Casa dos Contos Eróticos

Click to this video!

Fudendo a Pastora na Igreja!

Autor: Rob
Categoria: Heterossexual
Data: 13/11/2012 11:08:15
Nota 9.21
Ler comentários (8) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

(Continuação de 'Fudendo a Pastora')

Enquanto nos banhávamos, toquei seu cuzinho com os dedos, ela logo choramingou disse que não, que ali era virgem, que não podia, se desesperou! Disse que tudo bem, mais que na próxima vez que quisesse teria de liberar o botãozinho. Ela meio temerosa aceitou.

Quinta feira- 17 horas.

Estou retornando para casa do trabalho e meu celular toca, a pastora devassa me liga. Sem fazer mistério, logo me pergunta se posso encontrá-la. Quando disse que sim, me surpreendi com o local indicado por ela: A igreja!

Pela sua voz tinha imaginado que o encontro era para mais uma seção de putaria. Mas pelo local, achei que não era esse o assunto, mais a ideia de que ela morava próxima dali me animou. Ao chegar me surpreendi e vi que a igreja estava ainda fechada e que só ela estava ali na porta me esperando. Ela logo me puxou para dentro, trancando a porta. Sem me dar tempo de dizer nada, me deu um longo e delicioso beijo, minhas mãos logo passaram a passear pelo seu corpo enquanto minha língua invadia, suave porém intensamente sua boca. Ao fim daquele beijo, ela me diz vamos para a minha sala. Ficava no segundo andar, na subida da escada pelos fundos eu já dava tapas em sua bunda. E fazia o que eu aprendi que deixava ela louca. Chamava-a de piranha. “Quer dar na igreja, sua piranha? Me chamou aqui pra te comer?” Ela olhava para atrás, ria e mordia os lábios. Entramos em sua sala.

Ela me mandou esperar na porta, virou-se de costas para mim. E se aproximou da mesa, apoiou os ombros sobre a mesma empinando aquele lindo rabo. Levantou a saia me mostrando sua calcinha vermelha de renda. Eu ri, meu tesão já estava a flor da pele, louco para a atacar, mas fiquei no jogo. Ela ainda olhando para mim tirou a sua saia social, deixando a cair, com o salto jogou sua saia próxima a mim. Virou-se de frente, Tirou também o blazer. Estava ali deliciosa, com aquele lingerie vermelha. Colocou a mão na buceta a acariciou e me chamou.

Se a sua intenção era me deixar louco, ela já tinha conseguido. Tirei minha camisa, e o cinto, cheguei próximo a ela, e a beijei intensamente, minhas mãos passeavam por suas coxas grossas e sua bunda dura, a apertava, ela segurou em meus cabelo fazendo descer, perdeu o sutiã, cai de boca, mamei nos seus seios feito um bezerro, oras mordiscava o mamilo, lambia auréola toda, enquanto minha boca trabalhava, minha mão esfregava sua buceta, pelo lado da calcinha, ela me empurrou mandando eu tirar a roupa, tirou a calcinha rapidamente, me implorou para fudê-la, cheguei bem perto de fazer, roçando a cabeça bem na sua entrada, mas era minha vez de torturar. A segurei pelo cabelo levando-a até o chão, sob forte reclamação – “Me fode logo, porra!” – Não liguei, esfreguei o pau em sua cara e a ordenei que chupasse, ela apertou meu pau quase que com raiva e mamou alucinadamente. Logo eu que não aguentava mais, encostei sua bunda na mesa e estoquei todo pau até o talo, em um só golpe, sua buceta estava molhada e quente. Quanto mais rápido eu fudia mais ela gritava meu ritmo estava acelerado demais a mesa balançava muito, então sentei na cadeira, ela entendeu e montou, como uma amazona, a pastora tava ali entregue ao tesão mais uma vez, entre gemidos ela disse. “Sem sempre tive vontade de transar na igreja, aah aah agora too fazeendo.”

Sai da cadeira ela me questionou. Disse: “Vamos para igreja então” Ela se espantou, “não lá não”! ’’ Não liguei a segurei pela mão, ela tentou me convencer que era loucura, a jóquei na parte mais alta,próxima ao altar e voltei rapidamente a comer aquela buceta molhada, ela gemeu gozando, acelerei para gozar também, tirei rapidamente e forcei a cabeça em seu cu, espalhando porra por todo ele.A lembrei : “Promessa é dívida.” Sem parar, continuei a forçar ela só gemia. Meu pau, duro feito rocha, não parecia nem de longe que acabara de gozar, talvez fosse o tesão de comer aquele cu de mulher experiente, porém virgem. Pouco a pouco fui forçando a entrada ate minhas bolas baterem em seu corpo.

Não precisei falar ou começar a me mexer, ela logo, passou a rebolar em minha pica, um rebolado delicioso que apertava muito meu pau, eu tinha dificuldade pra meter, mais suas reboladas, logo foram tornando mais fácil, seu cu foi se dilatando e eu livre pra meter. Segurei em seus seios enquanto a enrabava. Após um tempo, a coloquei de quatro, ainda estava apertado, quando saia era difícil entrar. Mas isso não tirou o meu tesão só aumentou, acelerei, meu pau latejava e seu cu, coloquei a mão em seu grelo e me surpreendi, ela tinha acabado de gozar e logo gozou de novo. Aumentei querendo gozar também, ela disse que não. Queria montar. E Fez muito bem por sinal, rebolou, sentou, quicou. De frente pra mim e de costas. Enquanto ela fazia sua performance, eu a masturbava o tempo inteiro, ela sentindo que ia gozar acelerou, subiu e desceu freneticamente, gozou em meus dedos e eu gozei em seu cu, ficamos parados até minha pica sair sozinha de seu rabão.

