Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

revigorando

Autor: oximoro
Categoria: Heterossexual
Data: 09/12/2011 11:29:31
Nota -
Ler comentários (1) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Sou Gisele, casada ha 22 anos com Renato. Nossa filha acaba de casar, mudou-se para outra cidade, ficamos só nós.

Em matéria de sexo fizemos de tudo, chupei, usei minha vagina, dei o cú desde noivos.Todavia, meu único homem era Renato.

Na casa dos quarenta sentiamos nossa atração sexual diminuir,antes trepavamos todo dia, agora uma ou duas vezes por semana. Resolvemos tentar por pimenta em nossa relação.

Resolvi ser escrava 24 x 7 de Renato, ele achou ótimo. Primeira ordem, nua e descalça o tempo todo, o clima estava bem frio, me arrepiei toda, chuveiro só frio (eu só tomava banhos quentes), volta a fumar (eu havia parado).

Fomos a lojas de sexo, compramos varios chicotes, grampos, pesos, correntes,cordas, agulhas, dildos bem grandes, enfim toda parafernália para torturar escravas.

Para começar, em um sábado em que Renato não trabalhava, decidimos que eu seria torturada o dia inteiro ou até eu pedir para parar.

Experimentamos os chicotes, escolhi os tipos que produziam mais dor, fiquei toda marcada, corpo ardendo, mas um belíssimo tesão como não sentia ha muito tempo.

Depois foi a vez dos grampos nos seios ( que dor aguda, deliciosa), outros grampos nos labios vaginais ( dor para valer),

pesos sendo pendurados aos grampos, dor aumentando, gemi muito, ele mandou eu fazer 20 polichinelos, urrei a cada movimento, lágrimas corriam, braços foram amarrados atrás das costas, mais 10 polichinelos, dor terrível, tesão a mil.

Pausa para preparar o almoço, ele foi atrás de mim para cozinha, eu nua, meteu no meu cú com um apetite dos tempos de noivos.

Almoçamos e dormimos um pouco, ele na cama, eu no banheiro, frio danado, uma vontade de sexo como não sentia fazia tempo.

Depois foi a vez das agulhas, nos seios, pelo corpo, nos labios vaginais, um grito a cada enfiada, horas de dores espetaculares. Primeiro Renato enfiou as agulhas, depois eu tomei a iniciativa, muito gostoso provocar a própria dor.Quando meus peitos viraram paliteiro, meus labios vaginais foram o novo alvo, que dores, que tesão.

Chegou a noite, nosso apto. é de cobertura, tem uma boa varanda, chuva forte, uma hora trancada ao relento, pelada. meus dentes batiam, resisti.

Que foda, buceta, cu, uma esporrada na boca, que delícia. Ele ficou no quentinho, fui dormir no banheiro.

Nas semanas seguintes pesquizamos lojas e sites de bdsm, compramos mais algumas peças de tormentos.

Fixamos uma argola no teto, ficava pendurada pelos braços e tome chicote. Experimentei me pendurar pelos pés, chicote cantando, sofrimento bravo, um extase. Renat esporrou me vendo e ouvindo meus gemidos.

Outro tipo de sofrimento. Dois ganchos na parede da varanda, braços presos, pés amarrados fora do chão, chuva ou mangueira me molhando, frio, pesos nos seios e vagina, o tempo passa devagar, a dor vai crescendo, normalmente tenho um orgasmo, Renato me solta e penetra meu cu ali mesmo.

Um mes depois toda parafernália já não bastava, eu e ele queríamos mais. Apelamos para o pissing e scat, passei a beber o mijo de Renato, me viciei, queria a toda hora. O scat foi um pouco mais duro de fazer, limpar com a lingua o cu de Renato após evacuar, engolir tudo.Vomitei a 1ª vez, levei 20 chicotadas, dominei o asco, agora deixo o cú limpinho e saboreio o produto.

Resolvemos ir à praia no domingo. Renato, sexta, chegou com um pacote, colocou numa cadeira, não disse o que era. Domingo vesti meu maio inteiro, calcei as sandálias. Renato me olhou, tira esse negócio, abra aquele pacote, vista o que esta nele. Um maio fio dental, mínimo. Me senti nua, ele disse estas ótima, escrava anda descalça, tira essas sandálias.

Passamos o dia na praia, fui comida com os olhos por vários homens, primeiro fiquei encabulada, depois de tesão.

Decidimos que me expor fazia nosso tesão crescer ainda mais, começamos a investigar como proceder.

Casas de swing, vimos anúncios de várias, nada que me animasse muito. Enfim descobrimos uma comunidade bdsm que promovia orgias entre seus membros, fomos ver.

Um palco, escravas e escravos eram expostos, completamente nús, para aluguel por horas para a melhor oferta, com direito ao uso sexual e algumas torturas. Fiquei doida, nos inscrevemos, na próxima orgia eu ja seria exposta.

Uma semana de tesão, Renato louco para me ver com outro homem, eu alucinada para provar outra pica, arrombei meus buracos com dildos enormes, tomei Sol nua, apanhei muita chicotada para deixar algumas marcas.

La fui eu, vestido bem decotado, costas nuas, saia curtinha, nada em baixo, louca de tesão.

