Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Ramon, o vizinho... II- Acerto de contas

Um conto erótico de Khadafi
Categoria: Homossexual
Data: 01/02/2012 16:19:45
Nota 9.69

Ramon, o vizinho... Parte II- Acerto de contas.

LEMBRANDO QUE TODOS OS NOMES CITADOS AQUI SÃO FICTICIOS MAS O CONTO É REAL.

No capitulo anterior eu estava a caminho da casa da tia Denise...

Bati no portão e tia Denise logo me atendeu.

-Oi Dennnn! (não a chamo de tia, ela parece ser minha irmã e tem 28 anos kk)

-Meeeeeu bebê!!!!! -Ela sempre faz aquela festa quando me ver. Imagina quando ela me busca no colégio pra ir no Shopping ou coisa e tal.

Soltei aquele sorriso e entrei. Ela estava sozinha pois seu marido (que também não chamo de tio) tinha ido dar plantão no hospital em que trabalha.

Conversamos, comemos pipoca (mas não foi Cheetos kkkkk), assistimos e fomos dormir. Eu, pelo menos fui "tentar" pois o que tinha acontecido naquele dia me martelou na cabeça a noite inteira. Finalmente dormi e quando acordei estava molhadinho pois minha vontade de fuder gostoso com o Ramon não tinha passado e eu não tinha gozado mas me controlei, fui escovar os dentes e tomei café com a Den. Um tempo depois entrei no MSN pelo PC da tia, procurando pelo Ramon, claro! Mas ele näo tava on, ou tinha me bloqueado, nãaaao sei. Só sei que arranquei o cotoco das unhas de nervosismo. O marido da tia Den, tio André (um gaaaato), já tinha chegado do plantão e tava dormindo, acordou na hora do almoço e eles resolveram que iriamos almoçar num restaurante lá perto... Almoçamos e voltamos pra casa. Umas 17:00hrs arrumei as coisas e antes de anoitecer já estava em casa e nem sinal da minha mãe, louca mãe hahaha. O fim do dia passei relembrando meu momento de prazer com o Mon e gozei muito. Na segunda-feira minha rotina: Colégio, curso de Inglês, academia e a noite estava no PC. Eu só pensava em como falar com o Ramon, e se ia ou não perder a amizade dele. A semana foi passando assim e parei de procurar por ele, por morarmos na mesma rua iriamos trombar mais cedo ou mais tarde... E foi o que aconteceu na sexta-feira quando eu voltava do colégio. Estava dobrando a esquina da minha rua quando percebi que ele estava logo na minha frente caminhando. (estava vestido numa camiseta regata bastante colada destacando as costas largas, bermuda de velcro, tênis e tava segurando uma toalhinha e um par de luvas, estava voltando da academia, CLARO!) Juntei minhas forças, criei coragem e gritei:

-RAMOOOOON!

Ele imediatamente se virou e parou de caminhar, mostrou tranquilidade. Cheguei perto dele e começamos a caminhar juntos.

-Oi. -eu falei

-Opa. -nem se quer olhou pra mim.

-O que ce tem? -tentei intimida-lo.

-Nada não véi. -continuou sem me olhar.

-Você não é assim, se foi pelo que aconteceu com a gente, cara, esquece, só não para de falar comigo porque antes de tudo eu era seu amigo. -Rebati de vez.

(ficamos em silêncio e continuamos caminhando.) Paramos na minha porta e ele resolveu abrir o bico:

-Não devia ter deixado tu continuar.

Mal deixei ele terminar a frase e respondi:

-Mas você deixou porque tava gostando e não precisa se culpar, aconteceu. Você não precisa segurar seus desejos. Faz o que você tem vontade de fazer e o amanhã é do futuro. (Falei com outras intenções, lógico.)

Nesse momento ele ficou me encarando como se tivesse entendido o pedido e estava pensando se aceitaria ou não.

-Pelo menos termina a instalação do jogo. -Falei com a voz bem meiga franzindo a testa no estilo "Gato de Botas" HAHAHA.

