Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

O viadinho e o Caminhoneiro

Estou voltando ao site, vou escrever meus contos (Reais ou não) e espero excitar muito vocês leitores. Atenção aos que só gostam de criticar: CASO O ASSUNTO ABORDADO NO CONTO NÃO FOR DE SEU INTERESSE, POR FAVOR, NÃO LEIA O CONTO!!! Aos que gostarem do assunto e quiserem, podem deixar o msn e conversaremos mais sobre isso.

Este conto é real

Ola a todos, sou um jovem gay afeminado que adora usar calcinha e essa história aconteceu num sábado pela manhã com um caminhoneiro bem safado. Sou branco altura mediana, uma bundinha bem gostosa redondinha, coxas grossas, uma boca carnuda e gulosa, olhos azuis e tenho pequenas tetinhas salientes e macias.Pois bem, acordei no sábado bem cedo, vesti minha roupa, ajeitei meu cabelo, passei meu gloss e fui até a padaria para comprar o pãozinho do café da manhã. Moro perto de uma rodovia federal (BR) e na esquina da minha rua tem um grande posto de gasolina que serve de parada para muitos caminhoneiros.

Quando eu ia passando distraída pelo posto, para atrevessar a rua, ouço um "fiu-fiu" (quem é gay e afeminado ja deve estar acostumado com esse tipo de cantada na rua, mas nem sempre isso demonstra interesse por parte dos homens, as vezes é só deboche mesmo!). Ouvi o assovio e nem liguei, continuei esperando o sinal fechar pra atravessar a rua, mas o "fiu-fiu" aconteceu de novo seguido de um "ei, psiu!", então eu olhei pra trás. Foi quando eu vi o CAMINHONEIRO: um moreno um pouco mais alto que eu, de bermuda e sem camisa, com o corpo grande meio gordo mesmo (o famoso parrudão) peito bem peludo, pernas tb peludas e grossas, uma barba cheia e bem escura, um homem de meia idade por volta dos seus 45 anos. Ele ascenou pra mim me chamando, eu pensei algum tempo, receoso,mas fui até ele. Cheguei perto dele e ele me comprimentou:

_Oi, tudo bem princesa?

Eu fiquei meio sem entender o "princesa", mas respondi com naturalidade: "tudo bem".

Ficamos nesse papinho de "tudo bem..." e ele sempre falando comigo e me tratando como uma menina (e eu adoro isso!). Ele falava comigo enquanto alisava o seu peitão peludo, e eu cade vez mais enfeitiçada pelos seu peito bem peludão, suas mãos eram bem grandes e seus pés tb, foi quando eu perguntei:

_ Me diz uma coisa, quanto vc calça?

Ele riu e disse:

_ Calço 45/46, gosta de pezão?

Eu, com uma cara bem safadinha, respondi:

_ Adoro! gosta de massagem nos pés?

E ele:

_Claro, nos pés e em outros lugares também... quer ir comigo pro meu caminhão?

Nossa, senti aquele friozinho na barriga, mas aceitei na hora! Sempre tive muita tara por caminhoneiros, mas nunca tinha entrado num caminhão, seria minha chance!

Fomos até o caminhão dele, que estava parado ja bem no final do posto, perto do muro, e entramos. A cabine do caminhão era maior do que eu imaginava, e bem mais alta também. Ele então ajeitou o banco pra que ficasse como se fosse uma especie de cama, deixando com mais espaço. Eu ficava olhando aquele homem e não acreditava no que acontecia, ele fechou os vidros que eram escuros e disse:

_ Pronto, agora a gente pode ficar a vontade.

Eu disse:

_ Então se ajeita pra eu começar a sua massagem.

Ele falou:

_ Tudo bem, vou ficar de cueca pra ficar mais a vontade pra vc me massagear.