Ao relaxar ela olhos a hora e se desesperou pois logo uma das irmãs iria chegar, ela pegou um esfregão e ainda nua limpou o local onde transamos, repetindo o quanto era louca de fazer aquilo. E eu sempre a corrigindo dizendo que era piranha, cachorra, vagabunda em fazer aquilo, o que a fazia cair em gargalhadas.

Esse dia, ela me liberou do culto...

Espero que tenham gostado do conto. Comentem!

Comentários

22/07/2015 11:20:52
sou louco pra comer uma tia minha que é missionária, nota 10
10/06/2015 01:41:49
Muito bom seu conto, adorei, como gostaria de encontrar uma pastora assim...
17/11/2012 18:58:07
Parabens, http://drmenage.blogspot.com.br/
13/11/2012 22:00:55
boa!!!!
13/11/2012 15:28:15
13/11/2012 15:28:12
Boa piada, enterro!
13/11/2012 14:47:30
Igreja interessante, acho que eu poderia fazer parte dela rsrs.
13/11/2012 13:27:19
Cuidado com essa puta ti leva pro inferno pq igreja e sagrado para deus . So tem duas coisas que leva o homen pro inferno diabo e a mulher

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.




Online porn video at mobile phone


conto comi uma egua50 tons de gizpornodoido comendo aminha madrasta emcanto eladormirmae japonesa leva servisal para as conpras negao pega no cassete dele e fodepornopaumostrobumda grande fodendo caindo com perdas bambaconto erotico boa noite cinderelacorto eroticosminha esposa gosta de trasa com vaquerogrelao entrando contoscomo daesem doer a bucetaxvideos sotados machucando velhas covardiaconto erotico pau pequenoFotos de mocinha empinando o cu para o negao de pau mandigoconto eróticos de minha namorada deixa sua calcinha xeia de sebo na pia do banheiroEu e minha mãe no ônibus de excursão-contos-incesto-filho e mãe-incesto no onibusxvideo do cunhado pecado a cunhadinha a fosa gozado dretro da boceta delauma foda com a professora100 foto de mulher em fiado a mao na bucetacontos eroticos de caminhoneiros fudendo homens em posto de combustiveiscontos mulheres cinquentona nao aguenta pau com super cabecaminha mulher resolveu comer meu cuvídeo pornô caseiro mulher voltado foi traído e dá o troco e ele transa camisinha se faz para colocar no coloca em quando vê tudo e ela deixa como comer essa p*** para o c**** vem sem camisinhadei o cuzinho meladinho contoscorno sendo humilhado lambendo direitinho buceta cheia de gozofilmes pornodoido dbsm com uma branquinha doida para ver o pau do negrao entrarprocuro. velho sadio amigo pauzidos gostoso so meuwww.contos deixei titio chupar minha bucetinha na minha infânciaCármen e a patroa contos eróticoscache:I20bmnqm678J:gtavicity.ru/texto/2016115 contos de incesto cumadrecomendo sogra encuanto dorme porno loiramagrinha chego trme na picaggpai a morosa w filha adorada porno doidocoroas. de shortinho mostrando os. beicinhos. da chanasou casada o meu cunhada me estorou a bucetinha contosContos eróticos de incesto mamae gulosa mamando no pauzaos dos seus filhos e de mais cinco negao em um gang bangcache:ldh9BdSAKNMJ:gtavicity.ru/texto/201703301 x vde porno rebolando de calca no pinto duro oropornô em Carmo da Cachoeira na ruanao era pra enfiar no meu cuzinho virgemguia de como fuder cadelasmaridinho chupou minha bucetamulher sadica conto eroticosexo suor e gemidostem muito casal que que quer gozados obedeçam e depois eles acabam se entendendoconto titiocomeu meu cu no natalprocuro. velho sadio amigo pauzidos gostoso so meuconto erotico novinho safado 05,03,2017vídeos porno caseros esposinha fazendo suruba com 3hommeu namorado quer fazer sexo comigo menstruada conto eroticoDescabacei a buceta da minha prima no hotel conto erotico de primo e prima cabaço no hotelvideo porno irmao tarado meteu na irma sem camisinha acabou ingravidando elacontos peguei a negrinha que gritava chingava e mandava emprurrar ate o talovideos de sexo, lambeçao de barrigacontos eroticos meu cachorrinhocontos de casada na piranhagemrelatos selvagens de zoofilia com cachorrocontos eroticos sou viciado num cuzinho de machocasada coroa video fotocorno secretoamor sexo sem penetrarxvidio veio chupando peito da novilnhacache:rw4Jl7xcm9QJ:https://zdorovsreda.ru/tema/pezinho video pornor espetacular com mulheres ki sao loucas por homem de pica gigantedoce nanda parte cinco contos eroticosvideospornobrasileiroscom famíliaColetania de foto de buceta peluda por baixo da saia.porno pai brincando de fazer cocegas na filhavideos longo/penis monstro negros gosando dentro do cu do viadinho branquinhoo gay mundo bichacontos de novinhas iniciada na webxivideo homem cumendo veacontos incesto mae gtscomadre milhadinha dando pra ocumpadre pornoporno secretaria aser estupprada no escritorio e gozada dentro da vagina sem ela quererZoofilia caes encangados em mulheresxvideo professora lecionando de shortinho atolado no cuver mulher gritando de tesão saindo gosminha do grilo da sua buceta grandexvidio confio no amigocasa dos contos dei meu cu e meu xoxotao inchado por rola sou putona taradacotos eróticos patrao pau de asusta berei chorei griteifamilia suruba tufosincesto amador no surdãoContos eroticos incestos a forca netinhassmigre.me/w4IgE