Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

reciclando homens

Um conto erótico de intensa
Categoria: Heterossexual
Data: 11/06/2012 22:40:45
Nota 10.00

Andava meio sem estimulo, e fiquei imaginando como ter como poderia arrumar material para novos contos, sei que tenho a imaginação um pouco fértil, mais como gosto que meus contos sejam verídicos, então resolvi colocar a cabeça para funcionar, e como funcionou, rs.

Como não sou o tipo que vou a caça, então fica mais difícil cair um gato gostoso em minha rede, acho interessante surpresa, quando a gente menos espera, ou ate mesmo convivência entre amigos.

E conversando com irmãs e amigas sobre se haviam algum ex. que elas teriam uma recaída, e depois de muito flash back, já estavam todas mais animadinhas, principalmente eu a de mente mais pervertida, resolvi então fazer uma reciclagem, já que estamos nesta onda de que tudo se aproveita, vamos aos homens também, eu tenho uma cabeça mais masculina, embora me ache muito feminina, e sempre brinco que ate meu lado masculino é gay, gosta de homem, rs.

Não pense que sou cruel ou insensível, mais eles agem da mesma forma ou pior, então porque não tirar o Maximo de proveito de cada lembrança e ver quem merece uma bela recaída, como tempo as pessoas ficam cada vez melhor, e quando você esta mal intencionado querendo dar e receber prazer o sexo fica melhor ainda.

O primeiro contemplado foi o ZÉ, por ser insistente ao extremo, venceu pelo cansaço, nós havíamos saído algumas vezes, mais nada que marcasse realmente, era mais por ele que nunca desistia, mais vamos comigo relembrar como aconteceu a primeira vez.

Estava indo para a casa da mana quando de repente ele me liga, pedindo que eu passasse na casa dele, seria coisa rapidinha, pois queria falar comigo, e era importante, e tinha que ser rápido pois a mãe nele havia dado uma saída, mais logo voltaria.

Fiquei matutando, que importância haveria de ter a mãe dele estar ou não em casa, tudo bem, concordei, pois também tinha compromisso e como seria rápido não me atrapalharia.

Somente quando lá cheguei entendi suas reais intenções, foi me beijando e arrastando para o quarto sem nem dar importância e inicio a tal conversa, me deixei levar, afinal ele já a muito tempo já rondava a presa, e esta caiu, chegando em seu quarto nem ao menos me despiu e já caiu de boca na xana com uma gula animal, e foi arrancando suas roupas, sem desgrudar a boca da fruta, sem nem tirar a calcinha, só tirando de ladinho.

Confesso, aquela língua estava muito gostosa, trabalhava com maestria, entre o medo de ser surpreendida pela mãe dele e o tezão, preferi o tezão, e me entreguei com prazer, pois adoro uma língua no grelinho me arrancando suspiros e arrepios, e quando inicia esta pratica a vitima ou premiado somente sai do meio de minhas pernas quando arranca meu gozo, que sempre vem como uma corrente elétrica dominando todo meu corpo, e como se gozasse com a alma.

Sua língua realmente sabia o que fazer, pois parecia ter vida própria, eu afagava seus cabelos enquanto ele trabalhava na xana maravilhosamente bem, eu estava adorando aquela conversa importante que ele estava tendo com meu grelinho, e eles estavam se entendendo muito bem, estava muito gostoso, ele descia ate a xana e voltava para o grelinho, passando a ponta da língua bem na pontinha causando um terremoto dentro de mim, e não havia nenhuma pressa em me fazer gozar e muito menos eu em gozar.

Esquecemos completamente de onde estávamos, e nos entregamos totalmente ao prazer, estava tão intenso aquele homem levando-me as nuvens com a língua, que não resisti e gozei entre espasmos, gemidos e ruídos gostoso, dando a ele o premio do meu mel.

Sentindo o resultado de seu empenho ele na resistiu, arrancou a calcinha e socou com gosto o cacete na encharcada xana, ela de tão molhada parecia de veludo envolvendo todo aquele cacete desconhecido, desconhecido sim, pois eu não havia sido apresentado a ele até o momento que senti invadindo minha xaninha, ele gemia e socava gostoso, dizendo que estava valendo a pena tanta espera, confesso que se soubesse de suas habilidades com língua e pau não teria enrolado tanto.

Colocou- me de quatro, mal sabendo que era minha posição preferida, posição de cadelinha é tudo de bom, ai sim gemi gostosos dando a ele vários orgasmos, ele não resistiu e brindou me com seu leite quentinho, ele exausto deixou que seu corpo relaxasse em cima do meu,antes que adormecêssemos, vesti a calcinha a única peça que ele tirou e sai antes que a mãe retornasse.

