Casa dos Contos Eróticos


Click to this video!

Meu Primeiro Amor. 2 Temp. Parte 25

Um conto erótico de Bruno Del Vecchio
Categoria: Homossexual
Data: 28/06/2013 08:03:34
Nota 10.00

Olá meu Povo! Aqui está mai uma Parte espero que estejam gostando. Se ler comente!

- Sabe Breno eu andei pensanso e concordo com você.

- Concorda em quê?

- Que devemos ficar sem nos envolver por algum tempo.

- Amém! Pelo menos uma atitude sensata.

- Não faz nem um mês que nossos pais morreram. E também nós saímos de um relacionamento não muito agradável.

- Na verdade nossos pai não morreram eles foram assassinados por aqueles desgraçados.

- Que seja! Agora que me lembrei. A gente tem muita coisa pra fazer.

- Tipo o quê?

- Pegar todas as roupas do meu pai e da minha mãe e os do seu pai e da sua mãe e quem sabe vender tudinho para um brecho.

- Pelo menos nos rende um graninha.

- Isso mesmo, os móveis eu vou colocar a venda as únicas coisas que não vou pôr a venda é os eletros domesticos e os eletros eletrônicos.

- Eu também, apesar de que temos que vender tudo isso logo, que é pra quando formos morar na nossa nova casa já termos vendido tudo isso.

- Então meu querido mãos a obra.

Os dois levantaram e foram para o quarto do Seu Alberto e da Dona Ana.

- Pegaram tudo o que era deles e colocaram dentro de umas caixas de papelão.

- Pronto aqui já terminamos! - Falou Breno se sentando na cama.

- Agora precisamos ir para a sua casa e encaixotar tudo o que for para vender.

- Tá bom agora deixa eu descansar mais um pouquinho.

- Descansar? Bora levanta se não esse seu descansar acaba virando em soneca e depois já está roncando.

- Ai Bruno como tu é chato!

- Chato uma pinóia! Bora! Anda que daqui a pouco já está escuro.

- Meu querido ainda são 15:00 horas.

- Mesmo assim! Vai Breno levanta!

- Tá bom!

Breno levantou e foi ajudar Bruno.

- Olha pega essa caixas de papelão.

- Tá Bom! - Falou Breno com uma preguiça.

Os dois pegaram o carro e foram até a casa de Breno.

- Por onde começamos? - Perguntou Breno.

- Pelo quarto! Vamos pegar tudo o que são deles e colocar dentro da caixa, depois vamos levar essa caixa lá pra casa, pois tem um brecho e um lojinha de compra e venda de móveis usados.

- Que bom!

Os dois faram para o quarto e encaixotaram tudo o que era para encaixotar.

- Pronto Bruno, já terminamos.

- Amém! Agora quem vai descansar sou eu!

- Nada disso, se eu não pude, você também não pode.

- Ta bom, você tem razão. Deixa só eu ver essa gaveta o que é que tem.

Quando Bruno abriu dentro tinha uma caixa menor que a gaveta um pouquinho.

- Eu não sabia da existência disso asi não!

- O que será isso hein Breno.

- Só vamos saber se abrirmos.

- Então abre!

Bruno abriu a caixa e se surpreendeu com o que tinha lá dentro.

- Meu Deus! Eu não sabia que a tia Rosa era tão safada assim.

- Que isso Bruno respeite a minha mãe.

- Respeitar eu respeito agora eu fiquei surpreso com o conteudo dessa caixa.

- E o que é que tem dentro dessa caixa? Deixa eu ver.

- Claro esteja a vontade.

Quando Breno viu ele ficou chocado, nunca passou pela sua cabeça que a sua mãe guardava aquilo e que ela tinha aquele artefatos.

- A sua mãe hein Breno! Aposto que o Tio geraldo adorava.

- Respeita os falecidos Bruno.

- E quem disse que eu estou desrespeitando? Apesar de que eu acho que eles adoravam usar isso.

- Tá bom Bruno, guarda isso daí.

- Guardar o quê? Eu vou levar isso lá pra casa.

- Você é doido de levar isso!

- Deixar aqui é que eu não vou. Se esqueceu de que vamos vender os móveis, ou você quer que na venda dos móveis isso vá incluso que é para a vizinhança ficar falando que sua mãe e seu pai tinham esse arsenal de... - Foi interrompido por Breno.

- Nem fale o nome disso ai.

- Tá bom eu até já fechei. Agora vem me ajudar a levar tudo isso pro carro.

- Tá certo.

Casa de César

- Que Bom que você chegou.

- Vou logo avisando o meu preço. 30 minutos é 50 reais um Hora é 100 reais isso só para comer, para chupar e lamber tem um custo adicional de 40 reais e para me comer é um custo de 150 reais.