Falou isso e foi tirando a bermuda dele, nossa!!!!! Nessa hora eu enlouqueci!!!! Aquele machão moreno, peludão, só de cueca ali na minha frente dentro de um caminhão era um sonho! Ele se deitou no banco de barriga pra cima e colocou o pezão dele quase na minha cara. Eu peguei os pés dele e comecei a massagear.Era um pezão mesmo, grande, aspero, com pelos no peito do pé e no dedão, um dedão grande. Eu pegava o pé dele, cheirava, massageava até que não aguentei e comecei a lamber o pezão dele, lambia a sola do pé, chupava o dedão, cheirava entre os dedos. Enquanto isso ele gemia baixinho, e foi quando eu reparei na cueca dele. Ele usava uma cueca amarela de pano bem simples, o pau dele estava muito duro e ja tinha uma rodela de molhado na cabeça no pau dele que ficava pulsando e molhava o tecido da cueca toda. Depois que eu chupei o pezão dele ele falou:

_ Ai gostosa, agora chupa meu pau, ja to todo melado ja...

Ele então ficou de pé no banco do caminhão, eu fui baixando sua cueca de vagar vendo aquele cacete lindo aparecer aos poucos e adorei o que eu vi, um pauzão bem escuro devia ter uns 20cm e bem grossão com muita pele, a cabeça só aparecia um pedacinho pra fora. Então tirei a cueca dele toda e fui direto pegar naquele cacete, segurei e puxei a pele pra trás e então saiu um cabeção roxo bem inchado e brilhando e bem melado e com um cherão muuuuito forte de rola, nossa eu fiquei ali olhando e então ele falou:

_ Chupa meu pau, gostosa. Da uma chupada nessa pica.

Coloquei a pica dele na boca e comecei a saborear ela toda. Que delicia o gosto daquele macho, uma pica melada e salgada, eu chupava tudo, lambia, tentava engulir inteira, engasgava e babava mais ainda na pica dele. Aquele macho peludo de pé ali no banco do caminhão, com aquele pauzão delicioso, e eu mamando bem gulosa aquele pau. Ele gemia, me chamava de gostosa, de putinha, de safada. Então ele me mandou tirar a roupa. Tirei a calça e (claro que eu estava de calcinha!) quando ele viu que eu usava uma calcinha pretinha fio-dental enlouqueceu! Me chamou de puta safada, ai depois tirei minha camisetinha e ele então pode ver meus peitinhos, grandinhas, tetinhas macias, ele veio direto com as mãos grandes dele e pegou nos meus pequenos seios e começou a apertar, e então ele começou a chupar meus seios e colocar tudo na boca dele sugando muito, aiiiii como eu gemia.. estava enlouquecida com aquele homem sugando meus peitinhos. Ele então parou de chupar meus peitinhos e veio me dar um longo beijo de lingua, eu estava completamente entregue àquele macho barbudo, a lingua dele quente e molhada na minha boca os pelos da barba dele roçando no meu rosto lisinho... ai que gostoso, o cheiro daquele macho me deixava muito excitada. Ele, então parou ficou de pé de novo e pediu mais uma chupada. O pau dele soltava uma baba grossa, parecia clara de ovo, que ja escorria até o sacão peludo dele, eu então chupei muito e aproveitei pra chupar as bolas dele sentindo o ovão peludo dele na minha boca, os pentelhos dele no céu da minha boca. Ele gemia muito, ai ele disse:

_ Fica de quatro pra mim, quero ver esse seu cuzinho.

Obedeci, fiquei de 4 pra ele empinando bastante meu bumbum. Ele veio afastou minha calcinha e começou a chupar meu cuzinho.. Uiiiiiii ficava toda arrepiada sentindo a lingua dele no meu cu e os pelos da sua barba raspando na minha bundinha branquinha e lisinha...eu gemia muito, estava muito excitada, se ele continuasse eu ia acabar gozando...Mas ele parou, tirou minha calcinha me deixando nua, e começou a esfregar a cabeçona roxa dele no meu cuzinho rosinha que tava todo molhado de saliva. Ele esfregava e forçava a cabeçona dele no meu cuzinho que abria um pouquinho, ai ele parava e meu cuzinho fechava, ai ele foraçava de novo... ficava nessa tortura prazerosa enquanto me dizia:

_ Quer meu pauzão no seu cu, safadinha?Quer rola no seu cu viadinho, putinha?

