Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

O playboy e o Malandro - part 5

Autor: vitor
Categoria: Homossexual
Data: 19/04/2012 18:15:31
Última revisão: 10/12/2012 15:50:49
Nota 10.00
Ler comentários (3) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

“Quando pensei que tudo estava perdido, eis que surge uma nova oportunidade, que eu não podia dispensar”

Ele veio em minha direção com a cara de preocupado, e disse:

_cara você é louco? Não esta vendo que aqui não é a sua cidade, foi por pouco e você seria violentado ainda mais!

Eu pensei comigo mesmo, eu quase fui violentado e ele ainda vem brigar comigo.

eu nem olhei na cara dele.

ele diz pra mim:

_olhe pra mim, poxa nunca mais faça isso cara, eu te adoro sabia, não suportaria te perder.

mais já perdeu eu disse a ele, você que quis assim. Doeu falar aquilo para ele mais era a realidade não suportaria ouvir eu te adoro, gosto muito de você, eu queria ouvir um eu te amo!

ele diz:

_desculpa! Eu não queria que fosse assim.

eu o agradeci muito o Rafael o que ele fez pra mim naquela noite, mais já sabia que disso não sairia continuaria a mesma coisa, ele sempre iria negar o que sentia de verdade por mim.

Lado B:

eu estava sem coragem pra me declarar pro Vitor, queria dizer a ele que queria ser o primeiro em sua vida, compartilhar momentos inesquecíveis com ele, mais era um covarde.

Vitor me deu as costas e saiu, tentei puxa-lo pelas costas mais faltou coragem, eu vi ele indo, quase não agüentei de tanta dó, e com pena de mim mesmo por não lhe contar a verdade, que eu o amo muito, ate quando vai ser assim.

Lado A:

Eu virei as costas pra ir embora na esperança dele não me deixar ir, mais de nada adiantou.

na vida nada é um conto de fadas, ou igual um filme, a maioria não conseguem o que querem, alguns desistem de lutar, eu não tenho sonhos, e sim objetivos de vida, pois os sonhos acabam quando a gente acorda, então estava bem acordado.

ele querendo ou não amanha na escola eu vou ter uma conversa seria com ele.

chega de me esconder, bancar de coitadinho, ficar sofrendo em silencio.

no outro dia cheguei na escola decidido não iria mais enrolar eu daria pro Rafael pra que enrolação eu o amo e estava pronto pra transar com ele na escola mesmo.

eu o procurei, mais não encontrei, eu perguntei pro Leonardo onde ele estaria?

o Leonardo me respondeu:

_mano, ele nem o Lucas vieram hoje para aula, o celular deles esta desligado.

eu fiquei preocupado,

_ta bom então eu respondi. Eu sai de perto dele em direção ao banheiro, onde uns caras estavam comentando sobre o Rafael:

“ cara o Rafael esta mau pra caramba no hospital, desta vez creio que ele não escapa”

aquelas palavras veio como facas afiadas direto em meu coração.

fiquei paralisado na hora, eu sai do banheiro correndo pra fora do portão quando de repente veio um carro e me atropelou eu apaguei na hora.

LADO C:

nossa o que aconteceu aqui, Vitor? Eu peguei no Vitor ele não respondia, estava desmaiado, o motorista perguntou pra mim:

_qual é o seu nome filho?

eu respondi:

_Leonardo amigo dele!

Leonardo não mexa nele pode ter alguma coisa quebrada, eu vou chamar a ambulância agora só um minuto.

eu fui com o Vitor pro hospital ele ainda estava sem reação.

passou dois dias e ele ainda estava em coma. O medico disse que ele teve um traumatismo na cabeça.

fiquei sabendo que o Rafael meu amigo estava em coma também, a consciência que estava ao lado do Vitor.

uns estavam dizendo que os dois não iriam resistir, eu olhei para os dois com muita pena, não mereciam estar ali,na verdade ninguém merece estar.

lado A:

Eu não conseguia abrir meus olhos, estava em um subi mundo completamente escuro, será que a morte é isso? Será que eu morri? Eu estava querendo lembrar o que tinha acontecido mais não conseguia, nem meu nome sabiaeu perdi completamente a memória.

Lado C:

e os dias se passaram e nada deles reagirem, eu completamente preocupado, o pai do Vitor eu já tinha avisado, o Lucas dali também não saia. Eu já estava acreditando em que as pessoas estavam comentando sobre eles. Estava perdendo toda a fé que tinha. Dois amigos estavam indo embora para sempre. Era duro pensar assim mais tinha que ser realista era vida.

Lado A:

eu continuava ali no meu subconsciente, preso, sem vida sem pensamentos, sem objetivos.

mais eu sentia uma dor imensa em meu coração. Eu não sabia o que era mais doía muito.

tentei abrir meus olhos mais não conseguia parecia que alguém tinha os colados.

lado B:

sei que desta vez não suportaria, que morreria em breve, mais queria ver o Vitor e seu sorriso só mais uma vez antes de partir, pensei comigo se ele gostar realmente de mim estaria aqui do meu lado, eu juntei forças de onde já não tinha e tentei abrir os olhos, tentei uma, duas, três vezes, tentaria quarta, ou quantas vezes forem necessárias. Todas foram em vão, continuei tentando abrir meus olhos. Eis que consegui, olhe para o meu lado ali estava o Vitor eu tinha certeza que ele viria me ver, eu estava meio tonto mais, pude perceber que era ele, mais parecia não estar bem pois estava inernado com os olhos fechados, senti uma pontada no coração uma dor insuportável.

