Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Contos Interraciais volume 7 - Traindo o maridinho com um negão

Autor: Narrador
Categoria: Heterossexual
Data: 01/08/2011 01:01:38
Última revisão: 06/08/2011 00:25:21
Nota 8.00
Ler comentários (4) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Meu marido é um chato, vive implicando com minhas amigas e com minha família. Ele odeia viado, negro, e crente, como ele fala. Acontece que uma das minhas melhores amigas é uma negra. E ele odeia ela.

Vive falando merda, sobre ela, que fica em silêncio quando escuta, pois ele faz questão de falar para ela ouvir. Isso foi me deixando chateada, e acabei falando pra ele que ela bem que podeira acabar denunciando ele por racismo. Ele ficou furioso comigo, falou que eu preferia as amigas do que ele, aquelas besteiras todas.

Fiquei um tempo sem ver minha amiga, até que meu marido foi viajar por uma semana a trabalho, então fui na casa dela, e fiquei até tarde conversando. Como não tinha mais ônibus aquela hora, o irmão dela, um negão sarado me levou em casa.

Quando chegamos ele entrou um pouco, para conversarmos. Acontece que esse negro foi meu namorado no tempo de escola, e ainda tinhamos um certo tesão um no outro, pois nunca fomos para a cama. Conversando, ele acabou falando:

- Quem diria que aquela branquelinha magrela ia virar esse loirão, hem?

- É.. lembra que na época só você que eu namorei? Os outros caras até tiravam sarro de você, que eu sei.

- É... mas se eu pudesse, namorava você de novo...agora que tá gostosa.

A olhada que ele me deu, acendeu alguma coisa dentro de mim. Afinal por que é que eu não tinha "dado uma" com ele?

Passei a mão no rosto dele, e fiquei pensando no tempo que tinha perdido.

- Se eu pudesse voltar atrás, talvez não tivesse casado com o Jair.

Ele me beijou a boca, e eu correspondi. Estava com tesão. Lembrar que o homem que era dono daquela sala odiava negros, e que tinha um negão com a mulher dele alí se beijando, era demais.

Levei ele pro quarto, e deitamos nos beijando. Aos poucos fomos tirando a roupa, e ele meteu o dedo na minha buceta. Ele molhava o dedo na minha boca, e metia na buceta. Empurrei a cabeça dele para baixo, e ele entendeu que eu queria lingua. Chupou gostoso.

Quando eu estava para gozar, pedi para ele:

- Mete, mete agora que eu gozo.

Ele deitou em cima de mim, num papai-mamãe gostoso. Abraçava forte, e me beija orelha, pescoço e boca. Eu gozei como fazia tempo que não gozava. depois disso, ele foi até a suas calças e pegou uma camisinha na carteira.

- Anda com isso na carteira? Parece muleque...

- Quando é que se sabe se vou precisar?

O pau dele tinha dado uma amolecida, e ele punhetou de pé ao lado da cama. - Não vou gozar sem camisinha, se não pode dar zica.

Eu fui até ele, e dei uma lambida na cabeça do pau, depois passei a chupar as bolas e o pau preto dele. Ele punhetou tanto e gostou tanto da chupada que acabou gozando. Quando ele gemeu forte, afastei a cara mas respingou um pouco no meu braço e no meu peito.

- Porra, gozei. - reclamou ele.

- Temos a noite toda, negão.

Tomamos um banho, e nos deitamos. dormimos até umas cinco da manhã. Eu acordei ele punhetando seu pau e beijando seus mamilos. Dei uma bela chupada no seu pau e coloquei a camisinha.

- Agora, pode goza dentro a vontade, safadão.

Sentei no pau dele, subi e desci, beijei sua boca, e ele me chupou os peitos. Eu gozei, mas continuei subindo e descendo até que ele gozasse. A camisinha saiu toda melada.

- Vem, vamos tomar banho e tomar um café. - falei.

