sem sentir aquela vara me enchendo minha bucetinha raspadinha, deixei o menino gozar dentro de mim e tudo, tomava meus remédios. Más isso é texto pra outra hora...

beijinhos da Vanessa

Comentários

12/12/2012 16:19:14
O que vc chama de pau muito grande ?? Tenho 20cm, o que vc acha????
16/07/2011 04:05:56
xupa gostoso add [email protected] so perto de curitib
16/07/2011 04:04:35
vc xupa muito add [email protected] sode perto de curita
16/07/2011 01:03:52
Opá que show parabéns... que isso que safadinha rsss... gata que relato gostoso 1000 beijos e +1!
uem
16/07/2011 00:54:41
nota 1000 gata muito seu contos delicia quero te vender redes tb beijos
15/07/2011 21:13:27
Muito bom Vanessa, adoro sacanagem assim. Se quser me conhecer sou de Curitiba, Leiam meus [email protected]
15/07/2011 21:10:38
MUITO BOM, PARABÉNS... HTTP://ARENAROMANA.BLOGSPOT.COM [email protected]
15/07/2011 20:26:31
sensacional, add [email protected]
15/07/2011 20:16:58
SHOW GOSTEI !!
15/07/2011 20:15:56
muito bom. Vem xupar o meu pau tbm. Ele tem 25cm vc guenta? Leia meus contos e comente ok. Bjos

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


a cinquentona gritava não ia aguentarhomem fudendo oltro homem enprensando na parede fudendo pornoXVídeos minha esposa queria dar para o negão mais da metade da metade podendomeu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticode chortinho pensando no namorado pornvideos eroticos da esposa vira cadela do marido eusa coleiratia ensinando osobrinho acome bocesta seso videu reau azeirocontos e histórias de pai tarado não aguentou e comeu a filha de sete aninhos gostosinhagostosa se masturbando com pinto de borracha solta p**** falsacoletane de cobtos eroticos de travesti bem dotado ativocarente abraçadinha no sexo pornoBAIXA VIDEO PORNO APROFESSORA ELIZABETI DA ESCOLA NANDEJAnovinha aser estuprada com padrasto aser desvirginada enquanto dormeporno gay com vendedor de porte e portana fazenda de amigos novinho conto eroticohistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulhercontos eróticos encesto mae de 35 anos fodendo com seu jovem filho e gozando muitoxvidios outros puraiEu e minha mãe no ônibus de excursão-contos-incesto-filho e mãe-incesto no onibuscangapor hd pronprofessora do encino fundamental se masturbano peladabuceta de carla visgando xvideosminha esposa lavano abucetinhacontos incesto mae gtsso puta dancando sexual e menor mostrando o peitinho e bucetinha enchada marcado a calcinhanegona do zoinhao gritano na picaolha amor que jeba gostosahomem peludo com o penis levantado elatejando de tesaoContos eroticos gay emgrachante onfamulher d fiu dentau atolado no rabodescobri que meu namorado da o cu yahhoxvideo iseto papaiXVídeos gay com truculênciacontos eroticos sexo oralContos eroticos negao fudendo gostoso com a viuvapornozinho.irmao.da.pica.gigante.mente.na.irmacibele bucetonaconto casada novinha e comida pelo traficante pausudo a forcaConto erotico arrombei minhA tia 25cm grosso no acampamentopeguei meu sobrinho mas tenho uma chapuletada rola muito grandecunhadinha linda gostosa me dando o cuzinho e gritando de dor e tezaoXvideo comeu o cu da sogra bu Cetoncontos bi vi meu pri meter na prinha prima fiz ele comer meu cu e eu fudi eláconto eroticosdei no primeiro encontropornodoido meu pai me consola depois deu chorarmeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticosconto garotinho de sorte tranza com vizinhaContos eróticos gay comi meu tioincesto com meu vô contoscontos eroticos comi a bundinha da menininha do baleCrossdress de vestidinho tubinhocontos,eroticos,de,gays novinhos sendo estuprado por jovens craquesfoi mal apertarou aqui sem querContos eroticos me vinguei da minha esposa e comi dois cuzinho finalContos eroticos seduzi a mae do meu amigo uma coroa bem recatada e dona de casaa empregada sai do banheiro nua para encabular ou encabular o dono da casacontos gay virei menina sissyxvideos rolas chapuletadasconto erotico machucou o cu da casadinhaContos eriticos .como virei escrava do vizinhonegaoconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretogozei na boca dela sem pedirporno mulheres q bota sainhas curtinha para pega onibus lotado sopara ser fufidamamae nao suporta rola do amante na bucetaquero baixar pornô novinha chamando o pai de mensagem massagemchupando a buseta defentebucetas gosmadasVirgindade anal incesto Desde pequena Contoxexeca mais gtz e peludinhacontos eroticos de meninos gay perdi a aposta no video game e o cabaco tambemContos erótico brinquei de esconde esconde e arrombarao meu cucontos eróticos mulher transando com negãoxvideos viu mae dormindo de boca aberta e fico doidinhoConto.erotico sogra tatoadaconto erotico descobri que o marido de minha irma e honosexual acabei comendo ele e minha gostosa irmacoletania de negao socando ate o saco nas esposas gringas com vestidos pornover contos eroticos em que maes sao flagradas pelas avos fudeno com os filhos pauzudoso tio tarado estrupando a sobrinha clitado de dormeu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticocontos pequenina e punheteiraContos eroticos de mulheres com grelo grandes gratiscontos erotico meu filho me bateu e botou moralveterina fode cachorraocontossou casada mas sinto vontade de meter com um negao pissudocontos eróticos meu cunhado pausudo mi arronbou todos os buracos incesto amador no surdãomeu padrasto me encochava contos eróticos de gaysfilha minha femea contocontos eroticos alvinho e o padremeu aluno cacetudo contosquero ver fotos de buceta de saquinho de geladinhoQuadrinhos cabeludos de uma gangue de monstros tarada por mulheres gostosas! HQs lotadas de criaturas horripilantes que vão te dar medo e prazer!coloquei um fil dental e dei meu filho video porno