Lado A:

eu consegui abrir os olhos, e olhei para o lado vi um cara com uns olhos lindos olhando para mim, e uma lagrima caia de seus olhos, parecia que eu o conhecia, mais não conseguia lembrar,mais dei um sorriso forçado para ele, por que não conseguia nem me mexer direito.

meu coração estava acelerado, começou me faltar a respiração.

Lado C:

os dois estavam se encarando, eu agradeci a deus por esse milagre que estava acontecendo,

mais em questão de minutos, as maquinas dos dois começou a apitar, eu fiquei desesperado corri em busca de ajuda.

LADO A:

minha vista começou a escurecer, um sono tão grande já estava me tomando conta, tentei resistir mais não consegui, eu apaguei.

LADO B:

eu vi ele apagando, não agüentei começou a me faltar o ar, comecei a ficar sufocado.

fechei meus olhos, tentei guardar forças para tentar mexer minha mão em direção do Vitor mais foi inútil, desculpe Vitor, não queria te magoar, não queria que tudo acaba-se aqui.

lado C:

eles estavam morrendo, o pai do Vitor começou a gritar desesperado, e o Leonardo então nem se fale. Eu cai no chão chorando também. O doutor veio na sala com sua equipe mais eram dois para reanimar não daria para salvar apenascontinua.....

Comentários

28/11/2013 19:53:40
Tenso
20/04/2012 00:59:24
uhhhhhh adoreiiiii
19/04/2012 18:41:00
ESSES LADOA A B C CONFUNDEM UM POUCO A GENTE MAIS NO MAIS TA BOM

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


vídeo pornô com novinha com peitinho parecendo uma laranja metendo muitocasa dos contos eróticos patrão e empregadosexo expkicito gratis exibindo cacetaoirmao.ingravidando.irma.metendi.na.buseta.sem.camlsinhahistoria porno gay paguei um boquete pro anivesarianteviu a irma de fiu dentau e fucuo de pau duromulheres com shortinho curto rebolando no pau de fogueira de caçadorquero ver todos os filme que As Mulheres Ricas pegando a xoxota na cara dos homens com a imagem bem grande e g****** na boca descendo embaixo na boca delevideos novinhas fazendo sequioso e gozandoNinfetas mamando rola no cinema contoseroticosarromba meu c* que é para quando o c**** chegar em casa meu c* tá toda arrumadinha XVídeosquero bate papo com casada fogozaconto porno minha mulher foi ao cabeleireiro depilar a buceta e o cumae tarada chupa boceta de filha gravida incesto contos eroticosincesto ganhando chupada de aniversariocontos eroticos sou mulher e transei com minha sograeu quero um vídeo acaba transando com a mulher postergando ela na cama dormindo a força e ela gritando ele comendo elavídeos de biscatinha novinha brasileira gostosa safada entiada metendo c padrasto sem ninguém perceberhomens balancando as bolas pornoTeste de felisidade aparesendo opinto e a pererecacontos gay iniciadores de boys inocentes fotos gratisIncesto do cu desde pequenodominando um casalmulheres que sentem desejo sexual por cavalo zoofiliaminha nora de baby dool me exitacontos provoquei papai pauzudogay cunete otima visao pornocontos eroticos mamãe ajudou papai a tirar minhs virgindade novinhasexo entre.lutadores perdeu auta da ocuzinho pro vencedor ver pornono cuzinho da esposa do amigo q estava viajandoesposa se acanha com punheta corno sexomulher toma susto com rola bucetas moloucorno eu confessoforsei minha madrasta a fuder panterasviolentada na escola contocontos de incesto filho arma um sequestro pra mae rabudaconto erotico emprestei dinheiro a nora e ela pagou com a bucetamulheres chorando muito pedindocpra parar de botar no cupauzudo fode bucetamenorcontos de homens casados e suas escapulidascontos mamae baby doll vermelho filha sem calcinhatitia safada gozando esquirt contosfui encoxada neste carnaval 2017 contohomens com rolas veiúdas transandofotos de irmanzinhas mais novas provocando seus irmaos e levando pica durcontoprimeirafodavirei mulher na cama contos wvixxi encoxadasporno. cazano muita no vinhaworttped.diegocampos.8519xvidio confusão em família pai gosou dentro da bucetacontos eroticos cheguei casa escorrendo porra cornosmotoqueiro gay passivo contovídeos sexo gays estrupo vampiro principes dandosexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaocontos de sexo com senhores SafadãoMulher cagando na calsinhavideo pornosòmente no cuzinho da esposafui brincar com meu cao e fui enrrabada contocontos erotico minha mae insistiu eu fazer nudismolevei minha mulher ao medico pausudo e ele comeu ela na minha frentecontos eroticos titias putas sobrinhos roludosContos erotico minha filhinha mim shopou no banhoContos eróticos de sogro e noraum homem totlmente nupornodoido dia de sol chostinhos curtosContos eróticos de sogro e noraconto com foto deesposaxvideo.com esfregando o pau na buceta lizinha e com um gemidinho sexo massagem na buceta com carinhoxvideo decks ja jantar filho come a mãe e pai come a filiasexo porno meu professor foi me visita pra me da reforço,e acabou me chupandomulher novinha transando com jumento jumento emocionada com cocoxvideos incesto tia provoca garoto de. roupa transparente simplesmente nua por baixo