É claro que eu estava louca pra dar, mas estava um pouco apreensiva, porque o pau dele era realmente grosso, mas estava com muito tesão e deixei ele fazer tudo comigo. Ele deu uma cuspida no meu cu e foi enfiando o pau dele inteiro duma vez. Não enfiou rápido ou forte, mas foi colocando inteiro, continuamente, sem exitar ou parar. Fui sentindo aquele nervo duro me abrindo e se enterrando cada vez mais fundo até sentir os pelos do saco dele encostar no meu reguinho....O meu tesão era tanto que eu não conseguia pensar direito, não conseguia falar.. só sentir aquele pau duro e quente no meu cu.

Porém como era de manhã e eu ainda não havia ido no banheiro, logo na terceira ou quarta estocada que ele deu eu senti meu cu quente e melado de algo que num era a saliva dele. Era cocô. Ele tb percebeu e tirou o pauzão dele de dentro, e saiu todo cagado o pau dele, sujão de bosta. Então eu pensei que ele iria brigar muito comigo e me mandar embora, mas me enganei ele ficou de pé no banco do caminhão, olhou bem na minha cara, e eu olhava pro pau melado de bosta, e olhava pra cara dele, ai ele falou:

_ Sua puta gostosa cagou no meu pau todo... agora vai chupar e limpar, viadinho!

Veio com a rola perto da minha cara e mandou eu chupar. Meu tesão era tanto por aquele macho que obedeci, chupei o pauzão dele que estava mais duro que nunca, e ele enlouqueceu:

_ Sua puta gostosa..... safada tesuda.. chupa meu pau,seu viadinho.. limpa ele com a boca... aaaaaaahh... piranha safadaa... viadinho gostosa...

Ai ele virou um animal, me botou de 4 de novo e meteu a pica sem dó no meu cu....meteu e melou o pau todo de novo, ficava fudendo e as vezes tirava e mandava eu chupar de novo, e depois metia mais pica no meu cu pra melar de novo... ficamos nisso uns 20 minutos... até a hora que ele fodia meu cu com tanta fome, tanto mesmo, ele tava todo suadão ja de me comer, meu cu todo arreganhado ai ele começou a gemer:

_ Ai viadinho puta, ai vo gozar.....ai sua piranha safada.. ai vo gozar...

E eu quase sem conseguir falar:

_Ai... ai macho..ai... me da seu leite... quero sua porra...ai...ai me da na boca seu leite.. quero beber seu leite...

Ele começou a apertar minha bunda com as mão grossas, e fuder mais rapido, cada vez mais rapido. Nessa hora meu cu estava tão quente que meu esfincter começou a se contrair e foi só eu encostar no meu pauzinho que gozei muito!!!! meu cu piscava e mastigava aquele pauzão que ia cada vez mais rápido no meu cu, ai ele tirou o pau com tudo do meu cu e falou:

_Ai toma puta....abre a boca... vai... vou gozar.. tomaaaa!!

Eu, com urgência, me virei e fui direto pro pau dele.

Ele enfiou o pau na minha boca e então senti seu pau latejando, inchado e sentia os espirros da porra dele quente no céu da minha boca. E quanta porra saiu daquela pica, nossa! Encheu minha boca, dei três goles grandes cheio de porra quente e grossa, parecia um mingau de macho caminhoneiro, com gosto amargo e meio doce.. DELICIOSA!

Depois disso ficamos ainda um tempo nos recuperando da intensidade desse gozo. Eu passando a mão nos pelos do peito dele, sentindo o cheiro forte daquele macho suado...

Então nos vestimos, ele foi tomar um banho e eu voltei pra casa, porque depois de toda aquela porra que bebi, não precisava mais de pãozinho pro café da manhã!

Comentários

22/02/2018 15:56:22
aff, sem chuca não da, e regra antes de sair de casa tem q fazer a chuca, porque e nessa hora que os boys aparece, ai vc passa um cheque, misericórdia
08/12/2013 08:48:45
Muito bom,adoro seus contos
22/11/2013 12:16:49
Legal
08/01/2013 01:35:35
PARABÉNS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
23/01/2012 09:35:00
Se você também curte uma boa sacanagem entre machos de verdade, não perca tempo. Clique no meu nome e leia meus contos. Não deixe de comentar. Para o pessoal de Campinas que se interessar, meu e-mail está no final. Curto uma boa pegação com outro macho de verdade. Até mais.
23/01/2012 03:32:50
Bem escrito. Parabéns

