Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Namorado da minha irmã (final)

Autor: Bécka
Categoria: Heterossexual
Data: 18/03/2012 14:28:42
Nota 10.00
Ler comentários (4) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

CONTINUAÇÃO...

Assim satisfeitos, nos beijamos eu sentindo o gosto da minha buceta na boca dele, e ele da própria esporrada na minha boca, ele se vestiu, e quando ia saindo, minha irmã entra no quarto e dá de cara comigo nua, e ele ainda sem camisa se vestindo. Ela acende a luz e logo grita:

- O que porra é isso aqui?

- Calma Renata, não é nada disso que você está pensando. Disse Paulo, tentando argumentar sem sucesso algum.

- Eu não estou pensando, eu estou vendo, desde o jantar que eu percebi os olhares de vocês, também pelo vidro da mesa, Paulo vi você roçando a perna na Bécka... vocês acham que eu sou burra? Eu pedi pra que ela te levasse ao banheiro, pra que vocês pudessem ficar mais a vontade, e fiquei olhando vocês, vi quando ela tocou no se cacete, e também vi quando você a beijou.

Eu me surpreendi, como assim? Como que Renata viu tudo aquilo e não impediu que fizéssemos tudo aquilo, o que passava pela mente dela, eu fiquei muito confusa e sem saber o que falar, quando olha mais uma vez pra Renata ela vem em direção ao Paulo, nossa ela vai matar ele, o olhar dela estava estranho, diferente, e mais uma vez eu fiquei anestesiada, ela tascou um beijo nele com uma vontade, um desejo incomum, ela virou olhou pra mim e disse:

- Eu estava olhando vocês, pela fechadura da porta, vi tudo o que aconteceu, agora quero que vocês façam tudo de novo, porém quero comigo junto.

Ela logo fica despida na nossa frente, como minha irmã é linda, corpo bem desenhado, fazia jus as suas conquistas e fotos que fez para uma revista de moda, Paulo também ficou nu, e os dois vieram até a cama onde eu estava nua, que tesão eu estava sentindo naquele momento, o Paulo veio me beijar, e a Renata junto, nunca me imaginei naquela situação, beijando a minha irmã. Mas estava tudo tão gostoso, o cheiro do sexo invadiu o quarto, nos beijávamos muito, enquanto nossas mãos percorriam, pelo corpo um do outro. Paulo fica de joelhos enquanto eu vou chupando aquele mastro maravilhoso dele, e vejo que a Rê está se masturbando e a chamo:

- Ei, maninha afim de dividir um cacete bem gostoso?

Ela nem pensou duas vezes, enquanto eu estava chupando a cabeça daquele mastro gostoso, a Rê acariciava e chupava as bolas que pareciam mais bolas de golfe, de tão redondinhas e inchadas, só ouvíamos o Paulo urrar, suspirar, falando: Duas safadas gostosas, vou dar uma surra de cacete em vocês duas. Aquilo nos excitava ainda mais, e diante de chupa aqui, ali, nossas línguas se encontravam, era um tesão único. Chupamos muito até que ele disse:

- Se vocês não pararem eu vou gozar na cara de vocês.

Não paramos continuamos chupando aquele mastro tão delicioso, até que ele levantou o meu rosto e o dela e gozou nos nossos rostos, e nos beijamos os três. Paulo me deitou na cama e começou a chupar minha buceta que estava muito molhada de tesão, eu fecho os olhos para poder sentir com mais prazer aquela língua dele, passando por cada centímetro de mim. Daí só sinto uma boca quente, beijando meus seios, chupando cada um deles com tanto tesão, deixando ainda mais enrijecidos os bicos deles, que boca gostosa da Rê. Eu sentia cada parte do meu corpo se arrepiando a cada toque que ela me dava, e me fazia sentir mais vontade de ter ela pra mim, agora eu já não via mais a Rê como irmã, mas como mulher, uma mulher que eu desejava naquela hora, eu senti que ia gozar e comecei a gemer mais alto, porém me controlando, afinal meus pais estavam em casa, e nós naquela safadeza toda no meu quarto. Foi quando a Rê chegou perto do Paulo e o afastou. Eu só senti a boca dela agora me chupando, nossa que delícia, ela chupa como ninguém, o Paulo veio até meu rosto e enfiou o cacete dele na minha boca, enquanto ela me chupava, eu chupava ele. Gozei sem parar na boca dela, foi a melhor gozada que eu já tive na minha vida.

Ela veio pra cima de mim e me beijou, me fazendo sentir o gosto da minha própria buceta. Eu me virei coloquei ela de 4 e comecei a chupar ela também, nunca tinha feito isso na minha vida, mas naquele momento eu só desejava fazer aquilo, afinal de contas a mulher era mesmo muito gostosa. Eu comecei chupando a bucetinha dela, de baixo pra cima, eu só sentia ela estremecendo quando passava minha língua nela, e ela chupando o cacete do Paulo, que enfiava e tirava da boca dela, eu só senti o corpo dela estremecer e enfim ela gozou, senti aquele liquido quentinho na minha boca. Nos olhamos satisfeitas, e sorrindo muito, o Paulo disse quero fuder uma de vocês. Eu falei:

- E porque não as duas? – Rê também acenou consentindo.