Finalmente ele aceitou o convite e entramos, eu já tinha tudo isso maquinado na cabeça desde o começo da nossa conversa, pois sabia que minha mãe estava trabalhando e a casa era minha... e do Ramon. Entrei no quarto e ele veio junto. Joguei a mochila na cama, liguei o PC e já fui tirando a camisa da farda, tava um calorzão e eu tava grudando, a calça tectel tava molhada de suor também. Catei uma cueca e fui direto pro meu banheiro tomar AQUELE BANHO. Enquanto isso o Mon mexia no PC. Uns minutos depois sai do banheiro só de cueca boxer... do Bob Esponja KKKKKK, tia Den trouxe do EUA numa viajem que ela fez. Quando o Mon viu minha cueca deu aquela gargalhada e logo depois seu rosto ficou sério, lançou um olhar penetrante e ao mesmo tempo sarcastico que só ele sabe fazer.

-Cê me chamou pra instalar o jogo, mas PARECE que o jogo já foi instalado. -ele me olhando com aquela cara "te peguei no flagra!"

Eu tentando segurar o riso respondi com a maior cara de pau me fazendo de desentendido:

-JUUUURA??? Não me diga!

Eu, CLARO, chamei ele aqui não foi pelo jogo pois como contei no capitulo anterior, eu mesmo terminei a instalação.

Ele diminuiu os olhos e perguntou:

-O que ce ta aprontando ein?

Eu fui ficando mais sério tentando mudar o clima, olhei diretamente em seus olhos tentando desafia-lo enquanto me aproximava.

-Adivinha... -Parei de frente a ele.

Ele sorriu meio sem graça e eu COMO SEMPRE tive que começar a fazer as coisas funcionarem. Tirei a mão dele do teclado do PC e coloquei na lateral da minha coxa fazendo ele girar um pouco a cadeira ficando de frente pra mim. Ele estava totalmente sem reação. E eu continuei a desafia-lo:

-Aperta, sente como é durinha. (Já fazia uns meses que estava na academia e a creatina surtiu bastante efeito nas minhas coxas e gluteo e, como sou passivo cuido muito da região inferior do meu corpo, então estou sempre bem depiladinho e minhas coxas são lisinhas)