Deste dia em diante passeia evita-lo, mais de nada adiantava, pois o homem viciou em uma única dose, qualquer canto que eu ia me deparava com ele, parecia marcação, pedia que as amigas ligassem, e quando atendia, era ele, nos encontramos mais algumas vezes, ate que resolvi me afastar, não dando mais chance, mais mesmo passando alguns tempos de quando em vez estava o homem a querer reprise, eu sempre me esquivando, neste jogo de gato e rato se passarão doze anos, e ele sempre no pé, se casou e continuava na vontade de mim.

Ate que surgiu a ideia de dar vida a casos antigos, comecei a por em pratica a ideia, aceitando sua aproximação, trocamos contatos, e fui deixando que ele me seduzisse, ele dizia que se lembrava de cada transa que tivemos, eu malandrinha ia provocando cada vez mais, ele dizia em detalhes o que queria fazer, e eu adoro que faça isto, disse que desta vez não perdoaria nada, e que me transformaria em uma puta, pois eu sempre estava cheia de não me toque.

E as conversas no MSN e por telefone foram ficando cada vez mais Cali ente, eu adorando e cheia de mas intenções, pois queria um material excitante para o conto, e o tezão foi crescendo, minha mente viajava com tanta sacanagem gostosa, nos não tínhamos uma química gostosa, era por pura sacanagem e insistência, mais deixei rolar, e marcamos o encontro, eu me preparei para deixar qualquer pudor reserva e frescura de lado, queria realmente dar –lhe a merecida foda que ele estava querendo, afinal era um tezão guardado a doze anos, ele estava ansioso para tirar o atraso.

Marcamos logo pela manha, sem pressa nenhuma, chegando ao encontro já foi logo tascando um beijo de tirar o fôlego, arrancou suas roupas sem desgrudar um segundo, seu beijo era quente e envolvente, mais eu não estava querendo preliminar, estava louca pelo prato principal, e como os beijos já havia preparado o terreno, ficou mais fácil e excitante.

Penetrou aquele cacete cabeçudo bem devagar, sentindo cada pedacinho da xaninha, foi entrando suavemente, dizia que ela estava úmida e quentinha, que neste tempo todo não havia se esquecido de como eu era gostosa, passou a socar fundo e gostoso, eu pedi que me comesse de quatro, ele atendeu meu pedido, me colocou na posição desejada e socou bem gostoso.

Enquanto socava sussurrava em meu ouvido tudo que iria fazer, isto me deixava louca, ele sabia disto, e tirava todo o proveito da situação, dizia que hoje teria tudo que sempre sonhou e eu recusava, beijava meu pescoço, socava gostoso na xana enquanto alisava meus seios, eu gozava gostoso, aquela foda realmente estava excitante demais, eu rebolava gostoso, e a cada rebolada mais excitada eu ficava, ansiando pelo que viria.

Sussurrando que havia chegado a hora, ele esticou o braço e pegou o milagroso gel, que fica sempre a mão, bem providencial, senti que ele estava cumprindo todas as promessas, retirou o pau da xana, deu uma lambida gostosa no cusinho, senti um arrepio dominar o corpo todo, imaginando como seria receber aquele grosso calibre no cusinho.

Não sei o que era maior medo ou excitação, mais ele acariciando enquanto passava o gel foi mexendo com toda minha imaginação, fui arrebitando gostoso a bunda a espera do premio, e ele veio, posicionou aquela grossa cabeça, e foi entrando invadindo meu cusinho, o misto de dor e prazer, e a dor foi sendo amenizada com os carinhos no grelinho.

Como adoro ser tocada enquanto sou invadida e possuída no sexo anal, e fico louca, me transformo, ai que o pau entra gostoso, os beijos na nuca completa tudo, e nesta situação ele ficou louco e surpreso, disse que estava sendo muito melhor do que ele imaginava, que eu era a puta que ele sempre sonhou, eu estava me sentindo a própria, e dando a ele o que sempre pediu.

Sentia entorpecida, o corpo arrepiava gostoso, ele socava cada vez mais gostosos, não resistiu e gozou gostoso, gemendo como um animal se saciando, não resisti aquele uivo animal e acompanhei o naquele gozo maravilhoso.

Adormecemos ainda grudadinho um ao outro como dois cachorros vira-lata.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
12/06/2012 13:25:42
Safada gostosa. Quero uma putinha assim como vc para mim...