Nos viramos as duas de 4 pra ele, ele meteu primeiro em mim, fudendo muito minha buceta, depois foi na Rê, e assim foi revezando, que delícia, que prazer imenso, quando ele falou que ia gozar, viramos as duas de frente e mais uma vez ele gozou no rosto das duas, chupamos juntas o cacete dele sem deixar nenhum pinguinho cair, nos deitamos os 3 juntos, nos beijamos e nos tocamos, foi quando a Rê olhou pra mim e falou:

_ Bécka há tempos que eu queria ficar com você, mas nunca tive coragem de assumir o tesão que eu sentia por você, desculpa se fiz algo errado ou que você não gostou.

Eu a abracei dando um beijo demorado nela e falei:

- Isso responde a suas duvidas, se eu gostei ou não.

Rimos os três nos beijando muito, e enfim adormecemos abraçados.

.

.

AGRADEÇO A TODOS QUE LERAM E CONTINUARÃO LENDO MEUS CONTOS, COMENTEM, VOSSOS COMENTÁRIOS, SÃO IMPORTANTES PARA MEU APERFEIÇOAMENTO, DESCULPEM-ME OS ERROS ORTOGRÁFICOS.

BEIJOS!

Comentários

19/03/2012 14:44:11
Está aí meu e-mail pra quem quiser manter contato comigo [email protected] Beijos
18/03/2012 16:49:11
Muito bom, aguardo outros contos.
18/03/2012 15:46:28
ola safada gostei muito de seu conto, tanto q quero manter contato com vc se possivelah se for possivel tbem me passe o de sua irmã tbem, pois ela tbem deve ser uma delicia assim como vc certo e uma putinha igualmente aq segue meus msns certo caso vc se descida pelo sim [email protected] e [email protected]
18/03/2012 14:40:16
Delícia de conto meu anjo, espero que comente e compartilhe os meus também. Quero ler mais contos seus aqui. Muito delicioso, gostoso. Nota 10

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


mae. gosa pau fillho sentadasem calcinha contosvedios sexo na cozinha novos conhadas pau grandes novosnegao com pica enorme assusta em despedida de solteirocontos eróticos as amiguinhasconto dupla penetracaopornô brasileiro mulheres comendo outra com pipador falando putariacontos de zoofilia com macaco bem dotadoexvidio comi á mińha pastora da igrejax vidio comtos eroticos flaguei minha irmã avógaroti gay pauzudp ttansar c homem cacetudo e grisso vidio pirnoContos eroticos tia tirou afinidade do sobrinho BUCETINHA QUENTINHA, protegendo com sua BUNDA MARAVILHOSAcontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombaramquero ver novınha que sao empregada fudendocontos eróticos roçando meu cacetao por cima fa bucetinha da irmanzinhaIniciando uma bixinhaconto gay o Doce nas suas veias capítulo 2Fotos d negao fudeno cazadadoce nanda parte cinco contos eroticosnegao pingou tesao de vaca na bebida das meninas e comeu as quatro irmans juntasminha prima contoentregei uma pizza e mepagou com boquetecontos eróticos pular pulaeu gosto eu gostaria de ver uma coroa perdendo a virgindadevideos de cornos que aguarda ansioso sua esposa voltar pra casa escorrendo porra de outro toda melada na bucetaquero ver as mulher tarada caseira com muco cervicalCorniei em cabine eroticabaixar videos porno em portugues idioma em portugues mae dando pro filho na frente dos parentes que chegaram de viajem e foram pra casa deles mae dando a buceta pra eleirmao.ingravidando.irma.metendi.na.buseta.sem.camlsinhaContos com fotos velhos fudedores chupadoresconto eurotico academia com o menino bundudoContos eroticos mamae gulosa mamando no pauzao do filho e dos amigos dele e depois fode com todos eles juntos em uma orgia na sala de casa.mulher cor de jambo anal classicocontos eroticos opostos que se atraemminha concunha morena gostosa que arrobeiapaixonado pelo meu primo brutamonte melhor partemeu sogro isasiavel comtocontos de sexo depilando a sograadestrador de escravasFamiliasacana queridi.ho da mamaenu onibos lotado os homens se revezaram para me fuder e passar a maoMinha comadre disse para minha afilhada minha filha voce que mesmo dar sua buceta virgem pro seu padrinho minha afilhada disse eu quero mae minha comadre disse filha chupa o pau do seu padrinho conto eroticovideos porno marido viciado em comer a fezes da esposafode em terreiro de umbanda xvideo pornodoido travesti do brasil dano leite fartoincesto com meu vô contosmenina cai em cima do negro jumento.gemer disvairadacunhada louca pra sentir rola grande pega cunhado de pau duro e nao resistevidio gay dando cu gostoso dormir estrupo hugochupando buseta labefo pasda mso bocsputinha tres coraçõescontos eroticos professora casada chantageada por alunowattpad contos eroticos pai e filhasmínha avô chupou minha xotasexos de negues arregaçando xoxotasporque os atores de porno ficam mais tempo enrijecidosvídeos porno de bonecas de prático gigantesmulheres bostas scatcomo esconder do meu marido que a minha buceta ta cheia de gala de outro?mundo bicha homens de corpo gostoso e pintu dutossexo na sala fria comendo ela depois de tirar o fio dental boa fodacontos de mulheres defecando em seus parceirosReta do Pedreiro Hétero Peladovidio porno das dimenores fasendo sexo da buceta apertadinhaapostei minha mãe com meus amigos conto erotico analdoce nanda parte cinco contos eroticosvideos de mulheres ficando toda impinadinha ao perceber a encoxadaporno minha esposa chupou o pinto do agiota pra pagar minha dividapai tem pauzao descomunnal e soca tudo no cusiho da filha gostozinhaXvideos pecavelmamilos da minha mae contos eroticos