Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Numa Ilha deserta (parte 1)

Autor: DAMAdaNOITE
Categoria: Sadomasoquismo
Data: 27/09/2012 12:11:50
Última revisão: 31/07/2014 17:48:01
Nota 9.00
Ler comentários (5) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá! tudo bem com você?

Acredito que a melhor forma de começar uma história é pelo começo...

Pelo que me lembro, estava entediada e resolvi sair para caminhar... Estava uma noite realmente linda, o céu estrelado, com uma grande lua no centro. Parecia desenhado.

Eu caminhava distraidamente pela cidade, sem pensar em nada... Nem sei o que me acertou, só senti a dor lancinante em minha nuca e ficou tudo escuro.

Quando acordei continuava tudo escuro. Uma terrível dor na cabeça. Sentia muito frio. Comecei a tatear e percebi que estava completamente nua. Senti um peso em minha cabeça e notei que estava com uma espécie de máscara. Algo metálico que me vendava os olhos e cobria a boca. Não podia ver, nem conseguia falar. Estava tonta e atordoada, onde eu estava? Quem estava lá? Porque estavam fazendo isso?

Fiquei muito tempo ali, ninguém apareceu, nem um som, já estava entrando em desespero quando ouvi sons... Pareciam 2 ou 3 homens conversando. Uma porta metálica si abriu... Pelo som parecia muito pesada. Meu corpo estremeceu... Senti algo me puxando pela mascara... Era tão forte ou eu estava tão fraca. Estava naquela situação pareciam dias. Sem comer nem beber... Que não consegui resistir.

-Você só tem estas?

-Sim, semana que vem posso tentar arrumar outra.

Deixe-me ver está.

Um puxão mais forte, andei cambaleante em direção ao tranco

-Deixe-me examina-la?

Suas mãos começaram a percorrer meu corpo, tentei lutar, fugir... Mas um murro acertou direto em meu estomago, meu corpo se encurvou, cai ajoelhada, nua, cega, fraca e indefesa.

-Levante-se.

Sua voz era firme, grossa, porém suave... sua mão delicada segurou as minhas com carinho e levantou-me. Seu exame continuou. As mesmas mãos continuaram a percorrer meu copo, ao fim do minucioso exame.

-Quero ver sua vagina, coloque-a na mesa.

Novamente fui puxada e arrastada, sem ver estava perdida não sabia para onde ia, onde pisava, fui virada após alguns passos... meu bumbum tocou em algo gelado

-Sobe.

Desajeitada e com medo tentei, mas não conseguia, mãos suaves me auxiliaram. Deitei e minhas pernas foram presas a 'braços' percebi que estava numa mesa ginecológica. Como a cabeça estava mais baixa que o corpo começou a sufocar. Tenho asma e já estava há tempos sem o remédio. As mãos delicadas começaram novamente a percorrer meu corpo, apertaram com força meus seios que a essa altura já estavam entumecidos. Por fim ele chegou a minha vagina, passou os dedos. Aproximou-se de meus ouvidos e sua voz suave a sussurrar:

-Você gozou desgraçada... tá gostando.

Verdade apesar do medo da sensação de sufocamento, eu estava deverás excitada, nunca tinha tido sensação igual, meu corpo todo tremia, um arrepio percorria minha espinha. O exame prosseguiu... E novamente a voz:

-Interessante, ela deve estar com quase 30 e ainda é virgem. Como pode?

Verdade eu tinha 37 anos, mas não era realmente virgem tenho uma coisa chamada hímen complascente, ele si rompe e depois volta à virgindade. Sou tipo uma eterna virgem... De repente senti seu dedo entrando com toda força no meu anus, inclinei a cabeça para traz de dor... E parou, fiquei ali deitada sendo observada, sem saber por quem, nem por quantos. Indefesa, e por incrível que pareça querendo mais daquelas mãos percorrendo meu corpo.

-Vou leva-la, o preço é o combinado?

-Isto mesmo. Deseja mais alguma?

-Não. Por enquanto esta vai bastar.

E dirigindo-se a mim:

-Você é minha agora, farei o que eu quiser com você... Se eu tirar sua mordaça promete que não vai gritar? Não quero ouvir um único som vindo de sua bocava entendeu?

Louca para me livrar daquele tormento fiz que sim com a cabeça. E os ferros que penetravam em minha boca quase chegando a minha garganta foram removidos. Senti um alivio incrível. Com medo não proferi nem um único som... Fiquei ali imóvel e em silêncio, ouvindo:

-Dê-lhe de comer e beber limpe-a e me entregue ainda hoje.

Os homens se retiraram... Fiquei ali um tempo, parada, cega, nua, em pé... Novamente alguém entrou

-Não vou falar nada 2 vezes, vou te preparar para entregar a seu novo dono, voce agora pertence a ele, ESCRAVA.