Ele atendeu meu pedido e apertou, alisou minha coxa enquanto me olhava. Eu segurei sua mão e o fiz levantar, nunca fiquei tão próximo ao Ramon, ele é simplismente LINDO. Coloquei as mãos na barra de sua camiseta e puxei pra cima, ele levantou os braços dando liberdade pra eu tirar. Joguei no chão e o cheiro forte de suor aumentou, não fedia, só cheirava a sal, sei lá. Grudei meu corpo ao dele, pus uma mão em seu ombro e dei uma baita de uma mordida no peito direito deixando a marca. O gosto também era meio salgado mas eu estava adorando. Rocei meu nariz ali por uns segundos e depois lambi dali até a lateral de seu pescoço deixando um rastro de saliva por obde minha lingua percorreu. Ele só observava parado, até o momento em que suguei um pedaço de carne do seu pescoço pra dentro da minha boca como se estivesse querendo arrancar, ali deveria ser seu ponto fraco. Ele ofegou e nesse momento pôs as mãos nas laterais da minha cintura fazendo o encaixe perfeito de nossos corpos. Eu levei as mãos em volta do seu pescoço e fui subindo a boca até sua orelha, passei a lingua ali mas não mordi com medo de machuca-lo pois ele usa brinco na orelha e eu sou muito desastrado haha. Nesse momento suas mãos já tinham deslisado até minhas costas e estava indo ao encontro da minha bunda, onde apertou com bastante força fazendo meu corpo roçar ao dele, foi nesse amasso que seu pau começou a tomar forma e se expremendo na bermuda ficou de lado. Eu arrisquei tudo levando a boca ao encontro da dele já esperando que ele recuasse, (sabe como são esses boyzinhos, só querem comer e tchau) para minha surpresa, senti a lingua do Ramon invadir minha boca, senti meu coração capotar. Começamos a nos beijar lentamente mas com muita intensidade, eu precionava muito os labios contra os deles. Estavamos coladinhos, nossos corpos se esquentando, tava gostoso demais. Demos um ultimo beijinho e ele desceu a boca pro meu queixo onde deu uma mordidinha junto de uma lambida. Senti um friozinho na barriga e fechei os olhos por um momento. Ele me soltou e sentou na minha cama, tirou o tênis, as meias e a bermuda de uma vez só, naquele momento nada era obstáculo para nós. Ele se jogou um pouco pra trás e ficou somente apoiado nos cotovelos, estava apenas de cueva boxer preta, acho que era uma Mash, eu ligeiramente fui no guarda-roupa e peguei uma camisinha, coloquei do lado dele na cama e sentei com a bunda bem em cima do pau do Ramon, só não entrou por causa das cuecas. Fui me deitando em cima dele e logo voltamos a nos beijar feito loucos, sua lingua invadia minha boca e eu sugava como se quisesse engolir, ele fazia o mesmo. Suas mãos passeavam pelas minhas costas e bunda, as vezes ele forçava uma pentração com os dedos no meu rabinho por cima da cueca me deixando cada vez mais vadio. Ficamos um tempo naquele sarro gostoso e depois me levantei pra tirar a cueca. Ele fez o mesmo e aquela jeba saltou dando o ar de sua graça. Até eu que sou passivo fiquei meio sem jeito pois meu pau só tinha 16cm hehe. Comecei a cutucar meu pau enquanto ele colocava a camisinha. Dessa vez não ouve chupadas, ele deveria estar pensando apenas em me devorar. Antes de sentar dei uma cuspida no pau dele, a camisinha era lubrificada mas com um pau daquela grossura não sei se ia ser fácil a penetração. Finalmente me posicionei em cima do Mon e segurei seu cacete em pé, encostei a cabecinha na porta do meu cú e desci um pouco. Não demorou muito e a cabeça já estava alojada dentro de mim, sem dificuldades e olhe que nem era tão arrombado assim, só tinha dado pra três caras, continuei descendo e ele mordia os labios enquanto apreciava a cena. Foi inevitável não me sentir rasgado por dentro, mesmo com a penetração fácil senti meu cuzinho queimar (vamos considerar os 21cm e a grossura), mas estava muito gostoso e eu descia cada vez mais até que finalmente alojei todo aquele caralho dentro do meu cú. Minhas mãos estavam apoiadas no peito do Ramon enquanto eu me preparava para cavalgar muito naquele pau. Respirei fundo, apoiei as mãos na cama e fui deitando meu corpo sobre o dele, então comecei a me movimentar pra cima e pra baixo, neste instante Ramon pôs as mãos na minha cintura intensificando aqueles movimentos ao mesmo tempo que movia seu quadril junto. Nós não gemiamos muito alto, mas ele sempre dizia alguma coisinha... Aquelas sacanagens que fluem automaticamente na hora da foda "Que cuzinho gostoso. Rebola vai. Ai caralho." Eu só tava rezando pra que ele não me xingasse de viadinho, nem bixinha, porque senão ele ia apanhar muito na cara HAHAHA.

Continuamos naquela posição até começarmos a suar. Rápidamente ele tirou o pau de dentro de mim e me deitou no lugar dele. Senti a cama quente e molhada de suor. Ele se ajoelhou entre minhas pernas e estava se posicionando pra meter aquele monstro em mim outra vez. Eu imediatamente me abri e relaxei as pernas nos ombros dele. Ele apoiou uma mão na cama e a outra segurou o pau mirando no meu cuzinho, em uma única estocada seu pau entrou com tudo até o talo. Senti uma dor ENORME, trinquei os dentes pra não gritar, tentei fechar as pernas, mas o Mon não deixou. Colocou o peso do seu corpo sobre o meu, me olhou e pediu para que eu me acalma-se. Do jeitinho que ele pediu não tive como dizer não. Ele pegeu minhas coxas e me fez prende-las em volta da sua cintura, assim o fiz e então meu boy começou a mexer o quadril lentamente pra frente e pra trás enquanto me olhava procurando expressões de dor ou algo do tipo. Eu sentia cada cm do seu pau entrar e sair, tirava até a metade e voltava mais devagar ainda me fazendo sentir um tezão estremecedor.