- O quê? Assim você quer é me assaltar. Passa fora daqui eu não quero mais nada seu, seu explorador. - Falou César

- Ôh tio, se estais achando que vai conseguir um garoto de programa que faça tudo o que o senhor quer por menos de 100 reais, vá perdendo as esperanças, pois os miches agora estão se valorizando e para manter esse corpinho aqui tem que ter dinheiro.

- Mesmo assim, passa fora.

O cara foi embora e ele fechou a porta.

- Que cara mais folgado.

Casa de Breno

- Breno eu tive aqui pensando, se sua mãe tem aquilo tudo, então eu acho que eles não precisavam ir para uma nova lua de mel.

- Bruno já chega! Vamos logo colocar isso dentro do carro e vê logo se essa mulher dona do Brecho compra isso tudo.

- Claro que ela compra, aquilo ali é cheia da grana.

- Então vamos logo.

Os dois colocaram dentro do carro as caixas e seguiram para a casa de Bruno.

Continua...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
28/06/2013 15:19:18
Hahaha eu queria saber o q eles acharam
28/06/2013 10:49:56
Ótimo!
28/06/2013 08:26:25
Adorando,continua logo. Ate o proximo




Online porn video at mobile phone


contos gay limpar a casaconto gay "macho entendeu"grelinho branquinho dessa buceta virgem deliciacontos eroticos traindo na enchenteCoroas louco por sexo tique roludoquiz da a bucetinha com 10 aninhos pra mim com 51 anos meti com vontade contoszelador comeu minha mulher nA minha frenteContas de incesto mãe tarada descabacando filho a força com fotoContos eroticos gay o engraxatepregas do cuzin virgenaprendendo a ser puta no tapa/contos paguei pra esposa do caseiro pra eu deflorar a filha do caseiro conto eroticoqual a função de um corno manso assumidonovinha louca pra mamar um cacete do coroa bebadocontos sexo pecado incestuosocarne conto heteroContos eroticos de mulheres de manausprofessora para niguei botar defeito tao gostoza pelada linda buceta greludafilme casal insurportavel pornodoidonovinha engole pau do paulaoPrimeira vez q dei o cu vestido de travestpornô doido corno Deixou o cara comer sua esposa e seu cuzinho na sequênciamolequeputocontos eroticos de jovem transando menstruadas com o professorcontos eroticos me comeram a forçaO verdadeiro marido Corno . . . Simplemente adora lamber o clitoris da esposa . . . Enquanto o amante dela enche sua buceta de PorraMais carentes enrabadas por filhofudendo uma putaconto eroticoPrefeito Sandy crentinha s***** metendomeu tio comeu minha bucetinha virgem parte 2 contos eroticospornocontoincestoAonde tu não me debruço no tapete XVídeoscontos eroticos opostos que se atraemsexo novinha inocente fez contrato mais nao sabia que ia transar com um pirocudo e fica assustadaconto erotico viado afeminado chora na piroca do negao dominadorporno gey peando priminho pre. adolesente e jovem tanbem xvidioscontos de sexo depilando a sograMeu primo caralhudo fodeu os meus cabacinhosconto gay virei namorado do tio viuvopassou a mão na rola do padrastodormindoseio exitadovideos provocado meu cunhado do pau grande setei em cimacontos sinhozinho mamou meu grelinhofilme porno home nergro sorca vara na imtiadaporno virge mentiu ter ido pra escola pra mae acabou comendo sua irmaconto erótico eu minha esposa na cachoeirasexocazeiro onibomulheres que nao aguentaram dar o rabo pra homens bem dotadosMinha esposa perdeu a virgindade do cuzinho com 2 negros picudos contos e relatos eroticoscontos eroticos coroa casada rica leva de presente para sua amiga coroa casada um pau enorme de borrachahomem goando muito na buca do viado mundo bichamulher trasando cem saber com oltrofamilia sacana tufosO dia q virei cdzinhaclitoris vantajosospono 2017perdendo a virgimdademenininhas nem tem pentelhinho na buçetinha ja sendo penetradascomi a mae com a pereteca raspadinhaTonhão transa com sua cadelaXsvideos timida depilando o super dotadomenina fudedo com xortiu de dormiincesto pai bota filha pequena no colo e ficar bolinando elaContos encontrei minha filha no puteiroxvideos mulher com manchinha no rosto chupandocontos eroricos minha filhae enlouqueceas coroas do rodeio no xividiovídeo pornô mulher que faz a outra gozar e da Paz e líquido saindopeguei a novinha magrinha porquê ela insistiumarcelo strause aguilarincesto com meu vô contosxvidio:fodanaconstrucaopornor doido batendo poleta na varanda homemincesto pai filha eroticos peludo bigode contoscontos eróticos fui da o cu e cagueibucetao contoscontos eroticos colega negão estuprando o novinho gaypornocontoincestos