Ao ouvir aquela palavra um nó apossou-se de minha garganta... Ouvi o som de uma máquina, e um jato poderoso de água começou a me atingir tentei me esquivar, mas o jato de água gelada me atingia de todos os lados. Meu corpo todo doía parecia estar em carne viva... Foi-me jogada uma toalha comecei a me secar e tentar me cobrir para me aquecer, mas a toalha foi arrancada de minhas mãos. Pegaram meus braços com brutalidade forçando-os para traz, resisti e algo me atingiu, parecia uma cinta, mas muito mais fina, senti a pele de minhas coxas cortarem a dor foi alucinante...

-Eu disse que não falo 2 vezes, ponha as mãos para traz.

E fui algemada, ele saiu e depois de um tempo voltou, jogou algo no chão

-Coma, e coma tudo.

Aterrorizada e faminta me ajoelhei e comecei a comer como uma cadela lambendo o chão, de repente senti uma agulha penetrar em minhas navegas, me ergui como que num pulo, e a dor piorou, senti-me tonta e desmaiei...

Comentários

30/09/2012 21:04:10
30/09/2012 21:04:07
Ache q isso nao e real
29/09/2012 19:39:38
Continue a série, estou curioso.
27/09/2012 16:27:41
Achei meio confuso!
27/09/2012 14:26:36
mtu bom…

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


quero pesquisar filmes pornor com negros super dotados arregassando cu e bucetas de mulheres loiras tirando sangue do cursinho delasContos erroticos pai brinca de casinha com filha e acaba fodedomundobicha.com brasil academicossexo entre.lutadores perdeu auta da ocuzinho pro vencedor ver pornoincesto com meu vô contosvideo porno atentano a namorada corno escondidoConto erotico gay mão bobacontos eroticos menino esfolo minha esposaporno novinha foi cariciada na escola contosso vidio maquinasexivideo porno papai italiano comendo a filhinha italianinhaconto fudi minha sobrinha de onze nos gostosapapai e maninho me fuderao com seus pauzaos contosb******** cabeluda gemendo e chorandopadrasto enteada falei de sexo brasileiroconto fudi minha sobrinha de onze nos gostosacontos de crentes caretesvideo porno com Malumandeconto cumendo irmao de pau cabecudo irma. virgemhistória e foto de tia gostosa que gosta de fazer macarrão com sobrinho novinho e g****** na mão delaSexo on-line aclimação menagesafadezas com meu cunhadinhoxvideo.bucetaoassitirfilhas ve paes trazando e entra na putariacrossdresser saindo montadamullheres fodem tarado apulso como vingancacasa precizando de cazeirocarlos chupando uma buceta com muito prazervídeo porno da tia gostosa dando pra sobrinha saida agua do olhoseminarista transa colega de quartovai novinhas so grelao shortinho enterrado na bucetax negona budona lascadaporno moçambicano putas gemendo e falando coisas escitantes.incesto tia e sobrinho ela tenta resisti mad acaba sedendo a buxetinha porno videosfrango a mulher assistindo vídeo pornô na televisão com o cunhadoflaguei meu irmao comendo minha mae e entrei na festanovinha de sainha sem calsinha perverssaSocorro me apaixonei pelo meu filho sexo incesto videoscontos minha esposa agazalhou um pal enorme no raboas gordinha r***** dando o vaqueiro na Fazendasexo porno fui no meu ginecologista ao abri a perna ele me chupou todinha deliciaarrobadapoumponecontos primeiro menage rolou ate dpXVídeos mulher lavada novinha em cima de uma pomba de gritando ai ai tá doendo meu c*boafodasanguecontos lesbicos com buceta greluda encaixada na outra at gozar gostosoencocho a irmanzinhaAE cristal de futibol Amador de Cristalinaconto erotico estuprei minha esposa obriga nossa empregada a fazer sexo comigocontos de scatcontos eróticos o dedinho da urologistafodie cusao da minha irma incesto brasil cem camisinha pornocontos paimete so no cuZinho da filha de quatro anos a menina gritou muito de dorXVídeos vídeo nacional e caseiro mulher dormindo sendo acariciada por saisconto erotico sendo chupada enquanto ler livro pornovideo porno lanbidas na boceta noivas e incestopornodoidocoroa deitad na cama so de calcihaanita mulher do corno do maranhaodominadora scat merda bostaconto erotico viado novinho vira escravo do coroa dominadorbuceta fui abusado quando era adolecente, nao saou gay, mas me ecxito com porno gayPage coletanea de video coroas masturbando gozando escorrendo melzinho galavideos caseiros de estrupos de vuneravrlsexo porno eu tava sozinha e meu padrasto foi ate o quarto passa a lingua na minha xereca e ainda jogou toda porra dentromenina+bem+novinha+nua+dadi+seu+cu+vigi+para+padtastoanal maduras criadas viuvasasisti filme de porno de graca e sem se escreververvideo de incesto nisseivideo de sexo narido xifrado com a comlhada escolaGosto gozen calcinhazoofilia no Congo pesadaCapítulo 2 segunda temporada contos erótico sempre te quis