Ele ficou para almoçar comigo, e conversávamos sobre o tempo de escola, ele acabou colocando um assunto de sexo anal na conversa. Saquei a intenção dele, e falei:

- Quer comer meu cú, né? Continua o mesmo safado.

- Você sabe, nós perdemos anos da nossa vida, então temos que recuperar o que perdemos.

O argumento era furado, mas eu gostava de sexo anal mesmo, então deixei o clima correr solto. A tarde foi passando, e quando caiu a noite, trancamos a casa e fomos pro quarto.

- Já pensou se seu marido chega agora?

- Nem fala uma coisa dessa, o cara é grosso.

- Olha o que é grosso aqui, olha.

Ele levou minha mão até a piroca preta por cima da cueca. Ele tinha ido comprar mais camisinha enquanto eu fazia o almoço, e pegou uma. E chupava aquele pauzão preto delicioso, enquanto ele abria a camisinha e colocava no cacete.

Ele molhou o dedo e levou no meu cú, tirava e colocava, até que relaxei bastante.

Fiquei de quatro e me abri toda. Ele meteu devagar, eu tirava quando doía, e colocava de volta devagar. Logo estava metendo com um pouco mais de velocidade. Acariciava minha buceta com a mão enquanto fudia meu rabo.

Meu marido quando metia no meu cú, sempre machucava, mas ele metia mais devagar, isso talvez tenha feito eu chegar ao meu primeiro orgasmo anal de verdade. As pernas bambearam e minha buceta escorria nas mãos dele. Acabei caindo desfalecida. Ele tirou a camisinha que usou no cú, e colocou outra. Me deito de ladinho, e meteu na minha buceta. Eu já nem sentia mais nada de tanto que tinha gozado. Virei o pescoço para trás e ele me beijava a boca. Naquela posição com ele deitado por trás metendo na buceta, foi gostoso demais.

Mudei e deitei de costas para baixo, e ele deitou em diagonal, ficando com as mãos livres. Uma puxava minha perna e a outra brincava com meu grelo, enquanto ele fudia.

Segurei o estrado da cama, e gozei de novo, com uns gritinhos, pois não me segurei. Ele continuou metendo mais e mais, até que gozou com um gemido baixo.

Minha amiga ligou, e tive de falar pra ela que o irmão tinha passado a noite lá em casa. Demos uma desculpa que o carro tinha dado defeito, e que ele tinha dormido no outro quarto e chamou o mecânico no outro dia. Falamos que o cara levou o dia inteiro para arrumar. Se ela acreditou ou não, eu não posso dar certeza.

Mas daquele dia em diante, todas as vezes que meu marido falava merda para ela, ela dava um sorriso estranho quando encarava ele.

Pensei que talvez ela soubesse que eu tinha colocado chifres em meu marido brabão com o irmão dela. Um negrão fudendo a mulher do babaca.

Eu, claro fico quieta, e de vez em quando, encontro com meu ex-namorado negro, que só agora passou a me fuder.

Comentários

11/12/2011 22:37:14
Muito bom seu conto e realmente faltou ele gozar na sua buceta pro corno babaca chupar sem saber
24/08/2011 14:49:14
este conto ta muito sem sal mulher nenhuma csada vai levar homens pra casa correndo riscos de ser fragadas pelo marido aindamas ficar na casa dela dois dias issso ta cheirando a lorotas
21/08/2011 23:45:42
Esse teu marido tem é que levar chifre mesmo... Se quiser um Ricardão mulato, eis-me aqui: [email protected] Beijos, Conan
01/08/2011 08:15:12
Delicia, falta leite na bucetinha...pro corno chupar...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