Online porn video at mobile phone


contos eroticos fui xingada e humilhada e violentada por velhos taradosgay sexo no meio do mato novinho transando com 5 homens no Mato levando pica no c* no mato na favela e Leo apartamento pela primeira vez na beira do maresposa crente novinha gostosa e o segurança do predio roludo contos eroticoscontos eroticos uma doce de cunhadavidioporno coroa branca buceta bem arbetaconto comi uma eguajapones enchendo cu da japinha dr liquido xvideotva bucetavideos porno negao so os tapas estralandoincesto tia e sobrinho ela tenta resisti mad acaba sedendo a buxetinha porno videosas coroa que fumo um maço de cigarro pornôpornocontoincestoscibele bucetonacontos eroticos tentei fugir mas fui estupradamundobicha.com brasil academicoscontos eróticos estava dormindo com meu marido e encerro minha buceta de porra. shortinho fino sem calcinha da sogra contosporno antigo menina foge de casa por causa do padrasto taradoNem respondi e fui metendo naquela bucetinha encharcada, até sentir meu pau tocar o fundo, quando ela soltou um gemido alto e gostoso.meu aluno cacetudo contoscontos emprestei minha irma por cem reais pra um taradobelo sexo dormindo de conchinha com a titiaporno levei um amigo pra minha casa ele ficava elacontos erotikos menina novinha troca os cabacos por docesfotos menina de 15anoa mostrando agozada na busetacontos de sexo depilando a sograhotmail muletodaxvideos. buçetá de eguapornor doido homem batendo poletanovinha de sainha sem calsinha perverssatransei com minha irmairma normalista - contos eróticosconto gay machoeu emcaixando o pinto do amante na minha irma gostozaConto erotico estou louca pela picona do meu cunhadopadrasto e intendenda gostosowww.negao metie na velha porno.comporno vai fechar a janela fica prezarcunhada ajuelha na frente do cunhado e engole rolaconto erotico chantageando filha prostitutapapai da pica grossa tirou meu cabacinho e eu gozei gostosogostosas chupando barman na festaFiz sexo com meu profeasestrupo de vuneravel pornoconcha do gozando na boca do cunhado gaybucetamelecacontos eróticos os melhores eu e minha esposa recebemos uma visita de um casal de idadegueixa mijonavendo minha esposa se esfregar noutro macho no forro contos pornoconto erotico com crenteconto erotico novinho safado 05,03,2017pequeninhacontoscontos eróticos meu maridoviado corno na zoofiliaquero ver vídeo pornô de novinha sendo estrupada na noite passada passada amor comigo a noitecontos eróticos com esposa pedindo pra apanhar e mijar nelacurrado na borracharia de beira de estrada conto erótico gaycontos dormindo com meu padrasto picudocontos lesbicos e penitencia no conventocarolzinha baixinha gostoza trepanocunhadacontoeroticoquero ler histórias e conto de homem casado que deu o c* pela primeira vez o c****** vídeo para travesti do pau gigante chorou rebentou em conta se dói ou nãocontos eroticos meu padastro tirou meu cabacinho e alem de fuder minha bucetinha novinha agora ele tambem fode o cuzinho do meu irmaozinho bem novonhosamara tirando a virgindade da bucetanegao bagaca branquinho xxvideosnovinhas brazileira tesuda pediu pro macho todado soca ate o talo ela por cima pra levantar mesmo taradamobile zoofilia com cachora femiavi minlha irma crenye no banlhero porrno safadocontos meu primo gordinho foi dormir comigo e comi o cuzinho delefotos decasadinhas boqueteiras do corninhoContos eroticos sou uma puta enguloFOTOS DE FODA RIJA NEGRAO BIGfotos cazeira bucetas escapando pelo vestidoxvideos loira cabelereira tesuda de mini saia cortando meu cabelo pau duroContos eroticos.Sou casada provoquei um velho cacetudoeu quero só o gostosão moreno fortão docontis eroticos incesto faxina em familiaPutaria brasileira puta da a a fortãocontos eróticos esposa foi e*******' no comício do político e denovinha magrinha mija na pica grandeMACIEIRA SEXO PORNOporno.com negao levanta a saia da gostosa casada enfia até o saco surpresa pra o corninhoxvidio no binha petdeno ocabadoXVídeos mulher dormindo XVídeos mulher dormindo caindo no fornogravidas com picudos/contos atuaisgozou na bunda da irma lavano loucacontos de maridos q gostam d ser corno e levam pirocudos pra comerem sua mulher em ksacontos eroticos entre jovens irmaos gemeos"padre não é homem"video de mulhe rebolhadoconto gemo muito ai ai dando cu para outro na frente do meu corno ele fica com tesaõmae estrupa filho goza pau brasileiroamigas segurando a amiga pa ser estrupada na despedida de solteiraensopando o cuzinho com gelChico não posta foto dela desce em pornô com As Panteras filme pornô com As Panteras 10casa dos contos zoofilia com viralatascontos erotico dei o meu cu a forca pro pedreiro caralhudoAutor do padre. Não é. Homem contos. Eróticos