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


conto erotico luciene crentevideo porno com mulhe traido o marido e foi amesada que nao da cucontos eroticos entre irmas e irmaos de montes claros mgcontos mae filho lambe cona esporradacontos de mulheres cagando e peidando em seus parceiroscontos eróticos comendox vidio comtos eroticos flaguei mamãe emamilos da minha mae contos eroticosconto marido comeu meu cuvideo curtinhonovinha gozando pelo cuzinhomalandro se asusta com o tamanho da buceta da novinha bebadacontos eroticos feminizaçao do garotinho maearombei minha mae contos eroticos pornosogra porno Eça a dormirkero.buctaConto erotico gay mão bobacomo fazersrxo pinto vibradorvídeo pornô caseiro mulher voltado foi traído e dá o troco e ele transa camisinha se faz para colocar no coloca em quando vê tudo e ela deixa como comer essa p*** para o c**** vem sem camisinhaContoPorno dotado estourando as prega do viadinho novinhoconto erótico muitos orgasmos com lsdwww.casadoscontos/gayputo.comeu conto dancei com meu cunhado e senti um p*******Socorro me apaixonei pelo meu filho sexo incesto videosSo fotos de picas de 20 centímetros enfiado na bucetaconto filho pirocundo dando banho na maeNo motel eu fudi a buceta e o cu virgem da minha sogra conto eroticovídeo pornô da negra olho torto sentando na pica e virando os olhos com tesãove videos porno de garotos de pau grandes tirando sangue do cu de molequesputona sendo rasgado no cu pica gggConto porno de avo netinha de 2007baixar pro celular videos novinha gordinha de chortinho dando pro irmao pauzudoNem respondi e fui metendo naquela bucetinha encharcada, até sentir meu pau tocar o fundo, quando ela soltou um gemido alto e gostoso.contos corno grupalcontos eroticos adoro quando minha esposa si ezibi pra outro quase peladacusao de crioula velhacomedo a tia de xortiu xvideocontos eroticos comendo a sobrinhaporno meti na minha irma com forca e fiz ela pular e gemeracho que minha namorada gozou pq agente tava fazebdo sexo e a perna dela tava tremendonovinho vendo o roludo pela janela e ficando loucoxvideos lavei.de porra a boca fs novinhapornor doido homem batendo poleta na varandapedreiro fode menina em cima do andaime pornôvídeo pornô da retina p**** da retina e mandou um vídeo pornô dela não ela nuasou casada madura mas na chacara bati uma punheta pro visinhocontos mulheres cinquentona nao aguenta pau com super cabecavídeo pornô daquela mulher que anda com vestido bem curtinhoCasa dos contos eroticos paguei pra deflorara filha do caseiro flagga de mulheres deficiente fisica se mastubandowww.xvideos- gaysinho gosta de chupar seu peniz comprido e mole chupa para passar o tempo chupando seu penis igual um bambu gigante.comwww.mae nao aquento filho pausudo bocetaoarregasado a buceta com muita velocidadeimagens e videos de coroas tesudas metidas no sexo kente ate esporrar fora e mostrando a cona inchada com labios longoscontos eroticos A Dama e o Bruto meu avô estorou meu cabacinhoarrombando.o cu da deisy a forçalevo muitas gosadas xvidiodois pauzudo fodendo duas vadias das beradas grosa de cabeça para baixohistorias eroticas vi meu sobrinho bem dotado descabaçando o cu da minha mulherContos: Mulher casada adora da o cu para o marido, mais antes faz lavagem no intestino.contos saunas velhos chubbys gaysconto comi minha eguaconto erotico pedreiro mauromulher pega manteiga e passa na bunda e no cu inteirinholevo muitas gosadas xvidiomamador de buceta contos eróticoscontos eroticos dei para um vizinho de iptingaprima gosta da minha pica ele pega e burta na bucerta dela videos porno velhor comedor da cabeça do pau rombudavirei puta do meu irmãoassistente de palco do programa vai para o teste do sofa pornoxvd irma bati punheta para o irmao e nao rezisti e da pra eleatacada em estrada deserta pornodoidoCavalo pauzudo coloca tudo na jumentinhacontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anosvídeos porno de bonecas de prático gigantesarregasado a buceta com muita velocidadefilha minha femea contoestrupa filha e confessa yotubeksalswing2011