Eu mordia meus labios, puxava o ar entre os dentes trincados e respirava ofegante, o suor já ensopava o lençol. Houve um momento em que minha vista escureceu e eu mal conseguia enxergar. Estava totalmente em transe. Ramon não desgrudava os olhos de mim e depois de um tempo me fazendo sentir prazer começou a me foder com mais instensidade. Ele metia com bastante vontade e forçava seu pau todo dentro de mim como se quisesse que as bolas também entrassem. Eu precionei minhas pernas com força em sua cintura enquanto ele me fazia ir no céu. Não demorou muito e ele começou a meter mais rápido anunciando que ia gozar. Eu pedi para que ele tirasse a camisinha, queria sentir seu gozo dentro de mim, sei que é ERRADO, mas como nunca tinha feito isso queria experimentar e queria que fosse com ele... (CRIANÇAS NÃO REPITAM ISTO EM CASA POR FAVOR!) Então ele fez o que eu pedi e tornou a me penetrar, só mais umas estocadas e senti seu pau pulsar e me INUNDAR de semen, eu gozei junto em cima da minha barriga, também gozei bastante... Ele se jogou do meu lado, exausto e, antes que pudesse pingar esperma na minha cama me levantei e corri pro meu banheiro. Lavei o cúzinho arrombado com a ducha e voltei pro quatro, o Ramon não tinha nem se quer se mexido, tava lá, deitado na MINHA HUMILDE CAMA olhando o teto, com as mãos na nuca, pelado com o pau "meia bomba", eu deitei do seu lado de barriga pra cima também e olhei pra ele, ele me olhou e soltou um sorriso aberto. Eu sorri também e perguntei:

-Que foi bestão?

-Nada, não.

-Fala logo... -insisti.

-To surpreso... - Foi ficando mais sério.

-Porque? -perguntei.

-Porque eu gostei. -Voltou a dar aquele sorriso bobo que mata papai HAHAHA.

-Eu também. -Sorri de lado

-Mas é que pensei que ia ser diferente e que não ia gostar, mas foi bom e eu não me culpo por nada. -Ele voltou a olhar pro teto.

Pensei em deitar a cabeça em seu peito mas tava cedo demais para certos carinhos... Então fiquei ali calado e quietinho. Uns minutinhos para se recompor e ele logo quebrou o gelo dizendo que precisava ir. Se vestiu e o acompanhei até a porta. Troquei os lençóis da cama HAHA, joguei a camisinha no lixo e tomei oooutro banho... fui pro curso de Inglês, quando voltei fui pra academia, o que não adiantou muito porque quando cheguei em casa minha mãe inventou de irmos na praia comer tapioca recheada...

AVISO: observei pelas estatisticas que tem MUITO leitor fantasma, criem uma conta e por favor votem no conto porque é MUITO IMPORTANTE (nao tenham medo, o site é totalmente seguro e sigiloso!e deixe seu comentario.

Façam isso por favor?

Obrigado e até mais!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
22/11/2015 11:20:32
Otimo
12/07/2013 14:34:50
Muito Bom!
02/02/2012 20:41:39
Muito Bom! Parabens pelo conto.
02/02/2012 20:40:17
02/02/2012 18:28:16
ops, msn é parabéns pelo conto!
02/02/2012 15:57:54
Continua, tá ótimo! Me add lá no msn, deixei recado no conto anterior ;)
02/02/2012 13:01:12
Tesão, m dxo c/ o pênis duro, MENTIRA não tenho pênis, kkkk! Qro +...
02/02/2012 01:13:38
muito bom. muito legal e empolgante
01/02/2012 20:23:30
Pelo menos sabe escrever portugues básico
01/02/2012 19:58:03
01/02/2012 19:58:00
Muito bom ! Continue assim...
01/02/2012 19:55:37
muito bom...
01/02/2012 18:36:25
Muitooo muitooo gostosoo!!! Quero ler mais!!!
01/02/2012 17:56:22
Mais um viadinho realizado....rsrs....muito bom
01/02/2012 17:50:17
ótimo.
01/02/2012 17:01:38
sensacional, fantastico
01/02/2012 16:56:19
Gostei demais do seu conto!!
01/02/2012 16:43:35
MUITO BOM RAPAZ! 10 de novo.