Fui para o palco, 1º aluguel, 2 horas, um rapagão, dancei nua, dei o cú, a buceta, chupei levando chicotadas, urinou na minha boca, acabou o tempo, me beijou, duas porradas nos seios, banho frio, voltei para o palco.

Logo outro aluguel, este um senhor.Voyeur, tive um tremendo orgasmo com 2 didos enfiados, chicote, seios apertados por cordas, roxos, latejando. Outro banho, palco de novo.

Arrematada por 2 rapazes, sexo, minha 1ª DP, ambos esporraram na boca, engoli tudo, um me agarrou o outro bateu nos meus seios, gemi, muita dor, tesão, comeram de novo meu cú, disseram ter me adorado, outro banho (que frio), palco novamente.

Meu marido me levou para um tatame e me comeu a vista de todos. tomamos nosso carro, fui nua, me senti uma escrava sexual bem depravada.

Já temos um ano em nossa nova vida, não penso em parar.

Comentários

09/12/2011 13:43:29
quer ser minha amiga me add no msn [email protected]

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


www.xvideos.bucetaovirgenscoroa pelada toda melada de margarinavídeos pornô eróticos com pau grande e grosso lindos com a pontinha bem geladinha e bem fofinhoconto erotico bacanal bucetaflagrei minha filhinha mamando o irmao com um mastro enorme contos eróticoseu quero GTA Marginal trabalhando na ambulância disfarçadoxvideos rolas chapuletadasjuju fudedomeu avô estorou meu cabacinhocontos mulheres cinquentona nao aguenta pau com super cabecaxvidio casada chupano o amigo do filho escondidoevangelicas na zoofilia com cachorroconto erotico soquei um pau de borracha na minha esposa sem ela percebervídeo de pornô senta na minha pica rebola Dodôwww.casa dos contos erotico adultério emcasa.comporno família favelaesposa gostosa e novinha e tio roludo parte setefudeno bucetas e gozando nas entradinhasdois dotado fetendo com forca e tirando sangue da bucetinha da moleca assanhadao vídeo de um homem e uma mulher dançando pelada com botãozinho para minha boca sem travar para não escolher se eu quero ou não aquele é minha nota porfavor aquele pretominha irma vive mim provonca encostano seu cuzinho no meu pau. acabei comendoinara puta dando pro sogrocorno porra ordenhA taca contocuzinho+delicioso contosSexoloucoanimalmulheres passa margarina uma na outra peladasquadradinho erotico incesto COM HUMORfazendeiro malvado mundobichacomendo a mileninha gostosinhacontos meu sogroconto erotico estuprei minha esposa obriga nossa empregada a fazer sexo comigohistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulhergay raptou o vizinho para lhe chupar o paucavalo feia mulher gritando estocada do cafetão pornôrelato corno na casade swuingCasa dos Contos Eróticos sogra gritou chorou e pegou na pica do genrobunda branca mole cavalgando na minha rrola no 1.xxxxv novinha querendfo centin um piru na bucetab de cachrrolevando pissada ate caga porno doidoDormindo e pai comendoxx.comfotos decasadinhas boqueteiras do corninhoGisele bundchen mostrando sua buceta inchadaManda vídeo pornô das atrizes mais belas do pornô transando com cachorro engatado arrastando ele era luz clique desesperada chorandoxsvideo relatos com fotos e filmes tio taradao de 30cm de rola arrombando subrinha safadaxvideos mulher com manchinha no rosto chupandomulher se afogando com o pao na garganta ponodoidoincesto lendo no colo do papaifilho dopou sua mae e fudeu ela dormindo cantos eroticoContos erticos irmas gulosas mamando na pirocona dos seus irmaos em uma orgia na piscina de casamagrinhas soquem pauzao. de 30 cm porno xxvideos meninas sentodo o cu em cima do pau mostando a bucetavelho pauzudo machuca a casada a forcaencoxei minha tia peituda (contos).velho pauzudo machuca a casada a forcatransa sexual sogente negras eu gosto porno gratismae foi na missa e ilha toco siririca pornôbundas maciinhasnovos Contos erodicos de tulaxvidio mulher casada para na rua fica vendo medingo do pau muito grande fazendo xiximeu sogro e minha mulher sair pra rua e eu fudicom minha sogra gostosaconto xota formigando paihistória e foto de tia gostosa que gosta de fazer macarrão com sobrinho novinho e g****** na mão delapasando a mào na buçta da gostosatransa sexual sogente negras eu gosto porno gratisPorno contos incesto familia prazer total qualquer idadeporque tem mulheres que sentem prazer ao ser.penetrada com o.dedo no anusDedando.a.casada.dormindo xvideopornoConto comi minha irmãcontos eróticos estupros varoa gangbang silvio santos porno doidoContos eroticos chotei na puca do meu padrasto parte1gozadas no xvideo de mulheres que dar tremetreme naspernassocaaa com força malandrocache:GlXfqrAlcOoJ:zdorovsreda.ru/perfil/52488 videos mais ecitantes de todos os tempos homens peludos de sunga comen e tiram a virgindade de menina e gozam dentro de sua vagina video brasileiroxvideos so com meninas de 17aninhos de idade e com acssilas peludinhas