contos eróticos de mulheres que foram f***** por bem dotados na grossura de caramba sua b***** arrombadateens paus cabeçudos grandes gozando fortes jatos porrapornodoido desmantelando a loira em cima da mesaloirinha magrinha sentando no pau do negao de 70 centimetroscontos de sexo no carro com um cara aiii metiii maisx video caralhomuitogrande mulher não aguentohistória e foto de tia gostosa que gosta de fazer macarrão com sobrinho novinho e g****** na mão delanovinha do priquito ruivo contosvídeos sexo gays estrupo vampiro principes dandopornomulher so de fio dental fininhaXsvideos timida depilando o super dotadoincesto pai bota filha pequena no colo e ficar bolinando elamae icestuosa desabafo de maexvideos comedo uma mele buchudamenina fudedo com xortiu de dormicontos louco por cunhada rabuda casada "evangelica"contos porno padre gaysogra gg chama cheiro para sexo anal pedro da filhagozanu gostozo na bucita da irma dominu xvidesceta e bunda 205 só as gostosascontos eróticos sobre cunhadabucetudachupaminhabucetacoroaporno loira olhos azuis coxa grossa rabo grande peituda cabelos longos metendo como uma cadela no ciocontos eroticos gay me apaxonei pelo traficante 7chupando o grelo de uma loira mulher chupando beijo tchauamarando a filha pra chupa buceta e mete a liga no buraco da buceta primeira vez que ela sente uma linganariz de policial dando o priquito a outros policialvideos pornoinsetos filho fodendo mae prensadaContos levei um tora preta gozou dentro meu marido adorouXxvideo cosquinha na cabecinhaa dona vai ser com seu cachorrosexvideos de com mulheres muito gostosa muito esitada dizendo qui ta muito gosto que è pra comer o cuzao delasfis vovo me arronbarnovinha loirinha de onzeanos bucetinha enxadinha transando com papaiescandalosa fogosa e gulosa tomando tapa na bunda pornô doidocontos eu e meu irmao fudemos a mamãecontos eróticos primeiras experiências com siriricafotoporno dotados verdadeiros jegue e nupraticantes de scat videohome filma mulhe no oiniboque ver conto erotico imao es piano imao novinha peladacontoseroticoss xvideos5gta mulher anda pelada e fala voce enfia seu pinto na minha bucetamae beba fas fiho chupa putariabrasileiravarias mulheres nuas no meio da grama mexendo na buçetaxvidio decotes da braquinhasubrinha olhando seu tiu nucontos cuzinho da Robertaincesto pai bota filha pequena no colo e ficar bolinando elaconto novinha marrenta estrupada pelo irmaosxvıdeo novınha de bıquınıconto de filha bando de biquine e acabou dando a bucetagibi troca troca com família pornotexto jibi mae filho fodeu bucetaeu fui encoxada pelo meu sobrinho tarqdowww.xvideos meninas com fartura de carne da buceta e rabo gostososexo porno eu tava sozinha e meu padrasto foi ate o quarto passa a lingua na minha xereca e ainda jogou toda porra dentroe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoradei a buceta no rio contos eroticoscasado sendo penetrado no seu cuzinho pelo amigo,devagar e suave.pornô sexo garota transando com apitando o quarto deitadacontos eroticos barbeiro cortando cabelo de mulhervelhos pintudos andando na praia nudistas videoscontos erótico minha filha de shortinho curtochegando da balada bêbada e fazemos insetorelato erotico evangelica casada carente da buceta peluda greludavídeos de biscatinha novinha brasileira gostosa safada entiada metendo c padrasto sem ninguém percebercontos o negão bem dotado de todas as pragas da minha sogradei a buceta no rio contos eroticosmulher tenta fugi pica mostruosa brutal no cunovinha de biquine fazedo sexo de ladinho colado bem devagarinho no cuzinhobussetas cuspindo porraquero ver lindas travestis entrando em enormes rolas ate gozarem nelas videos boas fidasPapai rasgou minha bucetinha ainda menina contos de incestogta em porno doido com um estranhoNegao esculachando com moleque gostosoevangelicas na zoofilia com cachorrocontos contos meu marido me arrumou um novinhoContos casal achou um comedor topa tudosó mulher pelada a chegada com a b******* bem grandona daquelas BH b******* grande pinguelo grande cheio de galaDespertando O Amor em um Brutamontesparte 2: casa dos Contoscontos primeiro menage rolou ate dp