Online porn video at mobile phone


jorjao roludo porno video Contos eroticos.Sou casada provoquei um velho cacetudovideo sexo de perveção com minha mãeConto erotico gay mão bobanovinhas ninfetas tao novas que nem peito tem aindavídeos caseiro noiada no anal dói não domeu sogro e minha mulher sair pra rua e eu fudicom minha sogra gostosaler contos erodicos fui abuzada antes da sirugiaFotos de travesti novonho trazandopono coxada mulher tera cacinha dela metro so saia 2017Vídeo mulheres grávida de nove mês com homens bem dotadoConto erotico tia dano cuzinho pro sobrinho titacontos meu tio pauzaoboquete da minha prima no meio da lavourra de cafe pornosexo fiocado pairaffa_ka maromba safadovįdeos porno com prętas atraves da paredevideo porno estupraram minha namorada e ela gostouContos erotico gozando dentro tendo aidsxvidio nocinhas geme gostozo dando o cuvídeo pornô da negra olho torto sentando na pica e virando os olhos com tesãocontossou safado como minha maewww.contos deixei titio chupar minha bucetinha na minha infânciavideo estrupo brasileiro caseiro fala palavrao gorda peitao patroaabaixar vídeos de sexo na noite de núpciasporno sogru peganu tu nora a forsaXVídeos as panteras entregador de gás aparentechupano pau groso na marraxvidio.compaicomeu eu minha irmaPorno Tia comeu o sobrinha atc gozou dentro delanovinha safada humilhando o padrasto é estrupada a forca no conto eroctico do quadradinhobaixando GTA tomando banho no banheiro tocando siririca eu não aguentei e ajudei ela comendo elacontos eróticos publicadosdescobri que meu namorado da o cu yahhogozda de mjlher cue gorra lonjedepravadacaovou contar como viciei minha cadelinha video comi sua buceta e seu cu acachorra avisiocomendo o primo a foçaxvideosas encoxada só coroâs videosporno tia se destraiu e sobrinha ninfeta chupou o seu maridovideo porno com muito beijo na boca de tirar o folego muita chupada na buceta fazendo gozar na lingua de tanto prazer puchao de cabelo sexo com pegada forte e brutaporno contos negao da mandiocanovinho vendo o roludo pela janela e ficando loucomenina criano cabelo nabusetminhavo rebolo gistoso xvideosmuler m as calcinhas lancesda xoxotas"a história de betinha"contos erotico minha mae insistiu eu fazer nudismomenina+bem+novinha+nua+dadi+seu+cu+vigi+para+padtastovizinha casada e safada espera marido ir trabalhar e chama seu vizinho beto q goza na boca da safadavídeo sexomoleque aquisexo na sala fria comendo ela depois de tirar o fio dental boa fodamulher d fiu dentau atolado no raboContos erodicos homem velho mamando e mordendo e puxando o peitonegão caralhudo fudendo loira cinquentona de todo jeitocú do neltinho arrombadomulher amarrada e sendo torturada pica do dotadonegaomulher levanta o vedtido e leva rola na bundavidio disexe porno yotuberelato abuso comeu meu cucontos meu filho veio morar comigo e no banho vi seu mega rolao eu queriacontos eróticos ai meu cuzinho tá rasgando seu pau é muito grossoContos picantes ainda virgem fui abusada por um entregador velhoque ver conto erotico imao es piano imao novinha peladavídeos de veias tirando a caucinha dando o cu pra velhocadelas graudas no cio em zoo.casadoscontosbaixar jogos de Ferrari deixando o rapaz tirar o sutiã dela para mamar nos peitosconto eróticos padrasto chupa a estiada de 8 anosporno doido so chupança de buceta. com muita fomecontos eroticos estupro de novinho gays com os colegas da escolaSobrinho pauzudo,tia feliz. Com foto.contos eroticos gay dei a bunda dentro do cemitériocinquentona brincando com pauzudo dentro do carroconheci a menina arranca a roupa dela fica pelada fazendo sexo